Introdução petroleo e gas

630 visualizações

Publicada em

LIVRO MUITO BOM PRA AERA DE PETROLEO E GAS

Publicada em: Negócios
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
630
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
40
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Introdução petroleo e gas

  1. 1. Introdução à Geologia e à Geologia do Petróleo
  2. 2. Introdução à ciência da Geologia e a seus princípios básicos Terra: objeto maior da Geologia A Geologia do Petróleo reúne as disciplinas da geologia e geofísica aplicadas para compreender a origem, a distribuição e as propriedades das rochas portadoras de petróleo e gás Uma visão histórica da indústria do petróleo auxilia na compreensão da evolução dos conceitos e técnicas acerca da Geologia do Petróleo
  3. 3. Geologia A Geologia, como ciência, procura decifrar a história geral da Terra, desde o momento de sua formação até o presente, valendo-se das bases de outras áreas como a astronomia, a física, a química e a biologia Ainda que seja uma ciência eminentemente histórica, principalmente indutiva, tem aumentado a utilização de métodos dedutivos (preponderantemente determinísticos)
  4. 4. Tempo em Geologia
  5. 5. Princípios da Geologia Continuidade Lateral A continuidade vertical encerra uma continuidade lateral dos estratos
  6. 6. Superposição Eventos que se superpõem geometricamente se superpõem também temporalmente
  7. 7. Uniformitarismo e Atualismo O presente é a chave para o passado (C. Lyell) Uniformitarismo: processos que agem hoje em dia agiram no passado geológico com mesma intensidade Atualismo: mais geral que o uniformitarismo pois não há a denotação de estrita igualdade nas condições (intensidades dos processos) entre o presente e o passado Implicam em uma continuidade da relação causa e efeito Deve-se considerar também o Catastrofismo
  8. 8. Aspectos Históricos da Exploração de Petróleo Heródoto por volta de 450 A.C. descreveu várias exsudações Várias referências bíblicas sobre o uso de óleo e piche (e.g. arca de Noé)
  9. 9. Vários usos iniciais: iluminação, medicamento, impermeabilizante, arma de guerra etc. Chineses utilizam tecnologia de bambu (óleo?) Primeiro poço para óleo no ocidente: em 1795 na França Primeiro poço para produzir petróleo foi perfurado pelo Coronel Drake na Pensilvânia em 1859 Antes, nos Apalaches, há relatos de poços de água com petróleo como contaminante
  10. 10. Nesta época, além das exsudações, buscavam-se as regiões rebaixadas onde encontravam-se rios, o que empiricamente evidenciava ser muito mais interessante para sucesso Existência de anticlinais recortados por rios na sua porção superior em erosão
  11. 11. Motor de combustão interna de 1870: rápido crescimento da indústria Vários derivados do petróleo encontravam-se em franco uso, com o óleo leve suplantando o querosene Grande impulso no consumo com a I Grande Guerra Domínio das “sete irmãs” por volta de 1920: BP, Shell, Exxon, Gulf, Texaco, Mobil e Chevron Fundação da Aramco (Arábia Saudita) em 1930, a partir de um consórcio de empresas
  12. 12. No pós II Grande Guerra, proliferou a ideia de consórcios no mundo Objetivo: minimizar riscos e maximizar lucros
  13. 13. Criação da OPEP em 1960 Em meados da década de 1970 a OPEP produzia dois terços do petróleo mundial Forte caráter estatal na indústria, com domínio da maior parte das reservas mundiais por parte delas Quem consome muito tem pouco, quem tem muito consome pouco O petróleo é de longe a principal fonte de energia do planeta Petróleo → poder + guerras + especulação + tecnologia
  14. 14. Contexto da Geologia do Petróleo A Geologia do Petróleo, como sub-área da Geologia, integra diversas de suas disciplinas: geofísica, geoquímica, paleontologia, sedimentologia, estratigrafia, geologia estrutural e prospecção mineral
  15. 15. Condições Essenciais para a Ocorrência de Petróleo O petróleo ocorre nas bacias sedimentares (i.e. locais de subsidência e acúmulo de sedimentos)
  16. 16. Condições necessárias: geradora, migração, reservatório, selo, trapa e sincronismo (timing)

×