O planeta terra

1.045 visualizações

Publicada em

terra

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.045
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
26
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O planeta terra

  1. 1. A Teoria do Big Bang • A Teoria do Big Bang (ou “grande explosão”) é uma formulação sobre a origem do Universo . • Pressupõe a ocorrência de uma grande explosão há cerca de 14 bilhões de anos. • A partir da grande explosão ocorre a expansão do Universo e o agrupamento dos corpos celestes em galáxias. O afastamento entre as galáxias é uma das principais evidências que ajudam a sustentar a teoria do Big Bang. Ilustração representando o Big Bang
  2. 2. O Sistema Solar SISTEMA SOLAR: composto por oito planetas que orbitam em torno do Sol. A força que mantém esse movimento é a atração gravitacional exercida pelo Sol.
  3. 3. Vênus (108 200 000 km*) Mercúrio (57 900 000 km) (227 900 000 km) cinturão de asteroides Terra Marte (149 600 000 km) Júpiter (778 300 000 km) Saturno (1 427 000 000 km) Urano (2 869 600 000 km) Netuno (4 496 600 000 km) Ilustração adaptada de: A TERRA. São Paulo: Ática, 2003. (Série Atlas Visuais) LUIS MOURA / ARQUIVO DA EDITORA * Distância do planeta em relação ao Sol.
  4. 4. E o que são os astros? Estrelas são astros luminosos – que possuem luz própria Planetas no seu interior ocorrem frequentes explosões que liberam calor e energia são astros sem luz própria que giram (gravitam) ao redor de uma estrela REISTLIN MAGERE / SHUTTERSTOCK / GLOW IMAGES
  5. 5. Planetoides ou asteroides minúsculos planetas que giram ao redor do Sol seriam o resultado da explosão de um planeta que existiu entre Marte e Júpiter consequência de choques entre astros maiores “restos” do período de formação do Sistema Solar Satélites naturais astros que giram ao redor de planetas a Lua é o único satélite natural da Terra são hipóteses de origem são
  6. 6. Cometas astros de pequena dimensão e também giram ao redor do Sol são Cabeleira ou coma: espécie de nuvem de gases que envolve o núcleo NASA / NATIONAL SPACE SCIENCE DATA CENTER Cauda: rastro deixado pelo cometa Núcleo: parte central e sólida
  7. 7. Meteoros ou meteoroides fragmentos sólidos vindo do espaço em direção a algum planeta, planetoide ou satélite atraídos pela gravidade são “estrela cadente” • Quando entram na atmosfera terrestre, sofrem um intenso atrito com o ar, gerando calor e luminosidade. Com isso se despedaçam e caem sobre a superfície terrestre, geralmente, com tamanho reduzido. quando se encontram na superfície da Terra, esses astros recebem o nome de meteoritos JORGE GUERRERO / AGÊNCIA FRANCE-PRESSE
  8. 8. Universo Galáxia Sistema Solar Terra Satélites
  9. 9. calor e luz fornece energia essencial para a existência da vida astro mais próximo da Terra não possui atmosfera (ar) nem água na forma líquida a luminosidade da Lua é reflexo da luz do Sol a luz solar refletida pela Lua varia de intensidade conforme a posição em que ela se encontra em relação à Terra e ao Sol ventos, evaporação das águas, variação de temperatura do ar, entre outros fenômenos que ocorrem na Terra por isso O Sol e a Lua
  10. 10. Observe o esquema abaixo sobre as fases da Lua: 1 2 3 4 5 6 7 8 1 Nova Crescente Cheia Minguante Nova 1 2 3 4 5 6 7 8 Raios solares A Lua como é vista da Terra em suas fases Polo sul LUIS MOURA / ARQUIVO DA EDITORA
