Planejamento de ensino_e_a_dinamica_da_sala

1.742 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.742
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
191
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
95
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Planejamento de ensino_e_a_dinamica_da_sala

  1. 1. Planejamento de Ensino e a Dinâmica da Sala de Aula     O QUE É PLANEJAMENTO?
  2. 2. <ul><li>“ PROCESSO CONTÍNUO QUE SE PREOCUPA COM O ‘PARA ONDE IR’ ‘E QUAIS AS MANEIRAS ADEQUADAS PARA CHEGAR LÁ’”. </li></ul><ul><li>  </li></ul><ul><li>PROCESSO DE DECISÃO SOBRE A ATUAÇÃO CONCRETA DOS PROFESSORES, NO COTIDIANO DO SEU TRABALHO PEDAGÓGICO. </li></ul>
  3. 3. PLANO É <ul><li>DOCUMENTO UTILIZADO PARA O REGISTRO DE DECISÕES DO TIPO: </li></ul><ul><li>O QUE SE PENSA FAZER </li></ul><ul><li>COMO FAZER </li></ul><ul><li>QUANDO FAZER </li></ul><ul><li>COM QUE FAZER </li></ul><ul><li>COM QUEM FAZER </li></ul>APRESENTAÇÃO SISTEMATIZADA E JUSTIFICADA DAS DECISÕES TOMADAS RELATIVAS À AÇÃO A REALIZAR.   UM GUIA E TEM A FUNÇÃO DE ORIENTAR A PRÁTICA, PARTINDO DA PRÓPRIA PRÁTICA.  
  4. 4. TIPOS DE PLANO: <ul><li>PLANO NACIONAL DE EDUCAÇÃO (PNE) </li></ul><ul><li>PLANO ESCOLAR </li></ul><ul><li>PLANO DE CURSO </li></ul><ul><li>PLANO DE ENSINO </li></ul><ul><li>PLANO DE AULA </li></ul>O PLANO DE ENSINO COMO RECURSO IMPORTANTE DO FAZER DOCENTE, REPRESENTANDO O “NORTE” DA PRÁTICA EM AULA.  
  5. 5. ELEMENTOS ESSENCIAIS: <ul><li>CONHECIMENTO DA REALIDADE </li></ul><ul><li>DADOS DE IDENTIFICAÇÃO </li></ul><ul><li>EMENTA </li></ul><ul><li>OBJETIVOS </li></ul><ul><li>CONTEÚDOS </li></ul><ul><li>METODOLOGIA </li></ul><ul><li>RECURSOS </li></ul><ul><li>AVALIAÇÃO </li></ul><ul><li>BIBLIOGRAFIA </li></ul><ul><li>  </li></ul>
  6. 6.   MODELO PLANO DE ENSINO Disciplina: Carga Horária:   Curso: Módulo:   Semestre: Ano:
  7. 7. <ul><li>EMENTA: (RESUMO DAS FINALIDADES DA DISCIPLINA) </li></ul><ul><li>OBJETIVOS GERAIS: (SÃO AQUELES MAIS AMPLOS E COMPLEXOS QUE PODERÃO SER ALCANÇADOS AO FINAL DO CURSO, OU DISCIPLINA, OU SEMESTRE, INCLUINDO O CRESCIMENTO ESPERADO NAS DIVERSAS ÁREAS DE APRENDIZAGEM). </li></ul><ul><li>OBJETIVOS ESPECÍFICOS: (REFEREM-SE A ASPECTOS MAIS SIMPLES, MAIS CONCRETOS, ALCANÇÁVEIS EM MENOR TEMPO, COMO, AQUELES QUE SURGEM AO FINAL DE UMA AULA OU DE UMPE´RIODO DE TRABALHO E EM GERAL, EXPLICA OS DESEMPENHOS OBSERVADOS) </li></ul><ul><li>CONTEÚDO PROGRAMÁTICO : (CONJUNTO DE TEMAS OU ASSUNTOS QUE SÃO ESTUDADOS DURANTE O CURSO EM CADA DISCIPLINA) </li></ul>
