Grijó relatório 2011.2012_v2.0

592 visualizações

Publicada em

Publicada em: Esportes
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
592
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
23
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Grijó relatório 2011.2012_v2.0

  1. 1. RELATÓRIO de OBSERVAÇÃO Clube observado AD GRIJÓ SENIORES
  2. 2. III Divisão Nacional - Série B – 10ª Jornada – 2011/2012 27/11/2011 15:00 Estádio do Leça F.C. 18 C Céu limpo Relvado: Razoável LEÇA FC 1-0 AD GRIJÓ Treinador: Armindo Machado RESULTADO FINAL (0 - 0) Treinador: Óscar Nogueira André Moreira 73’ Dani (6) 33’ Bruno Volta (20) 41’ Careca (8) 67’ Bruno Chaves(14) 72’ 83’
  3. 3. AD Grijó 1 Isac 2 Maté Treinador: Óscar Nogueira ESTRUTURA Inicial da EQUIPA 1:4-4-2 (Losango) 20 Bruno Volta (Cap) 3 R. Viana 13 Artur 14 Bruno Chaves 5 João 8 Careca 6 Dani 22 Bruno Faria 9 Loureiro 4 Defesas: Linha de 4 . Laterais em linhas subidas dão profundidade. Centrais marcam à zona. 4 Médios: Pivot defensivo, Bruno Chaves(14) + dois médios interiores: Careca(8) e João (5), direita e esquerda respetivamente e Dani (6) no vértice do losango. 2 Avançados: Loureiro(9) e Bruno Faria (22).
  4. 4. Alterações ao Sistema de Jogo 1 3 2 20 6 8 22 18 24 9 2ª parte: 77’ (1-0) 5 • Dupla substituição: Não altera a estrutura da equipa, João recua para Lateral esq. e Dani ocupa a posição de Pivot def. • Alteram a estrutura passando a jogar com 3 defesas. (não modificaram mesmo depois da expulsão de Careca aos 83’). Com a entrada de Vando criam, curiosamente mais perigo, jogando com mais um homem na frente. 1 20 3 2 6 24 22 18 16 9 2ª parte: 82’ (1-0)
  5. 5. DINÂMICAS DE EQUIPA: Processo Defensivo • Linha defensiva com quatro defesas assente num bloco médio. • Centrais marcam à zona, R. Viana(3) à esquerda e Bruno Volta (20) à direita. • Laterais demoram a fechar espaço interior (Maté (2) tem mais dificuldades): situação a explorar!! • Meio campo: losango; médios interiores fecham aquando da bola em corredor contrário, efetuando os respetivos equilíbrios; Fazem também as respetivas coberturas nos seus corredores laterias. Dani (6) é o elemento mais adiantado do trio, mas neste processo recua para zonas mais baixas. • Tal como é característica da equipa, ½ campo MUITO aguerrido e agressivo na procura do roubo da bola. • Avançados são os primeiros a pressionar, geralmente em zonas altas. Procuram sempre com critério essa pressão. • Equipa defende em 4:1:3:2. • G.R. sem muito trabalho neste jogo. Procurou mais a saída de bola longa. No entanto, joga curto se colega estiver solto sem marcação.
  6. 6. DINÂMICAS DE EQUIPA: Processo Defensivo Estrutura da equipa: 1-4:4:2 (Losango)
  7. 7. DINÂMICAS DE EQUIPA: Processo Defensivo Pressão dos 2 avançados aquando de reposição do GR adversário.
  8. 8. DINÂMICAS DE EQUIPA: Processo Defensivo Perda de bola… Lateral muito subido no seu corredor; costas desprotegidas.
  9. 9. DINÂMICAS DE EQUIPA: Processo Ofensivo • GR procura na sua reposição número 9, Loureiro. • Laterais envolvem-se no processo ofensivo, dando profundidade nos seus corredores. Predominância, neste envolvimento, do lateral direito. • Procuram jogar preferencialmente apoiado, mas quase sempre são inconsequentes. • Dani é o jogador referência na organização ofensiva da equipa. Jogador dá profundidade e largura ao jogo da sua equipa. Muito bom na meia distância, ter CUIDADO! • O jogo longo tem por referência quase sempre Loureiro (9). Boa compleição física. Faria (22) o outro avançado é rápido e procura as costas do seu colega nesta forma de jogo. • Faria (22) é a referência na transição rápida. Não deixar o jogador embalar!! • Constantes trocas posicionais nos dois homens da frente.
  10. 10. SITUAÇÕES ESTRATÉGICAS – Bolas Paradas Posicionamento Defensivo: CANTOS Defendem com 9 elementos mais o GR; Proteção na zona do primeiro poste; e marcação HxH Colocam um homem na entrada da área , para possível TO; e um segundo na zona do ½ campo.
  11. 11. SITUAÇÕES ESTRATÉGICAS – Bolas Paradas Posicionamento Ofensivo: CANTOS Seis jogadores dentro da área! No 2º poste: jogador faz aproximação para zona de baliza. Jogadores atacam zona do 1º poste na linha de pequena área Dois jogadores na zona de ½ campo. Jogador Dani (6) desloca-se para a ½ lua para eventual 2ª bola ou lance estudado!! Um jogador no corredor central para 2ªs bolas. (posiciona-se entre1/2 campo e grande área)
  12. 12. SITUAÇÕES ESTRATÉGICAS – Bolas Paradas Posicionamento Ofensivo: LIVRES LATERAIS Colocam cinco jogadores dentro da área. Livre batido quase sempre por Dani (6). A opção é o remate direto! Muito perigoso!! Quando mais lateralizado opção por bater com pé contrário ao corredor do livre .

×