Cabo Verde

252 visualizações

Publicada em

Publicada em: Turismo
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
252
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Cabo Verde

  1. 1. Cabo Verde, oficialmente República de Cabo Verde, é um país insular africano e um arquipélago de origem vulcânica constituído por dez ilhas. Está localizado no Oceano Atlântico, 640 km a oeste de Dacar, no Senegal. Outros vizinhos são a Mauritânia, a Gâmbia e a Guiné-Bissau, todos na faixa costeira ocidental da África. A capital é Praia, situada na Ilha de Santiago. Foi descoberto em 1460 por Diogo Gomes, a serviço da coroa portuguesa, que encontrou as ilhas desabitadas e sem indícios aparentes de anterior presença humana. Foi
  2. 2. Paúl
  3. 3. Mindelo
  4. 4. Ribeira Brava
  5. 5. Sal-Rei
  6. 6. Vila do Maio
  7. 7. Cidade da Praia
  8. 8. São Filipe
  9. 9. Pintura de A. Magalhães
  10. 10. São Nicolau Morna É já saudade a vela, além. Serena, a música esvoaça na tarde calma, plúmbea, baça, onde a tristeza se contém. Os pares deslizam embrulhados de sonhos em dobras inefáveis. (Ó deuses lúbricos, ousáveis erguer, então, na tarde morta a eterna ronda de pecados que ia bater de porta em porta!) E ao ritmo túmido do canto na solidão rubra da messe, deixo correr o sal e o pranto — subtil e magoado encanto que o rosto núbil me envelhece. Daniel Filipe (Ilha da Boavista, Cabo Verde, 1925-1964) "in" A Ilha e a Solidão
  11. 11. A Daniel Filipe, poeta cabo-verdiano Da tua inóspita e pequena ilha, onde não chovia e, porém, enorme, “do tamanho do medo da solidão da angústia,” com um mar de pobreza e de injustiça a rodeá-la, partiste, um dia ... Também tu, como os amantes, tinhas “olhos e coração e fome de ternura,” e, antes que fosse tarde, com urgência, da “Invenção do Amor “ foste capaz ... Ousaste dar as mãos à esperança e à doçura, e pediste que ao mundo não fosse recusada a paz. Deram-te, sem tardança, os ferros de uma cela e toda a dor da tortura ... Em chão estrangeiro, onde secura não havia, tinha cheiro indelével a tua saudade pela ilha tinha cheiro a chuva que caía e era este um cheiro tão forte .... Era chuva com cheiro a exílio, a sofrimento e morte ... Guida Burt (05.outubro.2010) Boavista
  12. 12. Música: Flor Formosa António Vicente Lopes, ou “Antoninho Travadinha” (Janela, Ilha de Santo Antão – Cabo Verde). Imagens: Internet Guida Burt (guidaburt@gmail.com) Mindelo

×