Aula 8 - Conferências do meio ambiente, capitalismo, população

181 visualizações

Publicada em

.

Publicada em: Alimentos
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
181
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
8
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 8 - Conferências do meio ambiente, capitalismo, população

  1. 1. Aula 8 Conferências sobre o meio ambiente, Capitalismo, População
  2. 2. Relação Homem-Natureza Como evoluiu essa relação? - História da humanidade é a evolução das técnicas que permitiram modificar o espaço transformando em espaço geográfico Revolução Agrícola Revolução Industrial
  3. 3. Revolução Agrícola - Sedentarização - Agricultura  desmatamento, erosão
  4. 4. Revolução Industrial - De submisso a controlador  percepção do tempo - Evolução e expansão das técnicas
  5. 5. O Meio Geográfico • Meio é um conjunto de sistemas de objetos e ações Meio natural •Antes Rev. Industrial •Predomínio da ordem natural - individuo se adequa para o meio •Período com técnica, mas sem meio técnico Meio técnico •Revolução Industrial - 2ª GM •O individuo adequa o meio •Cria um meio para as novas máquinas Meio técnico-cientifico-informacional •2ª GM - hoje •Ciência e Informação
  6. 6. 1ª Rev. Industrial 2ª Rev. Industrial Séc. XVIII Meados séc. XIX Industria têxtil Energia - Eletricidade / Matéria-prima - Petróleo Carvão (determina a localização das fábricas) Ferrovia e Barco à vapor (desapega a localização das fábricas) Imperialismo
  7. 7. Divisão internacional do Trabalho - Especialização produtiva dos países
  8. 8. Relação dos meios com a evolução do capitalismo
  9. 9. Capitalismo comercial •Capitalismo comercial  transformações da Baixa Idade Média •Lucro, circulação de bens e acumulação de capitais •Centralizado no comércio •Mercantilismo
  10. 10. Capitalismo Industrial •Industrialização possibilitada pela acumulação de capitais da fase anterior •Revolução Industrial •Manufatura  maquinofatura •Liberalismo  lógica do mercado, livre- concorrência, propriedade privada
  11. 11. Capitalismo Financeiro •2ª Revolução Industrial •Bancos assumem o financiamento das indústrias •Mercado de capitas  Bolsa •Liberalismo, Keynesianismo, Fordismo-Taylorismo •Formação de Monopólios e Oligopólios
  12. 12. Capitalismo Financeiro •Truste - Controle de toda a produção até o produto final •Cartel - Acordo entre as empresas impedindo livre- concorrência (cartel dos postos) •Conglomerados - Trustes que tentam dominar a oferta de um produto ou serviço  Empresas que atua em vários ramos •Holding - Empresa majoritária
  13. 13. Capitalismo Financeiro •Fordismo-Taylorismo - especialização do trabalhador, linha de montagem •Keynesianismo - Resposta a crise de 1929, intervenção do estado na economia, estado do bem-estar (Welfare state)
  14. 14. Capitalismo Financeiro •Aumento do fluxo financeiro  instituições de regulamentação •Conferência de Breton Woods, 1944 •Banco mundial, FMI, Padrão Dólar-ouro •Modelo urbano-industrial dos EUA e Europa  Reforço da hierarquia exposta pela DIT  Subdesenvolvimento (mantém esses países na sua posição subalterna)
  15. 15. Capitalismo Informacional •3ª Revolução Industrial •Aumento do fluxo de capitais, informações, pessoas  Globalização •Toyotismo ou Acumulação flexível •Conhecimento  capacidade de criar novos e melhores produtos  Polos tecnológicos •Neoliberalismo  intervenção do estado, privatização
  16. 16. Redes •Conjunto de locais conectados material, digital e culturalmente  Redes de comunicação, redes digitais, rede urbana (cidade global, capital regional) •Fluxo de capitais, informações, pessoas •Essas ligações foram ampliadas pela globalização
  17. 17. Meio Natural Meio Técnico Meio Técnico-cientifico- informacional Capitalismo Comercial Capitalismo Industrial Capitalismo Financeiro Capitalismo Informacional Liberalismo Keynesianismo Neoliberalismo/ Toyotismo Colonialismo Imperialismo Imperialismo cultural 1ª DIT 2ª DIT
  18. 18. O crescimento populacional
  19. 19. Se houvesse um apocalipse zumbi, quais áreas seriam mais afetadas pensando na concentração de potenciais infectados?
  20. 20. Estimativas população mundial 8.000 AEC - 5 milhões (11,32 RP) 0 - 300 milhões 1300 EC - 500 milhões 1800 - 1 bilhão 1920 - 2 bilhões 1960 - 3 bilhões 1975 - 4 bilhões 1987 - 5 bilhões 1999 - 6 bilhões 2012 - 7 bilhões
  21. 21. World population milestones in billions (USCB estimates) População 1 2 3 4 5 6 7 8 9 Anos 1804 1927 1959 1974 1987 1999 2012 2026 2042 Anos transcorrido –– 123 32 15 13 12 13 14 16
  22. 22. - Conjunto de pessoas em determinada área - Indicadores sociais expõe condições de vida, comportamento - Expectativa de vida - Taxa de mortalidade - Taxa de mortalidade infantil - Taxa de analfabetismo - IDH  Subdesenvolvimento Populoso x Povoado População absoluta x População relativa (hab. km²)
