MONOGRAFIA A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE P...
A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS I...
Contexto do Estudo Introdução Com a evolução e crescimento socioeconômico no Brasil houve, consequentemente, um aumento no...
Questão de Pesquisa Introdução - De que formas a introdução de novas tecnologias e os novos processos de transações comerc...
Objetivos Introdução A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO  A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRAS...
Procedimentos Metodológicos Introdução Estudo realizado em seis momentos: 1. Definidos objetivos e delimitação da pesquisa...
Introdução <ul><li>O papel-moeda </li></ul><ul><li>O aparecimento da moeda-papel </li></ul><ul><li>Moeda bancária </li></u...
O papel-moeda Fundamentação Teórica Conhecimento Organizacional Conhecimento Individual Transações comerciais Papel-moeda ...
O aparecimento da moeda-papel Fundamentação Teórica Desenvolvimento de sistemas monetários à base de metais preciosos perm...
  O aparecimento da moeda-papel Fundamentação Teórica As características mais relevantes da moeda, segundo Lopes e Rossett...
Moeda bancária Fundamentação Teórica Ao lado da moeda fiduciária, de emissão não lastreada e monopolizada pelo Estado, de ...
O papel-moeda hoje no Brasil Fundamentação Teórica Os &quot;bilhetes de extração de diamantes&quot; e os de &quot;permuta ...
A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO  A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS ...
O papel-moeda hoje no Brasil Fundamentação Teórica A última emissão bancária feita pelo Banco do Brasil foi em 1923, ainda...
Perspectivas de mudanças para os meios de pagamento Fundamentação Teórica Com a supressão da conversibilidade das cédulas ...
O Sistema Brasileiro de Pagamentos Fundamentação Teórica Para Bertoldi e Triches (2006, p.2): “ O sistema de pagamentos é ...
A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO  A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS ...
A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO  A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS ...
<ul><li>Cheque </li></ul><ul><li>Indicadores econômicos </li></ul><ul><li>Cartão de crédito e o Cartão de débito </li></ul...
Crescimento dos meios alternativos de pagamento no Brasil Os brasileiros estão cada vez mais preferindo os meios eletrônic...
Cheque O cheque é um dos principais meios de pagamento em uso hoje no Brasil.  Segundo o Banco Central (2005, p.19), “o ch...
Cheque Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO  A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA B...
Cheque Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO  A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA B...
O Cartão de Crédito e o Cartão de Débito Os cartões somente hoje aumentam sua participação, sendo meios de pagamento que s...
O Cartão de Crédito e o Cartão de Débito Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO  A ...
O Cartão de Crédito e o Cartão de Débito Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO  A ...
O Cartão de Crédito e o Cartão de Débito Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO  A ...
O Cartão de Crédito e o Cartão de Débito Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO  A ...
O Cartão de Crédito e o Cartão de Débito Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO  A ...
Transações Eletrônicas Instituído em 1 o  de julho de 1994, o Plano Real seguiu como importante baliza econômica que gerar...
Transações Eletrônicas Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO  A PARTIR DA IMPLANTA...
Transações Eletrônicas Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO  A PARTIR DA IMPLANTA...
Transações Eletrônicas Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO  A PARTIR DA IMPLANTA...
Transações Eletrônicas Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO  A PARTIR DA IMPLANTA...
Transações Eletrônicas Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO  A PARTIR DA IMPLANTA...
<ul><li>Verificação de dados </li></ul>A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO  A PARTIR DA IMPLANTAÇ...
<ul><li>Em 2008, ocorreram 2,1 bilhões de transações com cartões de débito. No mesmo ano ocorreram 1,94 bilhão de transaçõ...
Análise dos Dados <ul><li>Mesmo com maior acesso aos meios eletrônicos, cartões em expansão e crescimento de outros meios ...
Análise dos Dados <ul><li>Em quantidade de cartões, a alta foi de 14% no segmento de débito e de 12% nos cartões de crédit...
