Adubação orgânica

761 visualizações

Publicada em

Química e Fertilidade do Solo

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
761
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
13
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
58
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Adubação orgânica

  1. 1. Ewerton Guilherme Alves de Sousa Michelle Mabelle Medeiros Dantas 24 de novembro de 2014
  2. 2. A presença de adubação orgânica aumenta os estoques de carbono orgânico e nitrogênio total, em relação aos sistemas de produção com adubação mineral ou mesmo sem adubação, o que a posiciona como uma estratégia de manejo importante à conservação da qualidade do solo.
  3. 3. Composição dos Materiais A quantidade de Carbono/Nitrogênio na matéria orgânica é de grande importância para o solo em diversos fatores, entre eles podemos citar: - Uma adição ao solo de resíduos com relação C/N elevada, motiva a competição pelo N disponível entre os microrganismos e as plantas. - Resíduos com relação C/N baixa (leguminosas), podem favorecer o desenvolvimento microbiológicos no processo de decomposição, implicando em maior quantidade de N mineralizado.
  4. 4. Vinhaça A vinhaça é um resíduo líquido resultante da produção de etanol e, em média, 12 litros de vinhaça são deixados como subproduto para cada litro de etanol.
  5. 5. Torta de Filtro O Minho Fértil é um fertilizante Orgânico Composto Classe A, resultado da mistura balanceada da torta de filtro de usinas de cana-de-açúcar, esterco de aves e de gado. Sua formulação é totalmente natural e isenta da adição de produtos químicos, e suas matérias primas são controladas de modo a permitir a utilização em culturas orgânicas, possuindo inclusive a certificação Ecocert Brasil.
  6. 6. Biodigestores Esse Biodigestor é um equipamento que usa um processo vivo (bios = vida) para fazer a transformação ou a “digestão” de matéria orgânica. O biodigestor faz a “digestão anaeróbica” (sem ar/oxigênio) de microorganismos que fazem a decomposição da matéria orgânica. O resultado é a energia produzida com gases ou biogás.
  7. 7. Os resíduos, vulgarmente denominados por lixo urbano, são resultantes da atividade doméstica e comercial das povoações. A sua composição varia de população para população, dependendo da situação sócio-econômica e das condições e hábitos de vida de cada um. A utilização de lodo de esgoto na adubação de cana-de-açúcar pode substituir, em 100 por cento, o uso do adubo mineral nitrogenado necessário para a cultura das plantas. Além dos benefícios ambientais e ecológicos, a técnica pode aumentar a produtividade e diminuir custos
  8. 8. -Aumenta a CTC:A matéria orgânica acha-se em estado amorfo e exibe uma superfície muito maior do que a argila, consequentemente, uma capacidade de troca muito superior a das argilas.
  9. 9. - Melhora a agregação do solo: atua como agente cimentante de partículas do solo, formando agregados bastante estáveis. A matéria orgânica pode reter de 4 a 6 vezes mais água do que seu próprio peso, diminuindo a erosão.
  10. 10. - Diminui a plasticidade e coesão: a matéria orgânica diminui o efeito negativo da consistência plástica e pegajosidade dos solos argilosos molhados.
  11. 11. - Temperatura: devido à propriedade de armazenar água, a matéria orgânica é ma condutora de calor, diminuindo as oscilações de temperatura durante o dia.
  12. 12. - Disponibilidade: A matéria orgânica é fonte de nutrientes, pois, durante o processo de decomposição, vários elementos vão sendo liberados, principalmente o N, S, e P. Contudo esta liberação, geralmente, não supre a necessidade das plantas a menos que seja aplicada em grande quantidade. A matéria orgânica também aumenta a retenção de água nos solos e é responsável, em grande parte, pelo aumento da CTC do solo.
  13. 13. - Fixação do P: Diminui a fixação. Os coloides orgânicos são predominantemente eletronegativos. Os ânios orgânicos formam Fe (OH)2 com o ferro e Al(OH)2 com o Alumínio, complexos imóveis , com o Fe e Al imobilizados pela M.O. aumenta a disponibilidade do P.

×