DESENVOLVIMENTOEMBRIONARIO<br />
TIPOS<br />ARISTOTELES<br /><ul><li> OVIPAROS
VIVIPAROS
OVIVIPAROS</li></ul>SECULOS XII-XIII<br />PROFORMISTAS – NO ESPERMA<br />EPIGENISTAS – NO OVULO<br /> <br /> <br />
SEQUENCIA<br />OVO       <br />       MORULA    <br />                 BLASTULA     <br />                           GASTR...
MÓRULAConstitui a forma embrionária encontrada após sucessivas divisões celulares. Caracteriza-se, fundamentalmente, pela ...
TIPOS DE OVO QUANT AO VITELO<br />ANFIBIOS<br />DE PLATELMINTOS A CORDADOS<br />AVES ,REPTEIS PEIXAE E MOLSCOS CEFALOPODES...
A) OLIGOLÉCITOS: OVOS COM PEQUENA QUANTIDADE DE VITELO, DISTRIBUÍDOS UNIFORMEMENTE PELO CITOPLASMA. TAMBÉM CHAMADOS ISOLÉC...
SEGMENTAÇÃO<br />
SEGMENTAÇÃO<br />
TIPOS DE SEGMENTAÇÃO<br />Holoblástica ou total: a segmentação envolve todo o ovo.<br />a) Holoblástica igual: o ovo se di...
TIPOS DE SEGMENTAÇÃO<br />Meroblásticas ou parcial: apenas uma parte do ovo se envolve na segmentação.a) Meroblástica disc...
TIPOS DE SEGMENTAÇÃO<br /><ul><li>b) Meroblástica superficial: nos ovos centrolécitos( artrópodos), o núcleo se divide vár...
FOMAÇÃO DA BASTULA<br />
O  BLATOCISTO  <br />
DESENVOLVIMENTO DO ANFIOXO<br />
GASTRULAÇÃO<br />FORMAÇÃO DOS TECIDOS <br />PRIMITIVOS<br /><ul><li>  Ectoderma
  Mesoderma
  Endoderma</li></li></ul><li>
NEURULAÇÃO<br />
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Organogenese 110531161209-phpapp02

1.701 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.701
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
195
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
30
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Organogenese 110531161209-phpapp02

