concepção racionalista

9.761 visualizações

Publicada em

Publicada em: Turismo, Tecnologia
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
9.761
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
215
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
35
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

concepção racionalista

  1. 1. P PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS UNIDADE BETIM CURSO DE LICENCIATURA PLENA EM MATEMÁTICA INFORMÁTICA NA EDUCAÇÃO <ul><li>CONCEPÇÃO RACIONALISTA </li></ul><ul><li>EQUIPE DE TRABALHO: </li></ul><ul><li>GISELE </li></ul><ul><li>Magnovaldo </li></ul><ul><li>Ricardo </li></ul>
  2. 2. CONCEPÇÃO RACIONALISTA <ul><li>A concepção racionalista reflete a visão estruturalista e inatista do conhecimento que tem na teoria do gestald uma das suas maiores representantes. Seus fundadores: Wertheimer, Köhler e Koffka </li></ul><ul><li>Gestald : palavra de origem alemã que significa forma, padrão, contorno, figura, estrutura, configuração </li></ul>
  3. 3. <ul><li>Conforme a gestald, o que percebemos de imediato nas situações é sempre a totalidade </li></ul>
  4. 4. Princípios de organização ou de boa forma de nossa percepção: <ul><li>relação figura e fundo </li></ul>
  5. 5. <ul><ul><ul><li>Proximidade </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Semelhança </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Boa forma </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>fechamento </li></ul></ul></ul>
  6. 6. <ul><li>Todos esses princípios são tidos na gestald como universalmente válidos, desconsiderando-se a experiência do indivíduo. É dessa maneira que é interpretado o desenvolvimento do aluno na escola: seu desempenho escolar depende da sua capacidade de organização perceptual da experiência. </li></ul>
  7. 7. <ul><li>A gestald, por reduzir o conhecimento humano à percepção, adota um concepção inatista, já que a percepção é um atributo do ser humano que depende basicamente do amadurecimento de seu sistema nervoso. </li></ul>
  8. 8. Pressupostos da gestald que mais afetam a área educacional: <ul><li>o conhecimento depende da prontidão do sujeito. </li></ul><ul><li>A motivação e o erro </li></ul><ul><li>Planejamento do ensino </li></ul><ul><li>Facilitação da aprendizagem </li></ul><ul><li>Relação entre os pares </li></ul><ul><li>Fatores ambientais </li></ul><ul><li>Conhecimentos prévios </li></ul><ul><li>Organização e reorganização do campo perceptual. </li></ul>
  9. 9. A informática na Educação, no desenvolvimento de software educativo (SE) <ul><li>Muitos títulos de SE deixam por conta do usuário a busca de soluções para os erros que cometeram </li></ul><ul><li>Um procedimento que caracteriza uma concepção racionalista ao longo da construção do SE é o de se apresentar a solução correta ao usuário que tenha errado a resposta a uma determinada questão ali proposta . </li></ul>
  10. 10. Contribuições dos estudos da gestal para a compreensão do conhecimento <ul><li>percebemos inicialmente o todo e não as partes; </li></ul><ul><li>A nossa percepção é influenciada por determinadas organizações perceptuais; </li></ul><ul><li>o amadurecimento do sistema nervoso favorece certas aprendizagens; </li></ul><ul><li>As diferenças individuais, embora não sejam explicadas pela simples maturação do sistema nervoso, existem e devem ser levadas em conta no processo de ensino – aprendizagem. </li></ul>
  11. 11. Aspectos negativos e positivos <ul><li>Quando não aprende, é considerado incapaz; se aprende diz-se que tem um bom grau de quociente intelectual ou ( Q.I. ). Nesta concepção, o papel do professor é de organizador do conteúdo, levando em consideração a idade do indivíduo. </li></ul>
  12. 12. Aspectos negativos e positivos <ul><li>Essa &quot;capacidade inata&quot; de aprender é vista como variável, porque, dependendo do seu sistema mental, o indivíduo pode tê-lo desenvolvido muito bem ou não. </li></ul><ul><li>Por esse motivo a concepção racionalista é de cunho preconceitual. Ela se fecha num ponto estático de uma situação e não aborda os elementos possíveis e cabíveis para o desenvolver intelectual e cognitivo que toda mente humana pode desenvolver. </li></ul>

×