Aula Educação ambiental 1

20.204 visualizações

Publicada em

1º Apostila de educação ambiental

Publicada em: Educação
0 comentários
9 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
20.204
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
77
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
953
Comentários
0
Gostaram
9
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula Educação ambiental 1

  1. 1. Educação Ambiental Jefferson.brito@ifap.edu.brCoordena_ambi_laranjal@ifap.edu.br
  2. 2. METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO● 1ª AVALIAÇÃO – Exercícios e Atividades+ Prova do Bimestre- 10 pts (Cada)● 2ª AVALIAÇÃO – Exercícios/Atividades , Seminário (10,0 pontos)- (Apresentação e parte Escrita)/ Prova do Bimestre – 10 pts● 3ª AVALIAÇÃO- Montagem de um insetário/ Exsicata/Prova Escrita/Atividades● 4ª AVALIAÇÃO – Relatório de Visita Técnica / Prova escrita do conteúdo bimestral (10,0 pontos)● Recuperação Final: Criação de dinâmicas em Ea para o programa mulheres mil /Prova Escrita (10,0 pontos). FÓRMULA= MC = 3(N1 + N2) + 4N3= 10 MC= 3(4+7)+4(6)=57/10= 5,7 R MC = Média do Componente Curricular N1 = Nota da Avaliação Parcial 1 N2 = Nota da Avaliação Parcial 2 N3 = Nota da Avaliação Geral
  3. 3. O Homem no Meio AmbienteRevolução Neolítica-10.000 a.cRevolução IndustrialPós-Revolução Industrial
  4. 4. CRISE AMBIENTAL
  5. 5. Uso Inadequado do solo nos E.U.AEliminação de espécie de Gramínea nativa na região
  6. 6. Tempestade de poeira
  7. 7. Preocupação Ambiental no Brasil(Século XIX)José Bonifácio de Andrada e Silva, um dos autores presentes no livro, em umarepresentação à Assembléia Constituinte e Legislativa do Império do Brasil, em 1823,escreveu: "... Nossas preciosas matas vão desaparecendo, vítimas do fogo e do machadodestruidor da ignorância e do egoísmo... e com o andar do tempo faltarão as chuvasfecundantes que favoreçam a vegetação e alimentem nossas fontes e rios, sem o que onosso belo Brasil, em menos de dois séculos, ficará reduzido aos páramos e desertosáridos da Líbia..."
  8. 8. Livro Primavera Silenciosa• 1962•Doses maciças nas lavouras americanas•Incomodou o Lobby da indústria química•Recebeu este nome pelo desaparecimento das Aves migratóriasenvenenadas pelo produto Rachel Carlson
  9. 9. ATIVIDADE1) O Homem da Era Neolítica deixou de ser Nômade para ser:a) Obesob) Articuladoc) Sedentáriod) DesocupadoJUSTIFIQUE SUA RESPOSTA2) Qual era as principais fontes de energia utilizado no período da revolução industrial ?3) A partir de que ação inicio-se a desertificação nos campos planos nativos nos E.U.A ?4) Explique o porque do titulo do livro de Rachel Carson: “ Primavera Silenciosa ?
  10. 10. Aula2: Conceitos de Educação Ambiental e Histórico O que é Educação Ambiental?● Educação Ambiental é uma ação destinada a reformular comportamentos e recriar valores perdidos ou jamais alcançados. É a busca da reflexão constante sobre o destino do homem face aos recursos naturais e ao futuro do planeta. Aziz Ab’Saber
  11. 11. OUTROS CONCEITOS:● Educação para uma vida sustentável envolve uma pedagogia centrada na compreensão da vida, uma experiência de aprendizagem no mundo real que supere a nossa alienação da natureza e reacenda o senso de participação e um currículo que ensine às nossas crianças os princípios básicos da sustentabilidade. Fritjof Capra
  12. 12. ● “A Educação Ambiental, para cumprir sua finalidade, conforme definida na Constituição Federal, na Lei 9.795/99, que institui a Política Nacional de Educação Ambiental (PRONEA) e em seu Decreto regulamentador (4.281/02). ● A Educação Ambiental deve tratar de questões globais críticas.
  13. 13. HISTÓRICO DE ALGUNS PROBLEMAS AMBIENTAIS NO MUNDO• 1930- Inversão térmica na Bélgica, poluentes daIndústria siderúrgica, causando adoecimentos emorte.• Inverno de 1952 em Londres, aumento dautilização de carvão mineral para calefação,aumento da concentração de poluentes- 4000 milmortes na época.