  1. 1. DESENVOLVIMENTOEMBRIONARIO<br />
  2. 2. TIPOS<br />ARISTOTELES<br /><ul><li> OVIPAROS
  3. 3. VIVIPAROS
  4. 4. OVIVIPAROS</li></ul>SECULOS XII-XIII<br />PROFORMISTAS – NO ESPERMA<br />EPIGENISTAS – NO OVULO<br /> <br /> <br />
  5. 5. SEQUENCIA<br />OVO <br /> MORULA <br /> BLASTULA <br /> GASTRULA<br /> NEURULA<br /> ORGANOGENESE<br />
  6. 6. MÓRULAConstitui a forma embrionária encontrada após sucessivas divisões celulares. Caracteriza-se, fundamentalmente, pela forma esférica e por apresentar-se maciça, isto é, formada inteiramente por células embrionárias. Só ocorre no tipo de segmentação holoblástica igual.<br />BLÁSTULACaracteriza-se, de um modo geral, pela forma globosa e por apresentar uma única camada de células (blastoderma), delimitando uma cavidade completamente fechada (blastocele). <br />GASTRULAÇÃOProcesso de formação da gástrula. Caracteriza-se pela presença de duas camas celulares; pode ocorrer por embolia - formação da gástrula por invaginação de um dos pólos da blástula (como se vê o anfioxo) - ou por epibolia - formação da gástrula nos vertebrados a partir do recurvamento do disco embrionário. <br />NEURULAÇÃOFase do desenvolvimento embrionário dos animais ditos cordados, imediatamente posterior à gástrula, durante o qual se forma o tubo neural. É o estágio em que se intensifica a diferenciação celular.<br />ORGANOGÊNESE <br /> Fase em que há formação dos órgãos do animal; estágio em que as células que compõem os respectivos tecidos se apresentarão especializadas. <br />
  7. 7. TIPOS DE OVO QUANT AO VITELO<br />ANFIBIOS<br />DE PLATELMINTOS A CORDADOS<br />AVES ,REPTEIS PEIXAE E MOLSCOS CEFALOPODES<br />MAIORIA DOS ARTROPODES<br />
  8. 8. A) OLIGOLÉCITOS: OVOS COM PEQUENA QUANTIDADE DE VITELO, DISTRIBUÍDOS UNIFORMEMENTE PELO CITOPLASMA. TAMBÉM CHAMADOS ISOLÉCITOS. ENCONTRADOS EM EQUINODERMOS, PORÍFEROS, CNIDÁRIOS E MAMÍFEROS PLACENTÁRIOS( QUE POSSUEM DESENVOLVIMENTO EMBRIONÁRIO LONGO E CUJOS EMBRIÕES SÃO NUTRIDOS PELA MÃE, POR INTERMÉDIO DA PLACENTA).<br />B) TELOLÉCITO INCOMPLETO OU HETEROLÉCITOS: POSSUEM MÉDIA QUANTIDADE DE VITELO, PODENDO SER CONHECIDOS POR MEDIOLÉCITOS. O VITELO DISTRIBUI-SE IRREGULARMENTE, CONCENTRANDO-SE EM UM DOS PÓLOS. ANFÍBIOS, MOLUSCOS E ANELÍDEOS. <br />C) TELOLÉCITO COMPLETO OU MEGALÉCITO: TEM GRANDE QUANTIDADE DE VITELO, QUE OCUPA QUASE TODO O OVO. OCORRE EM PEIXES, RÉPTEIS , AVES E MAMÍFEROS OVÍPAROS<br />D) CENTROLÉCITOS: O VITELO, NESTES OVOS, CIRCUNDA O NÚCLEO. É TÍPICO DE ARTRÓPODOS. <br />
  9. 9. SEGMENTAÇÃO<br />
  10. 10. SEGMENTAÇÃO<br />
  11. 11. TIPOS DE SEGMENTAÇÃO<br />Holoblástica ou total: a segmentação envolve todo o ovo.<br />a) Holoblástica igual: o ovo se divide em blastômeros de mesmo tamanho. Ocorre nos ovos oligolécitos (de mamíferos placentáros, equinodermos e anfioxo)<br />b) Holoblástica desigual: ocorre no ovo heterolécito ou telolécito incompleto ( anelídeos, moluscos e anfíbios), onde, pela distribuição desigual do vitelo, os blastômeros resultantes têm tamanho diferente. No pólo animal (com pouco vitelo) surgem células pequenas (micrômeros), e no pólo vegetativo surgem células maiores (macrômeros). <br />
  12. 12. TIPOS DE SEGMENTAÇÃO<br />Meroblásticas ou parcial: apenas uma parte do ovo se envolve na segmentação.a) Meroblástica discoidal: no ovo telolécito completo ( megalécito ou macrolécito: répteis, aves e peixes), o vitelo enche quase todo o seu interior, exceto o pólo animal (disco germinativo). Somente nesse ponto ocorrem mitoses, e a região vitelínica não se divide.<br />
  13. 13. TIPOS DE SEGMENTAÇÃO<br /><ul><li>b) Meroblástica superficial: nos ovos centrolécitos( artrópodos), o núcleo se divide várias vezes, os núcleos resultantes migram para a superfície do ovo e continuam a se dividir.</li></li></ul><li>TIPOS DE SEGMENTAÇÃO <br />
  14. 14. FOMAÇÃO DA BASTULA<br />
  15. 15. O BLATOCISTO <br />
  16. 16. DESENVOLVIMENTO DO ANFIOXO<br />
  17. 17. GASTRULAÇÃO<br />FORMAÇÃO DOS TECIDOS <br />PRIMITIVOS<br /><ul><li> Ectoderma
  18. 18. Mesoderma
  19. 19. Endoderma</li></li></ul><li>
  20. 20. NEURULAÇÃO<br />
  21. 21. ORGANOGÊNESE<br />
  22. 22. OBRIGADO<br />

×