Investigação de-acidentes

248 visualizações

Publicada em

ANALISE DE ACIDENTES

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
248
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
25
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Investigação de-acidentes

  1. 1. Antes é importante que saibamos algumas definições importantes
  2. 2. Embora inicialmente remeta ao pensamento das funções exercidas com periculosidade, mesmo que a função seja extremamente segura, o acidente de trabalho é um fato possível a qualquer que seja a função laboral do trabalhador
  3. 3. Conceito LEGAL - É o que ocorre pelo exercício do trabalho, a serviço da empresa, provocando lesão corporal ou perturbação funcional, que cause a morte ou perda ou redução permanente ou temporária, da capacidade para o trabalho.
  4. 4. Conceito PREVENCIONISTA: É conhecido como o conceito da CIPA, dos técnicos e engenheiros de segurança, é mais amplo que o conceito Legal pois foca também o prejuízo a empresa. É todo evento não programado, não desejado que atrapalha ou interfere o processo produtivo, podendo ele resultar em morte ou perda ou redução permanente ou temporária, da capacidade para o trabalho alem de prejuízo ao patrimônio da empresa
  5. 5. Todo evento indesejável que tem o potencial para produzir danos, também chamado de quase acidente.
  6. 6. As circunstâncias que podem levar a um acidente são muitas, as três mais frequentes de acordo com a NBR 14280 da ABNT são as seguintes: ATO INSEGURO CONDIÇÂO INSEGURA FATOR PESSOAL DE INSEGURANÇA
  7. 7. Ação ou omissão que, contrariando o preceito de segurança, dividido em três pilares que pode favorecer a ocorrência do acidente: Imperícia: Falta de conhecimento para operar determinada máquina ou equipamento. Imprudência: “falta de atenção” quando o trabalhador não observa as regras de sua atividade e, devido essa distração pode gerar o acidente. Negligência: É o mesmo que “quebrar as regras” o trabalhador conhece o procedimento, foi treinado, mas não cumpre.
  8. 8. Ação ou omissão que, contrariando o preceito de segurança, dividido em três pilares que pode favorecer a ocorrência do acidente: Imperícia: Falta de conhecimento para operar determinada máquina ou equipamento. Imprudência: “falta de atenção” quando o trabalhador não observa as regras de sua atividade e, devido essa distração pode gerar o acidente. Negligência: É o mesmo que “quebrar as regras” o trabalhador conhece o procedimento, foi treinado, mas não cumpre.
  9. 9. É a condição em que causou o acidente ou contribuiu para sua ocorrência.
  10. 10. O trabalhador é treinado, perito na função, cumpre as normas de segurança causas psíquicas relativa ao comportamento humano, que abalam o colaborador desestruturando-o podendo levá-lo a ocorrência do acidente ou á prática do ato inseguro.
  11. 11. Os acidentes de trabalho classificam-se em: • Trajeto – Resultante do deslocamento casa- trabalho-casa independente do meio de locomoção, inclusive de veículo de propriedade do segurado. Equiparando-se também a viagem a serviço da empresa • Típico – Corresponde a todo aquele que não for de trajeto. É o que ocorre no local e no horário de trabalho do funcionário.
  12. 12. Os acidentes de trabalho classificam-se em: • Trajeto – Resultante do deslocamento casa- trabalho-casa independente do meio de locomoção, inclusive de veículo de propriedade do segurado. Equiparando-se também a viagem a serviço da empresa • Típico – Corresponde a todo aquele que não for de trajeto. É o que ocorre no local e no horário de trabalho do funcionário.
  13. 13. Diante de uma ocorrência de acidente de trabalho, a CAT deve ser emitida independente do acidente resultar ou não em afastamento do trabalhador. Os seguintes responsáveis estão habilitados à emissão: • Empresa • Médico que assistiu o trabalhador • O sindicato da categoria • Qualquer autoridade pública • O próprio trabalhador
  14. 14. A investigação de um acidente de trabalho é uma ação muito importante, pois através da dela é que se pode apontar o causador do acidente.
  15. 15. Para que a investigação seja efetuada com sucesso, se faz necessário um passo-a- passo para não se perder dados que são fundamentais no processo.
  16. 16. INFORMAÇÃO SOBRE O ACIDENTADO Nome: X-O-X-O-X-O Data de Nascimento: xx/xx/xx Função: Ajudante Estado Civil: Solteiro Telefone: (00) 0000-0000 Numero de acidente anterior 0: xxxxx Toma Remédio controlado ( x) Não ( ) Sim. Qual? Vamos observar o exemplo:
  17. 17. INFORMAÇÃO DO ACIDENTE Houve Afastamento? SIM ( x ) 2 dias. NÃO ( ) Tipo do acidente Típico ( x ) Trajeto ( ) Doença ocupacional ( ) Natureza da lesão: Luxação Parte do corpo atingida: Pé esquerdo Agente causador: Palete Hospital em que foi atendido: Hospital Municipal de Anápolis Data do acidente: 15/08/11 Hora: 14:30 Local: Setor de máquina O acidente ocorreu depois de quantas horas trabalhadas: 30 minutos Continuando o exemplo:
  18. 18. DESCRIÇÃO DO ACIDENTE: Segundo depoimento do próprio do X_O_X_O_, ele foi puxar um palete de uma pilha de paletas com 15 de altura, foi então que o 14º paleta caiu em cima de seu pé esquerdo, ocorrendo à lesão. NOTA: Colete várias informações sobre o acidente, assim o resultado será eficaz.
  19. 19. Não se esqueça das testemunhas. Parecer da testemunha: “Ouvi o barulho e vi ele sair mancando, não entendi direito o que aconteceu. O palete caiu em cima do pé do funcionário que estava retirando um palete do monte de paletes". Nome: Luiz Claudio Bassani Função: Supervisor Operacional
  20. 20. CONCLUSÃO DO PROFISSIONAL DE SEGURANÇA DO TRABALHO QUE FEZ A INVESTIGAÇÃO DO ACIDENTE: Um palete tem um peso aproximado de 23 Kg, é um peso considerável. O colaborador não deu a devida atenção ao ato de puxar o palete, e por falta dessa atenção ocorreu o acidente.
  21. 21. AÇÃO IMEDIATA PARA EVITAR QUE OCORRA OUTRO ACIDENTE: Treinamento contínuo a fim de conseguir um nível maior conscientização dos colaboradores, que principalmente em (local onde ocorreu o acidente) são muito jovens, e por isso tem um nível de atenção um pouco baixo. Encarregado, Supervisor e Técnico tem que estar de atentos para que os colaboradores não fiquem “acostumados” a trabalharem de forma errada. __________________________ Assinatura do Técnico.
  22. 22. E lembre-se: A prevenção é um dos melhores resultado contra o acidente.

×