Renascença 
Maquiavel e Descartes
Renascimento e Humanismo 
 Ruptura com a 
escolástica medieval 
 Valorização da figura 
humana 
 Resgate da cultura 
cl...
Maquiavel (1469-1527) 
 Busca uma racionalidade 
política baseada na 
experiência (arte da prática) 
 Rompe com a ideia ...
Virtú 
Prudência Audácia
Fortuna 
iluminura do Hortus Deliciarum 
Regnabo 
“eu devo reinar” 
Regno 
“Eu reino” 
Reganvi 
“Eu reinei” 
sum sine regn...
E a questão ética?
René Descartes (1596-1650) 
 Todo indivíduo é dotado de 
razão, entretanto, é 
necessário educar a 
aplicação do juízo 
(...
Discurso 
do Método (1637) 
 1. Apoiar-se na evidência 
 2. Decompor as dificuldades 
(análise) 
 3. Proceder por ordem...
Cogito, ergo sum 
Portanto, 
penso, 
logo, 
existo 
Se há 
dúvida, 
há um ser 
pensante 
Duvidar 
significa 
pensar 
Opera...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Maquiavel e Descartes

487 visualizações

Publicada em

Maquiavel Descartes

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
487
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
38
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Maquiavel e Descartes

  1. 1. Renascença Maquiavel e Descartes
  2. 2. Renascimento e Humanismo  Ruptura com a escolástica medieval  Valorização da figura humana  Resgate da cultura clássica  Revolução Científica (Copérnico, Galileu, Kepler) “O homem é a medida de todas as coisas” Ptolomeu
  3. 3. Maquiavel (1469-1527)  Busca uma racionalidade política baseada na experiência (arte da prática)  Rompe com a ideia escolástica de “Bom Governo”  Para ele, cabe ao “Príncipe”  Governar o curso dos eventos (fortuna)  Ter a “Virtú”  Garantir a estabilidade social  Pensar as ações em função dos resultados (ética) “Eu não faço a história dos meus sonhos, eu faço a história do possível”
  4. 4. Virtú Prudência Audácia
  5. 5. Fortuna iluminura do Hortus Deliciarum Regnabo “eu devo reinar” Regno “Eu reino” Reganvi “Eu reinei” sum sine regno Eu não tenho reino
  6. 6. E a questão ética?
  7. 7. René Descartes (1596-1650)  Todo indivíduo é dotado de razão, entretanto, é necessário educar a aplicação do juízo (racionalismo clássico)  A “educação do juízo” é possível por meio de um método  Propõe o exercício da dúvida metódica (hiperbólica) – Ceticismo externo
  8. 8. Discurso do Método (1637)  1. Apoiar-se na evidência  2. Decompor as dificuldades (análise)  3. Proceder por ordem do simples ao complexo (síntese)  Rever
  9. 9. Cogito, ergo sum Portanto, penso, logo, existo Se há dúvida, há um ser pensante Duvidar significa pensar Opera a separação entre o sujeito pensante e a coisa pensada: Sujeito - Objeto Rigor matemático Neutralidade Método Conduzem à verdade Capacidade de pensar é Inata Decifrar a natureza é importante para garantir Maior conforto à humanidade

×