Jornal do Sertao 98 Abril 2014

877 visualizações

Publicada em

Abril é o mês das grandes encenações teatrais da (Paixão de Cristo), temos observado a cada ano, que essas apresentações ganham dimensão em vários municípios do estado. Fazenda Nova, localizada no município de Brejo da Madre de Deus, no agreste de pernambucano, tem servido como referência e estímulo à esse crescimento. Assim, outros municípios, como Arcoverde e Cústódia, vêm investindo no aprimoramento de seus espetáculos, agregando um público cada vez maior de espectadores. O Jornal do Sertão traz como chamada de capa desta edição, um convênio assinado esse mês pela CODEVASF – Companhia de Desenvolvimento do Vale do São Francisco e do Parnaíba, que vai beneficiar 21 municípios com a implantação de sistemas simplificados de abastecimento de água e perfuração de poços tubulares, levando ações de segurança hídrica às zonas rurais da região. Ainda nesta edição o leitor poderá ver o fortalecimento do Sertão no cenário econômico do estado, com a implantação de uma unidade da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (FIEP), em Petrolina, uma estratégia para deslocar investimento industrial da capital para o interior, e dar suporte às industrias locais com a capacitação de pessoal. O principal município do Sertão Central de Pernambuco: Salgueiro, completa este mês 150 anos de emancipação política exaltando conquistas em várias frentes e com foco no desenvolvimento de políticas públicas e parcerias com outros setores, para fortalecimento da Linha da Rota do Desenvolvimento, privilegiada por sua localização logística, estratégica para aproximar a região sertaneja com as principais capitais do Nordeste. Essas e outras notícias de interesse, estão contidas em mais esta edição.

Antônio José Bezerra de Melo
Diretor

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
877
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal do Sertao 98 Abril 2014

  1. 1. Sertão de Pernambuco - Abril 2014 Ano VIII - Número 98 Codevasf leva segurança hídrica a áreas rurais de 21 municípios do Sertão - PE Um convênio assinado pela Companhia de Desenvolvimento dos Vale do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) vai contemplar os municípios com sistemas simplificados de abastecimento de água e perfuração de poços tubulares. Pags 3 Domingo na Orla, em Petrolina, comemora um ano Pág. 12 Esportes Turismo Fenagri divulga lista de cursos e minicursos Pág. 6 Agricultura Especial Cirurgião explica como ter sucesso na lipoaspiração Pág. 18 Salgueiro comemora 150 anos com entrega de obras Pág. 19 Aniversário Afrânio ganha unidade do IF-Sertão PE Pág. 13 Educação Divulgação Vale do Catimbau reúne trilhas e história indígena Pág. 31 Divulgação Divulgação
  2. 2. Corruptela do Idioma Brasileiro 2 A o reler um ar- tigo publicado, em 2004, por Marcio Contrim no Jornal do Com- mercio de Recife, eu cheguei a uma conclusão lamentável. O que imaginava ser a evo- lução do nosso idioma era, na verdade, uma deformação de termos e palavras latinas, gregas e tupis, provocada pela ignorância – no bom sentido – de quem as ouvia e usava sem cerimônia. Refiro-me aos portugue- ses mais pobres que para aqui vieram. Sem tempo para fre- desde 2006 Ano VIII Nº 98 Abril 2014 Antônio Bezerra de Melo Diretor Geral Fique por Dentro Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 A bril é o mês das grandes ence- nações teatrais da (Paixão de Cristo), temos observado a cada ano, que essas apresen- tações ganham dimensão em vários municípios do estado. Fazenda Nova, localizada no município de Brejo da Madre de Deus, no agreste pernam- bucano, tem servido como referência e estímulo a esse crescimento. Assim, outros municípios, como Arcoverde e Custódia, vêm investindo no aprimoramento de seus espe- táculos, agregando um públi- co cada vez maior de espec- tadores. O Jornal do Sertão traz como chamada de capa desta edição, um convênio assinado esse mês pela CO- DEVASF – Companhia de De- senvolvimento do Vale do São Francisco e do Parnaíba, que vai beneficiar 21 municípios com a implantação de siste- mas simplificados de abaste- cimento de água e perfuração de poços tubulares, levando ações de segurança hídrica às zonas rurais da região. Ainda nesta edição o leitor poderá ver o fortalecimento do Ser- tão no cenário econômico do estado, com a implantação de uma unidade da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (FIEP), em Pe- trolina, uma estratégia para deslocar investimento indus- trial da capital para o interior, e dar suporte às industrias locais com a capacitação de pessoal. O principal município do Sertão Central de Pernam- buco: Salgueiro, completa este mês 150 anos de emancipação política exaltando conquistas em várias frentes e com foco no desenvolvimento de polí- ticas públicas e parcerias com outros setores, para fortale- cimento da Linha da Rota do Desenvolvimento, privilegia- da por sua localização logís- tica, estratégica para aproxi- mar a região sertaneja com as principais capitais do Nordes- te. Essas e outras notícias de interesse, estão contidas em mais esta edição. quentar escolas, pensavam ter ouvido certo e saiam pronun- ciando várias palavras com a fonética errada, as quais se integraram ao idioma brasi- leiro. Por exemplo: a origem da palavra “freguês” é sinto- mática, pois é uma corruptela de “Filho da Igreja” quando pronunciada com rapidez, no sotaque dos imigrantes. Voando no tempo, chega- -se aos anos sessenta quando nos deparamos com a espe- tacular criatividade dos bra- sileiros ao batizarem um ae- roporto em Campinas/SP de “Viracopos”. Assim foi feito porque o aeroporto surgiu no bairro onde antigamente se localizava a zona do baixo me- retrício, lugar de bebedeira e baderna. Toda noite, mesas eram jogadas ao ar e copos virados nos conflitos que ali ocorriam. E como o brasilei- ro perde um amigo, mas não perde a piada, dizem que este “é o aeroporto predileto dos bebuns”. Agora, fuçando pela inter- net gostei de aprender que a frase “O Freguês Tem Sempre Razão” era usada, em Lon- José Artur Paes Vieira de Melo japvm@jornaldosertaope.com.br Observatório JS Divulgação Distribuição: Marcos Vasquez de Azevedo Fone (87) 9665-3535 Impressão: Plural Indústria Gráfica Fone (81) 3311-3201 - Suape - PE Tiragem: 10.000 exemplares Formato: 27 x 31 cm | 32 páginas Circulação: Sertão de Pernambuco | Arcoverde, Sertâ- nia, Custódia, Serra Talhada, São José do Egito, Afogados da Ingazeira, Floresta, Petrolândia, Salguei­ro, Ara- ripina, Petrolina, Triunfo, Sta. Cruz da Baixa Verde Recife | Governo do Estado - Assembléia Legislativa Secretarias de Estado | Brasília-DF | Ministério da In- tegração Nacional Distribuição gratuita Produtor Gráfico Daniel Sigal Depto. Financeiro financeiro@jornaldosertaope.com.br José Bezerra Colaboradores: Alberto Ursulino, Helena Conserva, Dárcio Rabêlo, Antônio Faria, Francys Maya, José Artur Paes Vieira de Melo, Isabella Linhares e Adalbério Mota. E-mail: jornaldosertaope@ jornaldosertaope.com.br www.facebook.com/Jornaldosertao O Jornal do Sertão é uma publicação mensal da Edicom Editora Comunicação Ltda. Av. João Gomes de Lucena, 4105 - Centro - Serra Talhada-PE Sucursal: Av. Caxangá, 205 sl. 903/904 - Fone (081) 3052.2719 Recife - Pernambuco Os textos, fotos ou ilustrações nos espa- ços das colunas são de inteira responsa- bilidade dos respectivos colaboradores. Editor Antonio@jornaldosertaope.com.br Antônio Jose Bezerra de Melo Redação redacao@jornaldosertaope.com.br Dayane Albuquerque Cinara Marques - DRT/PB1070 Depto. de Marketing marketing@jornaldosertaope.com.br Hélida Enes Contato Publicitário contato@jornaldosertaope.com.br dres, pelas Lojas Selfriege´s, desde 1886. Porém o melhor de tudo é sabermos que a mes- ma inspiração de respeito ao cliente levou uma “centenária” loja de tecidos pernambucana, as Casas José Araújo, a criar o slogan “Onde quem manda é o freguês”. Bem, as paginas do nosso Jornal do Sertão seriam insuficientes para abri- gar tantas sacadas. A última: Não beba só uma. Bebavárias. (Cerveja Bavária). Tuparetama festeja 52 anos Arcoverde vence V Prêmio Ecofuturo de Bibliotecas T uparetama, cidade loca- lizada no Sertão do Pajeú em Pernambuco, completou 52 anos no dia 11 de abril. Para festejar a data, a prefeitura preparou uma programação bem recheada, para todos os gostos, começando às 4h da manhã, só terminando na ma- drugada do dia 12. A festa começou com Alvo- rada musical com a Banda Fi- larmônica Paulo Rocha, come- çando pelo Bairro Bom Jesus e seguindo pelas demais ruas da A Biblioteca Pública Muni- cipal de Arcoverde é a ga- nhadora do V Prêmio Nacional Ecofuturo de Bibliotecas “Ler é Preciso”. Durante todo o ano de 2013, foram vivenciadas di- versas atividades direcionadas ao público em geral, tais como Leitura em Voz Alta, Culinária Nordestina, Férias na Biblio- teca, Sarau Literário, Leite e cidade. Logo após, houve um momento dedicado à saúde da população, com atividades fí- sicas na Academia da Cidade. Às 8h, a população já estava pronta para participar do 2º Passeio Ciclístico da Paz. Ainda pela manhã, o bolo gigante preparado para feste- jar o aniversário da cidade foi repartido com a população no pátio da Prefeitura Municipal. À tarde, teve uma partida de futebol entre as Seleções de Tuparetama e Carnaíba, no Es- Literatura, Mala Literária, Baú Literário, Dia Nacional da Lei- tura, Recital “Cem Anos com Vinícius”, Tenda Literária na Noite de Ninar, Oficina Leitu- ra Pública, Noite com Vinícius e Viajando com a Leitura. Todos esses projetos fize- ram parte da análise realizada pelo Instituto e, entre as 53 bibliotecas inscritas de todo tádio Lucena Chalega às 15h. À noite, teve sessão Sole- ne da Câmara de Vereadores, com Entrega de Títulos de Ci- dadão no Centro Recreativo Professor Rabêlo. Na sequên- cia, Encontro de Fanfarras das Escolas Municipais com saída da Academia da Cidade e apre- sentações no Pátio de Eventos. Para fechar as comemora- ções e encerrar a noite, anima- ram a cidade as bandas For- rozão das Antigas e Anjo Azul, também no Pátio de Eventos. o Brasil, Arcoverde recebeu a primeira colocação. Um acer- vo de livros, que será entregue, em maio, pelo Ecofuturo, foi a premiação. Arcoverde participa do Projeto desde 2012, quan- do foi conquistado o 3° lugar entre 52 participantes, com a “Biblioteca na Praça”, uma parceria da secretaria de Edu- cação e Esportes do município e da Associação Comercial de Arcoverde – ACA. O Instituto Ecofuturo con- templa projetos que incenti- vem a prática da leitura, pro- movendo a literatura e divul- gando a Lei 12.244/2010, que determina a implantação de bibliotecas em todas as escolas do país até o ano de 2020.
