Apresentação Multimídia - Unifesp - VP9

428 visualizações

Publicada em

Seminário de apresentação sobre o codec VP9

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
428
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação Multimídia - Unifesp - VP9

  1. 1. Projeto WebM - VP9 Henrique Genovês Prado Marcos Filipe Lino
  2. 2. Roteiro ● Linha do tempo ● Projeto WebM ● Características ● Licença ● Qualidade ● Suporte ● Técnicas ● Conclusão
  3. 3. Linha do Tempo
  4. 4. Projeto WebM ● Alternativa web video ○ Open ● Web ● VP8 ● Matroska - MKV
  5. 5. Características ● Compressão ● Web / YouTube ● 50% menos de bit rate (VP8) ● Ultra HD (4k) ○ H.265 - VP9 - Daala ● OpenSource ● Codificado em C
  6. 6. Licença ● New BSD ● Decoder aberto ● Enconder aberto ● Código aberto
  7. 7. Compressão ● Aumento da capacidade Web ● Aumento na velocidade ● Foco na compressão
  8. 8. Qualidade ● Métricas são menos eficientes que a qualidade visual. ● Métricas podem ser burladas.
  9. 9. VP9 x H.264
  10. 10. VP9 x H.264
  11. 11. Suporte ● Chromium ● Google Chrome ● Mozilla Firefox ● VLC ● FFMpeg / Libav
  12. 12. Diagrama Decoder
  13. 13. Técnicas Utilizadas Blocos ● 64x64 ● 4x4 ● Retangulares
  14. 14. Blocos - Começa com um bloco “keyframe”. ● Intra - Interpolação de subpixels.
  15. 15. Técnicas Utilizadas Quebra de dependência ● Rastreamento pode ser feito em multicore.
  16. 16. Técnicas Utilizadas ● DCT em 32x32 ○ Antes: 8x8, 4x4 ● ADST ( Asymmetric Sine Based Transform) ○ Permite blocos retangulares. Otimizado para HD codec. Também funciona bem para baixas resoluções.
  17. 17. Técnicas Utilizadas
  18. 18. Por que usar VP9? ● Econômia de Bits ○ “bits é dinheiro” ■ “Gangnam Style” custou $300k ○ Metade do armazenamento ○ Metade do uso de banda ○ Maior visualização ● Menor perda ● Evitar licenças e royalties
  19. 19. Conclusões ● Quando lançado (17/06/2013) apresentava melhor desempenho que os concorrentes. Porém foi superado pelo H.265 em taxa de compressão e tem qualidade semelhante. ● Foi feito para aproveitar tecnologia multi core. Esse foi o principal avanço apresentado no VP9.
  20. 20. Conclusões “while [HEVC] provides 31 percent better compression rates in keyframe-only mode and about 40 percent improvement in intercoding mode compared to [x264], VP9 is only 18 percent better than [x264] in both modes.” “according to the experimental results, the coding efficiency of VP9 was shown to be inferior to both H.264/MPEG -- AVC and H.265/ MPEG -- HEVC with an average bitrate overhead at the same objective quality of 8.4 percent and 79.4 percent, respectively.”
  21. 21. Referências ● http://www.streamingmedia.com/Articles/Editorial/Featured-Articles/The-Codecs-That-Make-UHD-Video- Possible-HEVC-Vs.-VP9-96926.aspx ● http://commondatastorage.googleapis.com/io-2013/presentations/258%20-%20VP9%20Preso%20for%20IO% 20%28FINAL%29.pdf ● https://under-linux.org/content.php?r=7019 ● http://www.webmproject.org/vp9/ ● http://imasters.com.br/noticia/google-libera-codec-de-video-vp9-como-software-livre-e-open-source/ ● http://en.wikipedia.org/wiki/VP9 ● http://forum.doom9.org/showthread.php?t=168947

×