Relatório de visita técnica à agencia de publicidade Lew'Lara/TB

5.846 visualizações

Publicada em

Trabalho apresentando na disciplina de Teoria e Técnica da Publicidade I, ministrada pelo Profº Dr. Eneus Trindade, na Escola de Comunicações e Artes da USP, durante o primeiro semestre de 2009.

Publicada em: Negócios
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.846
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
23
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
104
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Relatório de visita técnica à agencia de publicidade Lew'Lara/TB

  1. 1. Universidade de São PauloEscola de Comunicações e ArtesDepartamento de Relações Públicas, Propaganda e TurismoCurso de Publicidade e Propaganda - NoturnoTeoria e Técnica da Publicidade IProf. Dr. Eneus TrindadeGrupo:Carlos Nicola No USP: 6805905Eduardo Marcondes No USP: 6806782Felipe Watanabe No USP: 6806163Fernando Tabone No USP: 6805440Gustavo Kume No USP: 2374572Heloíse Reolon No USP: 5392689Taruman Andrade No USP: 5200937 Relatório de visita a Agência de ComunicaçãoNome da Agência:Endereço: Av. Presidente Juscelino Kubitscheck, 1.851 – São Paulo – SPNúmero de funcionários: 237Data da Visita: 07/04/2009Contato: Giovana Amano (giovana.amano@lewlaratbwa.com.br) 1 - Qual a missão ou filosofia de trabalho da agência? Quais são os objetivos da empresa no mercado de comunicação? Como a agência busca sua identidade no mercado publicitário? A Lew’Lara/TBWA busca ser conhecida como uma agência que equilibra planejamento e criação em doses iguais. Esta filosofia de trabalho está diretamente relacionada ao fato de haver dois sócios- presidentes, Jaques Lewkowicz, um dos profissionais mais premiados da propaganda brasileira, e Luiz Lara, renomado profissional da área de atendimento/planejamento. A agência trabalha também com a metodologia Disruption, que consiste no estudo das formas convencionais de um determinado mercado para depois propor estratégias diferenciadas de comunicação. Hoje entre as 10 maiores agências do país, a LewLara/TBWA tem por objetivo manter essa representatividade e ser constantemente lembrada em premiações do meio publicitário.
  2. 2. 2 - Como a agência está organizada? Quais são seus setores ou departamentos? Descreva-os.
  3. 3. 3 - Quais os serviços e atividades oferecidos pela agência? Descreva-os.A agência oferece trabalho em todas as mídias tradicionais, tanto impressas quanto eletrônicas,trabalhando fundamentalmente com propaganda. Além disso, desenvolve ações de endomarketing,conceito de eventos, impressos, comunicação para PDV (ponto de venda) e campanhas de promoção.A TBWA possui ainda dentro das dependências da Lew´Lara/TBWA um “braço”, a ID/TBWA, voltado parao meio digital. Até 2006 esta área da agência era apenas um departamento, mas com a crescentedemanda do mercado, a ID/TBWA transformou-se em uma operação independente.
  4. 4. 4 - Existe algum projeto ou programa de avaliação de qualidade dos serviços oferecidos pelaagência? As principais maneiras que a Lew’Lara/TBWA se utiliza para mensurar a qualidade de seus trabalhos sãoindiretas, consistindo em feedbacks informais e resultados de vendas enviados pelos clientes. Ao final decada ano a agência busca promover reuniões ou almoços/jantares junto a determinados clientes onde aspartes discutem os trabalhos realizados e os resultados alcançados durante aquele período.As premiações também são um termômetro importante para medir a qualidade dos serviços.Alguns dos prêmios alcançados pela agência:CABORÉ 2000: AGÊNCIA DO ANO; CABORÉ 2003: DIRIGENTE DE COMUNICAÇÃO PARA LUIZ LARA;CABORÉ 2004: PROFISSIONAL DE COMUNICAÇÃO PARA JAQUES LEWKOWICZ; HALL DA FAMA DOANUÁRIO DO CLUBE DE CRIAÇÃO DE SÃO PAULO EM 2004; CANNES: 2 OUROS, 1 PRATA, 2 BRONZES E 1MEDIA LIONS; ÚNICA AGÊNCIA BRASILEIRA A TER FILME ESCOLHIDO COMO MELHOR COMERCIAL NO ELOJO DE IBEROAMÉRICA 2005; GRAND PRIX NO PRÊMIO ANJ 2003 NO FESTIVAL DA ABP 2004 E GRANDPRIX NO VOTO POPULAR 2004. EM 2005, A LEW’LARA CONQUISTOU A POSIÇÃO DE AGÊNCIA BRASILEIRACOM MAIS PEÇAS NA REVISTA ARCHIVE (E SEXTA DO MUNDO). FOI TAMBÉM UMA DAS QUATROAGÊNCIAS MAIS PREMIADAS NOS FESTIVAIS DO CLUBE DE CRIAÇÃO DE SÃO PAULO, VOTO POPULAR,PRÊMIO FOLHA/ MEIO & MENSAGEM E ABP 2005; PRÊMIO ABRIL DE PUBLICIDADE: GRAND PRIX EMCRIAÇÃO E MELHOR UTILIZAÇÃO DO MEIO REVISTA, COM NOKIA. EM 2008 PREMIO ABRIL DEPUBLICIDADE NAS CATEGORIAS MELHOR UTILIZAÇÃO DO MEIO REVISTA,GRAND PRIX DE MEDIA.
