Europa economia, população e contexto histórico

8.656 visualizações

Publicada em

Slides da aula de geografia geral sobre agricultura pecuária e industrialização da Europa

Publicada em: Educação
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
8.656
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
395
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Europa economia, população e contexto histórico

  1. 1. EUROPA: POPULAÇÃO, ECONOMIA E CONTEXTO HISTÓRICO Professor: Herbert Galeno Blog: herbertgaleno.blogspot.com.br
  2. 2. Estrutura da população europeia  Sempre que se estuda uma população, é preciso saber que ela é dinâmica e está em constante movimento. Esse movimento não ocorre apenas no contexto da mobilidade horizontal (migrações), mas também no contexto vertical (crescimento vegetativo). A distribuição dessa população de acordo com as características de idade, sexo e atividades econômicas desenvolvidas. As condições de vida devem fazer parte dos estudos.
  3. 3. O continente europeu constitui-se, politicamente por uma grande maioria de países desenvolvidos. Pressupõe-se que a maioria dos países tenham boas condições de vida, com fácil acesso ao sistema de saúde e educação. Pirâmide etária da Europa
  4. 4. Estudo da população Nos países ricos, observa- se pequeno crescimento vegetativo – resultado das pequenas taxas de natalidade, das baixas taxas de mortalidades e da elevada expectativa de vida.
  5. 5. Europa país Expectativa de vida PIB per capita (U$$) IDH Noruega 80,2 54.600 0,938 Holanda 79,68 40.300 0,890 Suécia 81,07 39.100 0,885 Bélgica 79,51 37.800 0,867 Itália 81,77 30.500 0,854 Portugal 78,54 23.000 0,795 Fed. Russa 66,29 15.900 0,719
  6. 6. Imigração  No passado, milhões de emigrantes europeus deixaram sua terra em direção a outros continentes, agora, o movimento é inverso. A Europa recebe muitos imigrantes, em sua maioria procedente das antigas colônias.  As motivações são: dificuldades de empregos, crises econômicas, guerras civis nos países de origem, e um atraente mercado europeu.
  7. 7. A Europa sempre foi palco dos grandes acontecimentos mundiais, as grandes navegações, a Revolução Industrial, as grandes guerras, entre outras, por isso sempre foi chamado de velho mundo por geógrafos e historiadores. Contudo, durante o século XX, alguns países, como os Estados Unidos e o Japão, foram tomando a dianteira no contexto da industrialização mundial. Economia
  8. 8. Agropecuária  A produção agrícola europeia reflete as condições do solo. Devido à forte luminosidade e temperaturas características, são comuns os cultivos de cereais como centeio, trigo e cevada; e frutas como maças, peras, uvas, pêssegos e ameixas. Outras culturas, como a batata, o milho e o tomate foram introduzidas e aclimatadas.
  9. 9. É do tipo intensiva, pois utiliza modernas técnicas de plantio e alta tecnologia. Agricultura na Europa
  10. 10. É do tipo intensiva, altamente mecanizada, com modernas tecnologias, o que resulta em alta produção. Pecuária na Europa
  11. 11. Se dedicam a produção da beterraba açucareira. Europa Ocidental (Portugal, Espanha, Reino Unida, etc)
  12. 12. O cultivo de uvas é destaque nesses países, bem como a produção de vinhos comerciais. A Itália é o maior produtor mundial de uvas e 2º de vinhos, já a França é o maior produtor mundial de vinhos e o 2º de uvas, destaque para a cidade de Champagnat. Vinicultura são destaques na França e na Itália
  13. 13. Divisões  Europa Central: produção de trigo, cevada, batata e beterraba (açúcar). Na Alemanha e na Polônia predominam os grandes rebanhos.  Europa Setentrional: Cultivam batatas cevada e trigo. A Dinamarca é o maior produtor desses itens, bem como de aves, bovinos e suínos. A Noruega é o maior produtor de aveia.  Europa Oriental: encontram-se solo muitos férteis, solo escuro denominado tchernozion. A Ucrânia e a Rússia se destacam como grandes produtores de cereais.
