Seu SlideShare está baixando. ×
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Histologia humana
Próximos SlideShare
Carregando em...5
×

Thanks for flagging this SlideShare!

Oops! An error has occurred.

×
Saving this for later? Get the SlideShare app to save on your phone or tablet. Read anywhere, anytime – even offline.
Text the download link to your phone
Standard text messaging rates apply

Histologia humana

11,280

Published on

1 Comment
11 pessoas curtiram isso
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
11,280
No Slideshare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
0
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
552
Comentários
1
Curtidas
11
Incorporar 0
No embeds

Conteúdo do relatório
Sinalizado como impróprio Sinalizar como impróprio
Sinalizar como impróprio

Selecione a razão para sinalizar essa apresentação como imprópria.

Cancelar
No notes for slide

Transcript

  • 1. HISTOLOGIA HUMANA
  • 2. CÉLULA TRONCO DO BLASTOCISTO
  • 3. TECIDO EPITELIAL
  • 4.  
  • 5. TECIDO EPITELIAL DE REVESTIMENTO
    • Constitui superfícies externas e internas do organismo.
    • Células fortemente aderidas, escassa substância intercelular.
    • Proliferam-se tecido adjacente formando as glândulas.
    • Originam-se das 3 camadas embrionárias:
    • # ECTODERME: Epiderme, epitélio da boca, fossas nasais
    • # MESODERME: Epitélio do Sistema digestivo e respiratório
    • # ENDODERME: Reveste cavidades corpóreas fechadas e partes do sistema urogenital.
  • 6. TECIDO EPITELIAL DE REVESTIMENTO
    • Apresentam células pavimentosas, cilíndricas e cúbicas, com GLICOCÁLIX (Aceptores e reforços de membrana), e DESMOSSOMOS (Adesão), ZONULA DE OCLUSÃO (isolamento).
    • Assentados sobre uma membrana basal com fibras colágenas, elásticas e reticulares, vascularizada e inervada (metabolismo do epitélio).
    • É avascularizado, com MICROVILOS de absorção de nutrientes presentes nas células intestinais, CÍLIOS de varrição na traquéia e tubas uterinas e ESTEREOCÍLIOS nos túbulos seminíferos.
  • 7. EPIDERME
  • 8. TIPOS DE TECIDO EPITELIAL
    • EPITÉLIO SIMPLES PAVIMENTOSO: Reveste a pleura, pericárdio e peritônio (Mesentélio).
    • EPTIÉLIO SIMPLES CÚBICO: Reveste Ovários, ductos (Adenômero) de glândulas exócrinas.
    • EPITÉLIO SIMPLES CILÍNDRICO: Reveste estômago e intestinos órgãos de secreção e absorção.
    • EPITÉLIO PSEUDOESTRATIFICADO CILINDRICO CILIADO:As células são ciliadas ou caliciformes (Muco). Encontrado no sistema respiratório e reprodutor.
  • 9.
    • EPITÉLIO ESTRATIFICADO PAVIMENTOSO: Queratinizado forma a epiderme. Não queratinizado reveste esôfago.
    • EPITÉLIO ESTRATIFICADO CÚBICO: Freqüente- mente reveste ductos secretores de glândulas exócrinas.
    • EPITÉLIO ESTRATIFICADO CILÍNDRICO: Encon- trado na parte distal da uretra, e saco e ducto lacrimal.
    • EPITÉLIO DE TRANSIÇÃO: É estratificado e as células variam de acordo com a depleção do órgão. Encontrado na Bexiga urinária e parte das vias urinárias.
