Ano Letivo 2011/2012Organização eTratamento de    Dados        Patrícia Almeida, 8º1
Classificar Dados           Qualitativos: quando representam uma qualidade ou Tipos     uma característica que não pode se...
Organizar Dados• Constrói-se uma tabela de frequências absolutas  (número de vezes que ocorre um determinado  aconteciment...
Organizar Dados• Ainda se pode associar cada um dos acontecimentos  a uma parte de um círculo (sector circular); para isso...
Organizar Dados • Quando os dados quantitativos são muitos e variados ou se trata de uma variável contínua, é conveniente ...
Percentagens• Uma percentagem é uma razão de consequente 100.      Por exemplo: 12% significa 12 ou 0,12.                 ...
Representar Dados• Gráfico de barras:  – Deve ter um título e uma legenda em cada um dos    eixos;  – as barras têm a mesm...
Representar Dados• Histograma:  – quando os dados são contínuos as barras do gráfico    estão unidas umas às outras.  – é ...
Representar Dados• Gráfico circular:   – cada sector corresponde à frequência de um dado em     estudo.                   ...
Representar Dados• Diagrama de caule-e-folhas:  – é um diagrama que utiliza uma parte do valor de cada    dado como caule ...
Interpretar Dados• Medidas de localização - Média  – Média (ou média aritmética) de um conjunto de    dados quantitativos ...
Interpretar Dados• Medidas de localização - Média  – Para se determinar a média de um conjunto de dados    organizados num...
Interpretar Dados• Medidas de localização - Moda  – A Moda de um conjunto de dados é o valor ou    modalidade com maior fr...
Interpretar Dados• Medidas de localização - Mediana  – A Mediana de um conjunto de dados numéricos é o    valor que ocupa ...
Interpretar Dados• Medidas de localização - Mediana  – Com um número ímpar de dados      0, 0, 0, 1, 1, 2, 2, 2 ,2  O núm...
Interpretar Dados•   Medidas de localização - Quartis    –   Os Quartis são os valores que separam um conjunto        de d...
Interpretar Dados•   Medidas de localização – Quartis               0, 0, 0, 1, 1, 2, 2, 2, 2, 3                  Q2 = Me ...
Interpretar Dados• Medidas de Dispersão  – Amplitude é a diferença entre o valor máximo e o   valor mínimo da distribuição...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Tratamento e Organização de Dados

4.242 visualizações

Publicada em

Resumo da matéria de OTD lecionada no 7ºAno de escolaridade. Trabalho realizado por alunos.

0 comentários
6 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.242
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
6
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tratamento e Organização de Dados

