Gasometria arterial

5.040 visualizações

Publicada em

Aula sobre gasometria arteria

Publicada em: Saúde e medicina
2 comentários
9 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Pq na gasometria 4 se caracteriza por alcalose se o ph está normal?
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • amei esse slide, só fiquei com dúvida na gasometria 4, se é uma alcalose metabólica, porque o pH ta ácido?
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.040
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
307
Comentários
2
Gostaram
9
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Gasometria arterial

  1. 1. Universidade do Estado do Pará Instituto de Ciências Biológicas e da Saúde Curso de Fisioterapia Disciplina Fisioterapia em UTI GASOMETRIA ARTERIAL Msc. Fábio Falcão fabiofalcao29@yahoo.com.br
  2. 2. Gasometria arterial 1. Introdução: Exame invasivo que mensura as concentrações de gases sanguíneos, a ventilação e o estado ácido básico. A amostra é coletada na artéria radial (no punho), mas também pode ser coletada pela artéria braquial ou femoral.
  3. 3. Gasometria arterial Parâmetros avaliados: Concentração do íon hidrogênio [H+] no sangue → pH; Qto maior a qtdade [H+], menor o pH e vice versa. Qtade de O2 dissolvido no plasma → PaO2; Qtade de O2 ligado à hemoglobina → SpO2; Concentração de CO2 → PaCO2; Concentração de bases: HCO3- e BE
  4. 4. Gasometria arterial Valores gasométricos normais: pH PaCO2 PaO2 7,35 – 7,45 35 – 45 mmHg 80 – 100 mmHg SpO2 HCO3- BE > 95% 22 – 26 mEq/l ±2
  5. 5. Gasometria arterial Detalhe: • pH↓: Acidose (excesso H+ no sangue); • pH↑: Alcalose (consumo H+ do sangue).
  6. 6. Gasometria arterial 2. Regulação/manutenção do pH: a) Sistema tampão: São pp sais dissolvidos no plasma que reagem rapidamente com o H+ ou com o OH-, evitando a variação no pH. Ácido + HCO3ˉ(base tampão) ↔ H2O + CO2 (↑pulmões) H+ + HCO3- ↔ H2CO3 ↔ H2O + CO2 (↑ alvéolos) Base + H2CO3 (ácido tampão) ↔ H2O + NaCO3 (↑rins)
  7. 7. Gasometria arterial b) Sistema respiratório: Tb responde rapidamente para o ajuste do pH por meio da retenção ou eliminação de CO2 no sangue: Hipoventilação (↓FR): ↑ CO2 + H2O ↔ ↑H2CO3 → ↑[H+] → ↓pH Hiperventilação (↑FR): ↓ CO2 no sangue → ↓H2CO3 → ↑pH
  8. 8. Gasometria arterial c) Sistema renal: Responde de maneira lenta, mas com extrema eficiência, sendo o principal regulador do pH. Qdo o pH sanguíneo se altera, os rins eliminam urina ácida ou alcalina para regular a concentração de [H+]
  9. 9. Gasometria arterial 3. Distúrbios respiratórios ou metabólicos primários: Regra 01: • pH↓: Acidose • pH↑: Alcalose; Regra 02: • Alteração PaCO2: distúrbio respiratório • Alteração HCO3-: distúrbio metabólico
  10. 10. Gasometria arterial 3ª Regra: HCO3 ↑ pH ↑ Alcalose metabólica PaCO2 ↑ pH ↓ Acidose resp. HCO3 ↓ pH ↓ Acidose metabólica PaCO2 ↓ pH ↑ Alcalose resp. Diretamente proporcional Inversamente proporcional
  11. 11. Gasometria arterial 3. Distúrbios respiratórios primários: Alterações anormais PaCO2 → níveis anormais de pH a) Acidose respiratória ↓Eliminação de CO2 nos alvéolos → ↑CO2 sangue → ↑H2CO3 → ↑[H+] → ↓pH → acidose Na tentativa de manter o pH normal, o HCO3- ↑ (retenção renal) ou está normal. Gasometria: ↓pH, ↑PaCO2 e ↑HCO3- ou normal
  12. 12. Gasometria arterial Quadro de instalação rápida. Causa: hipoventilação. Depressão do centro resp (SNC); patologias neuromusculares e/ou toracopulmonar. Tto: Medidas que melhorem/estimulem a ventilação pulmonar: ↑FR, ↑VT (VM), AVA’s, técnicas de expansão pulmonar, etc..