  11. 11. A Idade da Terra • A Terra surgiu há cerca de 4,6 bilhões de anos. • A idade da Terra pode ser dividida em grandes blocos de tempo chamados Eras geológicas. • As eras geológicas podem ser divididas em: Pré-cambriana, Paleozoica, Mesozoica e Cenozoica. Diagrama ilustrativo da evolução geológica e biológica ao longo do tempo.
  12. 12. Eras Geológicas
  13. 13. Os movimentos da Terra Dois principais Rotação Translação É o giro que o planeta faz ao redor de si mesmo, ou seja, ao redor do seu próprio eixo. É o movimento que a Terra realiza ao redor do Sol seguindo uma órbita elíptica. 14
  14. 14. Dia Polo norte Noite Leste Polo sul Movimento de rotação Raios solares LUIS MOURA / ARQUIVO DA EDITORA Eixo de rotação Oeste Eixo ligeiramente inclinado em relação ao plano da órbita terrestre Principal consequência do movimento de rotação Duração de uma volta completa: 23 horas e 56 minutos = Dia sideral ou astronômico ≠ Dia solar tempo que o Sol leva para passar pelo mesmo meridiano duas vezes = 24 horas 15
  15. 15. parte dela estará voltada para o Sol parte dela estará portanto “de costas” para o Sol Dia Noite A parte escura vai recebendo luz e a parte iluminada vai entrando na sombra Movimento de rotação A Terra gira ao redor de si mesma e tem forma esférica Como a Terra está em constante movimento Polo norte Leste Polo sul Raios solares LUIS MOURA / ARQUIVO DA EDITORA Noite Dia Eixo de rotação Oeste 16
  16. 16. Movimento de translação Movimento que a Terra realiza ao redor do Sol duração da volta completa 365 dias, 5 horas e 48 minutos aproximadamente como resultado das 5 horas e 48 minutos, a cada 4 anos se acrescenta um dia no ano ano bissexto Movimento de translação da Terra AFÉLIO Afastamento máximo em relação ao Sol PERIÉLIO Aproximação máxima em relação ao Sol PLANO DE ÓRBITA DA TERRA LUIS MOURA / ARQUIVO DA EDITORA 17
  17. 17. Um dia O globo 24 horas 360º longitude = possui 180º leste 180º oeste 1 fuso = 1 hora 24 fusos 1 fuso = 24 horas faixa de 15º de longitude = 360º 24 Fusos horários 20
  18. 18. Movimento aparente do Sol impressão que temos do movimento do Sol ao redor da Terra sentido inverso ao da rotação do planeta, ou seja, de leste para oeste sentido do movimento aparente do Sol sentido do movimento de rotação aparentemente o Sol nasce no leste e se põe no oeste então, o horário no oriente (leste) é adiantado em relação ao ocidente (oeste) portanto oeste leste THE LIVING EARTH, INC. / ARQUIVO DA EDITORA 21
  19. 19. Mapa-múndi – Fusos horários Adaptado de: ATLAS 2000: La France et le monde. Paris: Nathan, 1998. antimeridiano meridiano oposto ao de Greenwich (central) fuso inicial meridiano central 22
  20. 20. Meridiano central de Greenwich leste 0 h horas aumentam oeste horas diminuem ̶+ Mapa-múndi – Fusos horários Adaptado de: ATLAS 2000: La France et le monde. Paris: Nathan, 1998. 23
  21. 21. Mapa-múndi – Fusos horários Adaptado de: ATLAS 2000: La France et le monde. Paris: Nathan, 1998. Linha de Mudança de Data 180º oeste de Greenwich = mesma linha 180º leste de Greenwich Ao cruzar essa linha imaginária no sentido oeste para leste deveríamos alterar a data para o dia seguinte Ao cruzar essa linha imaginária no sentido leste para oeste a data deveria ser alterada para o dia anterior 24
  22. 22. Brasil – Fusos horários Adaptado de: ATLAS geográfico escolar. Rio de Janeiro: IBGE, 2009. Fusos horários no Brasil 25

×