    TIPOS DE TECIDO EPITELIAL
  • 10. TECIDO ESTRATIFICADO DO ESÔFAGO
  • 11. TECIDO PAVIMENTOSO QUERATINIZADO
  • 12. TECIDO PAVIMENTOSO QUERATINIZADO CAMADAS
  • 13. TECIDO PSEUDOESTRATIFICADO CILIADO TRAQUÉIA
  • 14. TECIDO SIMPLES CÚBICO DO OVÁRIO
  • 15. TECIDO PAVIMENTOSO SIMPLES
  • 16. TIPOS DE TECIDO EPITELIAL Simples escamoso simples cúbico Simples cilíndrico Pseudoestratificado Queratinizado – n/ queratinizado transição Cúbico colunar Estratificado escamoso
  • 17. Plano - Pavimentoso Cilindrico/Prismático simples Pseudoestratificado ciliado Cilindrico - ciliado Pavimentoso estratificado Simples - Cúbico
  • 18. EPIDERME
  • 19. NEURO EPITÉLIO – RETINA HUMANA
  • 20. EPIDERME DOS DEDOS AO M.E.
  • 21. EPITELIO PAVIMENTOSO ESTRATIFICADO
  • 22. EPITÉLIO PSEUDOESTRATIFICADO
  • 23. TECIDO EPITELIAL GLANDULAR
  • 24. TIPOS DE GLÂNDULAS EXÓCRINAS ACINOSA TUBULOSA TUBULO ACINOSA
  • 25. EPITELIO – GÂNGLIO LINFÁTICO
  • 26. GLÂNDULAS - LOCALIZAÇÃO
  • 27. EPITELIO GLANDULAR - FÍGADO
  • 28. FÍGADO – IRRIGAÇÃO SANGUÍNEA
  • 29. EPITÉLIO GLANDULAR - PÂNCREAS
  • 30. GLÂNDULAS EXÓCRINAS - SALIVARES
  • 31. EPITÉLIO E CÉLULAS GUSTATIVAS - LÍNGUA
  • 32. A DERME
  • 33. DERME
  • 34.
    • Sob a epiderme, apresenta-se ricamente vascularizada e inervada (terminais nervosos), com glândulas diversas, fâneros e músculos.
    • Em aves e mamíferos está assentada sobre a HIPODERME rica em adipócitos, com a função de isolante térmico e reserva energética
    DERME
  • 35. DERME
  • 36. DENTES
  • 37. TECIDO CONJUNTIVO
  • 38.
    • Substância intercelular com parte amorfa e fibras.
    • Células FIBROBLASTOS regenerativas.
    • Células Fagocitárias e de defesa: MACRÓFAGOS E PLASMÓCITOS(Linfócitos).
    • MASTÓCITOS: produzem a HEPARINA anti coagulante e HISTAMINA vasodilatadora.
    • ADIPÓCITOS: Células que armazenam lipídios.
    • A matriz tem consistência variável: Gelatinosa no tecido conjuntivo frouxo, flexível nas cartilagens, dura nos ossos e líquida no sangue.
    • Todos tem origem mesodérmica.
    • TIPOS: Conjuntivo frouxo e denso, adiposo, cartilaginoso, ósseo, hematopoiético e sanguíneo.
    TECIDO CONJUNTIVO
  • 39. TECIDO CONJUNTIVO PRÓPRIO
  • 40. TECIDO CONJUNTIVO FROUXO
  • 41. Tecido Tendinoso ou denso
  • 42. TECIDO CARTILAGINOSO
  • 43. CARTILAGEM - ESTRUTURAS
  • 44. CARTILAGEM AO M.O.
  • 45. CARTILAGEM HIALINA
  • 46. CARTILAGEM - TRAQUEIA
  • 47. CARTILAGEM HIALINA JOELHO E VÉRTEBRAS
  • 48. CULTURA DE TECIDO CARTILAGINOSO
  • 49. TECIDO SANGUINEO
  • 50. TECIDO SANGUÍNEO - HEMATOPOIESE
  • 51. TECIDO SANGUÍNEO – GLÓBULOS BRANCOS E VERMELHOS
  • 52. < 3% Basófilos < 5% Eosinófilos 3% -15% Monócitos 12%-50% Linfócitos < 8% Cayados 34%-’75% Neutrófilos segmentados 4.300 - 10.800/ml Quantidade de leucócitos QUANTIDADES NORMAIS DE LEUCÓCITOS NO SANGUE HUMANO  
  • 53. DESTRUIÇÃO DE HEMÁCIAS VELHAS
  • 54. ANTIGENOS DO SISTEMA ABO COAGULAÇÃO DO SANGUE
  • 55. HEMÁCIAS E SISTEMA ABO
  • 56.  
  • 57.  
  • 58. TECIDO SANGUÍNEO AO ME
  • 59. FERRO
