Apresentação defesa mestrado

29.765 visualizações

Publicada em

Apresentação da defesa de dissertação - TIC e Educação - área de especialização Tecnologias de Informação e Comunicação

Publicada em: Educação

Apresentação defesa mestrado

  1. 1. A formação de professores e a integração curricular das TIC: Com que formadores?DISSERTAÇÃO DE MESTRADO EM EDUCAÇÃOCICLO DE ESTUDOS CONDUCENTE AO GRAU DE MESTRE EM EDUCAÇÃOÁrea de especialização em tecnologias de informação e comunicaçãoMARIA HELENA SANTOS VEIRA FELIZARDOOrientador: Professor Doutor Fernando Albuquerque Costa24 de Setembro de 2012 Universidade de Lisboa Instituto de Educação
  2. 2. A formação de professores e a integração curricular das TIC: Com que formadores?INTRODUÇÃOTemática . Problema . Questões . Objetivos A formação de professores e a integração curricular das TIC: Com que formadores? O que sabem? O que fazem? os O que pensam?Problema:Na formação contínua de professores na área das TIC em Portugal, de que modocontribuem os formadores para o objetivo da integração curricular das TIC? Helena Felizardo 2012
  3. 3. Será, com certeza, mais fácil a um formador da mesma área de ensino dos formandos relacionar/articular as funcionalidades das ferramentas disponí A formação de professores e a integração curricular das TIC: Com que formadores? METODOLOGIA Opções metodológicas . Instrumento de recolha de dados Perspetivas exploratória e descritiva. Paradigma interpretativo. 1ª parte Inquérito por 2ª parte Recolher as perspetivas dos questionário Recolher dados pessoais e formadores profissionais dos formadores 4 Escalas de likert de 7 pontos, num total de 76 itens Escalas nominais Escalas de intervalo (questões fechadas) 4 Dimensões: • Fatores que influenciam a integração curricular das TIC; • Organização da formação; • Perfil de competências do formador; • Avaliação da formação desenvolvida em Portugal pelos CFAE. Helena Felizardo 2012
  4. 4. A formação de professores e a integração curricular das TIC: Com que formadores?METODOLOGIA FormadorProcedimentos . Amostragem TIC Formador TIC 1º Pedido de colaboração aos Diretores de 77 Formador CFAE TIC CFAE 2º Envio do link de acesso Formador TIC ao questionário online para os 77 CFAE 23 CFAE deram feedback Formador 436 formadores contactados TIC 345 respostas obtidas 108 respostas eliminadas 237 respostas válidas Helena Felizardo 2012
  5. 5. A formação de professores e a integração curricular das TIC: Com que formadores? TRRTAMENTO DE DADOS Estatística descritiva . Técnica da análise fatorialAnálise fatorial - Estudo de consistência das escalas utilizadas Em 4 momentos, de acordo com as 4 dimensões 1ª dimensão (27 itens) 2ª dimensão (14 itens) KMO – 0,910 (muito boa) KMO – 0,793 (média) Alpha Cronback 0,944 (muito bom) Alpha Cronback 0,812 (bom) 3ª dimensão (19 itens) 4ª dimensão (16 itens) KMO – 0,921 (muito boa) KMO – 0,887 (boa) Alpha Cronback 0,933 (muito bom) Alpha Cronback 0,857 (bom) Helena Felizardo 2012
  6. 6. A formação de professores e a integração curricular das TIC: Com que formadores?RESULTADOS/REFLEXÃO PERSPETIVAS DOS FORMADORES DIMENSÃO 1 – Fatores que influenciam a ICTIC  Atribuem bastante importância a todos os fatores da dimensão 1, com maior relevância para as competências didático-pedagógicas e atitudinais (fator 2);  Dão uma acentuada importância aos obstáculos de natureza extrínseca.  Dão maior importância à valorização das TIC por parte da DE no contexto escolar, relativamente às lideranças intermédias. DIMENSÃO 2 – Organização da formação para a ICTIC  Discordam da organização de grupo de formação indiferenciados;  Elegem a oficina de formação como modalidade mais adequada para a ICTIC. Helena Felizardo 2012
  7. 7. A formação de professores e a integração curricular das TIC: Com que formadores?RESULTADOS/REFLEXÃO PERSPETIVAS DOS FORMADORES DIMENSÃO 3 – Perfil de competências do formador para a ICTIC  Atribuem bastante importância a todos os fatores da dimensão 3, com maior relevância para os conhecimentos disciplinares, didáticos e transversais(fator 1);  A importância da competência reflexiva (fator 4) é menos consensual. DIMENSÃO 4 – Formação desenvolvida em Portugal, pelos CFAE  Fazem uma avalição moderamente positiva ou fraca da formação efetuada pelos CFAE;  Consideram que existe desfasamento entre a formação realizada e as necessidades da escolas e dos PE;  E que a duração das ações de formação é insuficiente para o desenvolvimento das competências necessárias. Helena Felizardo 2012
  8. 8. A formação de professores e a integração curricular das TIC: Com que formadores?RESULTADOS/REFLEXÃOCARACTERIZAÇÃO DOS FORMADORES  Prevalência da componente técnica / Enfoque na competência técnica;  Carência de formadores TIC em determinadas áreas de ensino;  Formação específica insuficiente / Formadores pouco especializados  Experiência de formação de professores reduzida. Helena Felizardo 2012
  9. 9. A formação de professores e a integração curricular das TIC: Com que formadores?CONCLUSÕESNa formação contínua de professores na área das TIC em Portugal, deque modo contribuem os formadores para o objetivo da integraçãocurricular das TIC? • Existem evidências estatísticas que nos permitem afirmar que os formadores terão as condições necessárias para contribuir para o desenvolvimento das competências dos professores relativamente à utilização das TIC, no que diz respeito à competencia técnica, mas… • Não podemos assegurar que contribuam efetivamente para a integração curricular das TIC… Formadores/professores Contexto em que trabalham Helena Felizardo 2012

×