Apresentação Gerência de Riscos (PMBOK)

6.129 visualizações

Publicada em

Publicada em: Negócios
0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.129
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
27
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação Gerência de Riscos (PMBOK)

  1. 1. Autarquia Diego Côrtes Diego Vasconcelos Estelamaris Pina Geraldo Oliveira Jeirlan Correia
  2. 2. Agenda <ul><li>Gerenciamento de Riscos (PMBOK PMI) </li></ul><ul><li>Estudo de Caso (Sistema de Alocação de Docentes) </li></ul><ul><li>Tabela de Riscos </li></ul><ul><li>RSGR </li></ul>
  3. 3. Gerenciamento de Riscos (PMBOK PMI) <ul><li>Planejamento do gerenciamento de riscos </li></ul><ul><ul><li>Planejamento cuidadoso e explícito </li></ul></ul><ul><ul><li>Aumenta a possibilidade de sucesso dos outros processos </li></ul></ul><ul><ul><li>Como abordar e executar as atividades de gerenciamento de riscos </li></ul></ul><ul><li>Identificação de riscos </li></ul><ul><ul><li>Determina os riscos que podem afetar o projeto </li></ul></ul><ul><ul><li>Documenta suas características </li></ul></ul><ul><ul><li>Alocação de especialistas </li></ul></ul><ul><ul><li>Todo o pessoal do projeto deve ser incentivado a identificar riscos </li></ul></ul><ul><ul><li>Processo iterativo </li></ul></ul>
  4. 4. Gerenciamento de Riscos (PMBOK PMI) <ul><li>Análise qualitativa de riscos </li></ul><ul><ul><li>Priorização dos riscos identificados </li></ul></ul><ul><ul><li>Prioridade dos riscos usando a probabilidade </li></ul></ul><ul><li>Análise quantitativa de riscos </li></ul><ul><ul><li>Realizada nos riscos que foram priorizados </li></ul></ul><ul><ul><li>Atribui uma classificação numérica </li></ul></ul>
  5. 5. Gerenciamento de Riscos (PMBOK PMI) <ul><li>Planejamento de respostas a riscos </li></ul><ul><ul><li>Respostas adequadas à importância do risco </li></ul></ul><ul><ul><li>Econômicas ao enfrentar o desafio </li></ul></ul><ul><ul><li>Rápidas e realistas dentro do contexto do projeto </li></ul></ul><ul><ul><li>Acordadas por todas as partes envolvidas </li></ul></ul><ul><li>Monitoramento e controle de riscos </li></ul><ul><ul><li>Continuamente para encontrar novos riscos e mudanças nos riscos </li></ul></ul><ul><ul><li>Monitoramento das condições de acionamento de planos de contingência </li></ul></ul><ul><ul><li>Análise das tendências e da variação (uso dos dados de desempenho gerados durante a execução do projeto) </li></ul></ul>Fonte: PMBOK PMI, 3ª edição, 2004.
  6. 6. Estudo de Caso Sistema de Alocação de Docentes
  7. 7. Tabela de Riscos 4 10% Impacto de Negócio Custo associado a entrega de um produto defeituoso 3 50% Pessoas Dificuldade de contratação imediata de treinamento 3 50% Maturidade de Processo Não utilização de ferramentas de engenharia de software 3 50% Maturidade de Processo Processo de desenvolvimento não definido 3 4 30% Cliente Resistência a mudanças de processos de negócio 2 4 30% Impacto de Negócio Não cumprimento dos prazos de entrega estabelecidos 1 4 60% Pessoas Rotatividade da equipe RSGR Impacto Prob. Categoria Risco
  8. 8. Tabela de Riscos (continuação) 2 10% Impacto de Negócio Mudanças legislação vigente 2 30% Tecnologia O tempo de resposta do sistema ser insatisfatório 2 50% Tamanho de Produto Limitação na estrutura/migração de dados existentes. 3 30% Tamanho do Produto Mudança freqüente de requisitos antes e depois da entrega. 3 50% Pessoas Equipe de trabalho com nível de conhecimento bastante heterogêneo 3 50% Cliente Pouca disponibilidade do cliente 3 50% Pessoas Parte da equipe nao trabalha em tempo integral RSGR Impacto Prob. Categoria Risco (continuação)
  9. 9. Pessoa responsável: Analista de Sistema 1 Plano de contingência: • Alocação da pessoa(s) que está saindo com o novo membro que irá substituí-lo. • Re-organização da equipe • Re-distribuição das tarefas para a equipe <ul><li>Estratégia de redução: </li></ul><ul><li>1. Melhoria do valor das bolsas </li></ul><ul><li>2. Maior interação do estágio com as atividades acadêmicas do aluno </li></ul><ul><li>3. Definir um processo de desenvolvimento de software que possa: </li></ul><ul><ul><li>• Eliminar a centralização de informação em membros específicos da equipe; </li></ul></ul><ul><ul><li>• Definição de um padrão para desenvolvimento (padrões arquiteturais / uso de frameworks / etc); </li></ul></ul><ul><li>4. Preocupação com a documentação(atualizada) </li></ul>Descrição: Parte significativa da equipe é formada por estagiários que são contratados por um período curto de tempo recebendo bolsas com valores baixos, gerando uma alta rotatividade Impacto: crítico (4) Prob: 60% Risco: 1-001-08
  10. 10. Pessoa responsável: Analista de Sistema 2 Plano de contingência: entrega dos módulos essenciais desenvolvidos, realização do trabalho crítico através de formulários e planilhas eletrônicas e comunicação através de e-mails Estratégia de redução: definição de marcos para acompanhamento das tarefas e prazos, maximizar a reutilização de componentes, utilização de ferramentas CASE, modularização do sistema e priorização dos módulos essenciais Descrição: não cumprimento dos prazos de entrega estabelecidos. Impacto: crítico (4) Prob: 30% Risco: 2-001-08
  11. 11. Pessoa responsável: Analista de Sistema 3 Plano de contingência: regulamentar a utilização de forma institucional e obrigatória, prevendo penas para o descumprimento ou centralização do uso pelo DAA. Estratégia de redução: conscientização da necessidade de mudança e das vantagens oferecidas pelo sistema para os docentes da instituição, buscar apoio da alta gestão administrativa. Descrição: Resistências às mudanças nos processos de alocação automatizados de docentes. Impacto: crítico (4) Prob: 30% Risco: 3-001-08
  12. 12. Obrigado

×