Análise dos Dados <ul><li>O total de pagamentos efetuados por meio de transferências entre contas correntes passou de 5,9 ...
<ul><li>Indicações </li></ul>A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO  A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SIST...
•  A oferta de papel-moeda é um instrumento de política econômica muito importante na economia monetária, área de grande r...
•  O atual cenário é considerado reflexo da entrada no mercado do Novo Sistema Brasileiro de Pagamentos, em 2002, que teve...
<ul><li>•  Partindo dessa premissa, as ferramentas de gestão monetária e fiscal adotadas na atual política monetária brasi...
<ul><li>•  A pesquisa não teve o propósito de esgotar todas as possibilidades de análise do tema, dessa forma, sugere-se a...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS

8.393 visualizações

Publicada em

Apresentação de Trabalho de Conclusão de Curso do Departamento de Economia da Universidade da Região de Joinville – UNIVILLE – como requisito parcial para obtenção de Grau em Ciências Econômicas em dezembro de 2009.

O objeto deste estudo é analisar o impacto dos meios alternativos de pagamento na economia e nas relações socioeconômicas nacionais observando de que forma a introdução de novas tecnologias e os novos processos de transações comerciais se refletem no cotidiano da população brasileira.

Publicada em: Economia e finanças
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
8.393
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
38
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
96
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS

  1. 1. MONOGRAFIA A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Graduando: Henrique Puccini Hassi Orientadora: Jani Floriano Universidade da Região de Joinville Departamento de Economia
  2. 2. A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Introdução Objetivo Geral Contextualização Análise dos Dados Fundamentação Teórica AGENDA A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Considerações Finais Graduando: Henrique Puccini Hassi Orientadora: Jani Floriano Objetivos Específicos
  3. 3. Contexto do Estudo Introdução Com a evolução e crescimento socioeconômico no Brasil houve, consequentemente, um aumento no ramo de serviços, incluindo o setor bancário. A necessidade de usar o dinheiro fez com que o mercado crescesse e novas formas de movimentar esse valor monetário fossem pensadas e aplicadas. - Estabilização da economia; - Segurança nas transações financeiras; <ul><li>Avanços tecnológicos por parte das empresas, governo e instituições financeiras; </li></ul>- Expansão do crédito A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  4. 4. Questão de Pesquisa Introdução - De que formas a introdução de novas tecnologias e os novos processos de transações comerciais se refletem nos meios de pagamento utilizados durante o cotidiano da população brasileira? A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS O Sistema Financeiro Nacional , favorecido pela maior estabilização com o Plano Real (1994) e a entrada do Novo Sistema Brasileiro de Pagamentos (2002), absorve o crescimento e amadurecimento do mercado de meios alternativos de pagamentos. Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  5. 5. Objetivos Introdução A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Analisar o impacto dos meios alternativos de pagamento na economia e nas relações sócio-econômicas nacionais observando de que forma a introdução de novas tecnologias e os novos processos de transações comerciais se refletem no cotidiano da população brasileira. Objetivo Geral Caracterizar as ferramentas de gestão monetária e fiscal adotadas na política monetária brasileira; Verificar o cenário atual, e das perspectivas para o futuro dos meios de pagamento no Brasil; Demonstrar o crescimento do setor financeiro em relação ao PIB, apresentando o nível de investimentos e os ganhos econômicos e sociais da população; Demonstrar por meio de dados estatísticos a situação atual do Sistema Brasileiro de Pagamentos; Relacionar o nível de renda e incremento na economia com o fortalecimento do mercado interno ao permitir um maior nível de consumo das famílias. Objetivos Específicos Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  6. 6. Procedimentos Metodológicos Introdução Estudo realizado em seis momentos: 1. Definidos objetivos e delimitação da pesquisa; 2. Revisão bibliográfica: exame de literatura e pontos de referência; 3. Abordagem qualitativa: compreensão da lógica da realidade; 4. Coleta e hierarquização de dados: busca de medidas quantificáveis de variáveis e inferências a partir de amostras; 5. Método Hipotético-Dedutivo: evidências na avaliação dos meios de pagamento e mudança de utilização do papel-moeda; 6. Compilação de dados e validação do problema. A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio CLASSIFICAÇÃO DA PESQUISA CATEGORIA Quanto aos objetivos Pesquisa Bibliográfica Quanto a abordagem do problema Pesquisa Qualitativa Quanto aos procedimentos técnicos Estudo Quantitativo Método de abordagem Hipotético-Dedutivo
