Favelas

951 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
951
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
18
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Favelas

  1. 1. Escola Secundária com 3ºciclo do E.B Matias Aires Línguas e Humanidades – Geografia C 2011/2012Favelas Nome: Fábio Santos Fatuda Ano:12ºano Turma: 3 Nº: 11
  2. 2. Escola Secundária com 3ºciclo do E.B Matias Aires Línguas e Humanidades – Geografia C 2011/2012IntroduçãoCom a realização desta proposta de trabalho, pretendo explicar dentrodesta temática alguns tópicos como: o que são as favelas, como explicar oconceito de favela, como surge, como é vista a favela para os turistas ecomo pensa o governo brasileiro responder a este problema.Espero também com a realização deste trabalho responder a algumasperguntas da professora e se possível mostrar pontos interessantes enovas descobertas para a professora com a realização deste estudo. 2
  3. 3. Escola Secundária com 3ºciclo do E.B Matias Aires Línguas e Humanidades – Geografia C 2011/2012O que é uma favela?Favela é o termo usado para designar um fenómeno urbano definido pelasNações Unidas, como áreas que abrigam habitações inseguras,carenciadas de regularização e serviços públicos (água tratada, esgoto,escolas, posto de saúde, entre outros).Atualmente, cerca de um bilhão de pessoas vivem em favelas em todo omundo. As favelas são caracterizadas por abrigar pessoas de baixa rendacom baixa qualidade de vida. Imagem 1 – Imagem caracterizadora de uma favela 3
  4. 4. Escola Secundária com 3ºciclo do E.B Matias Aires Línguas e Humanidades – Geografia C 2011/2012Como surgiram as favelas?Esse tipo de habitação é resultado de vários fatores: industrialização,mecanização do campo e crescimento natural da população urbana.Com a mecanização do campo, um número muito grande detrabalhadores rurais ficou sem emprego, ao mesmo tempo houve ainstalação de muitas indústrias nos principais centros urbanos. Issopromoveu um maciço fenómeno migratório, denominado êxodo rural.Porém, as cidades não conseguiram absorver o elevado número depessoas, além disso, os empregos não eram suficientes. Para piorar, osmigrantes não tinham qualificação para ocupar uma vaga no mercado detrabalho, desse modo, sem renda para comprar ou alugar uma casadecente, a única alternativa foi ocupar áreas periféricas, geralmente deterceiros ou do governo. 4
  5. 5. Escola Secundária com 3ºciclo do E.B Matias Aires Línguas e Humanidades – Geografia C 2011/2012Onde se localizam as favelas?A composição das favelas difere de acordo com as regiões, no entanto,são comuns quanto às características das pessoas que as habitam. Emrazão do grau de pobreza inserido nesses espaços urbanos, as favelasentram na rota do crime, como tráfico de drogas e gangues, entre outrasmodalidades ilegais.Por ocupar áreas impróprias e pela fragilidade das barracas, sãofrequentemente atingidos em caso de deslizamento de terra, terramotos,tempestades, incêndios, cheias, entre outros, isto é, as consequências sãomaiores nessas áreas. Imagem 2 - Mapa indicando as favelas mais populosas do mundo. 5
  6. 6. Escola Secundária com 3ºciclo do E.B Matias Aires Línguas e Humanidades – Geografia C 2011/2012Como teve início o turismo da miséria?O turismo em favela tem como antecedente histórico a práticado slumming, realizada pelas elites inglesas da era vitoriana, nos anos de1880. Os ricos iam visitar, por curiosidade ou caridade, os espaçosmarginalizados da cidade. Virou moda fazer essas visitas. No Rio deJaneiro, há um mito de origem, segundo o qual o turismo em favelacomeçou com a ECO 92, quando se passou a levar estrangeiros à Rocinha -pessoas ligadas em ecologia e interessadas em alternativas ao turismo demassa. Na África do Sul, esse tipo de turismo teve início com fim doApartheid, em 1994, e os roteiros turísticos para as townships, localidadesque até então estavam isoladas. 6
  7. 7. Escola Secundária com 3ºciclo do E.B Matias Aires Línguas e Humanidades – Geografia C 2011/2012O que move o turista, curiosidade ou piedade?Não é só vontade de conhecer uma outra cultura, um tipo de voyeurismoou desejo de ajudar. Tentar separar aquele que de fato quer contribuirpara o lugar de outro que só quer fazer voyeurismo não é o ponto. Agrande questão é explicar a transformação da pobreza em atração: osturistas estão em busca de uma situação de instabilidade que elesdesconhecem.A violência também faz parte da imagem externa dopaís. Isso não assusta o turista estrangeiro?A violência é um atrativo para o turista, um atrativo propagado pela mídia.A ideia que o filme Cidade de Deus vende, por exemplo, é a de que afavela é um lugar extremamente violento, de alto risco. Os turistas vão àfavela motivados por essa imagem. É uma coisa que as agências têm deadministrar. Ao mesmo tempo em que elas procuram mudar a imagemque o turista tem da favela, mostrar que ali não tem apenas violência, elassabem que, se ninguém acreditar na violência, não haverá clientela. 7
  8. 8. Escola Secundária com 3ºciclo do E.B Matias Aires Línguas e Humanidades – Geografia C 2011/2012Favelas, copa do mundo e as Olimpíadas.Segundo um documento que encontrei sobre a problemática das favelasna cidade do Rio de Janeiro as mudanças/objectivos que foramimplementados no estudo foram:a) Consolidar o controlo territorial das áreas de favelarecuperadas peloEstado mediante o policiamento ostensivo e a expulsão dos gruposarmados que ocupavam a área;b) Urbanizar e oferecer serviços formais tais como fornecimento deenergia eléctrica e água;c) Promover o desenvolvimento social e económico da área;d) Construir meios que eliminem as fronteiras simbólicas e materiais queseparam as favelas e a cidade formal. 8
  9. 9. Escola Secundária com 3ºciclo do E.B Matias Aires Línguas e Humanidades – Geografia C 2011/2012 ConclusãoCom a conclusão deste trabalho eu acho que a favela é um lugar normal,em que as pessoas que não tiveram oportunidade de ter um lugar melhorpara morar.Na favela vivem pessoas honestas, decentes e trabalhadorascomo nas demais cidades, mas infelizmente encontramos pessoas quedescriminam pessoas que moram em favelas.Com a realização dos eventos desportivos que vão ocorrer no Brasilestamos todos à espera da capacidade de resposta do governo brasileiroface a um problema evidente que representa ainda assim as favelas ecomo irão comportar-se os cidadãos ai presentes. 9

×