Imperialismo

5.503 visualizações

Publicada em

Imperialismo,dominação

Publicada em: Tecnologia, Negócios
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.503
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
30
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
160
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Imperialismo

  1. 1. Imperialismo
  2. 2. Imperialismo <ul><li>Domínio e divisão do mundo em áreas de influência controladas pelas potências industriais com o objetivo de garantir mercados consumidores, mão-de-obra barata e matéria-prima para suas indústrias </li></ul>
  3. 3. Fatores econômicos <ul><li>Segunda Revolução Industrial </li></ul><ul><ul><li>Aço, petróleo, energia elétrica, motor à combustão interna, automóvel,avião, cinema </li></ul></ul><ul><ul><li>Busca por novas fontes de matéria-prima e aumento espetacular da produção </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Taylorismo – Controle científico do trabalho </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>Surgimento do engenheiro </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><ul><ul><li>Profissionalização da administração </li></ul></ul></ul></ul><ul><ul><li>Expansão da industrialização para a Europa, EUA e Japão </li></ul></ul><ul><ul><li>Crises cíclicas de superprodução e queda dos preços </li></ul></ul>
  4. 9. Fatores econômicos <ul><li>Capitalismo Financeiro (monopolista) </li></ul><ul><ul><li>Fim da livre concorrência e surgimento de grandes conglomerados industriais </li></ul></ul><ul><ul><li>trustes – empresas que absorvem as menores e monopolizam o mercado de determinado produto </li></ul></ul><ul><ul><li>Cartéis – acordo entre grandes empresas para controlar os preços do mercado (oligopólio) </li></ul></ul><ul><ul><li>Holdings – empresas (geralmente bancos) que tomam o controle acionário de várias indústrias e empresas, atuando coordenadamente para controlar o mercado </li></ul></ul>
  5. 11. Fatores políticos e sociais <ul><li>Concorrência comercial entre os países virou questão de Estado </li></ul><ul><ul><li>Protecionismo econômico através de barreiras tarifárias </li></ul></ul><ul><li>Controle de áreas coloniais permitia escoar a população excedente </li></ul><ul><li>Imperialismo criava sentimento nacionalista entre a população,que apoiava os governos – Evitava a guerra civil e a revolução social </li></ul>
  6. 12. Características <ul><li>Séculos XV e XVI </li></ul><ul><ul><li>Benefício do Estado </li></ul></ul><ul><ul><li>Busca por metais preciosos </li></ul></ul><ul><ul><li>Pequena Imigração </li></ul></ul><ul><ul><li>Difusão do Cristianismo como justificativa </li></ul></ul><ul><li>Século XIX </li></ul><ul><ul><li>Benefício da alta burguesia </li></ul></ul><ul><ul><li>Busca de matérias-primas </li></ul></ul><ul><ul><li>Incentivo à imigração </li></ul></ul><ul><ul><li>Difusão da “Civilização” como justificativa </li></ul></ul>
  7. 13. A partilha da África <ul><li>Conferência de Berlim (1885-1887) </li></ul><ul><ul><li>Não levou os interesses africanos em conta </li></ul></ul><ul><ul><li>Fronteiras artificiais </li></ul></ul><ul><ul><li>90 % do território ocupado </li></ul></ul><ul><ul><li>Introdução do capitalismo e do cristianismo </li></ul></ul><ul><ul><ul><li>Fim do modo de vida tradicional das populações africanas </li></ul></ul></ul>
  8. 15. Ásia <ul><li>Oriente Médio disputado pela Inglaterra, França e Rússia </li></ul><ul><ul><li>Enfraquecimento do Império Otomano </li></ul></ul><ul><ul><li>Petróleo e passagem para o extremo Oriente </li></ul></ul><ul><li>Índia controlada pela Inglaterra </li></ul><ul><ul><li>Apoio das elites locais </li></ul></ul><ul><li>Guerra do Ópio na China </li></ul><ul><ul><li>Tratado de Nanquim (1842) – Hong Kong </li></ul></ul><ul><li>Divisão da China em esferas de influência </li></ul><ul><ul><li>Inglaterra, França, Alemanha, Rússia, Estados Unidos e Japão </li></ul></ul>
  9. 16. EUA e Japão <ul><li>EUA – Doutrina Monroe (1823) reservava as Américas para os EUA – desejo de controlar os mercados latino-americanos </li></ul><ul><ul><li>Intervenções no Caribe e América Central </li></ul></ul><ul><ul><li>Intervenções no Pacífico – Filipinas e Japão </li></ul></ul><ul><li>Japão – Era Meiji </li></ul><ul><ul><li>Abertura dos portos a partir de 1853 </li></ul></ul><ul><ul><li>Imperialismo secundário na China, Coréia e Formosa </li></ul></ul>

×