  14. 14.  Europa Ocidental  Europa Oriental  Europa Setentrional  Europa Central
  15. 15. Mineração  O Petróleo tem destaque no continente.  Na Europa, após anos de exploração petrolífera, formaram-se grandes empresariais que atuam em todo o mundo, como a British Petroleum (BP), do Reino Unido – 2ª maior empresa do ramo petrolífero mundial, também se destacam a Royal Dutch / Schell Group da Holanda e Reino Unido.  Total Fina Elf da França; ENI da Itália; Repsol – YPF da Espanha; Statoil Group da Noruega; Gazprom e Lukoil Holping da Rússia.
  16. 16. Produção de Petróleo País Produção (1.000 barris / dia) Romênia 93 Itália 95 Dinamarca 265 Reino Unido 1.562 Noruega 2.358 Federação Russa 10.035
  17. 17. Mineração  Na mineração muitos itens são explorados economicamente pelo homem.  Os maiores produtores mundiais de Carvão Mineral são: Federação Russa, Polônia, Alemanha, Reino Unido, Republica Tcheca e Espanha  A exploração do Gás Natural é feita no Reino Unido, na Noruega e na Holanda.
  18. 18. Mineração  O cobre é explorado na Polônia.  O minério de ferro é explorado na Federação Russa Ucrânia e Suécia.  Manganês, bauxita, ouro e diamantes também são encontrados na Federação Russa.
  19. 19. Indústria  Na Europa ocidental, o Reino Unido se destaca para as industrias químicas e farmacêuticas e as industrias eletro eletrônicas, principalmente de computadores. Dos 50 medicamentos mais vendidos no mundo 12 foram desenvolvidos em laboratórios britânicos.  A França (4ª potência mundial) é o 2º país europeu mais industrializado, com uma economia forte apresenta um PIB de 2,1 trilhões de dólares. Empresas como a Renault e a Peugeot – Citroën tem destaque no mercado internacional, bem como as industrias químicas e perfumarias e os vinhos.
  20. 20. A Alemanha se destaca com grande desempenho. A Suíça também se destaca no setor de papel e celulose, alimentos, madeira e metalúrgia. Europa Central – Alemanha – fábrica da Volkswagen, Wolfsburg
  21. 21. Na Europa Central a Polônia se destaca nas industrias de bens de consumo e na produção de automóveis, na Republica Theca se destaca o setor eletroeletrônico, na Hungria as industrias alimentícias, na Eslovênia, Croácia, Bósnia, Macedônia, Albânia, Bulgária e Romênia tem parques industriais voltados para o setor de bens e produção. Vila industrial na República Theca
  22. 22. Na Europa Sententrional o país com melhor destaque é a Suécia com industrias de eletrônicos e automóveis, na Noruega industrias químicas e transportes, na Dinamarca industrias químicas, de máquinas e eletrodomésticos, na Islândia o setor de alimentos e minerais não metálicos. Industrias dos brinquedos Lego na Dinamarca
  23. 23. A federação Russa e a Ucrânia são os países mais industrializados da região. Motivados pela guerra fria os países dessa região são grande produtores de armamentos, submarinos, tanques, etc.. Os países da Europa Oriental se destacam na indústria de armamentos
  24. 24. Turismo  A grande vantagem do turismo europeu é a boa condição de circulação entre os países. Um moderno sistema de transportes, com uma invejável estrutura ferroviária, rodoviária, aérea, marítima e fluvial, permite um rápido deslocamento.  Outra vantagem é o fato de dezenas de países pertencerem à União Europeia, e boa parte deles utilizam um mesmo sistema monetário.
  25. 25. O Coliseu em Roma - Itália
  26. 26. Capela Sistina - Vaticano
  27. 27. Torre Eiffel – Paris - França

×