Reprodução

16.224 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
9 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
16.224
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
41
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
584
Comentários
0
Gostaram
9
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Reprodução

  1. 1. BIOLOGIAPROFESSORA FÁTIMA COMIOTTO<br />
  2. 2. O que é reprodução?<br />Qual a importância da reprodução?<br /> Quais são os tipos de Reprodução?<br />Como ocorre a reprodução das espécies?<br />REPRODUÇÃO<br />
  3. 3. É o mecanismo em que um ou dois indivíduos originam novos indivíduos, contribuindo para a perpetuação da espécie.<br />O que é Reprodução?<br />
  4. 4. Reprodução Assexuada ou Agâmica – um único indivíduo origina outros, sem que haja troca de material genético entre células especiais de reprodução.<br />Reprodução Sexuada ou Gâmica– mecanismo em que normalmente dois organismos originam um novo indivíduo com troca de material genético entre células especiais de reprodução, denominadas Gametas.<br />Tipos de reprodução<br />
  5. 5. Reprodução Assexuada ou Agâmica.<br />Cissiparidade;<br />Esporulação;<br />Gemiparidade ou Brotamento;<br />Estrobilação;<br />Regeneração;<br />Propagação Vegetativa.<br />Tipos de reprodução<br />
  6. 6. <ul><li>Cissiparidade(fissão binária, bipartição, divisão simples) – um organismo simples divide-se em duas partes geneticamente iguais, que passarão a constituir novos indivíduos.
  7. 7. É verificada em geral em bactérias, algas unicelulares e protozoários.</li></ul>Reprodução Assexuada ou Agâmica.<br />
  8. 8. Cissiparidade<br />
  9. 9. <ul><li>Esporulação – fissão multipla – o núcleo celular se divide sucessivamente, e cada núcleo filho, juntamente com uma parte do citoplasma, origina um esporo. Quando liberado da célula que originou, poderá formar um novo indivíduo.
  10. 10. Ocorre em bactérias, fungos, algas e protozoários.</li></ul>Reprodução Assexuada ou Agâmica.<br />
  11. 11. Esporulação<br />
  12. 12. <ul><li> Gemiparidade ou Brotamento - quando o organismo emite lentamente um “broto”, que cresce, formando um novo indivíduo. Os indivíduos que “brotam” podem se destacar do organismo parental e viver isoladamente ou manter-se agregado a ele, constituindo uma colônia.
  13. 13. Ocorre em certas bactérias, protozoários, fungos, poríferos e celenterados.</li></ul>Reprodução Assexuada ou Agâmica<br />
  14. 14. Gemiparidade ou Brotamento<br />
  15. 15. <ul><li>Estrobilação- ocorre em algumas espécies de celenterados, no qual o pólipo se divide transversalmente em discos, formando um indivíduo semelhante a um estróbilo (ou pinha), originando várias medusas.</li></ul>Reprodução Assexuada ou Agâmica<br />
  16. 16. Estrobilação<br />
  17. 17. <ul><li> Regeneração - quando parte do individuo é cortado gerando um novo ser. Cortando o braço de uma estrela-do-mar, verifica-se que o animal regenera o braço cortado, podendo reconstituir um novo organismo. Observa-se também em planárias.</li></ul>Reprodução Assexuada ou Agâmica<br />
  18. 18. Regeneração<br />
  19. 19. <ul><li>Propagação Vegetativa – ocorre em plantas, consiste na formação de novos indivíduos a partir de partes destacadas do corpo do vegetal, como pedaços de caules ou de folhas.
  20. 20. Quais são as vantagens?
  21. 21. Quais são as desvantagens?</li></ul>Reprodução Assexuada ou Agâmica<br />
  22. 22. Vantagens<br /><ul><li>Produção relativamente rápida e mais numerosa de novos indivíduos, formando culturas mais homogêneas.
  23. 23. Permite a perpetuação das qualidades desejadas. </li></ul>Desvantagens<br /><ul><li>Podem se tornar mais vulneráveis, caso haja um agente que atue desfavoravelmente sobre ela, como uma geada ou um patógeno.</li></li></ul><li>Reprodução Sexuada ou Gâmica- mecanismo em que normalmente dois organismos originam um novo indivíduo com troca de material genético entre células especiais de reprodução, denominadas Gametas.<br /> Destaca-se dois fenômenos que permite uma certa variabilidade entre os descendentes.<br />Meiose<br />Fecundação<br />Tipos de reprodução<br />
  24. 24. <ul><li>Uma célula diploide (2n) origina quatro células haploides (n), sendo comum a ocorrência de crossig-overou permutação.</li></ul>MEIOSE<br />
  25. 25. MEIOSE<br />
  26. 26. <ul><li>Mecanismo que permite reconstituir o número normal de cromossomos da espécie.</li></ul>FECUNDAÇÃO<br />
  27. 27. FECUNDAÇÃO<br />
  28. 28. FECUNDAÇÃO<br />
  29. 29. Vantagens da Reprodução sexuada<br /><ul><li>Possibilita a sobrevivência da espécie num ambiente em processo de alteração.</li></ul>Desvantagens <br /><ul><li> perda da homogeneidade - fato que pode ser considerado desvantajoso numa cultura agrícola.</li></li></ul><li>Partenogênese e Poliembriologia<br /><ul><li>Partenogênese – fenômeno biológico em que o gameta feminino (óvulo) de certos animais se desenvolve formando um novo indivíduo, sem que tenha sido fecundado.</li></ul>Ex. Abelhas (Apismellifera). A abelha rainha produz óvulos haploides que podem ou não ser fecundados pelos espermatozóides dos zangões. Os óvulos fecundados originam fêmeas diploides(2n). Os óvulos não fecundados tem chances de se desenvolver por partenogênese e originar somente zangões (n).<br />Casos especiais de reprodução<br />
  30. 30. <ul><li>A partenogênese não origina somente machos. Em pulgões ela origina fêmeas e em algumas mariposas origina machos e fêmeas.</li></li></ul><li> Verifica-se a formação de vários embriões a partir de um único zigoto. É o caso do gêmeos univitelinos ou monozigóticos. Na espécie humana é relativamente raro acontecer . Em tatus é comum acontecer.<br />Poliembrionia<br />

×