Prof. Hugo Morais
GEOGRAFIA DE UM JEITO MAIS FACIL
www.hugomorais.com.br www.conexao.com
O Brasil está totalmente
contido na Plataforma Sul-
Americana (o que explica a
relativa estabilidade
tectônica), cuja evol...
www.hugomorais.com.br
Prof. Hugo Morais
PLANALTO PLANÍCIE DEPRESSÃO
ALTITUDE
PROCESSOS DE
IMTEMPERIMSO
QUANTIDADE DE
UNIDA...
www.hugomorais.com.br
Prof. Hugo Morais
Planaltos - Apresentam superfícies irregulares ou mais ou menos planas.
Os process...
www.hugomorais.com.br
Prof. Hugo Morais
Planícies - Superfícies pouco acidentadas, mais ou menos planas,
geralmente situad...
www.hugomorais.com.br
Prof. Hugo Morais
Chapada
Relevo sedimentar de forma tabular e topo plano.
www.hugomorais.com.br
Prof. Hugo Morais
Depressão
Superfície mais plana, com altitudes entre 100 e 500 metros, apresentand...
www.hugomorais.com.br
Prof. Hugo Morais
Década de 40 (AROLDO DE
AZEVEDO).
Nível altimétrico (Critério)
PLANALTOS: Superfíc...
www.hugomorais.com.br
Prof. Hugo Morais
Década de 50 (AZIZ AB’SABBER).
Tipo de alteração dominante na superfície,
processo...
www.hugomorais.com.br
Prof. Hugo Morais
www.hugomorais.com.br www.conexao.com
Prof. Hugo Morais
GEOGRAFIA DE UM JEITO MAIS FACIL
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Relevo do Brasil

1.149 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.149
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
12
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
35
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Relevo do Brasil

  1. 1. Prof. Hugo Morais GEOGRAFIA DE UM JEITO MAIS FACIL www.hugomorais.com.br www.conexao.com
  2. 2. O Brasil está totalmente contido na Plataforma Sul- Americana (o que explica a relativa estabilidade tectônica), cuja evolução geológica é marcada por dois fatores principais: -A inexistência de dobramentos modernos. -Antigas formações geológicas, desgastadas pelo longo e intenso processo erosivo (o que explica as baixas altitudes). Assim, o embasamento rochoso do país acha-se exposto em grandes escudos cristalino (36% da superfície dos país), separados entre sei por coberturas de rochas sedimentares (58% da superfície). www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais
  3. 3. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais PLANALTO PLANÍCIE DEPRESSÃO ALTITUDE PROCESSOS DE IMTEMPERIMSO QUANTIDADE DE UNIDADES TIPOS OU GRUPOS Altos Entre 200 e 2000 metros Baixos e planos Variam Erosão Sedimentaçã o Erosão 11 unidades 6 unidades 11 unidades 4 2 Costeiros e Continentais 3 Depr. Periférica Depr. Interplanáltica Depr. Marginal
  4. 4. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais Planaltos - Apresentam superfícies irregulares ou mais ou menos planas. Os processos de erosão predominam e superam os de sedimentação. Situam-se acima de 200 m, podendo ultrapassar os 2 mil metros de altitude. Em suas bordas, aparecem escarpas, comumente chamadas de serras.
  5. 5. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais Planícies - Superfícies pouco acidentadas, mais ou menos planas, geralmente situadas a poucos metros do nível do mar, mas que podem ocorrer em altitudes maiores. Tipos de Planície: Planícies costeiras ou marinhas; Planícies continentais
  6. 6. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais Chapada Relevo sedimentar de forma tabular e topo plano.
  7. 7. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais Depressão Superfície mais plana, com altitudes entre 100 e 500 metros, apresentando inclinação suave, resultante do processo erosivo sobre rochas cristalinas ou sedimentares. Formas residuais
  8. 8. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais Década de 40 (AROLDO DE AZEVEDO). Nível altimétrico (Critério) PLANALTOS: Superfícies aplainadas com mais de 200 metros de altitude. PLANÍCIES: Superfícies aplainadas com menos de 200 metros de altitude. 8 unidades de relevo; 4 planaltos (59%) e 4 planícies (41%) Dividiu o Brasil em 8 unidades de relevo: quatro planaltos e três planícies.
  9. 9. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais Década de 50 (AZIZ AB’SABBER). Tipo de alteração dominante na superfície, processo de erosão ou de sedimentação. (Critério morfoclimático) PLANALTO: Superfície aplainada, onde o processo de erosão estaria predominando sobre o sedimentar. PLANÍCIE: o inverso, sedimentar sobre o erosivo. Dividiu o Brasil em 10 unidades: 7 planaltos (75%), e 3 planícies (25%) Mares de Morro
  10. 10. www.hugomorais.com.br Prof. Hugo Morais
  11. 11. www.hugomorais.com.br www.conexao.com Prof. Hugo Morais GEOGRAFIA DE UM JEITO MAIS FACIL

×