Plano de Curso

1.627 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.627
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
16
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
9
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Plano de Curso

  1. 1. 1 GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO SECRETARIA ADJUNTA ESCOLA DE APERFEIÇOAMENTO DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO PLANO DE CURSO 1 - Identificação Carga Horária: 120h Período: de março a novembro de 2010 Horas diretas: 81h Horas indiretas: 39h 2 - Ementa: A consolidação de pesquisas no campo do ensino-aprendizagem de Matemática tem provocado os programas de formação de professores a atuarem com mais ênfase nas práticas de sala de aula. Dessa maneira o foco de formação recai sobre o aprendizado do professor a respeito dos conteúdos a serem trabalhados nos anos iniciais de escolarização, os aspectos pedagógicos para o desenvolvimento dos mesmos; seu conhecimento a respeito da diversificação dos registros dos algoritmos e dos processos variados de aprendizagem dos estudantes. 3 - Justificativa do curso: O Pró-Letramento é um programa de formação continuada de professores para a melhoria da qualidade da aprendizagem da leitura/escrita e matemática nas séries iniciais do ensino fundamental. O Programa é realizado pelo MEC com a parceria de Universidades que integram a Rede Nacional de Formação Continuada e com a adesão dos estados e municípios. 4 - Objetivos: • Oferecer suporte a ação a ação pedagógica dos professores das séries iniciais do ensino fundamental, contribuindo para elevar a qualidade do ensino e da aprendizagem da Língua Portuguesa e Matemática; • Propor situações que incentivem a reflexão e a construção do conhecimento como processo contínuo de formação docente; • Desenvolver conhecimentos que possibilitem a compreensão da matemática e da linguagem e seus processos de ensino e aprendizagem; • Contribuir para que se desenvolva nas escolas uma cultura de formação continuada; • Desencadear ações de formação continuada em rede, envolvendo Universidades, Secretarias de Educação e Escolas Públicas dos Sistemas de Ensino. 5 – Metodologia: Essa formação prevê a utilização do princípio da problematização dos conteúdos e das práticas cotidianas dos professores para o ensino de matemática. Busca significar práticas e conteúdos sem perder a cientificidade necessária à vida do cidadão [...]. Utilizará de pequenos grupos de estudos, com atividades presenciais e a distância com atividades individuais, tendo como discussão principal o saber pedagógico dos professores cursistas e, sempre que se fizer necessário, utilizar de literatura específica para avançar nos conhecimentos da disciplina e da metodologia. Cada cursista receberá um livro contendo o Guia do curso e oito fascículos que embasarão o processo de estudo. Avaliação A concepção de avaliação apresentada pela UFRJ baseia-se no acompanhamento do desempenho do professor cursista por meio das Tarefas Individuais – TI A frequência mínima para aprovação é de 80% e será computada em horas, a cada encontro. As possíveis faltas devem ser justificadas por meio de declaração emitida pela escola do cursista, conforme orientação da EAPE. As horas indiretas serão computadas nas entregas das TI’s indicadas a cada fascículo. Para efeito de certificação serão observadas: a freqüência mínima e a entrega de todas as TI’s, conforme orientação da UFRJ.
  2. 2. 2 GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO SECRETARIA ADJUNTA ESCOLA DE APERFEIÇOAMENTO DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO 6 - Recursos de aprendizagem-ensino: Livro do MEC, materiais pedidos ao longo do curso, como: caixa do “ser matemático”, material dourado, fichas, tesoura, cola etc.
  3. 3. 3 GOVERNO DO DISTRITO FEDERAL SECRETARIA DE ESTADO DE EDUCAÇÃO SECRETARIA ADJUNTA ESCOLA DE APERFEIÇOAMENTO DOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO Encontro Data Data Carga Temas de estudo horária 1. 06/04 3h Abertura 2. 12/04 13/04 3h Apresentação do curso e Números Naturais 3. 19/04 20/04 3h Números naturais 4. 26/04 27/04 3h Números naturais 5. 03/05 04/05 3h Resolução de problemas 6. 17/05 18/05 3h Números Naturais 7. 24/05 25/05 3h Operações com números naturais Resolução de problemas 8. 31/05 01/06 3h Resolução de problemas Avaliação 9. 07/06 08/06 3h Operações com números naturais Resolução de problemas 10. 14/06 15/06 3h Operações com números naturais 11. 21/06 22/06 3h Operações com números naturais Resolução de problemas 12. 28/06 29/06 3h Resolução de problemas e jogos 13. 05/07 3h Socialização das aprendizagens 14. 26/07 27/07 3h Espaço e forma 15. 02/08 03/08 3h Espaço e forma 16. 09/08 10/08 3h Espaço e forma 17. 16/08 17/08 3h Frações 18. 23/08 24/08 3h Frações 19. 30/08 31/08 3h Frações 20. 13/09 14/09 3h Frações 21. 20/09 21/09 3h Grandezas e Medidas 22. 27/09 28/09 3h Grandezas e Medidas 23. 18/10 19/10 3h Grandezas e Medidas 24. 25/10 26/10 3h Tratamento da informação 25. 08/11 09/11 3h Tratamento da informação 26. 22/11 23/11 3h Tratamento da informação 27. 29/11 3h Seminário de Socialização Bibliografia Básica: Pró-Letramento – Programa de Formação Continuada de Professores dos Anos/Séries Iniciais do Ensino fundamental BELFORT, Elizabeth; MANDARINO, Mônica. O Algoritmo da Divisão: Processo Longo. in Números Naturais: Conteúdo e Forma editado pelo LIMC 2006. Texto sobre frações Acordo pedagógico Horas diretas 81 horas Horas indiretas 39 horas

×