  3. 3. Divulgação 3Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 Seca Os sistemas coletivos de abastecimento de água serão implantados com recursos do Água para Todos Codevasf firma convênio com 21 municípios para levar ações de segurança hídrica a áreas rurais U m convênio assinado pela Com- panhia de Desenvolvimento dos Vale do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), nesse mês de abril, deve contemplar 21 municípios do Sertão pernambucano com sistemas simplifi- cados de abastecimento de água e per- furação de poços tubulares. Os termos de compromisso para a execução das obras, com transferência de encargos, e os convênios para a execução das ações foram assinados por gestores de todos os municípios beneficiados. Os sistemas coletivos de abaste- cimento de água estão avaliados em R$ 390 mil cada e serão implantados com recursos do programa Água para Todos, que é coordenado pelo Minis- tério da Integração Nacional (MI) e executado pela Codevasf em sua área de atuação. Os gestores dos municípios tam- bém receberão conjuntos de equipa- mentos agrícolas – avaliados em R$ 150 mil cada – compostos de patrol, caminhão pipa, caçamba e retroesca- vadeira. Os recursos são do Orçamento Geral da União e serão aplicados nes- sas ações por meio de emenda parla- mentar. O município de Verdejante, no Sertão Central, foi contemplado com um conjunto de máquina perfuratriz, compressor de ar e caminhão, para transporte e perfuração de poços profundos. Para o prefeito do município de Santa Filomena, cidade do Sertão do Araripe, Pedro Gildevan Melo, grande ganho para a população são as implan- tações dos sistemas de abastecimento de água. “São projetos importantes que chegam para beneficiar os moradores da zona rural, o nosso povo do campo”, assinalou. “São ações importantes para que possamos conviver melhor com o fe- nômeno da estiagem. A Codevasf tem um papel fundamental no desenvolvi- mento dessas obras de infraestrutura hídrica de poços, barragens, adutoras, e com elas poderemos conviver com a seca com menos traumas”, disse Luiz Carlos Gaudêncio, prefeito de Custó- dia, no Sertão do Moxotó. O prefeito de Serra Talhada, Lucia- no Duque, discursou em nome dos pre- feitos presentes, e a prefeita de Afrânio, Lúcia Mariano, assinou os termos de compromisso em nome dos gestores.
  4. 4. 4 Sertão ganha Centro de Educação Socioambiental Programa ensina alunos a reciclar e implantar hortas O Sertão de Pernambuco ganhou, no final do mês de março, o primeiro Centro de Educação Socioambiental (Ce- sac) da Companhia Pernambu- cana de Saneamento-Compesa, que tem o objetivo de sensibi- lizar os moradores da cidade onde foi instalado e de municí- pios vizinhos sobre as questões ambientais. A cidade contem- plada foi Arcoverde. Toda a estrutura do Cesac é sustentável e seu acesso é adaptado para pessoas com mobilidade reduzida. Há, ain- da, espaço multimídia e edu- cativo, auditório e uma sala U m Programa de Educa- ção Ambiental ideali- zado pela Unidade de Meio Ambiente da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e Parnaíba (Codevasf), em Petrolina, vem focando em reciclagem e im- plantação de hortas comunitá- rias com o objetivo de capaci- tar estudantes dos perímetros irrigados do município. A ini- ciativa conta com apoio do ór- gão federal, em Brasília. Projeto vai visitar 13 escolas em Petrolina No Centro, cidadãos terão acesso aos projetos de responsabilidade social da Compesa Divulgação Divulgação Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 Meio Ambiente para realização de oficinas. “Essa é uma obra diferente. Não se trata de adutora ou de um conjunto motobomba, mas de uma contribuição para mu- dar a sociedade. Se quisermos que as pessoas tenham uma consciência ambiental e usem os recursos de forma racional, temos que dar o exemplo”, pontuou o presidente da Com- pesa, Roberto Tavares. A expectativa é que o Cesac se torne uma referência em co- nhecimento sobre saneamento em Pernambuco. “A equipe social, inclusive, já está articu- lando e apresentando o Centro O trabalho utiliza vídeos com uma linguagem de fácil entendimento para que os es- tudantes percebam de forma simples como reciclar mate- riais plásticos, garrafas, obje- tos de metal e alumínio, entre outros. A palestra apresenta a im- portância de uma alimenta- ção saudável ao se consumir frutas, hortaliças, legumes e verduras, tudo feito com o aproveitamento de outros de Educação nas escolas, fa- culdades e na própria comu- nidade”, adiantou a assessora de Responsabilidade Social da Compesa, Fabíola Coelho. No acervo do centro, o ci- dadão terá acesso, ainda, aos projetos de responsabilidade social da Compesa, como o recolhimento de pilhas e bate- rias e a coleta de notas fiscais. A unidade fica na Rua Au- gusto Cavalcanti, número 513, Centro de Arcoverde, e é aber- ta ao público. O atendimento, porém, é feito mediante agen- damento de segunda a sábado, das 8h às 17h. alimentos que viram adubos orgânicos na atividade. Há também explicações sobre tipos de hortas e mostra que elas podem ser feitas tanto de forma horizontal como vertical. Os técnicos da Codevasf já visitaram a Escola Estadual Dom Avelar Brandão Vilela, em Petrolina, e a programação será realizada em 13 escolas do Perímetro Irrigado Senador Nilo Coelho.
  5. 5. 5 Salgueiro distribui Orelha de Elefante Mexicana para controlar a Cochonilha de Xarmim N o município de Salgueiro, cidade do Sertão Central de Pernambu- co, estão sendo implantados núcleos de pesquisa, produção e distribuição da palma Orelha de Elefante Mexicana, considerada resistente à Cochonilha de Xarmim e à estiagem. O principal objetivo da implantação dos núcleos é poder controlar a Cocho- nilha, um inseto que suga a seiva das palmas, podendo, também, introduzir vírus ou toxinas que destroem a planta utilizada como alimento para bovinos, caprinos e ovinos. “A Orelha de Elefante Mexicana é uma planta cactácea que suporta bem a seca e é própria para a nossa região”, explica o engenheiro agrônomo da Se- cretaria de Desenvolvimento Rural, Marcos Callou. Dez mil raquetes foram plantadas no Parque de Exposição da cidade e 15 mil foram distribuídas com os pequenos produtores, na área rural. A redistribui- ção da espécie, a partir de cinco pontos Agricultura Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 já existentes, instalados em 2012 e 2013, nas localidades de Camarinha, Feijão, Tamboril, Vassoura e Malhada Com- A secretaria municipal de agricultura quer disseminar a Orelha de Elefante através dos agricultores da região prida, deram origem, em 2014, a novos pontos em Contendas, Hipólito, Bezerra dos Lopes, Várzea do Ramo e Santana. Divulgação “Queremos disseminar a Orelha de Elefante a todos os agricultores da re- gião, a partir da abertura de um leque de distribuição, com cada agricultor repassando para outros dois ou três”, esclarece Marcos Callou. O agricultor que quiser ser be- neficiado pelo programa, precisa de uma indicação do Gabinete da Palma, conselho formado pelo Ins- tituto Agronômico de Pernambuco - IPA, Sindicatos, Associações, Se- cretaria de Desenvolvimento Rural e agricultores. Como contrapartida, é exigido, do agricultor, plantar, ze- lar, dar os tratos culturais necessá- rios e repassar a mesma quantidade recebida para outros produtores/ criadores. O programa de implantação dos núcleos para controle da Cochonilha é da Prefeitura de Salgueiro, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Rural e em parceria com o Instituto Agronômi- co de Pernambuco – IPA.
  6. 6. 6 Agricultura Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 Divulgação Projetos devem mudar o perfil socioeconômico da cadeia produtiva do mel no País Projetos buscam melhorar a produção de mel no País U m arranjo de pesquisa, desen- volvimento e inovação, estrutu- rado a partir de 23 projetos focando a abelha e seus produtos, envolvendo 16 instituições nas cinco regiões do País, liderado pela Embrapa Meio-Norte (Teresina, PI), acaba de ser aprova- do. O arranjo tem um orçamento de R$ 7,8 milhões para os próximos dez anos, com aporte dos recursos finan- ceiros feito pelo Tesouro Nacional. A líder é a pesquisadora Fábia de Mello Pereira. Com o título Conservação e Uso Sustentável dos Recursos Genéticos de Abelhas em Agroecossistemas e Impactos no Agronegócio Brasileiro, o arranjo vai trabalhar em 11 linhas temáticas. São elas: apicultura, meli- ponicultura, conservação de recursos genéticos, polinização, mapeamento de plantas com importância para as abelhas; além de melhoramento ge- nético, diversificação da produção, qualidade dos produtos apícolas, Fenagri 2014 divulga lista de seminários e minicursos J á estão divulgados no site da 25ª Feira Nacional da Agricultura Irri- gada (Fenagri) os minicursos e seminá- rios a serem ministrados nessa edição do evento, que acontecerá de 28 a 31 de maio deste ano no Centro de Convenções Senador Nilo Coelho. Esse ano, a feira aborda a produção em escala comer- cial de novas culturas agrícolas – como maçã, caqui, pera, pitaya, romã e figo. Os minicursos da Fenagri 2014 são cinco. Processamento de Frutas, Ela- boração Artesanal de Suco de Uva, Pro- cessamento de Leite, Processamento de Hortaliças e Produção de Aguarden- te de Frutas. Os interessados devem realizar as inscrições através do site: www.fenagri2014.com.br. Os minicur- sos serão ministrados gratuitamente pelo Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia do Sertão de Per- nambuco (IF Sertão-PE). mudanças climáticas e os efeitos so- bre as abelhas e organização da ca- deia produtiva. Já os seminários sobre novas fru- tíferas para o semiárido irrigado são sete. Principais resultados do projeto de pesquisa com fruteiras de clima tem- perado; O cultivo da macieira, pereira e caquizeiro no Sul do Brasil; Ocorrência e monitoramento de pragas nas cultu- ras da pereira, macieira e caquizeiro no Vale do São Francisco; Avaliação da qualidade pós-colheita das maçãs, pe- ras e caquis produzidos no Vale do São Francisco; Avaliação técnica e pers- pectivas do cultivo da macieira no Vale do São Francisco; Avaliação técnica e perspectivas do cultivo do caquizeiro no Vale do São Francisco; e Mercado e comercialização de maçãs, peras e ca- quis no Brasil. As inscrições podem ser feitas no local, Auditório do Senai. Segundo a coordenadora de Pesqui- sa e Inovação do IF Sertão–PE, Lucia- na Cavalcanti de Azevedo, os temas fo- Hoje, já incorporados a esse arran- jo, quatro projetos, dois planos de ação e três atividades estão sendo conduzi- dos pela Embrapa Meio-Norte. Os pro- jetos estudam as populações, conserva- ção de recursos genéticos e estratégias de manejo na entressafra para reduzir o abandono das colmeias pelas abe- lhas. Mais 16 projetos de instituições de pesquisa e ensino, como outras Uni- dades da Embrapa e universidades, de norte a sul do País, serão apresentados ao longo dos próximos dez anos. O conjunto de projetos, sem so- breposição de ações, na avaliação da pesquisadora Fábia de Mello Pereira, deve mudar o perfil socioeconômico da cadeia produtiva do mel no País. “Os projetos em execução e os que se- rão apresentados estão estruturadas nas demandas de conhecimento sobre conservação e criação de abelhas no Brasil, e do fortalecimento da atividade na agricultura familiar e no agronegó- cio”, ressaltou. Todas as informações geradas formarão uma base sólida de conhecimentos a serem usados nas so- luções tecnológicas para o setor. ram escolhidos mediante demanda ob- servada junto aos produtores rurais e a necessidade de implantação de novas tecnologias visando ao aproveitamento das frutas produzidas na região. Para o secretário municipal de Ci- ência e Tecnologia e coordenador do evento, Newton Matsumoto, os mini- cursos estão “em perfeita sintonia” com o foco principal desta Fenagri 2014. Ainda de acordo com o coordenador, o objetivo principal da feira é aumentar a eficiência das propriedades, ampliar as áreas e difundir as tecnologias para um número maior de produtores, viabili- zando assim a oferta de vários produ- tos em diferentes épocas do ano. Tradicionalmente, a Fenagri enfati- za as culturas da manga e uva de mesa do Vale do São Francisco, que respon- dem respectivamente por 85% e 98% das exportações brasileiras de frutas. Porém, esse ano resolveu fazer dife- rente, vai destacar o cultivo de espécies de climas subtropical e temperado, a exemplo da maçã que, em dezembro do ano passado, foi responsável por uma colheita de 40 toneladas com resulta- dos muito satisfatórios numa área de 0.4 hectares, localizada no Núcleo 3 do Perímetro Senador Nilo Coelho, zona rural de Petrolina. Considerado o maior evento da agricultura irrigada da América Latina, a Fenagri 2014 objetiva também a pro- moção e realização de negócios, trans- ferência de tecnologias e a divulgação, em todo o mundo, das potencialidades do Vale do São Francisco. A feira, que é uma realização da prefeitura, do Sin- dicato dos Trabalhadores Rurais de Pe- trolina e da Câmara de Fruticultura, vai ocupar uma área de 12 mil metros qua- drados com acesso livre ao público.