  7. 7. Introdução <ul><li>O papel-moeda </li></ul><ul><li>O aparecimento da moeda-papel </li></ul><ul><li>Moeda bancária </li></ul><ul><li>O papel-moeda hoje no Brasil </li></ul><ul><li>Perspectivas de mudanças para os meios de pagamento </li></ul><ul><li>O Sistema Brasileiro de Pagamentos </li></ul>A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Objetivo Geral Contextualização Análise dos Dados Fundamentação Teórica Considerações Finais Objetivos Específicos Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  8. 8. O papel-moeda Fundamentação Teórica Conhecimento Organizacional Conhecimento Individual Transações comerciais Papel-moeda Pagamento a terceiro Garantia para a troca de mercadorias ou metais Sandroni (2007, p.443) define, de forma resumida, o conceito atual de papel-moeda: “Documento emitido pelas autoridades monetárias de um país, utilizado na compra e venda de mercadorias”. A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  9. 9. O aparecimento da moeda-papel Fundamentação Teórica Desenvolvimento de sistemas monetários à base de metais preciosos permitiu o aparecimento de um novo tipo de moeda, a moeda-papel Os judeus, os cambistas, os ourives, as abadias e as casas bancárias italianas passaram a custodiar ouro e prata, fornecendo aos depositantes certificados de depósito. Lopes e Rossetti (2002, p.31) complementam: “ Em outras palavras, ensejou a passagem da moeda-papel (moeda representativa) para o papel-moeda (moeda fiduciária), em geral citada como uma das mais importantes e revolucionárias etapas da evolução histórica da moeda.” A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  10. 10.   O aparecimento da moeda-papel Fundamentação Teórica As características mais relevantes da moeda, segundo Lopes e Rossetti (2002) e Sandroni (2007), estudadas desde Adam Smith, são: A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS indestrutibilidade inalterabilidade homogeneidade divisibilidade transferibilidade manuseio/transporte
  11. 11. Moeda bancária Fundamentação Teórica Ao lado da moeda fiduciária, de emissão não lastreada e monopolizada pelo Estado, de curso forçado e de poder liberatório garantido por disposições legais, desenvolve-se outra modalidade de moeda: a moeda bancária o escritural ou invisível. A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Para Lopes e Rossetti (2002) a moeda bancária é representada pelos depósitos a vista e a curto prazo nos bancos, que passam a movimentar esses recursos por cheques ou ordens de pagamento. Com o acelerado desenvolvimento tecnológico as características necessárias ao bom desempenho das funções típicas da moeda podem existir em objetos de diferentes formas, especialmente em cartões magnéticos e microchips. Assim, esses objetos podem ser transformados no chamado dinheiro eletrônico. Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  12. 12. O papel-moeda hoje no Brasil Fundamentação Teórica Os &quot;bilhetes de extração de diamantes&quot; e os de &quot;permuta do ouro&quot; foram os primeiros papéis a circular oficialmente como moeda, de 1771 até as primeiras décadas do séc. XIX. A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS A criação da moeda genuinamente brasileira ocorreu durante o governo de Getúlio Vargas. Para Santos e Silva (2005, p.6): “ Houve um crescimento industrial, com isso o governo achou por bem mudar o padrão monetário para o cruzeiro no ano de 1942, que até então, desde o descobrimento, era o réis”. Por mais de 400 anos, o Brasil teve como a moeda padrão o real português, enquanto que nos últimos 60 anos, a economia brasileira experimentou 8 (oito) tipos de moedas. Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  13. 13. A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  14. 