  8. 8. <ul><li>METODOLOGIA: (SÃO OS MEIOS UTILIZADOS PARA ORGANIZAR A APRENDIZAGEM) </li></ul><ul><li>RECURSOS: (INSTRUMENTOS E MATERIAIS UTILIZADOS POR PROFESSORES E ALUNOS) </li></ul><ul><li>AVALIAÇÃO: (DEVE SER EVIDENCIADO EXPLICITAMENTE O MODO COMO SERÁ REALIZADA, QUAIS AS FORMAS, OS MÉTODOS, AS TÉCNICAS E INSTRUMENTOS QUE VÃO SER EMPREGADOS PARA VERIFICAR O RENDIMENTO DOS ALUNOS EM RELAÇÃO A TODO O APROVEITAMENTO ESCOLAR) </li></ul>
  9. 9. PLANEJAR: O CAMINHO PARA A BOA AULA <ul><li>Só ensina bem quem sabe aonde quer levar os alunos e se prepara para chegar lá. </li></ul>
  10. 10. <ul><li>1. ESQUEÇA A BUROCRACIA: </li></ul><ul><li>2. CONHEÇA BEM </li></ul><ul><li>DE PERTO SEU ALUNO: </li></ul>
  11. 11. <ul><li>3. FAÇA TUDO OUTRA VEZ (E MAIS OUTRA): </li></ul><ul><li>4. ESTUDE MUITO </li></ul><ul><li>PARA ENSINAR BEM: </li></ul>
  12. 12. <ul><li>5. COLOQUE-SE NO LUGAR </li></ul><ul><li>DO ESTUDANTE: </li></ul><ul><li>6. DEFINA O QUE É MAIS IMPORTANTE: </li></ul>
  13. 13. <ul><li>7. PESQUISE EM </li></ul><ul><li>VÁRIAS FONTES: </li></ul><ul><li>8. USE DIFERENTES </li></ul><ul><li>MÉTODOS DE TRABALHO: </li></ul>
  14. 14. <ul><li>9. CONVERSE </li></ul><ul><li>E PEÇA AJUDA : </li></ul><ul><li>10. ESCREVA, </li></ul><ul><li>ESCREVA, ESCREVA : </li></ul>
  15. 15. O QUE É A SALA DE AULA? <ul><li>· “ESPAÇO FÍSICO” </li></ul><ul><ul><li>“ PALCO”, ONDE OS ALUNOS SÃO OS PROTAGONISTAS E O PROFESSOR O ROTEIRISTA E DIRETOR DE CENA </li></ul></ul><ul><li>· “OFICINA”, ONDE SE CONSTRÓI UM DOS MAIS IMPORTANTES PILARES DA VIDA HUMANA – A EDUCAÇÃO </li></ul>
  16. 16. A AULA COMO MOMENTO DE FORMAÇÃO DE EDUCANDOS E EDUCADORES <ul><li>CONHECIMENTO   </li></ul><ul><li>INTERDISCIPLINARIDADE </li></ul><ul><li>TRANSDISCIPLINARIDADE </li></ul><ul><li>CURIOSIDADE </li></ul><ul><li>DESEJO DE CONHECER </li></ul><ul><li>RELAÇÕES INTERPESSOAL </li></ul><ul><li>CONFIANÇA </li></ul><ul><li>RESPEITO MÚTUO </li></ul><ul><li>INTERAÇÃO </li></ul><ul><li>AUTONOMIA </li></ul><ul><li>COMPETIÇÃO </li></ul><ul><li>DIFICULDADES </li></ul><ul><li>CONFLITOS </li></ul><ul><li>ÉTICA </li></ul>
  17. 17. A AULA COMO MOMENTO DE FORMAÇÃO DE EDUCANDOS E EDUCADORES CONTINUAÇÃO <ul><li>COMUNICAÇÃO </li></ul><ul><li>AS CONDIÇÕES DO AMBIENTE </li></ul><ul><li>DINÂMICA DE GRUPO </li></ul><ul><li>RECURSOS E MATERIAS </li></ul><ul><li>METODOLOGIA </li></ul><ul><li>TRABALHOS COLETIVOS E INDIVIDUAIS </li></ul><ul><li>POSTURA DO PROFESSOR </li></ul><ul><li>COMPROMISSO </li></ul><ul><li>PLANEJAMENTO </li></ul><ul><li>ESTUDO </li></ul><ul><li>DIMENSÃO DO TEMPO </li></ul><ul><li>ENSINO E APRENDIZAGEM </li></ul><ul><li>O REGISTRO E A SISTEMATIZAÇÃO </li></ul>
  18. 19. <ul><li>O PLANEJAMENTO NÃO DIZ RESPEITO A DECISÕES FUTURAS, MAS ÀS IMPLICAÇÕES FUTURAS DE DECISÕES PRESENTES </li></ul><ul><li>Peter Drucker </li></ul>FUTURO DIA-A-DIA

×