  5. 5. 5 - Como é a metodologia de trabalho da agência?O trabalho começa com o Briefing do cliente, muitas vezes elaborado a quatro mãos com o setor deatendimento. A partir do Briefing, o setor de mídia elabora um planejamento de mídias. Posteriormente,a diretoria de criação já com o Briefing e o planejamento de mídias em mãos, selecionará a dupla decriação, arte e redator, mais adequados para o trabalho.Concluído esse processo inicial, atendimento e criação interagem para a definição de como será a peçapublicitária e depois, também juntos, a apresentaram ao cliente. Idéia aprovada, o planejamento,juntamente com o atendimento e a criação, define um cronograma de trabalho, o qual será gerenciadopela equipe de trafego.O trabalho é encaminhado então para a execução, sendo direcionado para o setor de Rádio e TV (queconta com o apoio de produtoras), caso seja uma peça eletrônica, ou para o setor de Art Buyer, caso sejauma peça impressa.Para otimizar o tempo e reduzir os gastos, durante o processo de produção o trabalho é apresentado emdiversas oportunidades ao cliente para avaliação, evitando assim que grandes etapas do trabalhotenham que ser refeitas..Após a aprovação da campanha, a peça publicitária passa por um tratamento de imagem, realizado naprópria agência, já que os colaboradores terceiros ficam alocados no mesmo prédio (in house); e no casode mídia impressa é gerada uma prova de cor (cromalin), que será enviada para a gráfica.Finalizado o trabalho, ele é enviado para as gráficas ou emissoras de TV, que cuidam da parte dedistribuição e veiculação de acordo com o acertado com a agência.
  6. 6. Briefing Definição de cronograma Atendimento/Cliente Planejamento/Atend./Criação/Tráfego Planejamento de Mídia Produção Mídia RTV/Art Buyer Seleção de duplas de criação Aprovação da produção Criação Cliente/Atendimento NÃO Elaboração da peça publicitária Aprovado? Criação/Atendimento SIM Finalização Aprovação da peça publicitária RTV/Art Buyer Cliente/Atendimento Distribuição/VeiculaçãoNÃO Aprovado? Gráficas/Emissoras SIM
  7. 7. 6 - Existe algum tipo de metodologia para avaliação de retorno em investimentos nacomunicação publicitária, feito para os clientes? Novamente, há somente um feedback informal dos clientes com relação à repercussão da campanha e ao resultado das vendas. Alguns clientes também enviam resultados de pesquisa Nielsen/Ibope cujo objetivo é avaliar a imagem da marca após a exposição na mídia. Por outro lado, não é comum também uma cobrança de resultados por parte dos clientes, no sentido de não haver um compromisso da agência em garantir um aumento de vendas ou uma maior lembrança da marca pelo público.
  8. 8. 7 - Quais são os principais anunciantes/clientes da agência?
  9. 9. 8 - Ilustre a apresentação com uma campanha recente ou de grande repercussão feita pelaagência visitada.No dia 21 de setembro de 2007, a cidade de São Paulo amanheceu com intervenções no TúnelAyrton Senna. Em apoio ao Dia Nacional Sem Carro, a LewLara recrutou grafite iros para, utilizandovassouras e panos secos para remover a fuligem depositada pela poluição na parede do túnel,escrever mensagens para a população aderir ao movimento.ANDE.VÁ DE BICICLETA.PEGUE ÔNIBUS.USE O METRÔ.POR MENOS POLUIÇÃO.22/09DIA MUNDIAL SEM CARRO.A iniciativa apareceu nos principais jornais da cidade, tanto televisivos quanto impressos, e gerou oequivalente a 10 milhões de reais em mídia gratuita.Vídeo com a intervenção:http://www.youtube.com/watch?v=l9onku-6UUI

×