Profetas menores lição 12 - Zacarias

2.716 visualizações

Publicada em

Aula ministrada na Igreja Evangélica Sem Fronteiras - Escola Bíblica (Série Profetas Menores)

Publicada em: Espiritual
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.716
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
264
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Profetas menores lição 12 - Zacarias

  1. 1. ESCOLA BÍBLICA 13/08/13 Os Profetas Menores Advertências e consolações para a santificação da Igreja de Cristo
  2. 2. LIÇÃO 12
  3. 3. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO
  4. 4. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO
  5. 5. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO LEITURA DIÁRIA • • • • • • Is 2.2-4 - A guerra não mais existirá Is 11.6-9 - A plenitude da paz universal Jr 23.5,6 - Haverá completa segurança na terra Zc 14.11 - Jerusalém habitará segura At 3.20,21 - A restauração de todas as coisas 2 Pe 3.13 - Esperamos novos céus e nova terra
  6. 6. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO LEITURA BÍBLICA EM CLASSE Zacarias 1.1; 8.1-3,20-23
  7. 7. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO INTRODUÇÃO O livro de Zacarias apresenta os eventos do porvir como o epílogo da história. O oráculo do profeta não fala a respeito de acontecimentos enigmáticos, mas de fatos reais e compreensíveis. Qualquer observador atento à época atual verificará que as demandas do nosso tempo apontam para um desfecho divinamente escatológico. . OBJETIVOS DA AULA: • Compreender a estrutura e a mensagem do livro de Zacarias. • Explicar a promessa de restauração da nação. • Saber que o reino messiânico é real. Palavra Chave : Messias: Pessoa na qual se concretizavam as aspirações de salvação ou redenção.
  8. 8. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO VINDOURO MESSIÂNICO Lição 10: SOFONIAS – O JUÍZO O LIVRO 1. Contexto histórico: Zacarias ministrava para os habitantes de Jerusalém após o retorno do exílio na Babilônia (por volta de 518 a.C). Josué era o sumo sacerdote recém-nomeado, e Zorobabel o governador. A reconstrução do templo tinha recomeçado uma vez mais como resultado do ministério profético de Ageu. O povo estava começando a experimentar novamente as bênçãos da obediência. Assim, a exortação ao arrependimento iniciou a profecia de Zacarias (1:2-4).
  9. 9. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO VINDOURO MESSIÂNICO Lição 10: SOFONIAS – O JUÍZO O uso de “vossos pais” lembrava o povo de que o exílio havia sido um juízo pelo pecado e os ligava ao passado. O verbo “ tornar” é repetido diversas vezes nesses versículos, enfatizando o chamado ao arrependimento. A mesma mensagem dada aos pais pelos primeiros profetas não foi atendida. A comunidade que havia retornado experimentaria um juízo semelhante se falhasse em atender essa mensagem.
  10. 10. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO
  11. 11. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO 2. Vida pessoal. Zacarias quer dizer: “Javé Lembra” ligando assim seu nome ao propósito real do livro. Ele era de uma família sacerdotal, assim como Jeremias (Jr 1.1) e Ezequiel (Ez 1.3). Seu avô, Ido (1.1), era sacerdote e veio do exílio à Jerusalém no grupo liderado por Zorobabel, filho de Sealtiel, e Josué, filho de Jozadaque (Ne 12.1-4) sumo sacerdote. O ministério profético de Zacarias foi mais extenso que o de Ageu, pois ele menciona os oráculos entregues dois anos após o seu chamado (7.1).