  7. 7. 7 Economia Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 Presidente da Fiepe, Jorge Côrte Real, diz que é necessário mudar o perfil da indústria pernambucana Divulgação Fiepe chega ao Sertão do São Francisco Salgueiro vai orientar empreendedores A partir desse mês de abril, sete cidades sertane- jas pernambucanas passam a contar com o apoio de uma unidade da Federação das Indústrias do Estado de Per- nambuco (Fiepe), denomina- da Unidade Regional Sertão do São Francisco. Instalada no município de Petrolina, no Centro de Convenções Sena- dor Nilo Coelho, vai beneficiar também as cidades de Afrânio, Cabrobó, Dormentes, Lagoa Grande, Orocó e Santa Maria da Boa Vista. A gora, no município de Salgueiro, Sertão de Pernambuco, os empre- endedores da cidade ou os que desejam empreender poderão contar um apoio do Núcleo de Fomento ao Empreendedoris- mo – Nufe, inaugurado no dia 15 de abril. A sede está localizada no mesmo prédio da Agência do Trabalho, na Rua Otávio A nova unidade, que faz parte da estratégia de inte- riorização da Fiepe, vai atuar no apoio às indústrias locais, através da oferta de serviços como capacitações, pesqui- sas, promoção comercial e internacionalização. É uma estratégia para deslocar o in- vestimento industrial da capi- tal para o interior. “Fizemos um levantamen- to do perfil da indústria local, temos consciência do viés da agroindústria da região e sa- bemos que é forte a construção Leitinho e vai orientar e acompanhar o empreendedor que esteja começando ou que queira ampliar seu negócio. Entre as atividades oferecidas pelo núcleo estão a qualificação empresa- rial e aperfeiçoamento profissional, o acesso a linhas de financiamento, atra- vés da Agefepe, e o apoio, divulgação e civil, indústria gráfica, de pol- pas de frutas e doces e viníco- las. Queremos ajudar nos pro- blemas existentes”, disse o Ge- rente da Unidade Regional do São Francisco, Glauber Araújo. Segundo o presidente da entidade, Jorge Côrte Real, é necessário mudar o perfil da indústria pernambucana. “Através do sistema Fiepe, queremos proporcionar to- das essas possibilidades, em termos de capacitação e expe- riências internacionais, para que os empresários, microem- car o apoio técnico para que a empresa progrida. “Da ideia à concretização, tem que ter os pés no chão”, disse. O espaço é resultado de uma parce- ria entre a Secretaria de Trabalho, Qua- lificação e Empreendedorismo - STQE, a Agência de Fomento do Estado de Per- nambuco – Agefepe e a Prefeitura. inscrição em eventos voltados para o empreendedorismo. Para o prefeito, o povo sertanejo tem boas ideias e é preciso acreditar nelas. “A gente quer que as ideias de vocês te- nham sucesso e deem bons resultados”, falou Marcones à plateia. Ele esclareceu, aos presentes, a importância de se bus- preendedores e trabalhadores melhorem sua produção e se modernizando.” Interiorização Para atender à região Agreste, a Federação das In- dústrias do Estado de Per- nambuco também se instalou em Caruaru, atendendo 19 municípios. De acordo com o presidente da entidade e depu- tado federal, Jorge Côrte Real (PTB), em breve, mais uma ci- dade será presenteada, Arari- pina, no Sertão do Araripe.
  8. 8. 8 Antonio Faria de Freitas Neto Advogado (antoniofaria@antoniofaria.com.br) Fone: (81) 3423-3695 | 3423-4976 Coluna Jurídica No rumo do desenvolvimento tecnológico, houve a promulgação da Lei 11.419/2006, a qual regula o processo eletrônico, permitindo, finalmente, a informatização dos processos judiciais em geral, seja de natureza civil, penal ou trabalhista, incluindo, ainda, a transmissão de peças proces- suais e as respectivas comunicações do processo – citação, intimação, notificação, etc. – por meio eletrônico, logica- mente estas últimas com algumas ressalvas e exceções. Neste sentido, haverá o cadastramento de todos os ope- radores de Direito que possam atuar junto aos processos ele- trônicos, num cadastro centralizador a ser criado pelo Poder Judiciário, permitindo-os o envio de todas as peças proces- suais de forma eletrônica. Ainda, haverá a será desenvolvi- do um Diário da Justiça virtual, onde suas publicações via internet terão a mesma natureza e eficácia do Diário Oficial físico, sendo adotadas a ele a mesma regra processual atual, no que concerne à sua forma e validade. Assim, a remessa e cumprimento de uma citação, intima- ção, carta precatória, carta rogatória, inclusive correspon- dências a outros Órgão e Poderes, será efetivada de forma eletrônica, o que agilizará sobremaneira as infindáveis dili- gências processuais. Não obstante os juízes devam dar pre- ferência aos meios eletrônicos, poderão excepcionalmente determinar a prática de qualquer ato processual por outro meio, máxime quando aquela forma puder causar prejuízo às partes ou quando houver tentativa de violação ao próprio sistema eletrônico. Os operadores de Direito deverão digitalizar e enviar suas peças diretamente ao Poder Judiciário, mas cabe a este manter equipamentos de digitalização e de acesso à rede mundial de computadores à disposição de todo e qualquer interessado, até como forma a se permitir o amplo acesso ao judiciário, com os meios e recursos a ele inerentes, na forma determinada pela Carta Política de 1988. Por conta da possibilidade de argüição de falsidade dos documentos eletrônicos enviados, o seu detentor deverá preservar o documento físico em seu poder, até o trânsito em julgado da sentença ou, quando admitida, até o final do prazo para interposição de ação rescisória. Assim, a intenção legislativa é louvável e certamente trará bons resultados no que tange à agilização dos procedimen- tos do Judiciário, além da própria significativa redução de despesas de material de escritório, custeio e armazenamento dos milhares e milhares de processos existentes neste Poder. O PROCESSO ELETRÔNICO Os empregos, diretos e indiretos, aumentaram em 7,5% Divulgação O s 26 perímetros irriga- dos que a Companhia de Desenvolvimento dos Va- les do São Francisco e do Pa- ranaíba (Codevasf) possui na bacia hidrográfica do rio São Francisco alcançaram R$ 1,72 bilhão em valor bruto de pro- dução (VBP) em 2013 – um crescimento real de 14% em relação a 2012, quando o VBP registrado foi de R$ 1,5 bilhão. Em 2013, os investimentos so- maram R$ 110 milhões; outros R$ 97,3 milhões serão aplica- dos nos perímetros até o fim de 2014. Os dados foram apresen- tados nesse mês de abril, logo após ser finalizado o balanço de produção do ano passado. De acordo com o balanço, o valor bruto da produção de caráter familiar dos períme- tros corresponde a 42% desse resultado. “Esse aumento de produ- ção deve-se a um conjunto de fatores relacionados aos in- vestimentos que estão sendo feitos e também ao expertise dos produtores. Com o PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), a Codevasf tem investido firmemente nos pe- rímetros, tanto em recupera- ção e modernização de infra- estrutura quanto em assistên- cia técnica”, explica o diretor de irrigação da Codevasf, José Solon de Oliveira Braga Filho. Quanto aos empregos diretos e indiretos manti- dos em torno da produção dos perímetros, o aumen- to registrado foi de 7,5%. A Companhia estima em 91 mil o número de empregos diretos mantidos nas áreas irrigadas em 2013, e em 136 mil o de empregos indiretos. Em 2012, esses números fo- ram respectivamente 84,6 e 126,9 mil. O produtor Onailton Bar- bosa da Silva cultiva banana e goiaba em seis hectares do perímetro Salitre, localizado em Juazeiro (BA). “Na última safra de goiaba colhemos três mil caixas, de 27 kg cada – fo- ram mais de 80 toneladas. A próxima colheita deve aconte- cer em meados de junho e te- mos expectativas de superar o último resultado, porque sem- pre aperfeiçoamos alguma coi- sa”, afirma Silva, que é casado e pai de dois filhos. Codevasf coordena e man- tém a infraestrutura de uso comum dos sistemas de irriga- ção e provê assistência técnica e treinamento aos produtores, além de ceder estrategicamen- te máquinas e implementos que impulsionam o desenvol- vimento das áreas irrigadas. Codevasf aumenta produção em 14% Economia Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98
  9. 9. 9Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 Idosos tiram carteira municipal em Petrolina Sertão Central recebe ações da cidadania Cidadania N o município de Petrolina, no Ser- tão de Pernambuco, já é possível utilizar os serviços de retirada de car- teira municipal e interestadual de ido- sos e fazer a renovação dos documen- tos. Os procedimentos são gratuitos e podem ser realizados ao longo do ano. A Carteira do Idoso é o instrumento de comprovação para que o idoso tenha acesso gratuito ou desconto de, no mí- nimo, 50% no valor das passagens in- terestaduais, de acordo com o Estatuto do Idoso (Lei nº 10.741/03). Para ter direito às carteirinhas, é necessário ter a partir de 60 anos e renda de até dois salários mínimos. A partir dos 65 anos, o idoso não precisa mais apresentar as carteirinhas, apenas o documento de identidade, que terá um carimbo comprovando sua idade. A carteira é renovada anualmente após a data de aniversário do idoso. Em Petrolina, a emissão está sendo feita na Secretaria de Cidadania, si- tuada na Rua Valério Pereira, nº 515, Centro. O horário de atendimento é de segunda a sexta, de 7 à 13h. A carteira interestadual, utilizada para desloca- mento gratuito entre estados, é reno- vada a cada dois anos na Setranvasf. Para retirar o documento, é neces- sário cópias e originais do RG, CPF, comprovantes de residência e de ren- da, além de uma foto 3x4. Para a cartei- rinha interestadual não é preciso levar a foto e para a renovação é preciso levar apenas o RG. A Carteira do Idoso traz informa- ções de identificação do idoso e do município em que ele mora e o Núme- ro de Identificação Social (NIS), além da foto. O benefício da gratuidade e o desconto no valor das passagens inte- restaduais aos idosos nos transportes rodoviário, ferroviário e aquaviário é um direito assegurado pelo Estatuto do Idoso, de 2003. Atualmente, os ido- sos com comprovante de renda já têm acesso a descontos ou gratuidade em viagens interestaduais. N esse mês de abril, oito cidades do Sertão Central de Pernambuco fo- ram beneficiadas com a Semana de Di- reitos Humanos. A população dos muni- cípios de Salgueiro, Cedro, Parnamirim, São José do Belmonte, Terra Nova, Mi- randiba, Verdejante e Serrita contaram com mutirão de documentos; encontro com lideranças do Quilombo Conceição das Crioulas; oficina de saúde e cidada- nia e Concurso de Talentos, para o públi- co LGBT; orientações sobre Notificação de Violência contra o idoso; e capacita- ção de professores da rede pública sobre atendimento a crianças com deficiência. Também foi realizada a exposição itinerante “A verdade da Repressão, a Memória da Resistência” no município de Salgueiro. A mostra foi da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República e trouxe memórias impor- tantes dos 50 anos do Golpe Militar. Já passou por Garanhuns, no Agreste do Estado e vai percorrer as cidades de Pe- trolina, Triunfo, Caruaru e Recife. Fechando as atividades das sema- nas aconteceu o Seminário Regional “Direitos Humanos e Democracia”, momento de troca de experiências entre os municípios. E a Feira de Ci- dadania, que ofereceu serviços como vacinação contra HPV e distribuição de preservativos; panfletagem sobre vio- lência doméstica; atendimento jurídico gratuito; oficina de reciclagem de lixo e corte de cabelo. O evento teve como público alvo gestores, profissionais de saúde e edu- cação, estudantes, idosos, população LGBT, pessoas com deficiência. A cara- vana já percorreu o Araripe e o Agreste Meridional, sendo promovida pela Se- cretaria de Desenvolvimento social e Direitos Humanos, SEDSDH, através da Secretaria Executiva de Justiça e Direitos Humanos, SEJUDH. Até Se- tembro, chegará a todas as Regiões do estado. No ano passado, as atividades atingiram 37.330 pessoas em 120 mu- nicípios.