14. O papel-moeda hoje no Brasil Fundamentação Teórica A última emissão bancária feita pelo Banco do Brasil foi em 1923, ainda no padrão &quot;mil-réis&quot;. Conforme destaca Trigueiros (1987), a partir dessa data, era somente o Tesouro Nacional que tinha o poder liberatório de emissão de papel-moeda. O Banco Central do Brasil foi fundado em 1º de janeiro de 1965, tornando-se responsável pelo meio circulante nacional desde então. A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS As cédulas e moedas metálicas (inclusive as comemorativas) do padrão monetário Real, que estão em poder do público e da rede bancária, constituem o meio circulante nacional, perfaziam no dia 30 de novembro de 2008: Total de R$ 102.430.156.015,41 Cédulas de papel, somando 3.788.489.606 unidades e R$ 99.531.440.817,00 , (BC, 2008). Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  15. 15. Perspectivas de mudanças para os meios de pagamento Fundamentação Teórica Com a supressão da conversibilidade das cédulas e moedas em metal precioso, o dinheiro cada vez mais se desmaterializa, assumindo formas abstratas, como os atuais cheques e cartões de plástico – com funções de débito e crédito bancário. A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Com a estabilização da economia em conseqüência da implantação do Plano Real, ocorreu uma maior inserção do sistema bancário na rotina de uma parcela mais ampla da população brasileira, incluindo aí a expansão do crédito e de aplicações financeiras. Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  16. 16. O Sistema Brasileiro de Pagamentos Fundamentação Teórica Para Bertoldi e Triches (2006, p.2): “ O sistema de pagamentos é um conjunto de normas, padrões e instrumentos que interliga e processa as transações entre os agentes econômicos não-bancários, os bancos e o Banco Central”. A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Nesse sentido de itens de segurança bancários e financeiros, a ausência de um mecanismo de proteção implicava na perda de confiança na concessão de crédito por parte do sistema financeiro, especialmente o interbancário. Com esse novo Sistema de Pagamentos, operado pelo Banco Central do Brasil, o Brasil integra o grupo de países com transferências de fundos interbancárias/liquidadas em tempo real, em caráter irrevogável e incondicional. Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  17. 17. A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS O SBP possuía pontos de vulnerabilidade claros, pois o BC demandava por toda a responsabilidade no escopo da cadeia de pagamentos, assim como grande parte das liquidações era realizada pela Compe, sem instrumentos de controle de riscos. Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  18. 18. A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS O novo SBP implicou em grandes mudanças como os sistemas de compensação e liquidação, administrados pelo BC, que efetuam a liquidação de operações via sistemas LBTR e a estruturação do STR (Sistema de Transferência de Reservas) com reformulação da câmera Selic. Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  19. 19. <ul><li>Cheque </li></ul><ul><li>Indicadores econômicos </li></ul><ul><li>Cartão de crédito e o Cartão de débito </li></ul><ul><li>Indicadores econômicos </li></ul><ul><li>Transações Eletrônicas </li></ul><ul><li>Indicadores econômicos </li></ul>A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Introdução Objetivo Geral Objetivos Específicos Contextualização Análise dos Dados Fundamentação Teórica Considerações Finais Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  20. 20. Crescimento dos meios alternativos de pagamento no Brasil Os brasileiros estão cada vez mais preferindo os meios eletrônicos para pagar as despesas. Ocorreram em 2008: 2,1 bilhões de transações com cartões de débito 1,94 bilhão de transações com cheques. 6,5 bilhões de pagamentos efetuados por meio de transferências entre contas correntes, que também inclui as transferências especiais de crédito (TEC) Os pagamentos com meios alternativos, principalmente digitais, continuam em crescimento no país. Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil (BC, 2009) Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  21. 21. Cheque O cheque é um dos principais meios de pagamento em uso hoje no Brasil. Segundo o Banco Central (2005, p.19), “o cheque é uma ordem de débito, em papel, do emitente para o banco onde ele tem conta corrente para pagar determinada quantia, em dinheiro, ao beneficiário”. Em quantidade de transações, o cheque ainda é o instrumento de pagamento não em espécie mais utilizado no Brasil, destaca o próprio BC (2005). Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Segundo o Banco Central (2005, p.19), “o cheque é uma ordem de débito, em papel, do emitente para o banco onde ele tem conta corrente para pagar determinada quantia, em dinheiro, ao beneficiário”.