  14. 14. • Em 1953 na baía de Minamata no Japão,efeitos da contaminação por mercúrio lançadopor indústrias;• 1950 na Cidade de Cubatão-SP é instalado aprimeira refinaria de petróleo, ar da cidade éinssuportável;• Modelos de desenvolvimento x RealidadeSócio-Ambiental
  15. 15. Porquê Educação Ambiental ?A prepotência e a arrogância com que o homem tratava oseu meio tornava-o cego ao óbvio: os recursos ambientaissão finitos, limitados e estão dinamicamente inter-relacionados. A diminuição drástica de um pode causar omesmo em outro aparentemente não relacionado a ele.(Pedrini,1997, p.21).
  16. 16. A partir do Século XX •Constatação de Ecossistemas degradados; •Falta de qualidade de vida dos povos; • Hoje em dia já se fala em ameaça a continuidade da vida a longo prazo• “Os Problemas ambientais foram criados por homens e mulheres edeles virão as soluções.Estas não serão obras de gênios, de politícos ou tecnocratas, mas simde cidadãos e cidadãs” (REIGOTA, 2009, p.19).
  17. 17. Todos esses Eventos corroboraram para anecessidade de buscar na educação suporte paraque mudanças de comportamentos ambientalfossem estabelecidas. Para tanto, houvenecessidade de adjetivar a educação e entãosurgiu a Educação Ambiental.
  18. 18. VIDEO EDUCAÇÃO AMBIENTAL
  19. 19. ATIVIDADE1) CRIE UM CONCEITO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL 2) PESQUISE E TRAGA NA PRÓXIMAAULA DIA 30/03/2012: O Conceito de EA de acordo com o MMA
  20. 20. Aula 4: Conferências Ambientais no Mundo 1968- Clube de Roma, fundado pelo industrial Aurélio Peccei ( Fiat e Olivetti) e pelo cientista escocês Alexander King:• Problemas relacionados ao consumo das reservas dos recursos naturais não- renováveis; • Crescimento da população mundial até o século XXI; Criação do Relatório Limites do crescimento: -Industrialização acelerada; - Rápido Crescimento demográfico; - Esgotamento de recursos não renováveis;O Clube de Roma deixou Clara a necessidade “ de se investir numa mudança radical na mentalidade de consumo e procriação”.
  21. 21. 1972- Estocolmo (Suécia)- 1º Conferência Mundial de Meio Ambiente Humano • Consequência dos relatórios do clube de Roma; • Percebe-se a necessidade da educação dos cidadãos; • Busca soluções para os problemas M.A; • Corresponsabilidade no controle e fiscalização dos agentes degradadores; • Tema Poluição industrial como principal pauta da discussão;
  22. 22. 1975- Belgrado: Seminário Internacional sobre EA- Carta de Belgrado•Atentou para a importância de um novo tipo de educação;• Um novo e produtivo relacionamento entre estudantes e professores;• O que pressupõe uma EA contínua, voltada para os interesses nacionais, integrada às diferenças e multidisciplinar;
  23. 23. 1977- Conferência de Tbilisi- Geórgia (Ex- União Soviética) • Trabalhos apresentados voltados ao M.A realizados em diversos países;• Saíram as definições, os objetivos, os princípios e as estratégias para EAadotadas até hoje no mundo;• A EA passou a ser uma importante ferramenta de transformação e quebrade paradigmas;
  24. 24. 1987- 2º Congresso Internacional de EA- Moscou Objetivos: • Avaliar a EA nos países membros da UNESCO desde a conferência de Tbilisi ; • Traçar um plano de ação para a década de 1990; • Se começou a falar sobre a importância de uma formação em EA;
  25. 25. 1992- Rio 92 (ECO 92)• Pela 1º vez foi permitido a participação de entidades da sociedade(ONG´S);• Porém não tinham direito de deliberar;Foram aprovados 05 acordos internacionais:• Declaração do Rio sobre meio Ambiente e desenvolvimento;• Agenda 21 e os meios para sua implementação;• Declaração de Florestas;• Convenção- Quadro sobre mudanças Climáticas;• Convenção sobre mudanças diversidade biológica;
  26. 26. 2002- Rio + 10 (Jhoanesburgo-África do Sul)• Analisar os progressos obtidos desde a ECO 92;• Estabelecer meios mais eficazes para a implementação daagenda 21;• Contexto histórico Mundial conturbado o que impossibilitouos avanços desejados;• 11 de Setembro;• Invasão no Norte-Americana no Iraque; RIO + 20 ...???

×