Repositorios Institucionais DSpace

3.703 visualizações

Publicada em

Apresentação sobre o DSpace para o MCT em 2004

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
6 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
3.703
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
37
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
6
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Repositorios Institucionais DSpace

  1. 1. Repositórios Institucionais DSpace Miguel Ángel Márdero Arellano
  2. 2. DSpace <ul><li>SUMÁRIO </li></ul><ul><ul><li>ARQUIVAMENTO ELETRÔNICO </li></ul></ul><ul><ul><li>IMPLEMENTAÇÕES DE </li></ul></ul><ul><ul><li>REPOSITÓRIOS INSTITUCIONAIS </li></ul></ul><ul><ul><li>FEDERAÇÃO DSPACE E SUA </li></ul></ul><ul><ul><li>SUSTENTATIBILIDADE </li></ul></ul>
  3. 3. DSpace <ul><li>Repositórios de informação digital </li></ul><ul><li>São sistemas de informação que armazenam, preservam, divulgam e dão acesso à produção intelectual de comunidades científicas. </li></ul><ul><li>Características: </li></ul><ul><ul><li>Acesso público transparente </li></ul></ul><ul><ul><li>Ampla tipologia de documentos </li></ul></ul><ul><ul><li>Conteúdo heterogêneo </li></ul></ul><ul><ul><li>Multidisciplinaridade </li></ul></ul><ul><ul><li>Preservação Digital </li></ul></ul>
  4. 4. DSpace ACESSO LIVRE (Open Access) Disponibilização livre na Internet de literatura de carácter académico ou científico, permitindo a qualquer utilizador ler, descarregar (download), copiar, distribuir, imprimir, pesquisar ou referenciar (link) o texto integral dos documentos.
  5. 5. DSpace ACESSO LIVRE (Open Access) Duas vias: Revistas com acesso livre, onde os artigos ficam disponíveis sem restrições desde a sua publicação; o auto-arquivo pelos autores dos seus trabalhos em repositórios institucionais livremente acessíveis.
  6. 6. DSpace <ul><li>Repositórios de informação digital </li></ul><ul><li>Construídos dentro da filosofia da Iniciativa dos Arquivos Abertos para: </li></ul><ul><li>incentivar o gerenciamento da publicação pelo pesquisador (auto-arquivamento). </li></ul><ul><ul><ul><li>- utilizar tecnologia aberta e poder ser acessados por diversos provedores de serviços nacionais e internacionais. </li></ul></ul></ul>
  7. 7. DSpace <ul><li>Repositórios Institucionais </li></ul><ul><li>Auto-arquivamento da produção científica </li></ul><ul><li>institucional </li></ul><ul><li>Gerenciamento da coleção digital institucional </li></ul><ul><li>Material para o Ensino à Distância </li></ul><ul><li>Publicações eletrônicas </li></ul><ul><li>Preservação do Conteúdo digital Institucional </li></ul><ul><li>(Harnad, 2003) </li></ul>
  8. 8. DSpace Repositórios Institucionais CDSWare http://cdsware.cern.ch eprints.org http://software.eprints.org/ FEDORA http://www.fedora.info Archimene http://archimede.bibl.ulaval.ca/ ARNO http://www.uba.uva.nl/arno iTor http://www.i-tor.org/en/toon MyCoRe http://www.mycore.de Greenstone http://www.greenstone.org/
  9. 9. DSpace™ <ul><li>2000 </li></ul><ul><ul><li>Massachusetts Institute of Technology (MIT) Libraries e os Laboratórios Hewlett-Packard </li></ul></ul><ul><ul><li>Repositórios institucionais e multidisciplinares para bibliotecas, arquivos e centros de pesquisa. </li></ul></ul><ul><ul><li>Arquivamento digital da produção técnico-científica. </li></ul></ul>
  10. 10. DSpace <ul><li>Necessidade </li></ul><ul><ul><li>Coletar, preservar, indexar e distribuir o as publicações e o material de ensino e pesquisa produzido pelos cientistas e professores do MIT, em formados digitais cada vez mais complexos. </li></ul></ul><ul><ul><li>Uma tarefa custosa e que consumia tempo dos cientistas e dos departamentos, laboratórios e centros de pesquisa. </li></ul></ul>
  11. 11. DSpace <ul><li>“ Um sistema inovador de biblioteca digital para capturar, armazenar, indexar, preservar e redistribuir a produção intelectual de uma comunidade científica em formatos digitais.” </li></ul><ul><li>(DSpace Federation, 2003) </li></ul>
  12. 12. DSpace <ul><li>Resultados </li></ul><ul><ul><li>Com o repositório DSpace o MIT conseguiu gerenciar documentos digitais, dando-lhes maior visibilidade e acessibilidade ao longo do tempo. </li></ul></ul>
  13. 13. https://dspace.mit.edu/index.jsp
  14. 14. DSpace <ul><li>Características </li></ul><ul><ul><li>Software livre (licença BSD) </li></ul></ul><ul><ul><li>Arquitetura de software simples e eficiente </li></ul></ul><ul><ul><li>Uso de tecnologias de ponta </li></ul></ul><ul><ul><li>Intencionalmente implementado para servir de repositório institucional </li></ul></ul><ul><ul><li>Direcionado para o acesso aberto à informação científica. </li></ul></ul>
  15. 15. DSpace <ul><li>Funcionalidade e design </li></ul><ul><ul><li>Modelo de sistema de informação organizacional baseado em “comunidades” ou unidades de uma instituição, com necessidades específicas de gerenciamento de informação. </li></ul></ul>