  22. 22. Cheque Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Uso do cheque como instrumento de pagamento – quantidade de transações *Em milhões
  23. 23. Cheque Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Uso do cheque como instrumento de pagamento por habitante
  24. 24. O Cartão de Crédito e o Cartão de Débito Os cartões somente hoje aumentam sua participação, sendo meios de pagamento que se consolidam no mercado de forma crescente em transações entre os diversos agentes econômicos. A quantidade de transações com cartão vem crescendo consistentemente desde 2002, e em maior volume a partir da estabilidade proporcionada pelo Plano Real, passando de 275 milhões no primeiro trimestre de 2002 para 2 bilhões no quarto trimestre de 2007. Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Os primeiros cartões magnéticos, hoje chamados de cartão de débito ou crédito, fazem parte do cotidiano da população há pouco tempo, se comparando com os cheques. Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  25. 25. O Cartão de Crédito e o Cartão de Débito Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Quantidade de transações dos Cartões de Débito e Crédito em circulação Fonte: Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil do Banco Central (2009). Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  26. 26. O Cartão de Crédito e o Cartão de Débito Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Fonte: Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil do Banco Central (2009). Uso de cheque, cartão de débito e crédito como instrumento de pagamento – quantidade de transações Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  27. 27. O Cartão de Crédito e o Cartão de Débito Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Valores de transações realizadas por Cartões de Débito e Crédito em circulação Fonte: Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil do Banco Central (2009). Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  28. 28. O Cartão de Crédito e o Cartão de Débito Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Cartões de pagamento – Quantidade de transações Fonte: Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil do Banco Central (2009). Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  29. 29. O Cartão de Crédito e o Cartão de Débito Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Fonte: Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil do Banco Central (2009). POS – Quantidade de terminais *Em milhões Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  30. 30. Transações Eletrônicas Instituído em 1 o de julho de 1994, o Plano Real seguiu como importante baliza econômica que geraria estabilidade posterior ao setor econômico e financeiro no Brasil. A partir disso, o Governo Federal instituiu, então, em 1999, a reestruturação do novo SBP, que seria uma nova etapa no mercado financeiro já a partir de 2002. Os investimentos em tecnologia e novos meios de comunicação potencializam o sucesso do sistema de pagamentos e dos produtos bancários. Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Por meio do novo SBP, operado pelo BC, o Brasil passou a interagir com um grupo novo de produtos bancários, mais seguros e ágeis, enumera o BC (2005). Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  31. 31. Transações Eletrônicas Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Quantidade de transações em ATM *Em milhões Fonte: Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil do Banco Central (2009). Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  32. 32. Transações Eletrônicas Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Quantidades de transações realizadas por meios alternativos de pagamento ao papel-moeda, cartões e cheques *Em milhões Fonte: Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil do Banco Central (2009). Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  33. 