  • 60. PRODUÇÃO DE ANTICORPOS – LINFÓCITOS B
  • 61. ANTICORPOS CD 3
  • 62. IMUNOGLOBULINAS
  • 63. CÉLULAS KILLER ATOTÓXICAS PRODUZEM PERFORINA, PROTEÍNA QUE DESTRÓI TODOS OS PARASITAS E CÉLULAS, AO INSERIR-SE NA MP DESTES E PRODUZIR ORIFÍCIO DE ONDE SAI O CONTEÚDO CITOPLASMÁTICO CÉLULAS KILLER – ATAQUE A CÉLULAS E PARASITAS CÉLULA KILLER CÉLULA ATACADA
  • 64. LEUCÓCITOS MACRÓFAGOS AO M.E.
  • 65. LEUCÓCITOS E IMUNIDADE
  • 66. FAGOCITOSE DE MACRÓFAGOS SE DESLOCAM POR MOVIMENTO AMEBOIDE, FAGOCITAM OS MICROORGANISMOS EXPONDO AS MOLÉCULAS DESTES EM SUA SUPERFICIE UNIDAS A MOLÉCULAS DE GLICOPROTEÍNAS DO COMPLEXO MAIOR DE HISTOCOMPATIBILIDADE (CMT). ASSIM OS LINFOCITOS T RECONHECEM O AGENTE ESTRANHO NO TECIDO. OS MACRÓFAGOS E CÉLULAS APRESENTAM O ANTÍGENO EM SUA MP.
  • 67. TECIDO CONJUNTIVO OSSEO
  • 68. TECIDO CONJUNTIVO ÓSSEO
  • 69. MENISCO – EPÍFISE ÓSSEA - REPARO
  • 70. TECIDO ÓSSEO
  • 71. ESTRUTURA DE OSSO LONGO
  • 72. OSSOS – CANAIS, VASCULARIZAÇÃO E INERVAÇÃO
  • 73. TECIDO ÓSSEO - ESTRUTURAS
  • 74. MEDULA ÓSSEA RICA EM FERRO
  • 75. MEGACARIÓIDES, ERITRÓIDES E MIELÓIDES - MEDULA ÓSSEA
  • 76. MEDULA ÓSSEA POBRE EM FERRO
  • 77. TECIDO NERVOSO
  • 78. TECIDO NERVOSO – ENCÉFALO
  • 79.
    • Recebe estímulos do corpo e do ambiente, transformando-os em estímulos elétricos e comandar a resposta a eles.
    • Apresentam neurônios e células neuróglias que nutrem, dão suporte, fagocitam, isolam eletricamente os axônios.
    • Os neurônios podem ser unipolares, bipolares e multipolares.
    • O ato ou arco reflexo é proporcionado por 3 neuronios: SENSITIVO – INTERMEDIÁRIO – MOTOR.
    • A passagem de impulsos nervosos ocorrem em SINAPSES, comandados por NEURO TRANSMIS- SORES.
    TECIDO NERVOSO
  • 80. TECIDO NERVOSO - NEURÓGLIAS
  • 81. TECIDO NERVOSO - ORIGEM
  • 82. NEURÔNIO - ESTRUTURAS
  • 83. TIPOS DE NEURÔNIOS
  • 84. TECIDO NERVOSO - ESTRUTURAS
  • 85. TECIDO NERVOSO – ANATOMIA DO NERVO
  • 86.
    • Tem origem mesodérmica, é constituído por fibras musculares que apresentam miofibrilas (Proteínas contráteis: ACTINA E MIOSINA).
    • TIPOS: Estriado esquelético : Estrias transversais, rápido e voluntário, células cilíndricas com vários núcleos. Estriado Cardíaco : Estrias transversais, movimento ritmado e involuntário (Bulbo e NSA e NAV). Impulsiona a circulação sanguínea, Células anastomosadas com 1 ou 2 núcleos centrais. Liso : Células fusiformes com núcleo único e central, ritmo lento e involuntário reveste vasos sanguíneos, tuba uterina e sistema digestório.
    TECIDO MUSCULAR
  • 87. TECIDO MUSCULAR
  • 88. MÚSCULO ESTRIADO ESQUELÉTICO
  • 89. CORAÇÃO – MÚSCULO ESTRIADO
  • 90. Tecido Muscular Estriado Cardíaco
  • 91. MÚSCULO LISO
  • 92. Tecido Muscular Liso
  • 93. Tecido Tendinoso ou Denso, Muscular e Esquelético
  • 94. TECIDO MUSCULAR - ESTRUTURAS
  • 95. Tecido muscular e a Placa motora
  • 96. TECIDO MUSCULAR ESTRIADO ESQUELETICO – ESTRIAS e BANDAS
  • 97. Unidade funcional- Sarcômero
  • 98. Teoria dos Filamentos Deslizantes de Huxley
  • 99. Fim

×