Av2 ic - dona empada

1.461 visualizações

Publicada em

te

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.461
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
12
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Av2 ic - dona empada

  1. 1. Processo de Inteligência Competitiva e Análise de Informação: Estudo aplicado à empresa DONA EMPADA. ALUNOS: ALINE PASCOAL DE LIMA | ARNALD ALTENSEE GELSON RODRIGUES DA SILVA | RAQUEL BATISTA FERREIRA FACULDADE ESTÁCIO DO CEARÁ CURSO DE GRADUAÇÃO TECNOLÓGICA EM MARKETING FORTALEZA - 2010
  2. 2. 1. DADOS DE IDENTIFICAÇÃO DA EMPRESA <ul><li>Razão Social: Bel Girão Comércio e Produções de Eventos LTDA - ME. </li></ul><ul><li>Segmento da Economia: Comércio. </li></ul><ul><li>Setor: Quiosque em shopping Centers. </li></ul><ul><li>Ramo de Atividade: Comércio de Produtos alimentícios. </li></ul><ul><li>Porte: Pequeno porte. </li></ul><ul><li>Regime Jurídico: Sociedade Ltda. </li></ul><ul><li>Procedência: Local. </li></ul><ul><li>Nº De Empregados: 06. </li></ul><ul><li>Mercado-Alvo, Clientela: Pessoas de ambos os sexos, entre 10 e 65 anos, classes C e D. </li></ul><ul><li>Tempo de Existência: 03 anos. </li></ul><ul><li>Produto: Empadas salgadas e doces. </li></ul>
  3. 3. <ul><li>1. ANÁLISE MACROAMBIENTAL: </li></ul><ul><li>Ambiente Econômico. </li></ul><ul><li>Ambiente Político-legal. </li></ul><ul><li>Ambiente Social. </li></ul><ul><li>Ambiente Tecnológico. </li></ul><ul><li>2. ANÁLISE SETORIAL </li></ul><ul><li>Fornecedores </li></ul><ul><li>Mercado-alvo </li></ul><ul><li>Produto </li></ul><ul><li>Barreiras </li></ul><ul><li>Concorrentes </li></ul><ul><li>SITUAÇÃO COMPETITIVA que TIRA O SONO do empresário: </li></ul><ul><li>Vendas diárias abaixo das metas de lucros da empresa. </li></ul>
  4. 4. QUESTÕES RESPOSTAS DO TOMADOR DE DECISÃO 1. O Que É Necessário Saber? Os novos valores a serem estipulados na tabela de preços. 2. Por que é preciso saber? Para que seja mensurado a margem de lucro da empresa. 3. O que já sabemos? Que é necessário reformular os preços da tabela atual do PDV. 4. O que ainda não sabemos? Até quanto o consumidor pagará pelo produto empada. 5. Quanto custa saber? Custos mínimo necessário para a realização da pesquisa de mercado: Remuneração do Pesquisador e Impressão de formulários de pesquisa. 6. Quanto custa não obter a informação? Manutenção de uma baixa margem de lucros da empresa. 7. Quando precisaremos da informação? Até a primeira quinzena de dezembro de 2010. 8. O que faremos com o produto da informação? De acordo com a análise dos resultados obtidos, será reformulada a nova tabela de preços para o atual PDV.
  5. 5. ANÁLISE DE AMBIENTE (QUESTÃO CRÍTICA) VIGILÃNCIA AMBIENTAL SITUAÇÃO IDENTIFICADA NO AMBIENTE IMPORTÂNCIA IMPACTO VIGILÂNCIA SOCIAL ALTA MÉDIA BAIXA ALTO MÉDIO BAIXO Costumes da época Barganha de preços pelos consumidores. X X Infraestrutura social População c/ acesso à educação e informação. x x Mão de obra Baixa motivação dos colaboradores. x x Segurança Equipe de segurança interna do Shopping. x x Taxa de crescimento demográfico A região Nordeste teve um crescimento populacional de 11,18% (Censo 2010). x x VIGILÂNCIA ECONÔMICA Linhas de financiamento e impostos Oferta de crédito pelo Banco do Nordeste. x x Incentivos fiscais Registro no Supersimples. x x Concorrentes atuais e potenciais Oferecem preços mais competitivos. x x Clientes e fornecedores Falta de parcerias com fornecedores. x x Mercado de trabalho Necessidade de pessoas qualificadas. x x VIGILÂNCIA TECNOLÓGICA Pesquisa Feita de forma muito intuitiva. x x Novos produtos Busca empírica de novos sabores. x x Serviços Atenção e simpatia presentes no atendimento . x x Processos Feitos manualmente. x x Patentes Marca DONA EMPADA não registrada. x x VIGILÂNCIA POLÍTICA Leis e Decretos Assessoria contábil. x x Órgãos de governo Retirada de alvará de funcionamento e manutenção de demais documentos em dia. x x Leis trabalhistas e fiscais Contratos trabalhistas de acordo com a lei. x X Fatos políticos/processo eleitoral Acompanha-se a transição de governo federal. x x
  6. 6. ANÁLISE SETORIAL (QUESTÃO CRÍTICA) VIGILÂNCIA SETORIAL SITUAÇÃO IDENTIFICADA NO SETOR IMPORTÂNCIA IMPACTO CONCORRENTES O QUÊ ALTA MÉDIA BAIXA ALTO MÉDIO BAIXO Creperie Oferecem um lanche que sacia mais e trabalham com preços mais competitivos. x x Delícia de Churros Oferecem preços mais competitivos. x x FORNECEDORES Sam´s (farinha de trigo e margarina) Preços semelhantes aos do consumidor final. x x Ciro Express (bebidas) Parcerias na entrega e nos prazos de pagamentos . x x Novilho de Ouro (carnes) Preços semelhantes aos do consumidor final. x x CLIENTES Funcionários do Shopping Benfica Conquista e Fidelização deste público. x x Estudantes Buscam ofertas de promoções. x x Público C e D, de 10 a 65 anos Barganham preços. x x PRODUTOS SUBSTITUTOS Crepes Produto que sacia mais como lanche. x x Churros Produto de baixa qualidade. x x NOVOS ENTRANTES Não identificados Existe uma abertura do Shopping para entrada de novas operações em área vizinha à DONA EMPADA. x x
  7. 7. <ul><li>Através deste estudo, foi verificado que com relação à questão crítica avaliada, os principais concorrentes de DONA EMPADA trabalham com as seguintes estratégias de Marketing: baixos preços e produtos que saciam mais o lanche dos consumidores . </li></ul><ul><li>Foi visto também que para o aumento da margem de lucro da empresa, não há necessidade imediata de extensão do público-alvo de DONA EMPADA, pois se faz necessário desenvolver mais estratégias de fidelização e conquista de um maior número de clientes dentro do segmento já atingido. </li></ul>CONSIDERAÇÕES FINAIS
  8. 8. <ul><li>Com a compreensão do momento atual desta empresa, principalmente, por meio das entrevistas e visitas ao PDV, vê-se a importância estratégica de incluir atividades específicas para: </li></ul><ul><li>Reposicionar o valor dos produtos. </li></ul><ul><li>Evitar perca de vendas por falta de estoque. </li></ul><ul><li>Tornar o produto conhecido pelo público que freqüenta aos domingos o shopping. </li></ul><ul><li>Adquirir um sistema de software para o controle do estoque, vendas e caixa no PDV, evitando desvios no monitoramento e análise destes números. </li></ul>CONSIDERAÇÕES FINAIS

×