  10. 10. 10 Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 FORRÓ VIP Alcymar Monteiro, a grande atração da melhor prévia junina de Arcoverde, dia 17 de maio, no Esporte Clube FENÔMENO Valdinho Paes, grande talento forrozeiro, promete deixar o dancing lotado durante sua apresentação no Forró VIP VICTORIA Thaís, a nova empresária da moda de Arcoverde esbanjando estilo EMPRESÁRIA Iara Lima da Kianda Comunicação GENTE FELIZ Os empresários Hélio e Meire, recepcionando o casal Sérgio e Simone Gonçalves, durante inauguração das Óticas Diniz em Arcoverde ELEGANTES A prefeita Madalena Brito e Teresa Kerhle na inauguração das Óticas Diniz MISS GARANHUNS Eunice Samara irá representar Garanhuns na 59ª edição do concurso Miss Pernambuco, que acontecerá no dia 17 de maio, em Caruaru
  11. 11. Dárcio Rabélo darciorabelo@hotmail.com 87 9159.3661 “Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta às mudanças”. Charles Darwin 11Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 SÃO JOÃO DE ARCOVERDE O lançamento do São João 2014 de Arcoverde só vai acontecer no co- meço de maio, em Recife, em data e local a serem definidos pela prefeitu- ra, numa coletiva com a imprensa da Capital e do Interior. Este ano, o sub- -tema da festa é Luz, câmera, ação - O cinema vai passar no melhor São João do Nordeste!, é uma homenagem ao Cinema Rio Branco, o mais antigo em funcionamento da América Latina. Quanto ao sub-tema, a vila cenográfi- ca da Praça Winston Siqueira e Sena- dinho trarão adereços que remontam aos grandes astros da Sétima Arte dos anos 20, 30 e 40, tudo desenvolvido pelo artista plástico Suedson Neiva. O Portal www.darciorabelo.com. br revelou em primeiríssima mão al- gumas atrações da festa: Garota Safa- da, Arreio de Ouro, Bruno e Marrone, Fafá de Belém, Gabriel Diniz e Banda Magníficos. Outra novidade revelada pela pró- pria prefeita Madalena Brito ao colu- nista Dárcio Rabelo é que este ano o São João não terá o “Camarote Oficial da PMA. O espaço ficará para o maior patrocinador da festa que deverá ser uma cervejaria. O São João de Arcoverde acontece de 19 à 28 de junho. O FORRÓ VIP COM ALCYMAR MONTEIRO O Forró ViP, a mais badalada fes- ta junina de clube de Arcoverde, terá como atração Alcymar Monteiro - considerado um dos grandes intérpre- tes da música nordestina, mais especi- ficamente do Forró tradicional, sendo conhecido como o Rei do Forró e mais um super show de Valdinho Paes jo- vem talento que faz o maior sucesso nas rádios da região. O Forró VIP comemora este ano 14 de anos de festa ininterrupta, sem nunca ter repetido alguma atração. O evento sempre valoriza os grandes nomes da cultura nordestina e suas canções. A festa, considerada a mais bonita e tradicional do calendário so- cial junina de Arcoverde, terá serviço de buffet para os convidados e uma decoração sempre impecável assina- da por Willianderson Alves e Dark Rabêlo. As reservas de mesas podem ser feitas pelo telefone 9159-3661 LUGAR DE GENTE FELIZ O casal de empresários, Hélio Al- ves e Meire Feitosa, receberam, em grande estilo, convidados para a inau- guração da Ótica Diniz em Arcoverde. A noite foi animada pelos músicos Alexandre Revoredo e Zezinho e com serviço impecável do Chalé Recepções. A ótica fica na Av. Antônio Japiassú, 430, no centro. No mais, a abertura teve a presença da prefeita Madalena Brito, Teresa Kehrle, Alvanir Correia, Saullo Paes, Luciana Brito, Romero Mendes, Wellington e Jaqueline Nir- landy, Caio Camelo, Mariana Freire entre outros Vips. GARDEN É GARDEN Nossa querida amiga Jucy Araújo, depois de garimpar peças maravilho- sas para sua Boutique Garden em Belo Horizonte, escolheu o final da tarde para realizar o lançamento de sua co- leção inverno 2014. A festa rolou na loja, na Avenida Antônio Japiassu, onde Jucy recebeu seus convidados. ARCOVERDE PREPARA FESTA DA MISERICÓRDIA O município de Arcoverde reali- zou entre os dias 24 a 27 de abril, a décima edição da Festa da Misericór- dia, no Santuário da Divina Miseri- córdia na Serra das Varas. O evento contou com a presença de Dom José Luiz, Bispo da Diocese de Pesqueira durante a Missa no domingo (27), transmitida ao vivo para todo o Bra- sil, através da Rede Vida de Televi- são. Essa foi a primeira transmissão de uma missa ao vivo diretamente do Sertão, para um público estima- do em 10 milhões de telespectadores em todo o Brasil. Na celebração hou- ve uma homenagem aos papas João Paulo II e João XXIII, feita pela Co- munidade Christo´s.
  12. 12. DivulgaçãoDivulgação 12 Por Francys Maya - E-mail francysmaya@hotmail.com Sertão Esportivo Domingo na Orla comemora um ano com corrida N o final do mês de mar- ço, no município de Petrolina, foi comemorado um ano do projeto Domin- go na Orla. Para festejar a data, a prefeitura organizou a Corrida da Integração, que teve 250 inscritos percor- rendo 5KM saindo da Porta do Rio, num circuito pela extensão da orla. O primeiro lugar ficou com a equipe do Colégio Dom Bosco, da Equipe do professor Zezé. O segun- do lugar foi para o colégio Nossa Senhora Auxiliado- ra, através da equipe do professor Edvaldo. Já o ter- ceiro lugar, para o Sesc, com a equipe de professora Eveline. Dentro da programação das comemorações também aconteceram dois campeona- tos: um de Xadrez, no Sesi, com 50 participantes inscritos e a Maratona Aquática, que aconteceu no Centro de Es- Sete contra um Com 8 equipes, começa neste mês de abril mais uma edi- ção do campeonato serra-talhadense. Sete clubes vão tentar mais um titulo do São Paulo da COHAB que levantou o cane- co no ano passado! 12ª edição Copa dos Bairros A Associação Afogadense de Futebol (AAF) confirmou a 12ª Copa Valério dos Bairros, Troféu: Expedito Vieira (O Amigão). Mangueirão, Bangu, Juventude, Esporte São Braz, Nacional, Ferroviário, Nova Geração, Flamengo, Juventude, Avai, Ponte Preta, Esporte Cristal, Palmeirinha, Sobreirinha e São Paulo vão correr atrás da bola. O campeonato está pre- visto para começar no dia 11 de maio, na Toca do Galo. Em Quixaba a bola pesada também rola O II Campeonato Intermunicipal de Futsal de Veteranos conta com a participação de equipes de Carnaíba, Quixaba, Flores, Manaíra e Princesa Isabel. Os jogos estão acontecen- do todos os sábados no Ginásio de Esportes do Bairro São Sebastião. Estádio reabre as portas O Estádio Francisco Pereira, em São José do Egito, rea- briu suas portas com o Campeonato Egipciense de Futebol. O estádio estava praticamente sem atividades esportivas desde 2011, tudo por conta da situação precária do gramado que vinha sendo castigado pela seca e falta d’água. Foi o trabalho incansável da equipe da secretaria de cultura, turismo e es- porte que recuperou praticamente todo o gramado do está- dio que deverá receber 31 partidas do campeonato deste ano, e ainda duas outras competições estão programadas para o segundo semestre, além de alguns eventos como peneiras, amistosos entre outros. I Copa Beneficente Escolar de Futsal foi um sucesso A I Copa Beneficente Escolar de Futsal, nas categorias pré-mirim, mirim e infantil, aconteceu, no Ginásio Pole Es- portivo de Serra Talhada. A competição foi idealizada e orga- nizada pelo Professor Robério Duarte, em conjunto com os professores de Educação Física de Serra Talhada e teve um caráter beneficente, objetivando arrecadar alimentos para o Centro Espírita Cícero. Foram arrecadados 310 (trezentos e dez) quilos de alimentos. Participaram da competição as escolas: Escola Irmã Elizabeth, Irnéro Ignácio, Colégio de Aplicação, Imaculada, Methódio de Godoy Lima, Cornélio soares, Cônego Torres, Solidônio, Nova Geração, Manoel Pereira Lins, Clóvis Nogueira, Erempac e Antonio Timóteo, com um total de 316 alunos das referidas escolas. 2ª Copa Rural Sertamol de Futebol de Flores A Secretaria de Esportes do Município vem realizando a 2ª edição da Copa Rural Sertamol de Futebol. As partidas es- tão sendo realizadas em todas as localidades da zona rural de Flores. Foram inscritas 15 equipes, divididas em dois grupos, que representam todas as regiões do município. Corrida superou expectativas da Secretaria de Esportes com 250 inscritos porte e lazer, com 120 compe- tidores. O Domingo na Orla foi ide- alizado pela Prefeitura Muni- cipal de Petrolina, através da Secretaria de Esportes. Em um ano conquistou pessoas de todas as idades e deve ser am- pliado nos próximos meses. Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 Esportes “O Projeto Domingo na Orla é uma oportunidade de uma manhã cheia de lazer, onde se reencontra amigos e a família toda pode estar reunida se divertido, afinal , temos ati- vidades para todas as idades,” comemora o secretário executi- vo de Esportes, Brito Junior. E m Serra Talhada, as mães que procuram os polos para realizarem exercícios de ginástica e precisam levar os filhos, agora podem ficar mais despreocupadas. A Secretaria de Esportes vem realizando, além das ati- vidades físicas para as mora- doras dos bairros, recreação para a criançada. O objetivo é que a mães não desanimem ou abandonem a prática dos exercícios. De acordo com a secretá- ria de Esportes do Município, Vânia Melo, a iniciativa de ocupar as crianças foi tomada porque as mães levavam os seus filhos por não terem com quem deixá-los e, muitas vezes as crianças interferiam na prá- tica dos exercícios. “Muitas vezes as mães pre- cisavam se retirar no meio da Ação também estimula a atividade física na criançada aula, aí então criamos a alter- nativa de inserir no projeto atividades recreativas para essas crianças, ocupando o seu tempo e deixando a mãe mais a vontade para os exer- Serra Talhada oferece recreação para crianças cícios, além de que, criamos um ambiente mais agradável onde mães e filhos se divertem e cuidam da sua saúde”, decla- rou a secretária de Esportes do Município.