  12. 12. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO • 3. Estrutura e mensagem: O propósito de Zacarias era confortar e incentivar o povo de Deus a permanecer fiel em tempos de angústia e perplexidade. Ele incentivou o povo a continuar construindo o templo. Zacarias focou a tenção do povo nas promessas do Senhor para o futuro. • Os oráculos de Zacarias são apocalípticos. Eles foram entregues por visão (capítulos 1-6) e palavra (7-14). O assunto do livro é o Messias de Israel. Mas Jerusalém também ocupa espaço significativo na profecia. Há diversas referências diretas e indiretas a Zacarias em o Novo Testamento (Zc 9.9 cf. Mt 21.5; Zc 11.13 cf. Mt 27.9,10; Zc 12.10; Ap 1.7). A vinda do Messias e os demais eventos escatológicos predominam os capítulos 9-14.
  13. 13. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO PROMESSA DE RESTAURAÇÃO 1. Restauração de Jerusalém. A palavra profética anuncia: “Voltarei para Sião e habitarei no meio de Jerusalém” (8.3b). Após a lição dos 70 anos de cativeiro, o Senhor se volta com zelo ao seu povo. Mas a promessa é para o futuro, quando Jerusalém tornar-se uma “cidade de verdade [...] monte de santidade” (8.3b). Diante disso, podemos perguntar: “É possível viver num mundo de justiça, paz e segurança?”. A Bíblia assevera que sim! O profeta Zacarias, mostrando a trajetória da humanidade, descreve a história espiritual de Israel e o futuro glorioso de Jerusalém no Milênio (14.11,16,17).
  14. 14. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO 2. A paz universal. As Escrituras Sagradas falam de um período conhecido como Reino Messiânico (ou Milênio), em que o próprio Senhor Jesus Cristo reinará por mil anos. Tribos, cidades, povos e nações achegar-se-ão a Deus pelo anúncio do evangelho. O contexto bíblico permite-nos dizer que essa profecia (8.20-22) é escatológica e aponta para a restauração de Jerusalém no Milênio (2.11; 3.10; Is 2.2-4; Mq 4.1-4). Nessa época, Israel estará plenamente restaurado tanto nacional quanto espiritualmente.
  15. 15. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO 3. O zelo do Senhor (8.2). Jeová declara a si mesmo como Deus “zeloso” (Êx 20.5), e este é um dos seus nomes (Êx 34.14). Tal zelo diz respeito à sua santidade, cuja violação não pode ficar impune (Js 24.19). O zelo do Senhor ainda é manifestado como indignação quando o seu povo é oprimido por estrangeiros. Aos opressores, Deus há de punir (1.14,15).
  16. 16. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO O Reino Messiânico é o período onde todo o mundo desfrutará da verdadeira paz do Messias de Israel.
  17. 17. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO AS VISÕES DE ZACARIAS Todas as visões, exceto a quarta (Zc 3:1-5) seguem o mesmo padrão literário: o profeta descreve o que vê, pede uma interpretação para o anjo e recebe uma explicação. Cinco das oito visões foram acompanhadas por um oráculo profético que ampliava a mensagem sobre pureza e liderança. Uma era baseada na outra e as oito juntas tinham de ser vistas como um todo.
  18. 18. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO AS VISÕES DE ZACARIAS 1ª VISÃO – Um homem montado num cavalo vermelho (1.8) Era provavelmente o “Anjo do Senhor”, uma manifestação especial da presença de Javé no AT considerada por alguns como uma préencarnação de Cristo (Gn 16:7-13; Êx 3:1-6; Jz 13:3-22) Ele clama pelo zelo e compaixão de Deus trazendo palavras de conforto (1.12-14) 2ª VISÃO – Os quatro cifres (1.18-21) – o animal usa seus cifres para atacar seus inimigos. Por esta razão o cifre era símbolo de força e poder. Os 4 cifres poderiam ser quatro potencias mundiais mencionadas por outros profetas: Assíria, Egito, Babilônia e MedoPersa. Representavam o poder mundial que havia tentado, sem êxito frustrar os propósitos do Senhor.
