Métodoscontracetivos naturais

1.324 visualizações

Publicada em

Trabalho realizado por alunos do 12º ano

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.324
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Métodoscontracetivos naturais

  1. 1. Trabalho realizado por: Daniel nº6 Inês Chumbinho nº9Sara Santos nº17; 12ºA
  2. 2. • Não é um método contraceptivo, mas sim uma prática muito pouco segura que, além de poder dar origem a uma gravidez, provoca ansiedade em ambos os parceiros podendo também ser causa de futuros distúrbios psicossexuais.• Baseia-se na capacidade do homem em pressentir a eminência da ejaculação e neste momento retira o pénis da vagina.• O método da interrupção do coito consiste, durante uma relação sexual, remover o pénis da vagina antes da ocorrência de ejaculação, impedindo assim a deposição de sémen no interior da vagina.• Este método tem sido utilizado amplamente pelos últimos 2000 anos.• É um método pouco seguro, dado que os fluidos seminais produzidos antes da ejaculação e que têm uma função lubrificante, já podem conter espermatozóides.
  3. 3. Desvantagens: • Não previne as doençasVantagens: sexualmente transmissíveis• Em situações inesperadas de não (DSTs). uso de nenhum contraceptivo reduz • É um método que favorece a dor um pouco o risco de gravidez; pélvica e tensão em alguns• Pode ser utilizado por qualquer homens; pessoa que tiver vontade de ter • O líquido pré-ejaculatório pode relações sexuais e não tiver acesso a conter espermatozóides vivos o outras formas de contracepção. que aumenta o índice de falha.• Não tem custos. • A eficácia deste método é baixa,• Não requer dispositivos artificiais. oferece alto risco de gravidez, pois• Não tem efeitos colaterais físicos e a lubrificação que o pénis solta, pode ser praticado sem a prescrição mesmo sem o gozo, já contém ou consulta médica. espermatozóides; • Exige retenção constante da ejaculação o que, para alguns homens, pode gerar tensão ou ansiedade; • A interrupção da relação sexual pode deixar os parceiros insatisfeitos.
  4. 4. • O método da temperatura basal corporal baseia- se nas alterações da temperatura basal que ocorrem na mulher durante o seu ciclo de menstrual.• A temperatura basal do corpo de uma mulher é variável durante o seu ciclo e deste modo deve ser medido logo ao acordar, antes de comer e sem ter feito esforço muscular medir a temperatura (na boca, no recto ou na vagina) usando sempre o mesmo termómetro.• A temperatura nos dias entre a ovulação e a menstruação seguinte sobe cerca de 2 a 5 décimos de grau. Este ligeiro aumento de temperatura resulta do aumento dos níveis de progesterona. Assim sendo, a ovulação (fase fértil) corresponde à temperatura mais baixa.
  5. 5. • A temperatura basal do corpo de uma mulher, deve ser medida normalmente pela manhã durante cerca de 5 minutos.• A temperatura deve ser registada num gráfico (durante dois ou mais ciclos menstruais), o qual nos permite ver que a determinada altura a temperatura sobe ligeiramente após a ovulação e mantém-se mais ou menos nessa temperatura até a próxima menstruação;• Então, só três dias depois desta subida de temperatura ter acontecido, é que é menor o risco da mulher engravidar, permanecendo com estas novas alterações até a próxima menstruação. • Não nos podemos esquecer de uma situação importante, que são as variações de temperatura que o nosso corpo pode ter, como por exemplo, no caso de ter febre ou de alterarmos a hora de dormir. Não podemos esquecer que para usar este método como contracepção, temos de conhecer bem o funcionamento do nosso corpo.
  6. 6. Vantagens:• Não necessita de gastos financeiros;• Não apresenta possíveis efeitos Desvantagens: colaterais; • A eficácia é considerada baixa;• Não tem efeitos sobre as • Alteram o comportamento sexual hormonas; do casal;• Pode ser utilizado depois do • Exige muita disciplina. A parto(não prejudica a lactação), temperatura precisa ser medida e e durante a gravidez; anotada diariamente pela manhã,• Pode ser um bom guia para o ao acordar. bem estar ginecológico, pois • Algumas doenças que provocam alerta para problemas ou febre podem confundir as irregularidades do ciclo; anotações da temperatura. • Não oferecem qualquer protecção contra doenças sexualmente transmitidas (DTS’s)
  7. 7. • Método do Calendário:Mito:• O calendário é um método seguro.Realidade:• Além de ser difícil de prever o dia da ovulação, o calendário tem outra falha: cada ejaculação libera milhões de espermatozóides, que podem viver dentro do corpo da mulher por até 3 dias. E, se a ovulação ocorrer em algum dessas dias, é possível que se dê uma gravidez.• Método da Temperatura:Mitos:• Não há mitos
  8. 8. • Método da Interrupção do coito:Mitos:• O coito interrompido é um método seguroRealidade:• O coito interrompido é um dos métodos anticoncepcionais mais antigos, mas também um dos menos seguros que existem. Todos sabem que, para haver uma gravidez, é necessário que haja um oócito e um espermatozóide. O que poucas pessoas sabem é que o sêmem não é o único meio através do qual o homem expele seus espermatozóides: o líquido lubrificante produzido pelo homem antes da ejaculação também está cheio de espermatozóides, e o homem não tem nenhum controle sobre sua produção.• Método do Muco Cervical:Mito:• Não há mitos
  9. 9. • Os métodos contraceptivos naturais baseiam-se no conhecimento, por parte da mulher, do seu corpo e do seu ciclo sexual.• A mulher teem de saber reconhcer muito bem as modificações que ocorrem no seu corpo durante o ciclo sexual para perceber quando está no período fértil e o casal evita ter relações sexuais.• No entanto, estes métodos são muito falíveis, uma vez que não só as alterações que indicam o período fértil são pouco evidentes, como acontecem frequentemente alterações no ciclo sexual.• Assim, estes métodos são mais eficazes para os casais que querem saber o período fértil para engravidar.
  10. 10. • http://www.redece.org/mctemp.htm• http://www.notapositiva.com/trab_estudantes/trab_estudantes/cienciasn aturais/ciencias_trab/metodcontracnatur.htm• http://www.unioeste.br/projetos/unisol/projeto/c_medicina/metodos_an ticoncep.htm• http://sites.google.com/site/metodossexualidade/m%C3%A9tododocoitoi nterrompido• http://vida.aaldeia.net/eficaciabillings.htm• http://www.providafamilia.org/metodos_naturais.htm• http://sites.google.com/site/metodossexualidade/m%C3%A9tododomuco cervical• http://sexualidadejovens.do.sapo.pt/nova_pagina_1.htm• http://contracepcao.tripod.com/natural.htm• http://nfp-brasil.forum-livre.com/t161-metodo-da-ovulacao-ou-muco- cervical

×