  23. 23. Teorias de crescimento populacional ou demográfico - Teoria de Malthus - População duplica a cada 25 anos (progressão geométrica) - Produção de alimentos cresce em progresso aritmética, limitado pelas áreas cultiváveis - Faltaria alimento para a população
  24. 24. • Teoria Neomalthusiana • Tentou explicar a fome e o atraso em países subdesenvolvidos • População jovem direciona os recursos para saúde e educação tirando recursos das indústrias • Crescimento populacional é responsável pela miséria • Teoria Reformista • População jovem é consequência do subdesenvolvimento • A taxa de natalidade está relacionada com o nível de escolaridade • Miséria é responsável pelo crescimento populacional • Investimento em educação e saúde quebraria esse ciclo • Ecomalthusianismo • Crescimento populacional pressiona o uso de recursos naturais • Desenvolvimento sustentável
  25. 25. Questão ambiental atualmente - Década de 1960  Questão ambiental como meio de impedir o crescimento econômico de países em desenvolvimento - 1972, publicação d’Os Limites do Crescimento, que previa o colapso do planeta se fosse mantido o padrão de consumo - Crescimento zero, natalidade 0, congelamento do crescimento econômico
  26. 26. Padrão de consumo - Países desenvolvidos tem 1/5 da população mundial e consomem 80% de todos os recurso (matérias-primas, energia e alimentos)
  27. 27. Dia da Sobrecarga da Terra (Global Footprint Network) • Data em que a demanda por recursos naturais excede a capacidade da Terra de regenerar tais recursos neste mesmo ano • Em 2015 esse dia aconteceu em 13 de agosto, em 2000 esse dia acontecia dia 5 de outubro • Hoje precisamos de 1,6 terras para atender as necessidades de recursos • Se a expansão do consumo continuar no mesmo ritmo, em 2030 o dia de sobrecarga da Terra será em junho e precisaremos de 2 terras para atender as necessidades de recursos
  28. 28. Conferências sobre o meio ambiente • Estocolmo-72 • Conferência das Nações Unidas sobre o homem e o meio ambiente • Disputa desenvolvimento x meio ambiente • Países deveriam ter liberdade para buscar o desenvolvimento de forma sustentável • Criação do PNUMA, Programa das Nações Unidas para o meio ambiente • Levou a criação de órgãos e legislações especificas em vários países • Brasil - Política Nacional do Meio Ambiente (1981) • Exigência do Estudo de impacto ambiental e autorização do IBAMA para realização de obras com impacto ambiental (1986)
  29. 29. O conceito de desenvolvimento sustentável • Criado pela comissão que publicou o estudo Nosso futuro comum ou Relatório Brundtland • Atender as necessidades do presente sem comprometer as necessidades do futuro • Disputa desenvolvimento x meio ambiente • Sociedades sustentáveis  justiça social, diversidade cultural, autodeterminação dos povos e integridade ecológica • Constituição do Brasil de 1988 incorporou o conceito
  30. 30. Rio-92 • Conferências das Nações Unidas sobre o meio ambiente e desenvolvimento/ Cúpula da Terra/Rio-92/Eco-92 • Influência do Relatório Brundtland • Discutir mudanças no padrão de consumo • Foi composto por: 2 convenções: • Convenção sobre biodiversidade - evitar a destruição da fauna e flora, vigente desde 1993 • Convenção sobre mudanças climáticas - estabelecer medidas para diminuir a emissão de poluentes, vigente desde 1994 • Dentro dessa convenção foi assinado o Protocolo de Quioto, substituído pelo Acordo de Paris em 2015 • Declaração de princípios - preservação florestas • Plano de Ação - Agenda 21, implantação de um modelo de desenvolvimento sustentável
  31. 31. • Painel intergovernamental de mudanças climáticas (IPCC), 1988 • Aumento de 4 graus na temperatura até 2100 • Elevação do nível do mar (derretimento geleiras) • Modificação no clima (zonas) e distribuição de plantas na superfície terrestre • Conferências das Partes (COP) - reunião dos países membros da convenção sobre mudanças climáticas • COP 3 (1997) - Tratado de Quioto • COP 21 (2015) - Acordo de Paris
  32. 32. 1880 1990
  33. 33. • Protocolo de Quioto, 1997 - estabilizar a concentração de gases estufa • Redução de 5,2% das emissões de gases do efeito estufa • Crédito de Carbono • Acordo de Paris, 2015 - Manter o aumento da temperatura abaixo de 2 graus até 2100 • Não estabelece metas, países devem determinar isso • Busca a economia de baixa emissão de GEE’s • Revisão a cada 5 anos • Financiamento dos países pobres • Transparência nas ações e investimentos
  34. 34. Rio +10 e Rio +20 • Rio +10 - 2002 • Cúpula mundial sobre o desenvolvimento sustentável • Balanço da Rio 92 e ampliação das discussões e das ações tomadas para realizar os objetivos • Rio +20 - 2012 • Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável • Reforçar as ideias de 1992

×