A compreensão da mobilidade
                                            espacial da população brasileira
                 ...
A exploração do ouro e de pedras
   exploraç                             No final do século XIX, o fluxo de
              ...
Em 1967, o geógrafo Pedro Pinchas
                                                1967, geó
                              ...
- MG, ES e em menor escala de SP,
   saíram em direção ao Centro-Oeste
   saí       direç       Centro-
        em busca d...
Dourados - MS   -1940 também pode se verificar
                      també
                 um fluxo migratório em direção...
Apucarana – PR             De 1950 a 1960 a Industrialização
                                                     Industri...
Década de 1990: a desaceleração
                  desaceleraç
         das migrações.
             migraç

  - Iniciada na...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Microsoft power point movimentos de população no interior do território brasileiro

2.218 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Tecnologia, Negócios
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.218
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
28
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Microsoft power point movimentos de população no interior do território brasileiro

  1. 1. A compreensão da mobilidade espacial da população brasileira populaç permite verificar de que maneira o Movimentos de População território nacional foi sendo ocupado territó e produzido no decorrer do processo no Interior do Território histórico. histó Brasileiro A região nordeste será o primeiro pólo será pó de atração populacional do Brasil. A atraç partir de 1530 a instalação da instalaç plantation canavieira atrairá milhares atrairá de colonos portugueses vindos da metrópole. metró O emprego do trabalho escravo na empresa colonial terá como terá decorrência o translado forçado de forç Plantation é um tipo de sistema enormes contingentes de africanos agrícola (uma plantação) agrí plantação) escravizados. baseado em uma monocultura de exporta- exporta- A decadência da economia canavieira ção mediante a utilização utilizaç em meados do século XVII e o sé de latifúndios e mão-de- latifú mão- de- desenvolvimento da mineração em mineraç obra escrava. escrava. MG no decorrer do século XVIII sé reorientarão os fluxos de atração e atraç repulsão da populacional. 1
  2. 2. A exploração do ouro e de pedras exploraç No final do século XIX, o fluxo de sé preciosas atraia milhares de migrantes nordestinos convergia nordestinos para a região da para a região norte, atraídos atraí mineração. mineraç pela expansão da economia da borracha. No século XIX, e durante as primeiras sé décadas do século XX, a expansão sé A arrancada industrial em meados da economia cafeeira para o oeste do século XX transformará o sé transformará paulista e norte do Paraná Paraná sudeste no centro dinâmico da funcionará como pólo de atração funcionará pó atraç economia brasileira, articulando populacional, orientando o fluxo de todo o espaço nacional em espaç migrantes mineiros e nordestinos torno de economia urbana e para a região. industrial. O Brasil deixaria de ser um país paí O esgotamento da fronteira agrícola no agrí centro-sul do país a partir da década centro- paí dé eminentemente agrário e agrá de 50, orientará os fluxos orientará exportador de produtos populacionais para as novas fronteiras agrícolas abertas agrí primários para se estabelecer primá primeiramente no centro-oeste e centro- como uma economia fortemente posteriormente na região norte. industrializada. No final da década de 80 a estagnação dé estagnaç econômica nas regiões mais O processo de industrialização industrializaç industrializadas, articulada à intensa concentração fundiária nas fronteiras concentraç fundiá provocará o deslocamento de provocará agrícolas do norte e centro-oeste, agrí centro- milhões de trabalhadores rurais acarretará a diminuição do volume acarretará diminuiç das movimentações de população movimentaç populaç sobretudo do nordeste para os no território brasileiro. territó grandes centros urbanos. 2
  3. 3. Em 1967, o geógrafo Pedro Pinchas 1967, geó Geiger propôs a divisão regional do Brasil em três regiões geoeconômicas ou complexos regionais. Essa divisão tem por base regionais. as características histórico- caracterí histó rico- econômicas do Brasil, ou seja, os Brasil, seja, aspectos da economia e da formação histórica e regional. formaç histó n Região geoeconômica Amazônia n Região geoeconômica Centro-Sul Centro- n Região geoeconômica Nordeste Os recentes movimentos da - Na vasta região centro-oeste e centro- população brasileira populaç norte habitavam menos de 10% da população total do país. populaç paí De 1940 a 1950 - O processo de ocupação foi ocupaç Início da ocupação do centro- iniciado na década de 40. dé - Iní ocupaç centro- oeste e a ocupação do norte do ocupaç Paraná. Paraná - A fronteira agrícola do sudeste agrí - Década de 40, 90% da havia sido esgotada a população brasileira se populaç população era expulsa do populaç concentrava nas regiões campo devido a modernização modernizaç nordeste, sudeste e sul. agrícola. Saiam em direção ao agrí direç centro-oeste. centro- 3
  4. 4. - MG, ES e em menor escala de SP, saíram em direção ao Centro-Oeste saí direç Centro- em busca de terras para a agricultura. Os fluxos nacionais que partiram do nordeste eram atraídos pelas atraí - 1940, foram criados grandes projetos possibilidades de garimpo na de colonização onde o governo colonizaç bacia do rio Araguaia e pelos federal distribuía ou financiava distribuí babaçuais do vale do rio babaç pequenas propriedades de terra: a Tocantins. colônia agrícola nacional de Goiás, agrí Goiá no município de Ceres, e a colônia municí agrícola nacional de Dourados no agrí Mato Grosso do Sul. Cidade de Ceres – GO Dourados – MS 4
  5. 5. Dourados - MS -1940 também pode se verificar també um fluxo migratório em direção migrató direç ao Paraná. Paraná - A expansão da economia cafeeira e algodoeira proporcionaria o desenvolvimento de importantes centros urbanos na região, como Londrina, Apucarana e Maringá. Maringá Londrina – PR Maringá – PR Maringá 5
  6. 6. Apucarana – PR De 1950 a 1960 a Industrialização Industrializaç Concentrada no Sudeste Industrialização acelerada Industrializaç - Forte incentivo de capitais - estrangeiros. - Processo de explosão urbana nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro. - Construção da Via Dutra Construç De 1960 a 1970: a continuidade De 1970 a 1990: a Amazônia e a do fluxo para o centro-oeste e a centro- Integração Nacional. Integraç expansão em direção ao direç nordeste. - PIN: Projeto de integração nacional. integraç - Continuo processo de - Criação de extensas rodovias Criaç industrialização. industrializaç - A Transamazônica e a Cuiabá- Cuiabá - Forte mecanização na mecanizaç Santarem. agricultura. - 1967 criação da (Suframa) criaç (Suframa) - Aumento da concentração de terras concentraç Superintendência da zona e conflitos entre grileiros e Franca de Manaus. posseiros. 6
  7. 7. Década de 1990: a desaceleração desaceleraç das migrações. migraç - Iniciada na década de 80 e dé impulsionada na década de 90 o dé Disponível no site Disponí enfraquecimento das www.renatogeografia.webs.com migrações. migraç - O esgotamento do modelo de substituição das importações e substituiç importaç crise econômica na década de dé 80. 7

×