33. Transações Eletrônicas Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Fonte: Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil do Banco Central (2009) *1 TED, DOC, TEC e transferências entre contas *2 Títulos, impostos, taxas, contribuições, contas de água, luz, telefone etc. . Acesso remoto / Quantidade de transações (intra e interbancárias) - *Em milhões Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  34. 34. Transações Eletrônicas Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Fonte: Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil do Banco Central (2009). ATM – Valor das transações *Em bilhões Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  35. 35. Transações Eletrônicas Contextualização A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Fonte: Diagnóstico do Sistema de Pagamentos de Varejo do Brasil do Banco Central (2009). Importância dos meios de pagamentos em países selecionados Cheque Transferência crédito Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  36. 36. <ul><li>Verificação de dados </li></ul>A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Introdução Objetivo Geral Contextualização Análise dos Dados Fundamentação Teórica Considerações Finais Objetivos Específicos Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  37. 37. <ul><li>Em 2008, ocorreram 2,1 bilhões de transações com cartões de débito. No mesmo ano ocorreram 1,94 bilhão de transações com cheques. </li></ul><ul><li>Considerando apenas os pagamentos de valor unitário inferior a cinco mil reais, a participação relativa dos cheques diminuiu para 19% ante 23% em 2007. </li></ul><ul><li>A taxa média de crescimento anual de utilização dos instrumentos de pagamento eletrônicos foi de 17% nos últimos quatro anos. </li></ul><ul><li>Na contramão, o cheque apresentou redução média de 9,3% ao ano. </li></ul><ul><li>Em 2008, em comparação a 2007, a quantidade de cheques emitidos apresentou redução de 5,2%, o que fez com que a participação desse instrumento na quantidade total dos pagamentos de varejo sem o uso do dinheiro fosse reduzida para 16%, ante 19% em 2007. </li></ul>Análise dos Dados A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  38. 38. Análise dos Dados <ul><li>Mesmo com maior acesso aos meios eletrônicos, cartões em expansão e crescimento de outros meios de pagamento, os brasileiros ainda optam por manter e utilizar uma boa quantidade de dinheiro em espécie. </li></ul><ul><li>A média de quantidade de papel-moeda per capita chegou a R$408,93 no ano passado, frente a R$350,84 em 2007. </li></ul><ul><li>Relativamente aos instrumentos de pagamento baseados em papel, seguindo a tendência observada nos últimos anos, em 2008, o saldo médio diário do papel moeda em poder do público - PMPP, em valores nominais, aumentou 17,7% em relação a 2007, com base no relatório do diagnóstico do BC (2009). </li></ul>A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  39. 39. Análise dos Dados <ul><li>Em quantidade de cartões, a alta foi de 14% no segmento de débito e de 12% nos cartões de crédito. </li></ul><ul><li>Quando analisadas as quantidades de transações, o débito aumentou 27%, enquanto os cartões de crédito tiveram expansão de 23,5%. </li></ul><ul><li>O valor médio gasto por cartão de crédito aumentou 4,1% em relação ao ano de 2007. Já o valor médio gasto por cartão de débito aumentou 8,2% em relação ao ano anterior. </li></ul><ul><li>Houve desaceleração no crescimento da quantidade de cartões de crédito em circulação, tendo em vista que, no período de 2003 a 2007, observou-se crescimento médio de 28% ao ano, ante crescimento de 12% em 2008. </li></ul><ul><li>Já o crescimento na quantidade de cartões de débito em circulação apresentou aceleração, com aumento de 14% em 2008 (em relação ao ano anterior), ao passo que a média da taxa de crescimento anual, de 2003 a 2007, foi de 10%. </li></ul>A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  40. 