  13. 13. Divulgação 13 Educação Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 UPE abre vestibular para cursos à distância Afrânio vai ganhar Unidade de Referência do IF-Sertão PE N esse mês de abril, foi entregue ao Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Sertão de Per- nambuco (IF-Sertão PE) o prédio para sediar a Unidade de Referência do Ins- tituto no município de Afrânio, cidade do Sertão do São Francisco. O espaço foi cedido pela prefeitura. Inicialmente, no município, se- rão ofertados os cursos de Zootecnia, Agroindústria e Informática, no âmbi- to do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec), voltados a estudantes que concluíram o ensino médio. “É um prazer e uma alegria receber o IF Sertão-PE em Afrânio. A cidade vai dar um salto de desenvolvimento atra- vés da educação dos nossos jovens”, afirmou Maria Lúcia Mariano, prefeita de Afrânio. “Nossa intenção é transformar a Unidade de Referência em um cam- pus avançado do Instituto. Com estes A Universidade de Pernambuco (UPE) está com inscrições abertas do vestibular para cursos de educação à distância abertas até o dia 7 de maio. Os interessados em concorrer a uma vaga devem se inscrever pela internet atra- vés do site (http://processodeingresso. cursos, estamos começando a criar as condições para isso tornar-se reali- dade”, declarou a diretora do campus Petrolina Zona Rural (responsável pela unidade em Afrânio), Jane Perez. São 130 vagas, com seleção realiza- da por meio do Sistema de Seleção Uni- ficada da Educação Profissional e Tec- nológica (Sisutec), para candidatos que prestaram o Exame Nacional de En- sino Médio (Enem). No entanto, caso haja vagas remanescentes, qualquer interessado poderá se inscrever, desde que tenha concluído o Ensino Médio. Outras informações podem ser ob- tidas na Unidade de Referência do IF Sertão-PE em Afrânio (Avenida Dom Malan, s/n, Centro), por meio da Se- cretaria de Educação do município ou pelo telefone (87) 8804 9667. Paralelamente ao ato da doação do terreno uma comitiva formada pelo reitor Ivaldo José da Silva, pelo pró- -reitor de Ensino Adelmo Santana e por diretores do IF Sertão-PE visitou o local para conhecer a infraestrutura, em companhia da prefeita de Afrânio, upe.pe.gov.br/). A taxa de inscrição custa R$ 100. Os cursos são distribu- ídos em oito polos: Floresta, Ouricuri, Surubim, Tabira, Palmares, Santa Cruz do Capibaribe, Afrânio e Cabrobó. Estão sendo disponibilizadas 830 va- gas, distribuídas para os cursos de licen- ciatura à distância em letras-português (262), licenciatura à distância em peda- gogia (333), licenciatura à distância em ciências biológicas (195) e bacharelado à distância em administração pública (40). As provas, que acontecem em única etapa no dia 8 de junho, serão compos- tas por redação e 50 questões distribuí- das da seguinte forma: 10 questões para língua portuguesa e matemática, quatro para física, química, biologia, geografia, língua estrangeira (inglês ou espanhol) e história, além de três questões de filo- sofia e sociologia. Prefeita de Afrânio (ao meio) recebe comitiva do IF-Sertão PE para doar espaço cedido à Instituição Maria Lúcia Mariano, e da secretária municipal de educação, Maria das Do- res Souza.
  14. 14. 14 Por Helena Conserva E-mail hconserva@gd.com.br blog: http://escrevehelena.blogspot.com Programação do II Clisertão recheada de Literatura Educação Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 Óleo sobre tela – A jornada de Lampião e Maria Bonita O II Clisertão, que tem como objetivo fomen- tar a produção literária em todas as Macroregiões do Estado, democratizando o acesso ao livro e promoven- do a distribuição e circulação da literatura contemporânea pernambucana, já divulgou a programação. Entre os dias 5 e 10 de maio, acontecerão em diversos lugares de Petroli- na debates, mesas redondas, apresentação de trabalhos, re- citais, atividades de mediação de leitura, minicursos e pocket shows. Durante cinco dias, será uma média de 80 horas de atividades acadêmicas e de fruição/vivência. O Clisertão receberá cerca de 60 convi- dados, entre eles 7 interna- cionais. Durante o Congresso, serão apresentados cento e vinte seis trabalhos, com te- mas divididos por eixos, como democratização do acesso ao livro. Os participantes virão de vários estados do Brasil, entre eles, Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Alago- as, São Paulo e Sergipe. Estima-se para esta edição um público de 18 mil pessoas, com um impacto em pelo me- nos cinco cidades da região do Sertão do São Francisco. “É mais uma ação que se con- solida e que demonstra nossa preocupação com a interiori- zação das ações do Governo do Estado e que integra a fruição cultural com o debate acadê- mico”, esclarece o Secretário de Cultura, Marcelo Canuto. No evento, estão previstas discussões em torno de políti- cas públicas para a construção de Planos Municipais do Livro, Leitura e Literatura. Também farão parte do debate os escrito- res da região. O intuito é desco- brir os gargalos da cadeia cria- tiva e alternativas de produção. O congresso também pre- tende aprofundar as discus- sões sobre a desconstrução do imaginário do sertão que a literatura ajudou a cristalizar, mas que não refletem total- mente a realidade da região. Temas como o letramento na formação de professores e a relação entre discurso e litera- tura, com perfil mais acadêmi- co, também serão abordados. Esse ano, o Clisertão ho- menageia o cordelista e xilo- gravador J. Borges e o escri- tor petrolinense Antônio de Santana Padilha. J. Borges dividirá a mesa com Bacaro e Abraão Batista. Ele falará dos tempos de venda de cordéis nas feiras livres. O escritor e professor angolano Abreu Paxe e o poeta português Luís Serguilha conversam sobre o mito da lusofonia. Andreia Joana Silva, por- tuguesa radicada da França, onde trabalha como editora de um selo cartoneiro, que faz o sertão está em toda parte, o sertão está dentro da gente. João Guimarães Rosa Osertão é a inspiração do jovem pintor baiano Eduardo Lima, que pouco sabe sobre a vida de Virgolino Ferreira, mas como suscitou o escritor Gui- marães Rosa, “o Sertão está em toda parte” e assim, na produção de Eduardo, o cangaceiro aparece lendo li- vros para os pássaros, protegendo a terra, desfrutando da natureza, cuidando da família. Essa releitura imagética apresenta um sertão colo- rido, feliz, quase perfeito, quase um paraíso. O olhar infantil fingindo valentia dos personagens dessa tela encantou essa colunista que solicitou do pintor a repli- ca. Ele aceitou o desafio. Confira outros trabalhos de Eduardo Lima com a temática do sertão: https://www.facebook.com/pa- ges/Eduardo-lima/610609582322935?ref=hl ● II Clisertão - Congresso do Livro, Leitura e Literatura no Sertão ● 5 a 10 de maio ● UPE – Campus Petrolina, Biblioteca Municipal de Petrolina e escolas da região ● Informações: (81)3184- 3166/(87) 3866-6470 ● www.clisertão2014.com Serviço livros artesanais com capas de papelão, discute com Ni- valdo Tenório (selo u-Carbu- reto, Garanhuns) e Patrícia Vasconcelos (Caleidoscópio Editora, Lagoa do Carro) mo- delos alternativos de editora- ção e autopublicação. O Clisertão abrigará ainda uma oficina literária com o es- critor Marcelino Freire. Entre as atrações músico-literárias, os irmãos Maciel, Maviael e Marcone Melo farão apresen- tação na noite de abertura. O músico José Paes Lira, Lirinha, realiza recital multimídia e a programação na Universidade é encerrada com uma cantoria de viola com Adiel Luna e Da- mião Enésio, Francinaldo Oli- veira e José Oliveira. No sábado à tarde acontece uma apresentação do Samba de Véio, na Ilha do Massanga- no. À noite, o congresso se en- cerra para a sociedade com o Forro-livro, um show com Nil- ton Freitas e Orquestra Sanfô- nica, com edição especial dos Livros Livres. * Helena Conserva é Professora e Jornalista
  15. 15. 15 Inscrições para BNB até 8 de maio Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 Concurso Divulgação E stão abertas até o dia 8 de maio as inscrições para o concurso do Banco do Nordeste (BNB). São 12 vagas para o car- go de analista bancário 1, nível médio. A remuneração inicial é de R$ 2.043,36 para uma jor- nada de 30 horas semanais. Os aprovados também terão direi- to a benefícios como Auxílio- -Refeição, Auxílio Cesta de Ali- mentação, e Auxílio-Creche. IF-Sertão com inscrições até 1º de maio E stão abertas até o dia 1º de maio as inscrições do concurso público para pro- fessores do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico (EBTT) do Instituto Federal de Edu- cação, Ciência e Tecnologia do Sertão de Pernambuco (IF- -Sertão PE). A seleção é destinada ao preenchimento de 34 vagas do quadro permanente da insti- tuição, em regime de 40 horas semanais e dedicação exclusi- va, distribuídas entre os campi Petrolina, Petrolina Zona Ru- ral, Salgueiro, Floresta, Ouri- curi, Santa Maria da Boa Vista e Serra Talhada. Para participar da seleção, os candidatos deverão acessar o endereço eletrônico http:// concurso.ifsertao-pe.edu.br/ copese, preencher a ficha de inscrição online e em seguida efetuar o pagamento da Guia de Recolhimento da União (GRU), no valor de R$ 100. O prazo para pedidos de isenção já encerrou. O processo seletivo envol- verá a realização de provas e avaliação de títulos, com eta- pas de caráter eliminatório e classificatório. O resultado fi- nal será divulgado a partir do dia 17 de junho e a validade do concurso é de um ano, poden- do ser prorrogado por igual período. Mais informações podem ser obtidas pelos telefones (87) 2101-2372 e 2101-2373 ou através do e-mail comis- sao.concurso@ifsertao-pe. edu.br. A prova escrita objetiva será realizada em 34 municípios brasileiros, no dia 08 de junho, das 13h às 17h. Em Pernambu- co, as provas serão aplicadas em Garanhuns, Petrolina, Re- cife e Salgueiro. Também há vagas para os estados de Alago- as, Bahia, Ceará, Espírito San- to, Maranhão, Minas Gerais, Paraíbas, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe. A convocação dos candidatos aprovados no concurso ocor- rerá de acordo com as necessi- dades de provi- mento de vagas e as disposi- ções normati- vas internas da instituição. Na c o n v o c a ç ã o para a posse, o candidato que não aceitar ser empossado na cidade indica- da pelo Banco do Nordeste para sua lotação, pertencente ao Polo de Classificação para o qual optou, terá seu nome excluído desse Polo, perma- necendo na lista de Classifi- cação por Estado e na lista de Classificação Geral para o cargo. As inscrições devem ser feitas pela Internet, através do site www.fgv.br/fgvprojetos/ concursos. A taxa é de R$ 60. O Prazo de validade do con- curso é de dois anos a contar da data da publicação do re- sultado final no Diário Oficial da União, a exclusivo critério do BNB ser prorrogado por igual período. O edital está disponível no endereço eletrônico www. fgv.br/fgvprojetos/concursos/ bancodonordeste.
