A Estrutura da terra Parte 1
Professor: Herbert Galeno
Blog: herbertgaleno.blogspot.com.br
www.youtube.com.br/herbertmiguel
As dinâmicas das camadas da litosfera
• A litosfera é a camada da Terra que compõe a sua superfície
sólida. Trata-se da ma...
Placas tectônicas
• De acordo com a teoria da Deriva Continental, a crosta terrestre
é uma camada rochosa descontínua, que...
Tipos de rochas
• ígneas ou magmáticas: são rochas formadas pelo esfriamento e
solidificação de elementos endógenos, no ca...
• Sedimentares: esse tipo de rocha tem sua formação a partir do
acúmulo de resíduos de outros tipos de rochas. São exemplo...
• Metamórficas: esse tipo de rocha tem sua origem na
transformação de outras rochas, em virtude da pressão e da
temperatur...
Agentes endógenos
Agentes endógenos:
Vulcanismo
Isostasia
• Isostasia, ou movimento isostático, é o
termo utilizado em Geologia para se referir
ao estado de equilíbrio gr...
Terremotos eTsunamis
• Os terremotos só existem porque a crosta, a parte mais externa da
Terra (a crosta terrestre), é “ra...
Quando os terremotos ocorrem em regiões localizadas no
oceano, podem provocar osTsunamis, que são ondas
gigantes que invad...
Estrutura Geológica parte II
Professor: Herbert Galeno
Blog: herbertgaleno.blogspot.com.br
www.youtube.com.br/herbertmiguel
A litosfera – camada rochosa do
planetaTerra – apresenta
inúmeras dinâmicas e variações.
A sua composição estrutural,
cont...
• dobramentos modernos encontram-se em áreas que apresentam conhecidas
cadeias montanhosas, como a Cordilheira dos Andes, ...
Tempo Geológico e tempo histórico
•Quando falamos em tempo geológico, referimo-nos a
uma escala de tempo que costuma ser m...
Tempo Geológico
Tempo Geológico
Tempo histórico
Formas de
relevo
A Estrutura da terra
A Estrutura da terra
A Estrutura da terra
A Estrutura da terra
A Estrutura da terra
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A Estrutura da terra

394 visualizações

Publicada em

Aula de geografia para o Ensino Médio sobre a estrutura geológica da terra e a formação dos relevos.

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
394
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
9
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A Estrutura da terra

  1. 1. A Estrutura da terra Parte 1 Professor: Herbert Galeno Blog: herbertgaleno.blogspot.com.br www.youtube.com.br/herbertmiguel
  2. 2. As dinâmicas das camadas da litosfera • A litosfera é a camada da Terra que compõe a sua superfície sólida. Trata-se da mais fina das camadas do planeta, sendo considerada uma espécie de “casca” do mundo. Possui uma profundidade que varia entre 5 e 100 km, correspondendo a 2,4% do raio da esfera terrestre.
  3. 3. Placas tectônicas • De acordo com a teoria da Deriva Continental, a crosta terrestre é uma camada rochosa descontínua, que apresenta vários fragmentos, denominados placas litosféricas ou placas tectônicas. Essas placas compreendem partes de continentes e o fundo dos oceanos e mares.
  4. 4. Tipos de rochas • ígneas ou magmáticas: são rochas formadas pelo esfriamento e solidificação de elementos endógenos, no caso, o magma pastoso. São exemplos de rochas magmáticas: granito, basalto, diorito e andesito.
  5. 5. • Sedimentares: esse tipo de rocha tem sua formação a partir do acúmulo de resíduos de outros tipos de rochas. São exemplos de rochas sedimentares: areia, argila, sal-gema e calcário.
  6. 6. • Metamórficas: esse tipo de rocha tem sua origem na transformação de outras rochas, em virtude da pressão e da temperatura. São exemplos de rochas metamórficas: gnaisse (formada a partir do granito), ardósia (originada da argila) e mármore (formação calcária).
  7. 7. Agentes endógenos
  8. 8. Agentes endógenos: Vulcanismo
  9. 9. Isostasia • Isostasia, ou movimento isostático, é o termo utilizado em Geologia para se referir ao estado de equilíbrio gravitacional, e as suas alterações, entre a litosfera e a astenosfera da Terra. Esse processo resulta da flutuação das placas tectónicas sobre o material mais denso da astenosfera, cujo equilíbrio depende das suas densidades relativas e do peso da placa.
  10. 10. Terremotos eTsunamis • Os terremotos só existem porque a crosta, a parte mais externa da Terra (a crosta terrestre), é “rachada” em inúmeros blocos, que são denominados de Placas Tectônicas. Essas placas flutuam sobre um líquido muito quente e pastoso, chamado de magma (é aquele que os vulcões expelem!) • Em razão dessas flutuações, essas placas estão em constantes movimentos e, eventualmente, encontram-se, provocando os terremotos. O local onde eles surgem (no subsolo) é chamado de hipocentro, e o lugar na superfície terrestre onde eles primeiro se manifestam é chamado de epicentro.
  11. 11. Quando os terremotos ocorrem em regiões localizadas no oceano, podem provocar osTsunamis, que são ondas gigantes que invadem o litoral de alguns países e provocam caos e destruição.
  12. 12. Estrutura Geológica parte II Professor: Herbert Galeno Blog: herbertgaleno.blogspot.com.br www.youtube.com.br/herbertmiguel
  13. 13. A litosfera – camada rochosa do planetaTerra – apresenta inúmeras dinâmicas e variações. A sua composição estrutural, contudo, é classificada em três diferentes tipos de estruturas geológicas que se dividem em todo o mundo: os crátons (ou escudos antigos), as bacias sedimentares e os dobramentos modernos (ou cadeias orogênicas).
  14. 14. • dobramentos modernos encontram-se em áreas que apresentam conhecidas cadeias montanhosas, como a Cordilheira dos Andes, a oeste da América do Sul; as Montanhas Rochosas, na América do Norte; os Alpes, na Europa; e a Cordilheira do Himalaia, na Ásia. • As bacias sedimentares, por outro lado, distribuem-se em diferentes partes do mundo, existindo também no território brasileiro. Elas recobrem cerca de 75% da superfície terrestre e são caracterizadas pela sua formação na Era Paleozoica (500 milhões de anos atrás), com a acumulação dos sedimentos gerados pelo desgaste das rochas em função da ação dos agentes externos de formação do relevo. • Por fim, temos os crátons, que são popularmente conhecidos como escudos cristalinos e maciços antigos, nomes dados aos seus dois subtipos. Sua formação é a mesma dos dobramentos modernos, no entanto, como são mais antigos, sofreram maiores desgastes dos agentes externos ou exógenos de transformação do relevo, os mesmos que originaram as bacias sedimentares.O terreno é tão antigo que apresenta as mais antigas rochas encontradas no planeta.
  15. 15. Tempo Geológico e tempo histórico •Quando falamos em tempo geológico, referimo-nos a uma escala de tempo que costuma ser medida nos milhões ou até bilhões de anos, tal a classificação das eras geológicas e seus respectivos períodos. Já quando falamos em tempo histórico (incluindo, aí, a Pré- História), referimo-nos ao período de surgimento da humanidade, o que corresponde ao uso de medidas de dezenas, centenas e até milhares de anos.
  16. 16. Tempo Geológico
  17. 17. Tempo Geológico
  18. 18. Tempo histórico
  19. 19. Formas de relevo

×