40. Análise dos Dados <ul><li>O total de pagamentos efetuados por meio de transferências entre contas correntes passou de 5,9 bilhões para 6,5 bilhões. </li></ul><ul><li>Os caixas eletrônicos continuaram a liderar a quantidade de transações bancárias em 2008, com 7,92 bilhões de operações (32% do total). Mas, também sinalizou o rápido crescimento no uso da internet para transações financeiras. </li></ul><ul><li>O número de operações realizadas por meio dos sites de bancos saltou de 6,4 bilhões para 7,2 bilhões, atingindo 29% e aproximando-se dos terminais de autoatendimento. </li></ul><ul><li>Desde 2007, a internet superou o atendimento nas agências e nos postos tradicionais, modalidade usada em 23% das operações. </li></ul><ul><li>Houve, em 2008, ainda um aumento de 13% no volume de operações realizadas por meio da Internet em relação ao ano anterior. </li></ul>A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  41. 41. <ul><li>Indicações </li></ul>A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Introdução Objetivo Geral Contextualização Análise dos Dados Fundamentação Teórica Considerações Finais Objetivos Específicos Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  42. 42. • A oferta de papel-moeda é um instrumento de política econômica muito importante na economia monetária, área de grande relevância, não só na geração de emprego e renda, mas que leva ao desenvolvimento. • Os dados estatísticos de anos anteriores apontam para a continuidade da utilização de papel-moeda, mas com um avanço agressivo de instrumentos eletrônicos de pagamento e meios ainda chamados de alternativos, como os cartões de crédito e débito. • O papel-moeda em circulação se mantém como indispensável e é largamente produzido, porém sua circulação ganhou menos força com o aumento de formas de pagamento que incluem o uso de tecnologia e segurança nas transações. Considerações Finais A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  43. 43. • O atual cenário é considerado reflexo da entrada no mercado do Novo Sistema Brasileiro de Pagamentos, em 2002, que teve como preparação a consolidação do Plano Real, a partir de julho de 1994. • Com a estabilização financeira, o Brasil passou a ter uma economia mais organizada e com novas possibilidades de serviços financeiros. • Assim, pode-se perceber o avanço de produtos do sistema bancário na rotina de uma parcela mais ampla da população brasileira, incluindo aí a expansão dos cartões de crédito e débito, uso de cheques e de aplicações financeiras. • A partir da expansão socioeconômica no Brasil houve uma mudança de comportamento no tratamento e uso do dinheiro, principalmente na sua forma física, o papel-moeda. Considerações Finais A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  44. 44. <ul><li>• Partindo dessa premissa, as ferramentas de gestão monetária e fiscal adotadas na atual política monetária brasileira são atuais e, inclusive, modelo para muitas economias mundiais. </li></ul><ul><li>Panorama avaliado demonstra um claro sinal de que a atualização bancária e financeira proporcionada pelo SBP e a estabilização do sistema financeiro após a implantação do mesmo permitiram um rápido crescimento e amadurecimento da política monetária nacional, maior fluxo de investimentos e uma organização do sistema bancário. </li></ul><ul><li>Nesse sentido de itens de segurança bancários e financeiros, os meios alternativos de pagamento sentiram os efeitos positivos da medida e, a partir de 2003, registraram um rápido crescimento justamente pelo suporte de recursos eletrônicos, como microchips, tarjas magnéticas e Internet. </li></ul>Considerações Finais A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio
  45. 45. <ul><li>• A pesquisa não teve o propósito de esgotar todas as possibilidades de análise do tema, dessa forma, sugere-se a realização de outras pesquisas para o aprofundamento dos assuntos estudados. </li></ul><ul><li>• Neste sentido poderiam ser realizados estudos sobre: </li></ul><ul><li>O perfil do usuário brasileiro de Internet Banking; </li></ul><ul><li>A influência do SBP no crescimento e desenvolvimento das instituições bancárias no Brasil; </li></ul><ul><li>O aumento do acesso ao crédito para empresas após a modernização do sistema financeiro nacional. </li></ul>Considerações Finais A SUBSTITUIÇÃO DO PAPEL-MOEDA POR OUTRAS FORMAS DE PAGAMENTO A PARTIR DA IMPLANTAÇÃO DO SISTEMA BRASILEIRO DE PAGAMENTOS Modelagem de Conhecimento Estratégico nos Processos de Negócio

×