  16. 16. 18 Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 Cuidado com as Chuvas! Cuidado com a Leptospirose! Divulgação Divulgação Dr. Joaquim Figueiredo, cirurgião Dra. Bianca Parente, Pediatra Especial Cirurgião explica como ter sucesso com a lipoaspiração I ncômodos comuns de grande parte das mulheres, as indesejáveis gor- durinhas localizadas e a flacidez dão a maior dor de cabeça. Algumas optam pelos exercícios físicos. Outras (e esse número vem crescendo cada vez mais) escolhem fazer uma cirurgia de lipoas- piração. Para entender o que é, como funciona e os cuidados que os pacien- tes devem tomar para ter sucesso com a lipoaspiração, o Jornal do Sertão conversou com o cirurgião plástico Jo- aquim Figueiredo, do Hospital São Vi- cente, em Serra Talhada. A lipoaspiração é um procedimento cirúrgico com a finalidade de modelar e esculpir o corpo com a retirada de gor- duras localizadas em qualquer parte do corpo. Joaquim alerta para a diferença entre lipoaspiração e lipoescultura. A lipoaspiração não reutiliza a gordura retirada para preenchimento em ou- tras partes do corpo. Já a lipoescultura tem esse objetivo. Qualquer pessoa saudável, acima de 17 anos, pode fazer a cirurgia de li- poaspiração. No entanto, quem mais tem procurado o cirurgião plástico O que é a leptospirose? É uma doença infecciosa aguda que infecta naturalmente animais do- mésticos e selvagens como cães, bovi- nos, eqüinos, suínos e, principalmente, o famoso rato de esgoto além dos ratos de telhado, ratazanas e camundongos. A doença é causada por uma bactéria que recebe o nome de Leptospira e sua pe- culiaridade reside no fato de sua elimi- nação se dar sempre pela urina dos ani- mais onde ela passou a habitar. Durante os períodos de chuva, a urina dos ratos mistura-se à lama e à enxurrada, logo qualquer adulto ou criança que tenha contato com essa lama ou água pode se infectar com a Leptospira. Esgotos, rios e lagoa, assim como também terrenos baldios também podem ser fontes de contagio para o ser humano. A Leptos- pira penetra através da pele e de muco- sas (olhos, nariz, boca) ou através da in- gestão de água e alimentos contamina- dos. A presença de pequenos ferimentos na pele facilita a penetração, que pode Joaquim Figueiredo para rea- lizar o procedimento são mu- lheres com idade média de 25 anos. “Mas os homens não fi- cam atrás, também tenho sito bastante procurado por eles”, afirma o cirurgião. Para quem deseja retirar as gorduras localizadas através de procedimento cirúrgico, Jo- aquim Figueiredo orienta que o paciente deve, primeiramen- te, procurar um especialista, o qual vai explicar tudo sobre os procedimentos e solicitar todos os exames para, estando tudo bem com a sua saúde, au- torizar a cirurgia. “O paciente com anemia e com o colesterol alto, por exemplo, não são autorizados a fazerem o procedimento cirúrgico”, explica Figueiredo. “É ne- cessário fazer uma média de 15 exames para verificar o estado de saúde do pa- ciente, para ver se ele está apto ao pro- cedimento”, complementa. Realizada a lipoaspiração, o pacien- te precisa seguir todas as orientações ocorrer também através da pele íntegra, quando a exposição é prolongada. Quais os sintomas principais da doença? São febre, dor de cabeça, dores pelo corpo, parecendo uma síndrome gripal ou resfriado, incluindo por vezes a ca- racterística dor na panturrilha (batata- -da-perna); vômitos e diarréia também podem estar presentes; Nos quadros mais graves pode aparecer uma dis- função dos rins e do fígado ficando o paciente ictérico (olhos amarelados) e com hemorragias. Na fase inicial, a leptospirose pode ser confundida com outras doenças (dengue, gripe, malá- ria, hepatite), porque os sintomas são parecidos. Geralmente nas crianças, a leptospirose se apresenta como uma doença benigna e de caráter autolimi- tado. Como devemos tratar? Os casos leves podem ser trata- dos em casa e o uso de medicamentos médicas do pós-operatório, como se- guir uma dieta preparada por um nu- tricionista e fazer drenagem linfática. “O que não pode, se jeito nenhum, é se expor ao sol durante os próximos três meses pós cirurgia”, alerta Joaquim. Em três semanas, já é possível ver 95% dos resultados pós-cirúrgicos. Mas todas as definições são vistas após dois meses depois. e outras medidas devem ser sempre orientados por um médico. Casos mais graves da doença necessitam de inter- namento. Como se prevenir? É importante ter sempre em mente que as medidas ligadas ao meio am- biente são fundamentais não somente na prevenção da leptospirose, mas de milhares de doenças infecciosas que podem acomenter tanto adultos como crianças. O Ministério da Saúde alerta sobre o cuidado redobrado que deve- mos ter com as obras de saneamento básico (abastecimento de água, esgoto e lixo), desinfecção e vedação de cai- xas d´agua, controle de ratos com uso de raticidas feito por técnicos devida- mente capacitados, armazenamento adequado dos alimentos, acondiciona- mento e destino correto do lixo e veda- ção de frestas em portas e janelas. A água sanitária (hipoclorito de só- dio a 2,5%) mata as leptospiras e deve ser utilizada para desinfetar reservató- rios de água: um litro de água sanitária para cada 1.000 litros de água do reser- vatório. Para locais e objetos que entra- ram em contato com água ou lama con- taminada: diluir um copo de água sani- tária em um balde de 20 litros de água. Evitar o contato com água ou lama de enchentes e impedir que crianças na- dem ou brinquem nessas águas. Pesso- as que trabalham na limpeza de lama, entulhos e desentupimento de esgoto devem usar botas e luvas de borracha (ou sacos plásticos duplos amarrados nas mãos e nos pés). Cuidados pré-operatórios • Abstinência total do fumo pelo menos 2 meses antes da realiza- ção do procedimento • Fazer todos os exames passados pelo especialista • Informar ao médico os medica- mentos que toma • Não tomar remédios sem receita por, pelo menos, 30 dias antes da cirurgia • Não exagerar no uso de bebida alcóolica por, pelo menos, 30 dias antes da cirurgia Cuidados pós-operatórios • Usar cinta elástica compressiva durante 40 dias • Não ficar deitado nos primeiros dias, caminhar dentro de casa • Não fazer esforço físico • Fazer drenagem linfática • Ingerir, no mínimo, 2,5 litros de água por dia • Não se expor ao sol durante três meses e usar protetor solar FPS 30 nas cicatrizes
  17. 17. Salgueiro foi elevado com município em 30.04.1864 Festival da Sanfona estava na programação dos 150 anos Cidade prima por políticas públicas e parcerias DivulgaçãoDivulgação Salgueiro festeja 150 anos de emancipação com entrega de obras, assinatura de ordem de serviços e atrativos culturais P rincipal município do Sertão Cen- tral de Pernambuco, a 518 quilô- metros de Recife, Salgueiro hoje é uma das vitrines do interior do Estado que assiste a uma série de conquistas em várias frentes como infra-estrutura, economia educação, saúde, cultura e lazer. Neste mês de abril, a comunida- de festeja a passagem dos 150 anos de emancipação política do município que prima por políticas públicas e parce- rias com outros setores no sentido de fortalecer a linha da Rota do Desenvol- vimento, já que Salgueiro se situa em região estratégica ligando rodovias que aproximam a região sertaneja com as principais capitais no Nordeste. Quem não visita Salgueiro há pelo menos 15 anos e volta hoje à cidade mais importante do Sertão Central de Pernambuco, vai se surpreender com um conjunto de iniciativas que estão mudando o cenário local. Nesse pe- ríodo, Salgueiro tem dado um salto surpreendente, o que lhe conferiu des- taque por parte de grandes órgãos seja de pesquisas, institutos e até meios de comunicação. No final do ano passado,o município que tem abraçado uma série de obras e ações de grande estrutura em parceria com os governos federal e estadual, se destacou no Índice Firjan de Gestão Fiscal (IFGF) com indicadores positi- vos na edição 2013. No último ranking, o município ocupou o 6º lugar na escala estadual, ficando à frente de outros mu- nicípios desenvolvidos como Petrolina, Olinda, Arcoverde, Garanhuns e Serra Talhada, numa avaliação que envolveu 174 municípios no Estado. A distribuição dos resultados é feita no panorama nacional, regional e dos municípios. O índice é um estudo anu- al do Sistema FIRJAN que acompanha o desenvolvimento dos mais de 5 mil municípios brasileiros em três áreas: Emprego Renda, Educação e Saúde. O prefeito Marcones Libório de Sá lembrou que Salgueiro tem surpreendido ao figu- rar com excelente desempenho no Fir- jan, focando em vários setores a exem- plo da área fiscal, ampliando, assim, o desenvolvimento da população diante a garantia de saúde, educação e condições para geração de emprego e renda. “Esses resultados contribuem dire- tamente para que nossa gestão possa continuar investindoo cada vez mais pensando não só no crescimento de nú- meros, mas na qualidade de vida da po- pulação e no caminho correto do pro- gresso coletivo”, observou o prefeito. Nesse contexto, Salgueiro continua atraindo investidores e multiplican- do postos de trabalho. Grandes obras como a transposição do Rio São Fran- cisco e a Ferrovia Transnordestina que ocorrem na região tem ampliado o pa- norama do município, transformando- -o num dos pólos de desenvolvimento mais promissores do País, sobretudo multiplicando empregos. A população não só de Salgueiro, mas de municípios circunvizinhos, tem comemorado a chegada do Campus da UPE, do IF Sertão, instalação de uma unidade do Corpo de Bombeiros, UTI numa parceria Público Privada, postos de saúde com toda uma rede de mar- cação on line, multiplicação de obras de pavimentação nos quatro cantos da cidade, além de ações continuadas no campo da ação social, cultura, coor- denadoria da mulher e educação, tem contribuído para o retrato concreto do desenvolvimento coletivo. Mais Obras e Festival da Sanfona Na passagem de 150 anos de eman- cipação política do município, a Prefei- tura agendou uma série de atividades comemorativas que inclui entrega de obras, assinatura de ordem de serviços, solenidade de medalha Lucila Angelim, Festival da Sanfona, entre outros atra- tivos socioculturais. No último dia 16, o prefeito Marcones Libório de Sá inau- gurou o calçamento das ruas Pedro Odilon, além da rua e travessa Tenente Arlindo Rocha, no bairro Imperador. No mesmo dia, o gestor assinou a ordem de serviço para a construção do posto de saúde do mesmo bairro. “Na verdade essas obras são constantes reivindicações da comunidade desde a largada das plenárias do Orçamento Parti- cipativo. A meta do governo é continuar atendendo às solicita- ções do povo por méis das políticas públicas discutidas pela po- pulação e que geram resultados como qua- lidade de vida”, des- tacou o prefeito. A agenda de obras continuou no dia 22, com a entrega, às 16 h, do Posto de Saúde de Campinhos. No dia 23, os moradores da Rua Jus- celino Kusbitschek, no Santa Margari- da, receberam, oficialmente, a obra do calçamento em toda sua extensão. A Re- forma e ampliação da escola Maria Dalva, no distrito de Umãs, foi inaugurada no dia 26, às 16h. Já no dia 29, o prefeito entrega obras de calçamento das ruas Projetada 27 (Novo Salgueiro), Israel de Holanda Ca- valcanti e Ex-comba- tente Otoni Ferreira da Silva. No dia oficial 19Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 Especial Aniversário do aniversário será feito o lançamento da Pedra Fundamental da Upa 24 ho- ras que deverá funcionar no segundo semestre com clínico geral e pediatra. Na agenda sociocultural, dia 25, a Coordenadoria da Mulher, realizou a tradicional solenidade da Medalha Lucila Angelim. Nesse mesmo dia, o Centro de Cultura abriu as portas para o Fim de Semana, Início da Arte, com atrações musicais alternativas. Uma celebração agendada para o dia 27, às 19 h, marcará o aniversário na ca- tedral Santo Antônio. Em grande estilo, com muita música e talentos do instru- mento que consagrou Luiz Gonzaga, de 29 de abril a 1º de maio, a cidade sedia o 5º Festival da Sanfona, na casa do Sanfoneiro, com o objetivo de estimular e promover talentos dedicados à inter- pretação instrumental da sanfona. O evento vai distribuir entre os primeiros colocados prêmios em troféu e dinheiro no valor de até R$ 3 mil. Divulgação