  1. 1. Ano Letivo 2011/2012Organização eTratamento de Dados Patrícia Almeida, 8º1
  2. 2. Classificar Dados Qualitativos: quando representam uma qualidade ou Tipos uma característica que não pode ser contada.de dados Discretos: quando o número de valores possíveis é finito. Quantitativos: Contínuos: quando não é possível contar os diferentes valores.
  3. 3. Organizar Dados• Constrói-se uma tabela de frequências absolutas (número de vezes que ocorre um determinado acontecimento) e de frequências relativas (quociente entre a frequência absoluta e o total de elementos em estudo,roleta multiplicandoFrequência Número saído Frequência numa que absoluta relativa100 por nos dá a percentagem). 1 10 10 = 0,33 ou 33% 30 2 12 12 = 0,4 ou 40 % 30 3 8 8 = 0,27 ou 27 % 30 Total : 30 1 ou 100 %
  4. 4. Organizar Dados• Ainda se pode associar cada um dos acontecimentos a uma parte de um círculo (sector circular); para isso, multiplica-se a frequência relativa, na forma decimal, por 360º. saído Frequência Número Frequência Amplitude numa roleta absoluta relativa do sector 1 10 10 = 0,33 ou 33% 0,33 x 360º 30 = 119º 2 12 12 = 0,4 ou 40 % 0,4 x 360º = 30 114º 3 8 8 = 0,27 ou 27 % 0,27 x 360º 30 = 97º Total : 30 1 ou 100 % 360º
  5. 5. Organizar Dados • Quando os dados quantitativos são muitos e variados ou se trata de uma variável contínua, é conveniente agrupá-los em classes. • Por convenção, a cada classe pertence o extremo inferior, o extremo superior pertence à classe seguinte. Tempo gasto de Frequência FrequênciaPor exemplo: casa à escola absoluta relativana classe 10-20, 0-10 12 12 = 0,48 ou 48 % 25estão os números 10-20 8 8 = 0,32 ou 32 %entre 10 e 20, 25incluindo o 10, mas 20-30 5 5 = 0,2 ou 20 %não o 20. 25 Total : 25 1 ou 100 %
  6. 6. Percentagens• Uma percentagem é uma razão de consequente 100. Por exemplo: 12% significa 12 ou 0,12. 100• Para criar uma percentagem, multiplica-se a razão por 100. Por exemplo: Se numa turma com 25 alunos há 1 rapariga, a percentagem de raparigas é 4%, porque: 1 x 100 = 0,04 x 100 = 4. 25• Para calcular uma percentagem, por exemplo 15% de 380, faz-se: 15 x 380 = 57. 100
  7. 7. Representar Dados• Gráfico de barras: – Deve ter um título e uma legenda em cada um dos eixos; – as barras têm a mesma largura, são separadas pelo mesmo espaço e o seu comprimento é proporcional à frequência que representam.
  8. 8. Representar Dados• Histograma: – quando os dados são contínuos as barras do gráfico estão unidas umas às outras. – é formado por rectângulos adjacentes que têm por base a amplitude de cada classe e cuja área é proporcional à frequência absoluta (ou relativa).
  9. 9. Representar Dados• Gráfico circular: – cada sector corresponde à frequência de um dado em estudo. 90º 144º 18º 108º
  10. 10. Representar Dados• Diagrama de caule-e-folhas: – é um diagrama que utiliza uma parte do valor de cada dado como caule e a outra como folha, para formar grupos ou classes de dados. O diagrama de caule-e-folhas também pode ser usado para comparar duas distribuições.
  11. 11. Interpretar Dados• Medidas de localização - Média – Média (ou média aritmética) de um conjunto de dados quantitativos é o valor que se obtém somando todos os dados e dividindo o resultado obtido pelo número de elementos desse conjunto. – Só se pode determinar a média se os dados forem numéricos. Números de irmãos: 0, 1, 1, 3, 2, 2, 0, 2, 2, 0 Média 0+1+1+3+2+2+0+2+2+0 = 13 = 1,3 10 10
  12. 12. Interpretar Dados• Medidas de localização - Média – Para se determinar a média de um conjunto de dados organizados numa tabela: -Multiplica-se cada dado pela frequência absoluta correspondente -Adicionam-se esses produtos e divide-se a soma pelo número total de dados. – No caso dos dados estarem agrupados em classes, procede-se do mesmo modo utilizando a marca da classe como representante dos valores de classe.
  13. 13. Interpretar Dados• Medidas de localização - Moda – A Moda de um conjunto de dados é o valor ou modalidade com maior frequência (ou que mais vezes aparece). Indica o valor típico. – Um conjunto de dados pode ter uma ou mais modas ou não ter nenhuma. – A moda tanto se pode determinar no caso dos dados serem quantitativos, como qualitativos. – No caso dos dados estarem agrupados em classes, a classes que maior frequência chama-se classe modal.
  14. 14. Interpretar Dados• Medidas de localização - Mediana – A Mediana de um conjunto de dados numéricos é o valor que ocupa a posição central; separa o conjunto de dados em duas partes igualmente numerosas. Representa-se abreviadamente por Med. – A mediana, tal como a média, só se pode calcular quando os dados são numéricos. – Para determinar a mediana: • Ordenam-se os dados e divide-se a amostra em duas partes iguais. • Se o número de dados é impar, a mediana é o valor central • Se o número de dados é par, a mediana é a média aritmética dos dois valores centrais.
  15. 15. Interpretar Dados• Medidas de localização - Mediana – Com um número ímpar de dados 0, 0, 0, 1, 1, 2, 2, 2 ,2  O número 1 é a mediana da amostra – Com um número par de dados 0, 0, 0, 1, 1, 2, 2, 2 ,2 ,3  A mediana da amostra é a média entre os dois valores centrais 11 2. e 2 1,5 2
  16. 16. Interpretar Dados• Medidas de localização - Quartis – Os Quartis são os valores que separam um conjunto de dados numéricos ordenados em quatro partes igualmente numerosas, cada uma delas contendo pelo menos 25% dos dados. – Para determinar os quartis: 1. Ordenar os dados por ordem crescente 2. Determinar a mediana do conjunto de dados. Este é o valor de Q2=Med. 3. Determinar a mediana dos valores que ficam à esquerda de Q2. Este é o valor de Q1. 4. Determinar a mediana dos valores que ficam à direita de Q2. Este é o valor de Q3.
  17. 17. Interpretar Dados• Medidas de localização – Quartis 0, 0, 0, 1, 1, 2, 2, 2, 2, 3 Q2 = Me = (1+2):2 = 1,5 0, 0, 0, 1, 1, 2, 2, 2, 2, 3 Q1 = 0 que é o valor central da primeira metade Q3 = 2 que é o valor central da segunda metadeDiagrama de extremos e quartis:
  18. 18. Interpretar Dados• Medidas de Dispersão – Amplitude é a diferença entre o valor máximo e o valor mínimo da distribuição. –Amplitude interquartis é a diferença entre o 3º e o 1º quartis. Mede a dispersão dos dados em torno da mediana. –Um diagrama de extremos e quartis é uma forma esquemática de representar os valores extremos (máximo e mínimo) e os quartis de um conjunto de dados. Permite visualizar rapidamente onde se encontra a maior concentração de dados.

×