Apresentacao anm

398 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
398
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentacao anm

  1. 1. SMSDC<br />1<br />Academia Nacional de Medicina<br />
  2. 2. 1<br />Cenário encontrado e diagnóstico<br />
  3. 3. Cenário que encontramos<br />
  4. 4. Cenário que encontramos<br />
  5. 5. Diagnóstico<br />
  6. 6. 2<br />Resultados 2009<br />
  7. 7. Produção Ambulatorial (SIA/SUS)<br />
  8. 8. Ações em Atenção Básica<br />
  9. 9. Produção Hospitalar – por natureza administrativa<br />
  10. 10. Maternidades – internações por município de residência<br />
  11. 11. Mortalidade Hospitalar <br />
  12. 12. Central de Regulação<br />
  13. 13. PARTE 2 – PRODUÇÃO AMBULATORIAL (SIA) <br />13<br />No 1º Trimestre de 2011, na Rede SUS, realizamos 13.660.582 atendimentos <br />Fonte: Sistema de Informações Ambulatoriais - TABNET Municipal<br />
  14. 14. 3<br />Plano Plurianual 2010/2013<br />
  15. 15. Reestruturação da Saúde na cidade<br />* Proposta para 2011.<br />
  16. 16. Modelo de Saúde Básica Adotado<br />
  17. 17. Microregionalização - Firjan<br />
  18. 18. 18<br /> Evolução dos limites orçamentário da SMSDC <br />~33% /ano<br />* Proposta para 2011.<br />
  19. 19. Focos de Atuação<br />
  20. 20. 4<br />Reestruturação administrativa<br />Gestão<br />
  21. 21. Focos de Atuação<br />Gestão compartilhada<br />Recursos Humanos<br />Revisão de processos críticos<br /> - Desconcentração orçamentária<br /> - Compras – Pregão eletrônico<br /> - Faturamento<br />
  22. 22. Indicador – P09 <br />Valor Faturado (AIHs + Procedimentos Ambulatoriais)<br />Meta -Aumentar o faturamento de R$ 985 mil para R$ 1.652 mil até fevereiro de 2010 e manter este valor até agosto de 2010 no Hospital Souza Aguiar.<br />
  23. 23. Indicador – P07<br />Custo dos medicamentos consumidos<br />Meta - Reduzir o custo mensal dos medicamentos consumidos de R$ 567.231 para R$ 356.013 até março de 2010 e manter este custo até agosto de 2010 no Hospital Souza Aguiar.<br />
  24. 24. 01<br />01<br />01<br />05<br />03<br />05<br />03<br />01<br />09<br />Distribuição dos indicadores por Subsecretaria<br />29 Indicadores propostos<br />Fonte: Sistema Integrado de Codificação Institucional (Decreto nº 31.036 de 31/08/2009).<br />
  25. 25. Indicadores e metas das SMSDC acompanhados pela Casa Civil<br />25<br />
  26. 26. Recompensas previstas<br />26<br />
  27. 27. 5<br />Pronto-atendimento<br />Urgência/Emergência<br />
  28. 28. Unidades de Pronto-atendimento<br />1 unidade por 150 mil habitantes<br />24 h – 7 dias por semana<br />28<br />28<br />28<br />
  29. 29. Unidades de Pronto-atendimento<br />29<br />29<br />29<br />
  30. 30. Unidades de Pronto-atendimento<br />30<br />30<br />30<br />
  31. 31. Programa de Desenvolvimento Urgência e Emergência - FIOCRUZ<br />Fluxo de entrada<br /> - Acolhimento<br />- Gerenciamento da expectativa<br />-Tempo de espera<br />Fluxo de saída<br />- Regulação <br />- Programa de Atenção Domiciliar ao Idoso<br />31<br />31<br />31<br />
  32. 32. 32<br /> Fluxo de entrada - Acolhimento<br />Meta - Aumentar a quantidade de pacientes classificados de 0 para 100% até fevereiro de 2010 e manter este percentual até agosto de 2010 no Hospital Souza Aguiar.<br />
  33. 33. Acolhimento e classificação de risco<br />33<br />33<br />33<br />
  34. 34. Acolhimento e classificação de risco<br />34<br />34<br />34<br />
  35. 35. Indicador - P10<br />Percentual de familiares/ acompanhantes informados no atendimento da emergência<br />Meta - Aumentar o percentual de familiares/ acompanhantes informados no atendimento da emergência de 0% para 70% até julho de 2010 e manter este percentual até agosto de 2010 no Hospital Souza Aguiar.<br />
  36. 36.
  37. 37. 37<br />
  38. 38. 38<br />
  39. 39. 6<br />Atenção primária<br />
  40. 40. Modelo de Saúde Básica Adotado<br />
  41. 41. Modelo de Saúde Básica Adotado<br />
  42. 42. Modelo de Saúde Básica Adotado<br />Cartão Saúde Presente<br /><ul><li> Relacionamento direto com médico e equipe
  43. 43. Telefone 24 horas</li></ul>frente<br />verso<br />
  44. 44. Modelo de Saúde Básica Adotado<br /><ul><li> Sistema de reuso de água
  45. 45. Ventilação e iluminação naturais
  46. 46. Baixo consumo de energia
  47. 47. Jardim interno
  48. 48. Estrutura modular</li></li></ul><li> Modelo de Saúde Básica Adotado<br />
  49. 49. Modelo de Saúde Básica Adotado<br />
  50. 50. Modelo de Saúde Básica Adotado<br />46<br />
  51. 51. Modelo de Saúde Básica Adotado<br />
  52. 52. Modelo de Saúde Básica Adotado<br />
  53. 53. Modelo de Saúde Básica Adotado<br />
  54. 54. Modelo de Saúde Básica Adotado<br />
  55. 55. Modelo de Saúde Básica Adotado<br />
  56. 56. Modelo de Saúde Básico Adotado<br />
  57. 57. Modelo de atenção primário adotado<br />
  58. 58. Modelo de atenção primária adotado<br />54<br />
  59. 59. Modelo de atenção primária adotado<br />55<br />55<br />
  60. 60. Modelo de atenção primária adotado<br />56<br />
  61. 61. Modelo de atenção primária adotado<br />57<br />
  62. 62. Modelo de atenção primária adotado<br />
  63. 63.
  64. 64. Modelo de Saúde Básica Adotado<br />
  65. 65. 7<br />Projetos a serem implementados<br />
  66. 66. 62<br /> Processos já implementados no Hospital Souza Aguiar<br />
  67. 67. 63<br /> Outras iniciativas<br />
  68. 68. 64<br /> Novo Hospital Paulino Werneck<br />
  69. 69. 65<br /> Novo projeto para ambulâncias<br />

×