  18. 18. 20 DivulgaçãoDivulgação Eduardo Campos participou da inauguração do novo sistema Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 A cidade de Buíque, no Agreste per- nambucano, agora conta com um novo sistema de abastecimento. Cerca de 20 mil pessoas serão beneficiadas com a instalação de três poços e uma nova adutora que entraram em opera- ção no final do mês de março. Os três poços estão localizados no Vale do Catimbau, na Zona Rural do município. Juntos, vão produzir 40 m³ de água por hora. A obra foi rea- lizada em caráter emergencial para retirar a cidade da crise de abasteci- mento. Além dos poços, foi construída uma adutora de 11 km para transportar água dessas fontes hídricas para a cidade, além de um sistema de bombeamento. A estação de tratamento de água da ci- dade também foi reformada. O município de Brejo da Ma- dre de Deus, no Agreste do estado, está recebendo melhorias em seu sistema de abastecimen- to. A obra inclui a implantação de 12 quilômetros de novas tu- bulações, a ampliação da Estação de Tratamento de Água (ETA) e a construção de um reservatório de 550 metros cúbicos. Atualmente, o município pro- duz 10 litros de água por segundo, o que deverá ser ampliado para 22 litros até o final de 2015, benefi- ciando 45 mil moradores de Brejo da Madre de Deus e do distrito de Fazenda Nova. Um dos principais objetivos do projeto é ampliar a vazão de chegada no município, cuja cap- tação de água é realizada no ma- nancial do Santana II. Além dis- so, a obra irá aumentar a capaci- dade de tratamento das estações (ETAs) Brejo da Madre de Deus e Fazenda Nova, visando a me- lhoria na divisão da rede de dis- tribuição, suprindo a demanda, reduzindo perdas e desperdícios no sistema. O empreendimento recebeu investimento de R$ 7,5 milhões, com recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Governo do Es- tado de Pernambuco e Compesa. “Com essa iniciativa, esta- remos promovendo uma gran- de melhoria, tanto na captação quanto no tratamento, levando mais água para a população de Brejo da Madre de Deus e Fa- zenda Nova”, destacou a supe- rintendente da Compesa, Nyad- ja Menezes. Buíque ganha reforço no abastecimento Brejo da Madre de Deus recebe obras de melhoria no sistema de abastecimento Com o novo sistema, Buíque volta a ser atendida pela rede de distribui- ção da Companhia Pernambucana de Saneamento-Compesa. Por conta da seca, o município estava recebendo água apenas por carros-pipa desde que a barragem de Mulungu secou. O projeto recebeu investimentos de R$ 2,4 milhões, recursos do governo do estado e da Compesa. “A nossa preocu- pação sempre foi construir obras para obter sustentabilidade hídrica e atra- vessar os tempos de estiagem em outras condições. Fico muito feliz por essa con- clusão aqui na cidade de Buíque”, de- clarou o governador Eduardo Campos, durante a inauguração do novo sistema. O presidente da Compesa, Rober- to Tavares, ressaltou a importância da obra para a cidade. “Ampliar a oferta Programação literária 2014 do Sesc Garanhus definida F oi lançada, no dia 15 de abril, a programação anual do Laborató- rio de Autoria Literária Luzinette La- porte, do Sesc Garanhuns, no Agreste de Pernambuco. Entre os destaques da programação estão a II Mostra Comu- nicações Literárias, de 3 a 6 de junho, e o debate Literatura e outras lingua- gens: um diálogo provocante, de 5 a 7 de agosto, no qual o público, poetas, pensadores e afins discutem sobre a relação entre a literatura e música, tea- tro, cinema e internet. Entre os meses maio e outubro de 2014, acontecerão no município, atra- vés do Sesc, diversas oficinas e minicur- sos. Em maio tem oficina de Rap e Li- teratura Cartonera. Em junho, de Cor- del. Em agosto, Acorda Palavra. Já em setembro, oficinas de Quadrinhos e Cor de Repente. Para fechar o ciclo, em ou- tubro tem Literatura Infanto – juvenil Brasileira: Olhares Contemporâneos. O laboratório também contará com o Mini Curso de Criação Literária: O Romance e suas Nuances, com Amân- cio Siqueira, além de recitais, perfor- mances poéticas, intervenções literá- rias e mostras de literatura. Este ano, o Laboratório dará con- tinuidade não só às atividades forma- tivas, mas também aos projetos Um de água para a população é uma meta estabelecida pelo governador Eduardo Campos, em especial nas cidades onde o clima é desfavorável e a estiagem pro- voca mudanças drásticas na vida das pessoas”, afirmou. escritor na minha Escola e Com a pa- lavra, o escritor, que têm como objeti- vo aproximar leitores e autores. Como acontece na palestra sobre a obra e a vida do escritor Gilvan Lemos, nasci- do em São Bento do Una, e na Roda de Conversa e Leitura: Um passeio pelos contos de Luis Jardim, com Ivonete Batista Xavier. Outras atividades previstas para o segundo semestre são: Poesia Deli- very, que acontece em qualquer canto da cidade com poetas convidados; a Itinerância Literária, uma breve histó- ria da Prosa Pernambucana com Pedro Américo de Farias; Literatura na Feira- -Recital com as presenças de Wilson China, Sandoval Ferreira, Thiago Fe- lipe e do repentista Edmilson Ferreira na Feira da Ceaga; e Literatura e outros territórios, uma recitata de poetas, na cidade de Canhotinho. Sobre o Laboratório – O Laborató- rio de Autoria Literária Luzinette La- porte é um espaço permanente de cria- ção, fruição e desenvolvimento literá- rio, está localizado no Sesc Garanhuns e é um lugar de criação, experimenta- ção e troca de ideias, ponto de encontro para as experiências literárias, sejam escritas ou orais.
  19. 19. 21 Divulgação Divulgação Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 Prefeito de São José do Egito - Romério Guimarães Presidente foi recebida por mais de 5 mil pessoas Gestão Pública Prefeito de São José do Egito ganha prêmio Prefeito Empreendedor foco as empresas formais ou em pro- cesso de formalização e os empreen- dedores individuais, ou outras formas A versão pernambucana do Oitavo Prêmio Sebrae Prefeito Empre- endedor, que teve como proposta sen- sibilizar e incentivar as prefeituras a desenvolverem políticas voltadas para esse segmento, além de reforçar a im- portância do empreendedorismo para o Estado e o País, elegeu como vence- dor o prefeito da cidade sertaneja São José do Egito, Romério Guimarães. O projeto vencedor foi o “Planeja- mento e gestão pública para o desen- volvimento sustentável” realizado pela ADESJE – Agência de Desenvolvimen- to Econômico de São José do Egito. A proposta visa acabar com a informali- dade, através da capacitação dos mi- croempreendedores, formalização dos informais e oferta de melhores condi- ções para desburocratização com es- trutura diferenciada. Romério Guimarães comemorou a conquista e agradeceu a toda a equipe envolvida na concretização do proje- produtivas caracterizadas como negó- cio de pequeno porte – a exemplo de cooperativas, arranjos produtivos e as- sociações de pequenas empresas. A política tributária para o peque- no negócio, formalização da economia local, acesso à inovação e tecnologia, capacitação e empreendedorismo e promoção do desenvolvimento rural também foram temas dos projetos. Os prêmios foram entregues confor- me os seguintes destaques temáticos: compras públicas dos pequenos negó- cios locais; formalização de pequenos negócios e apoio ao microempreende- dor individual; Lei Geral Municipal; crédito e capitalização; planejamento e gestão pública para o desenvolvimento sustentável; e promoção do desenvol- vimento rural, categoria lançada nesta oitava edição do prêmio. Houve ainda premiação para pequenas, médias e grandes cidades, além do Melhor Pro- jeto Estadual. to. “Este é o meu primeiro mandato, fui buscar a ADESJE no fundo do Baú, pois não podemos ficar só reclamando e dependendo dos recursos do FPM, esta premiação vem coroar o trabalho em equipe desse primeiro ano de ges- tão”, ressaltou Romério Guimarães. O município de São José do Egi- to também foi destaque temático nas compras públicas dos pequenos negó- cios locais – prêmio que foi vencido pela Prefeitura da Cidade do Recife. Já na premiação para pequenas, médias e grandes cidades, São José do Egito foi a vencedora do prêmio na categoria de médias cidades. Em oito edições, o Prêmio Governa- dor Barbosa Lima Sobrinho para o Pre- feito Empreendedor, que tem o apoio da Associação Municipalista de Per- nambuco – AMUPE, já atingiu 74% dos municípios pernambucanos (137 deles já participaram pelo menos uma vez). Os projetos inscritos tiveram como Dilma assina ordem de serviço da segunda etapa da Adutora do Pajeú em Serra Talhada povo está unido em torno de um projeto que muda o país, o seu projeto”. O governador em exer- cício, João Lira Neto, agra- deceu a todas as melhorias realizadas pelo Governo Federal no Estado de Per- nambuco. “Eu só tenho uma palavra: agradecer a esta honraria de receber a senhora e poder lhe agra- decer por tudo que tem feito”, disse o governador durante discurso. O município de Serra Talhada rece- beu pela segunda vez a presiden- te Dilma Rousseff. A visita aconteceu nesse mês de abril, quando uma multi- dão de mais de 5 mil pessoas assistiram o seu retorno ao Sertão para inaugurar mais um trecho da Adutora do Pajeú. Dessa vez, ela também assinou ordem de serviço da segunda etapa, que chega até o interior da Paraíba. A Adutora do Pajeú vai beneficiar 14 municípios pernambucanos e sete paraibanos. O investimento é de R$ 280 milhões. Nessa visita, a presidente aproveitou e lançou o edital de licitação do Ramal do Agreste, que beneficiará 63 municípios e custará R$ 1,3 bilhão. O prefeito de Serra Talhada, Luciano Duque, debaixo de aplausos da multidão, destacou o orgulho dos serra-talhaden- ses em estar recepcionando a presidente pela segunda vez no seu município. “Ficamos tristes quando vimos al- guns pernambucanos fazerem críticas ao seu Governo, presidenta Dilma, mas saiba que este não é o sentimento dos sertanejos... essa gente não fala por nós”, disse Duque e encerrou em tom enfático: “Os Políticos podem estar di- vididos em diversos palanques, mas o
  20. 20. 22 Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 Segurança Uma nova opção de esporte em Serra Talhada Petrolina sedia para curso de bombeiro civil O s afixionados pelo esporte de ti- ros agora contam com um Club de Tiro em Serra Talhada PE, é o Serti- ro. Inaugurado no dia 29 de março des- te ano, o Club de Tiro Prático e Esporti- vo chega para atender aos admiradores e esportistas dessa modalidade. O Club obedece ao padrão exigido de instalações e segurança, para a ati- vidade (tiro esportivo). Para entrar em funcionamento, o Club submeteu-se às exigências do exército brasileiro e da Polícia Federal, tendo recebido plena aprovação para seu funcionamento. C om o objetivo de ca- pacitar pessoas para o atendimento pré-hospitalar e socorro a vítimas de aci- dentes, segurança contra incêndios, entre outros, vai começar, em Petrolina, um curso para bombeiro civil. As inscrições já estão abertas e seguem até o dia 16 de maio. Os interessados podem se inscrever pelo telefone (87) 8824-6553 ou pelo e-mail bombeirocivilpetrolina@ gmail.com. O curso será oferecido pela Associação Nacional de Profissionais de Emergência e Segurança (ANAPEMS) e terá duração de 10 meses. As aulas acontecerão no Sest/Senat, um final de semana por mês, totalizando uma carga de 220 horas. Estão sendo disponibi- lizadas 40 vagas. O bombeiro é o profis- sional que integra a força de segurança pública do estado. Ele é responsável pela preser- vação do patrimônio ameaçado de destruição, pelo combate a incêndios, por resgatar as ví- timas de afogamentos, incên- Sua localização tem espaço privile- giado, às margens da BR 232, em Serra Talhada, na saída para o município de Salgueiro. O prédio possui instalações totalmente fechadas para a prática de tiros. Nele, existe à disposição do es- portista uma equipe de funcionários treinados. São profissionais com lar- ga experiência na atividade, atuando como instrutores, monitores, treina- dos, habilitados e autorizados pelo Exército Brasileiro e Polícia Federal. No comando dos profissionais está um instrutor considerado um dos mais competentes do Nordeste. Maycon Machado, carioca, radicado no Ceará, portador de especialização em trans- porte de valores, segurança Pessoal e Privada, Proteção de Autoridades e Testemunhas, além de possuir curso em armas não letais. O Sertiros é a realização de um pro- jeto antigo, idealizado pelos empresá- rios Raniere Flor e Joseana Souza para tornar Serra Talhada um pólo impor- tante na prática de tiro esportivo. A empresa já iniciou suas atividades, ofe- recendo serviços e cursos aos seus as- dios e acidentes, investigação sobre a origem dos incêndios (perícias) e