  13. 13. Gasometria arterial b) Alcalose respiratória: Eliminação excessiva CO2 nos alvéolos → ↓CO2 sanguíneo → ↓H2CO3 → ↓[H+] → ↑pH → Alcalose Na tentativa de manter o pH normal, o HCO3-↓ (eliminação renal) ou está normal Gasometria: ↑pH, ↓PaCO2 e HCO3-↓ ou normal
  14. 14. Gasometria arterial Quadro de instalação rápida Causa: Hiperventilação: hipoxemia, febre, ansiedade, ↓ espaço pulmonar na cx tx devido devido o aumento do volume abdominal (ascite, gestação, etc..), mal ajuste dos parâmetros do ventilador Tto: Remoção das causas da hiperventilação e redução da ventilação pulmonar: ↓ FR, ↓ VT, ↓ espaço morto, etc...
  15. 15. Gasometria arterial III. Distúrbios metabólicos primários: Alterações no HCO3¯ → níveis anormais de pH a) Acidose metabólica Os [H+] em excesso, ↓pH e consomem o HCO3¯ → Acidose. Na tentativa de compensar, a PaCO2 ↓ (hiperventilação - ↑FR) ou está normal. Gasometria: ↓pH , ↓HCO3ˉ, ↓BE e PaCO2↓ ou normal
  16. 16. Gasometria arterial Causas: Acúmulo de ácidos fixos no sangue – ex: lactato na parada cardiorrespiratória, choque, etc.. Perda excessiva de HCO3ˉ: diarréia severa, etc.. Tto: Administração de NaCO3 e Hiperventilação alveolar: ↑FR, ↑VT
  17. 17. Gasometria arterial b) Alcalose metabólica: Bases em excesso, ↑pH e consomem os [H+] → Alcalose Gasometria: ↑pH, ↑HCO3¯, ↑BE e ↑PaCO2 (Hipoventilação - ↓FR) ou normal.
  18. 18. Gasometria arterial Pouco frequente e ocorre: Qdo há excesso de bases - Administração excessiva de NaCO3 p/ tentar corrigir acidose Perda de ácidos fixos – Vômito abundante, uso de diuréticos Tto: Hipoventilação alveolar - ↓ FR, ↓ VT
  19. 19. Gasometria arterial Condição ácido-base clínica: 1ª etapa: caracterizar o pH pH>7,45: Alcalose pH<7,35: Acidose 2ª etapa: determinar o envolvimento respiratório e, portanto, a PaCO2 PaCO2 anormal - envolv. Resp.
  20. 20. Gasometria arterial 3ª etapa: determinar o envolvimento metabólico e, portanto, o HCO3¯ HCO3¯anormal– envolv. metabólico 4ª etapa: Avaliação da compensação O sistema que ñ é o responsável primariamente pelo desequilíbrio ácido-base tenta corrigir o pH Envolvimento respiratório: HCO3¯ tenta corrigir o pH Envolvimento metabólico: PaCO2 tanta corrigir o pH
  21. 21. Gasometria arterial Acidose resp. pura: ↓pH , ↑PaCO2 e HCO3¯ normal • Os rins diminuem a excreção de HCO3¯ → ↑ pH Alcalose respiratória pura: ↑pH e ↓PaCO2 e HCO3¯ normal • Os rins aumentam a excreção de HCO3¯ → ↓pH Acidose metabólica pura: ↓pH , ↓ HCO3¯, ↓ BE e PaCO2 normal • Há aumento na ventilação para reduzir o CO2 → ↑ pH Alcalose metabólica pura: ↑ pH, ↑ HCO3¯, ↑ BE e PaCO2 normal • Há diminuição na ventilação para aumentar o CO2 → ↓pH
  22. 22. Gasometria arterial Detalhe1: Nos casos onde ocorre a compensação, se o pH estiver no lado ácido (7,35-7,39), o componente que seria o causador da acidose (↑PaCO2 ou ↓HCO3¯/↓BE) geralmente é a causa primária do desequilíbrio ácido-base. Detalhe2: Nos casos onde ocorre a compensação, se o pH estiver no lado base (7,41-7,45), o componente que seria o causador da alcalose (↓PaCO2 ou ↑HCO3¯/↑BE) geralmente é a causa primária do desequilíbrio ácido-base.
  23. 23. Tutorial 01 Gasometria 01: pH=7,30; PaO2=86mmHg; PaCO2=39mmHg; HCO3=18 mEq/mol e BE= -7,5 e SpO2= 95%. Gasometria 02: pH=7,51; PaO2=65mmHg; PaCO2=30mmHg; HCO3=25mEq/mol; BE= -1 e SpO2= 92%.
  24. 24. Tutorial 01 Gasometria 03: pH=7,29; PaO2=95mmHg; PaCO2=48mmHg; HCO3=30 mEq/mol; BE= -1 e SpO2= 93%. Gasometria 04: pH=7,35; PaO2=82mmHg; PaCO2=43mmHg; HCO3=29mEq/mol; BE= -1 e SpO2= 96%.
  25. 25. Tutorial 01 Gasometria 05: pH=7,28; PaO2=76mmHg; PaCO2=48mmHg; HCO3=19 mEq/mol; BE= -1 e SpO2= 91%. Respostas: Gaso 01: ac. Metabólica; Gaso 02: alc. Resp. Gaso 03: ac. Resp.; Gaso 04: alc. Metabólica. Gaso 05: ac. mista

×