  16. 16. Modelo de Informação DSpace
  17. 17. DSpace <ul><li>Metadados e interface de usuários </li></ul><ul><ul><li>Padrão Dublin Core </li></ul></ul><ul><ul><li>Indexação para navegação e busca em coleções, entre coleções e comunidades </li></ul></ul><ul><ul><li>Schema XML para exportação de metadados </li></ul></ul><ul><ul><li>Recuperação em diferentes formatos </li></ul></ul><ul><ul><li>Modelo de preservação digital OAIS </li></ul></ul>
  18. 18. DSpace <ul><li>WORKFLOW </li></ul><ul><ul><li>Acompanhamento das submissões multidisciplinares </li></ul></ul><ul><ul><li>Modelagem das coleções </li></ul></ul><ul><ul><li>Atribui “papeis” para “e-people” </li></ul></ul><ul><ul><li>Cria permissões para grupos </li></ul></ul>
  19. 19. DSpace <ul><li>Ambiente computacional </li></ul><ul><ul><li>Plataforma UNIX </li></ul></ul><ul><ul><li>Linguagem de programação Java </li></ul></ul><ul><ul><li>Servidor Web Apache </li></ul></ul><ul><ul><li>Banco relacional PostgreSQL </li></ul></ul><ul><ul><li>OAICat </li></ul></ul>
  20. 20. DSpace <ul><li>Interoperabilidade </li></ul><ul><li>DSpace adotou o protocolo para coleta de metadados da Iniciativa dos Arquivos Abertos (OAI-PMH v2.0) e está registrado como provedor de dados. </li></ul><ul><li>O protocolo foi implementado usando o software aberto OAICat, para fazer os registros dos items disponíveis para coleta, permitindo a pesquisa unificada em vários repositórios. </li></ul>
  21. 21. DSpace <ul><li>Níveis de preservação digital </li></ul><ul><ul><li>Preservação dos Bits : para garantir que o arquivo continue exatamente o mesmo com o passar do tempo – sem nenhuma modificação – enquanto a mídia física evolui ao seu redor. </li></ul></ul><ul><ul><li>Preservação funcional : o arquivo muda com o passar do tempo mas, apesar disto, o material continua a ser usável da mesma forma em que era originalmente, enquanto os formatos digitais (e a mídia física) evoluem com o passar do tempo. </li></ul></ul><ul><ul><li>URL persistentes ( Handles ) </li></ul></ul>
  22. 22. DSpace <ul><li>Tipos de documentos que o repositório aceita : </li></ul><ul><ul><li>Artigos, pre-prints, relatórios técnicos, anais de congressos </li></ul></ul><ul><ul><li>Livros, periódicos </li></ul></ul><ul><ul><li>Teses e dissertações </li></ul></ul><ul><ul><li>Material de pesquisa </li></ul></ul><ul><ul><li>Softwares </li></ul></ul><ul><ul><li>Modelos de visualização e simulação </li></ul></ul><ul><ul><li>Publicações multimídia </li></ul></ul><ul><ul><li>Registros administrativos </li></ul></ul><ul><ul><li>Dados bibliográficos </li></ul></ul><ul><ul><li>Imagens </li></ul></ul><ul><ul><li>Arquivos de áudio </li></ul></ul><ul><ul><li>Arquivos de vídeo </li></ul></ul><ul><ul><li>Coleções de biblioteca digital reformatadas </li></ul></ul><ul><ul><li>Material didático </li></ul></ul><ul><ul><li>Páginas Web </li></ul></ul>
  23. 23. DSpace <ul><li>Criação de uma Federação ou consorcio </li></ul><ul><ul><li>Apoio técnico </li></ul></ul><ul><ul><li>Expandir e melhorar o sistema </li></ul></ul><ul><ul><li>Disseminar informação em C&T </li></ul></ul><ul><ul><li>Atender as necessidades de preservação digital e de gerenciamento de direitos autorais </li></ul></ul>
  24. 24. DSpace <ul><li>Segundo Barton e Walker (2003) mais de 1500 organizações já instalaram o sistema desde que ele ficou disponível gratuitamente em novembro de 2002: </li></ul><ul><li>DSpace de la MSH-Alpes; Parma; Cornell University; Drexel University Libraries; MIT; Roskilde University; Open University Netherlands; University of Groningen; Vrije Universiteit; University of Rotterdam; Edinburgh Research Archive; European University Institute; Hong Kong University of Science and Technology IDEA: Indiana and Purdue University Indianapolis Digital Archive; Kansas University ScholarWorks; Digital Library India; QUEprints: Cranfield University; Simon Fraser University; The University of Toronto Libraries; Teaching and Learning Research Programme; TLRP Publications; University of Ghent UGent Institutional Archive; University of North Carolina School of Library and Information; University of Oregon; Vrije Universiteit Amsterdam; Washington University School of Medicine; Érudit Canada… </li></ul>
  25. 25. http://ep.eur.nl
  26. 26. http://repositorium.sdum.uminho.pt
  27. 28. http://dspace.c3sl.ufpr.br/dspace/index.jsp
  28. 29. https://dspace.ibict.br/dspace Implementação no IBICT Iniciada em Abril de 2004 1ª. Fase Instalação, configuração e tradução 2ª. Fase Definição de comunidades, coleções, e teste da primeira versão 3ª. Fase (2005) Definição da política interna de submissão e acesso, alimentação das coleções e disponibilização na Web.
  29. 30. https://dspace.ibict.br/dspace
  30. 31. Obrigado! [email_address]

×