conscientização da população em relação às me- didas de segurança adotadas na prevenção de incêndios. O bombeiro pode atuar como sol- dado, cabo, sargento e oficial. Para exercer esta profis- são, normalmente é neces- sário ser brasileiro; ter, no mínimo, 18 anos; possuir a carteira de reservista (para os homens) e ter o ensino médio completo. Em relação à altu- ra, exige-se que o homem te- nha altura a partir de 1,65m e 1,60m para as mulheres. Geralmente solicita-se que o candidato seja solteiro e que, de forma alguma, tenha antecedentes criminais. Re- comenda-se que o candidato saiba nadar e dirigir. Para tornar-se um oficial, é preci- so que o bombeiro curse uma escola superior de formação e aperfeiçoamento. O bombeiro deve ter ra- ciocínio rápido, resistência física, disciplina, coragem, liderança, boa saúde, capaci- dade de trabalhar em equipe, de trabalhar sob pressão, de não se abalar quando se depa- ra com pessoas acidentadas e ensangüentadas, de decidir e de cumprir ordens. O salário do bombeiro civil pode variar de R$ 1,3 mil e R$ 1,8 mil. A profissão é reconhe- cida por decreto federal e os formandos podem atuar na rede privada, em empresas e instituições quando se depara com pessoas acidentadas e en- sangüentadas, de decidir e de cumprir ordens. sociados. Entre eles, laudo para aquisi- ção e renovação de arma de fogo, porte de arma e laudo psicológico, além dos cursos de Tiro Básico; Tiro Avançado 1 e 2; Tiro Prático; e Campeonato de Tiro Livre e Saque Rápido. Os cursos estão disponíveis a todos que tenham mais de 21 anos e sejam por- tadores de Certidão Negativa Criminal, exceto para policiais e vigilantes. O horá- rio de funcionamento é de terça a sexta- -feira das 8h às 12h e de 13h30min às 17h. Para se associar, procurar Raniere através do telefone (87) 9602-3226. O curso será oferecido pela Associação Nacional de Profissionais de Emergência e Segurança (ANAPEMS) Divulgação
  21. 21. Divulgação Divulgação 23Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 Infraestrutura Mercado Público de Serra Talhada em reforma O Mercado Público de Ser- ra Talhada, construído no final da década de 50, en- trou em reforma nesse mês de abril. De acordo com o pre- feito da cidade, Luciano Duque, essa é a maior reparação reali- zada no espaço. Com higiene, limpeza e a boa aparência do lo- cal o mercado consegue atrair mais clientes, as- sim contribuindo para o aumen- to na renda de quem explora comércio naque- la área. A prefei- tura já efetuou a pintura total do espaço e já está providenciando A Companhia Energética de Per- nambuco (Celpe), empresa do Grupo Neoenergia, vai investir, esse ano, um volume de R$ 469 milhões no sistema de distribuição de energia elétrica do Estado. O maior valor já aportado pela empresa é 24% superior ao que foi disponibilizado no ano pas- sado. O Sertão pernambucano será be- neficiado com R$ 104, 3 milhões. O montante será destinado, princi- palmente, para obras de ampliação de rede, construção de subestações, ma- nutenção, automação e modernização do parque elétrico. No primeiro trimes- tre do ano já foram investidos mais de R$ 85 milhões em novas ligações, ex- pansão da rede e melhorias do sistema. A aplicação dos recursos tem a fina- lidade de acompanhar a crescente de- a colocação de pelo menos 10 exaustores no local. A praça de alimentação recebeu cerâmicas. Os boxes do setor de carnes e peixe também receberam ce- râmicas novas e um novo piso foi colocado em toda sua ex- tensão. Já na parte de secos e molhados, novos boxes estão em construção e outros em re- manda por energia em Pernambuco e assegurar a qualidade do fornecimento aos mais de 3,3 milhões de clientes. A expectativa para este ano é que a ener- gia distribuída no mercado pernam- bucano apresente um crescimento de 5,7% em relação ao ano anterior. A Região Metropolitana receberá a maior parcela, R$ 193 milhões. No Sertão, estão previstos para a Regio- nal Serra Talhada R$ 40,5 milhões e para a Regional Petrolina, R$ 63,8 milhões. A Regional Cabo, que abran- ge municípios do litoral e da Zona da Mata Sul, receberá R$ 40,2 milhões. Outros R$ 41,8 foram destinados à Regional Carpina, que incorpora ci- dades da Mata Norte do Estado. Nas Regionais Caruaru e Garanhuns, am- bas no Agreste, serão investidos R$ A intenção é atrair mais clientes com a boa aparência do localNova estrutura vai dar mais conforto aos usuários Celpe investe em cidades sertanejas 37,8 milhões e R$ 51,4 milhões, res- pectivamente. No decorrer do ano, serão subs- tituídos 367 quilômetros de fiação convencional por rede protegida ou isolada, minimizando interrupções no fornecimento por contato da vegetação urbana na fiação. O plano de investi- mentos prevê, ainda, a ampliação da automação da rede de distribuição por meio da instalação de 256 chaves auto- matizadas. Entre as obras de maior porte estão a construção de três novas subesta- ções e a ampliação de outras duas. No Grande Recife será iniciada a constru- ção da Subestação Estância, na Zona Oeste da capital, e duplicada a Subes- tação de Piedade, em Jaboatão dos Guararapes. Em Caruaru, no Agreste, a Subestação Campus também será duplicada. No Sertão Central e na Região do Araripe, serão iniciadas as obras de construção das Subestações de Serrita e de Santa Cruz respectiva- mente, cuja conclusão será no primei- ro trimestre de 2015. As ações projetadas para 2014 in- cluem, ainda, a ligação de aproxima- damente 144 mil novos clientes à rede de distribuição da Celpe no perímetro urbano e na zona rural do Estado. As novas ligações demandarão recursos na ordem de R$ 172,5 milhões. Serão empregados também R$ 31,5 milhões no desenvolvimento e sistemas de in- formática, em sistemas de telecomuni- cações, aquisição de veículos e outras ações que dão suporte à distribuição de energia. forma. Isso vai melhorar mui- to o clima ambiente do local, dando mais conforto aos usu- ários, informou Rosimério de Cuca, diretor do mercado. Segundo o prefeito Lucia- no Duque, todas as despesas estão sendo custeadas com re- cursos oriundos da arrecada- ção do IPTU.
  22. 22. 24 Jornal do Sertão - Abril de 2014 / Edição 98 Saúde Divulgação Salgueiro e Afogados da Ingazeira com UPAEs Vacinação contra gripe amplia faixa etária J á começou e segue até o dia 9 de maio a vacinação contra gripe. A campanha, que tem como tema “Va- cinação contra a gripe: você não pode faltar”, vem com uma novidade esse ano, a ampliação da faixa etária para crianças de seis meses a menores de cinco anos. No ano passado, o público infantil foi de seis meses a menores de dois anos. No município de Sertânia, Sertão do Moxotó, todas as unidades de saúde de estarão vacinando contra a gripe, das 8h às 17h. Além das crianças de seis meses a menores de cinco anos, integram o gru- po pessoas com 60 anos ou mais, tra- balhadores de saúde, povos indígenas, gestantes, puérperas (até 45 dias após o parto), população privada de liberdade e os funcionários do sistema prisional. As pessoas portadoras de doenças crô- nicas não-transmissíveis ou com outras condições clínicas especiais também de- vem se vacinar. Neste caso é necessária a apresentação da prescrição médica. É importante lembrar para a popu- lação que a quantidade de vacina dis- ponibilizada pelo Ministério da Saúde é suficiente apenas para o público alvo da campanha. As pessoas precisam entender que não podemos vacinar to- dos, disse a Coordenadora de Progra- A partir desse mês de abril, a po- pulação dos municípios de Sal- gueiro (Sertão Central-PE) e Afogados da Ingazeira (Sertão do Pajeú-PE) co- meçaram a contar com o atendimento de duas Unidades Pernambucanas de Atenção Especializada (UpaEs). O in- vestimento para a construção das uni- dades foi de R$ 25,4 milhões. A UPAE Salgueiro vai atender a po- pulação local e dos outros sete municí- pios que compõem a região do Sertão Central: Cedro, Mirandiba, Parnami- rim, Salgueiro, São José do Belmonte, Serrita, Terra Nova e Verdejante. Be- lém de São Francisco, no Sertão de Ita- parica, também será beneficiado. A UPAE Afogados da Ingazeira vai atender aproximadamente 182 mil pesso- as dos municípios da região, entre eles Ta- bira, Brejinho, Triunfo, Carnaíba, Flores, São José do Egito e Quixaba. As novas unidades no Sertão do Es-Secretário de Saúde e Governador do Estado marcaram presença na inauguração das UPAEs Por Isabella Linhares Estudante de Gastronomia e Jornalista Contato: isabella_linhares@hotmail.com Cheiro Verde T em coisa melhor do que encon- trar os amigos na companhia de bons petiscos, cerveja gelada e muita conversa? Agora imagine fazer isso em botecos participantes de um fes- tival gastronômico e repletos de no- vos pratos? É o que tem acontecido na cidade de Caruaru, que sedia até o próximo dia 26 de abril, a segunda edição do Festival Roda de Boteco. O evento reúne vinte estabeleci- mentos que estão concorrendo nas categorias de Me- lhor Bar, Melhor Boteco e Melhor Atendimento. Para participar, cada lo- cal criou um novo petisco que é ven- dido por R$ 15,90 e acompanhado de uma cerveja Devassa bem gelada. Na disputa, quem sai ganhando é o público, que pode fazer um tour degustando novos pratos e registran- do o seu voto, que é fundamental na “briga”, já que os vencedores são es- colhidos através do voto popular. Para aguçar o paladar de vocês, peço licença para falar sobre as delí- cias participantes. Concorrendo, tem carne de sol com calabresa e abacaxi flambada na cachaça, arrumadinho feito com picanha, cubos de frango temperados na cerveja servido com anéis de cebola empanados e muito mais. Deu pra ter um gostinho do que está acontecendo na Capital do Forró, né?! Os vencedores serão conhecidos no dia 03 de maio, durante o Bote- cão, uma grande festa que aconte- cerá na Praça da Estação Ferroviá- ria, com entrada franca. O festival premiará o Melhor Bar e o Melhor Bo- teco com troféu e os três primei- ros colocados na categoria Melhor Atendimento, com troféu e prêmios de R$ 1 mil, R$ 750 e R$ 500, respecti- vamente. Segundo os organizadores Rai- mundo Nonato e Carlos Alberto Santos, estima-se, com o evento em Caruaru, um aumento de 15% no movimento das casas participantes. O Roda de Boteco também acontece em Recife (PE), Vitória (ES), Colati- na (ES) e Brasília (DF). Para mais informações, acesse www.rodadeboteco.com.br e confira a relação dos bares participantes e petiscos oferecidos. E então, vai con- tinuar sentado aí com tanta comida boa te esperando? tado atendem o mesmo padrão, com consultórios para atendimentos médi- cos e setor de diagnósticos e terapia. Por ano, a UPAE Salgueiro poderá re- alizar 91.560 consultas e 228.900 exa- mes de apoio diagnóstico, como exa- mes laboratoriais, eletrocardiograma, ecocardiograma, mapa, holter, teste ergométrico, RX, endoscopia e ultras- sonografia. Já a unidade de Afogados da Ingazeira ofertará 79 mil consultas médicas e 160 mil exames por ano. De acordo com o secretário de Saú- de de Pernambuco, Antônio Figueira, as UPAEs vêm trazer o que estava faltando no Sertão, antes encontrado só na Capital ou em Caruaru, no Agreste. “Essas espe- cialidades existiam apenas no Recife e algumas em Caruaru. A UpaE oferece os exames e consultas especializadas, fazen- do de Salgueiro, por exemplo, um polo médico na região, atendendo pessoas tam- bém da Bahia”, destacou o secretário. ma Nacional de Imunização (PNI) de Sertânia, Lidiane Graziela. A escolha dos grupos prioritários segue recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS). Esta defini- ção também é respaldada por estudos epidemiológicos e pela observação do comportamento das infecções respira- tórias, que têm como principal agente os vírus da gripe. São priorizados os grupos mais sus- cetíveis ao agravamento de doenças respiratórias. A vacina contra gripe é segura e reduz as complicações que podem produzir casos graves da doen- ça, internações ou, até mesmo, óbitos. Estudos demonstram que a vacinação pode reduzir entre 32% a 45% o núme- ro de hospitalizações por pneumonias e de 39% a 75% a mortalidade por com- plicações da influenza. Após a aplicação da vacina, podem ocorrer, de forma rara, dor no local da injeção, eritema e induração. São manifestações consideradas benignas, cujos efeitos passam, na maioria das vezes, em 48 horas. A vacina é con- traindicada para pessoas com história de reação anafilática prévia em doses anteriores ou para pessoas que tenham alergia grave relacionada a ovo de gali- nha e seus derivados. Petisco, Cerveja Gelada e Muita Conversa!

×