Reflexões sobre a importância dasondagem das hipóteses de escrita
As pesquisas sobre o processo de alfabetização vêm  mostrando que, para poder se apropriar do nosso  sistema de representa...
O que a criança não compreende é que a escrita representa a fala, o som das palavras, e não o objeto a que o nome se refer...
Enquanto não encontra respostas satisfatórias paraas duas perguntas fundamentais: "o que a escritarepresenta?" e "qual a e...
No processo de alfabetização, a hipótese silábica é,ao mesmo tempo, um grande avanço conceitual euma enorme fonte de confl...
Se o professor compreende a hipótese com que acriança está trabalhando, passa a ser possívelproblematizá-la, intervindo na...
E agora, estou com as sondagens dos meus alunos, o que fazer?Como nortear minha prática a partir dessa avaliação?
1- O primeiro passo é saber quais saberes meus alunos  possuem em cada hipótese e o que eles precisam  para avançar.2- Dep...
PRÉ- SILÁBICA  Saberes do meu aluno:       Saberes que ele necessita: Escreve com desenhos ou       Ampliar seu repertóri...
SILÁBICA SEM VALORSONORO Saberes do meu aluno:      Saberes que ele Cada letra ou símbolo       necessita: corresponde a...
SILÁBICA COM VALORSONORO Saberes do meu aluno:      Saberes que ele Já supõe que a escrita      necessita: representa a ...
SILÁBICO- ALFABÉTICA Saberes do meu aluno:        Saberes que ele Compreendeu que a             necessita: escrita repre...
ALFABÉTICA Saberes do meu aluno:    Saberes que ele Compreendeu o             necessita: sistema de escrita,       Domin...
De posse do conhecimento dos saberes dos alunos,como otimizo o tempo e os espaços escolares,formando agrupamentos para obt...
 Reflexão:      SABERES X AVANÇOS
1- pré- silábico x pré- silábico    saberes      x  saberes   pré- silábico x silábico sem valor                   silábic...
2- silábico sem valor x silábico sem valor    saberes           x   saberes  silábico sem valor x silábico com valor     s...
3- silábico com valor x silábico com valor   saberes            x    saberes silábico com valor x silábico- alfabético  sa...
4- silábico- alfabético x silábico- alfabético      saberes          x saberes  silábico- alfabético x alfabético    saber...
 Para pensar:     Pré-silábico x alfabético
Nessa situação, a distância de saberes entre ascrianças será muito grande, impossibilitando umagrupamento realmente produt...
É necessário refletir que os agrupamentos devem serrealizados de acordo com as característicasespecíficas de cada turma.Po...
A medida que as crianças avançam em suashipóteses os agrupamento precisam ser revistos.
TAREFA:Agrupar os alunos de acordo com suas hipóteses eaplicar uma atividade de análise e reflexão sobre osistema de escri...
 Bibliografia: BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Ensino Fundamental. Programa de formação de professores alfa...
2slideprimeiroencontroencontro 120628123600-phpapp02
2slideprimeiroencontroencontro 120628123600-phpapp02
2slideprimeiroencontroencontro 120628123600-phpapp02
2slideprimeiroencontroencontro 120628123600-phpapp02
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

2slideprimeiroencontroencontro 120628123600-phpapp02

2.143 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.143
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
9
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
85
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

