1 passo (3ª parte)

115 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
115
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

1 passo (3ª parte)

  1. 1. Como adictos, reagimos à palavra “impotência” de diversas formas. Alguns de nós reconhecem que simplesmente não existe uma descrição mais exata da nossa situação e admitimos nossa impotência com um sentimento de alívio. Alguns recuam diante da palavra, relacionando-a com fraqueza ou acreditando que indique algum tipo de defeito de caráter. Entender nossa impotência — e o quanto é essencial para nossa recuperação aceitar a própria impotência — vai nos ajudar a superar qualquer sentimento negativo relacionado a este conceito.
  2. 2. Somos impotentes quando as forças que movem nossas vidas estão fora de controle. Nossa adicção certamente pode ser caracterizada como uma dessas forças incontroláveis. Não podemos moderar ou controlar nosso uso de drogas, nem outros comportamentos compulsivos, mesmo quando estão nos levando a perder coisas importantes para nós. Não conseguimos parar, mesmo quando isso está resultando em um dano físico irreparável. Nós nos descobrimos fazendo coisas que nunca faríamos se não fosse pela nossa adicção, que nos levam a tremer de vergonha quando pensamos nelas. Podemos, inclusive, decidir que não queremos usar, que não vamos usar e, ainda assim, sermos incapazes de evitar quando a oportunidade se apresenta.
  3. 3. Podemos já ter tentado ficar abstinentes de drogas ou de outros comportamentos compulsivos por algum tempo, sem um programa, e às vezes com algum sucesso, para acabar descobrindo que, sem tratamento, nossa adicção nos leva de volta para onde estávamos. Para trabalhar o Primeiro Passo, precisamos provar para nós mesmos, profundamente, a nossa impotência.

×