2slideprimeiroencontroencontro 120628123600-phpapp02

  1. 1. Reflexões sobre a importância dasondagem das hipóteses de escrita
  2. 2. As pesquisas sobre o processo de alfabetização vêm mostrando que, para poder se apropriar do nosso sistema de representação da escrita, a criança precisa construir respostas para duas questões: 1. O que a escrita representa? 2. Qual a estrutura do modo de representação da escrita?
  3. 3. O que a criança não compreende é que a escrita representa a fala, o som das palavras, e não o objeto a que o nome se refere.Exemplo: em duas fichas com as palavras BOI e ARANHA, ao ser questionada onde está a palavra BOI a criança aponta para ARANHA pois faz assimilação com o tamanho.
  4. 4. Enquanto não encontra respostas satisfatórias paraas duas perguntas fundamentais: "o que a escritarepresenta?" e "qual a estrutura do modo derepresentação da escrita?", a criança continuapensando e tentando adequar suas hipóteses àsinformações que recebe do mundo. A descoberta deque a escrita representa a fala leva a criança aformular uma hipótese ao mesmo tempo falsa enecessária: a hipótese silábica.
  5. 5. No processo de alfabetização, a hipótese silábica é,ao mesmo tempo, um grande avanço conceitual euma enorme fonte de conflito cognitivo.Imaginem como fica conflitante para a criançadefrontar-se com o fato de que, por exemplo, suaescrita para "pato" (AO) ficou igual à que elaproduziu para "gato".
  6. 6. Se o professor compreende a hipótese com que acriança está trabalhando, passa a ser possívelproblematizá-la, intervindo nas contradições quevão gerar os avanços necessários para a compreensãodo sistema alfabético.Sendo justamente para isso a necessidade daSONDAGEM.
  7. 7. E agora, estou com as sondagens dos meus alunos, o que fazer?Como nortear minha prática a partir dessa avaliação?
  8. 8. 1- O primeiro passo é saber quais saberes meus alunos possuem em cada hipótese e o que eles precisam para avançar.2- Depois é necessário dinamizar tempos e espaços escolares e organizá-los de modo que façam construções sobre suas hipóteses, que são os agrupamentos produtivos.
  9. 9. PRÉ- SILÁBICA Saberes do meu aluno:  Saberes que ele necessita: Escreve com desenhos ou Ampliar seu repertório de letras; mistura letras e números. Manusear e visualizar Escreve utilizando as diferentes materiais letras do nome. escritos; Utiliza muitas e variadas Compreender que cada sílaba representa uma valor letras para escrever. sonoro na palavra. Realiza uma leitura Ler silabicamente. global.
  10. 10. SILÁBICA SEM VALORSONORO Saberes do meu aluno:  Saberes que ele Cada letra ou símbolo necessita: corresponde a uma sílaba falada. O que se escreve não tem Compreender que a correspondência com o escrita tem som convencional correspondência com o daquela sílaba. som convencional Realiza uma leitura silabada. daquela sílaba.
  11. 11. SILÁBICA COM VALORSONORO Saberes do meu aluno:  Saberes que ele Já supõe que a escrita necessita: representa a fala; Iniciar a superação da hipótese silábica; Compreende que cada Compreender que a letra corresponde a uma escrita representa o som sílaba falada , o que se escreve tem da fala; correspondência com o Combinar vogais e valor sonoro consoantes numa mesma convencional. palavra;
  12. 12. SILÁBICO- ALFABÉTICA Saberes do meu aluno:  Saberes que ele Compreendeu que a necessita: escrita representa a fala. Escreve combinando Compreender o sistema vogais e cosoantes em uma mesma palavra. de escrita, entendendo Está na transição da que cada um dos hipótese silábica para a caracteres da palavra alfabética, podendo gerar corresponde a um valor vários conflitos sonoro menor do que a cognitivos. sílaba.
  13. 13. ALFABÉTICA Saberes do meu aluno:  Saberes que ele Compreendeu o necessita: sistema de escrita, Dominar as convenções entendendo que cada ortográficas. um dos caracteres da Adquirir fluência na palavra corresponde a leitura. um valor sonoro menor Iniciar a produções de do que a sílaba. pequeno textos.
  14. 14. De posse do conhecimento dos saberes dos alunos,como otimizo o tempo e os espaços escolares,formando agrupamentos para obter avanços nesseprocesso de alfabetização.
  15. 15.  Reflexão: SABERES X AVANÇOS
  16. 16. 1- pré- silábico x pré- silábico saberes x saberes pré- silábico x silábico sem valor silábico com valor saberes x avanços
  17. 17. 2- silábico sem valor x silábico sem valor saberes x saberes silábico sem valor x silábico com valor saberes x avanços
  18. 18. 3- silábico com valor x silábico com valor saberes x saberes silábico com valor x silábico- alfabético saberes x avanços
  19. 19. 4- silábico- alfabético x silábico- alfabético saberes x saberes silábico- alfabético x alfabético saberes x avanços
  20. 20.  Para pensar: Pré-silábico x alfabético
  21. 21. Nessa situação, a distância de saberes entre ascrianças será muito grande, impossibilitando umagrupamento realmente produtivo.
  22. 22. É necessário refletir que os agrupamentos devem serrealizados de acordo com as característicasespecíficas de cada turma.Portanto, não há regras prontas e sim sugestões paraavanços na nossa prática.
  23. 23. A medida que as crianças avançam em suashipóteses os agrupamento precisam ser revistos.
  24. 24. TAREFA:Agrupar os alunos de acordo com suas hipóteses eaplicar uma atividade de análise e reflexão sobre osistema de escrita.Relatar pontos positivos e dúvidas.
  25. 25.  Bibliografia: BRASIL. Ministério da Educação. Secretaria de Ensino Fundamental. Programa de formação de professores alfabetizadores. Brasília: MEC/SEF, 2001. MOGI DAS CRUZES, Secretaria Municipal de Educação. Matrizes curriculares municipais para a educação básica: 9 anos- Língua Portuguesa. Secretaria Municipal de Educação. Mogi das Cruzes: SME, 2009.

×