  19. 19. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO AS VISÕES DE ZACARIAS 3ª VISÃO – Jerusalém é medida (2.1-5) – porque estaria repleta de tão grande multidão que nenhum muro poderia contê-la, mas sem muros Jerusalém estaria indefesa, então o Senhor mesmo seria um “muro de fogo” para protegê-la. 4ª VISÃO – As “vestes sujas” de Josué (3.4-5) – foram substituídas por finos trajes, simbolizando a retirada da iniquidade. Josué era reto diante de Deus apesar das acusações de satanás. Ele era um “tição tirado do fogo”. Esse provérbio envolve a ideia de ser salvo da destruição completa.
  20. 20. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO 5ª VISÃO – O candelabro no tabernáculo (4.2-3) – era para ser cuidado pelo sacerdote desde a noite atéa manhã, servindo como luz contpinua no tabernáculo escuro. Um candelabro normal tinha 7 lampadas, o da visão de Zacarias tinha 7 lampadas e sete tubos, com um tortal de 49 pavios, produzndo muito mais luz. Ambos eram abastecidos com azeite de oliva, usado para consagração e unção, simbolo do Espírito Santo. No AT, pessoas especialmente escolhidas eram ungidas com óleo (Ex 40.9-15; 1 Sm 9.27) “Os dois ungidos” (4.12-14) – eram os líderes civis e religiosos, Zorobabel e Josué. Ele são “duas oliveiras” por meio de quem o Espírito Santo (o azeite) forneceu ao povo fiel (a luz) e coragem necessária para reconstrução do templo. Em relação ao mundo, o povo se tornou testemunha ou luz na presença de Deus entre eles.
  21. 21. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO O candelabro no tabernáculo (4.2-3) “Os dois ungidos” (4.12-14)
  22. 22. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO 6ª VISÃO – O rolo voante (5.1-3) – consistia de material para escrita, em forma de cilindro, no qual eram feitas cópias dos livros da Bíblia no AT. Na visão de Zacarias, um rolo de tamanho considerável (8,80 metros de comprimento por 4,4 de largura) é posicionado para o juízo. A designação “a maldição” indica sua relação com a Lei da aliança. Os dois pecados nomeados (furtar e jurar falsamente) representam a quebra de toda a Lei (Mt 22:36-40)
  23. 23. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO 7ª VISÃO – A mulher e o efa (5.5-11) A remoção do pecado é claramente o foco dessa visão (vs 7-11) É uma metáfora de uma mulher como “impiedade” (palavra que parece substantivo feminino), mas é usada para compreender tanto a homens como mulheres de modo geral. A “cegonha” é uma ave capaz de viajar longas distâncias, assim, a impiedade seria levada para fora da Terra prometida, num lugar simbólico como a Babilônia (lugar de impiedade). 8ª VISÃO – “Cavalos e carros” (6.1-3) - Indicam exércitos e guerra, poder e juízo. Deus, o Guerreiro divino é frequentemente descrito como vindo dessa forma (Sl68.17 ; Is 66.15-16; Hb 3:8) Os carros dessa visão vieram do simbólicos montes de bronze. Uma vez que se descreve que Deus habita seus montes (Sl 48:1-3) e que a entrada do templo, a morada terrena de Deus, foi feita de bronze (1 Rs 7:13-22) A imagem foi de carros vindo à terra da morada celestial.
  24. 24. LIÇÃO 12: ZACARIAS O REINADO MESSIÂNICO Deus, o Guerreiro divino
  25. 25. LIÇÃO 12: ZACARIAS - O REINADO MESSIÂNICO CONCLUSÃO A mensagem de Deus sempre foi manifesta de várias formas, mas com o mesmo propósito: Trazer os pecadores ao arrependimento, fazer conhecido o nome de Jesus Cristo (Messias) e dar a esperança de sua vinda para um reino de glória e paz em Sua presença. Em Zacarias vemos Deus se revelando como aquele que Zela pelo seu povo, destrói seus inimigos, os multiplica, os purifica, afasta seus pecados para longe, faz deles luz para outras nações, guerreia por eles e lhes dá esperança de um perfeito por vir. Diante do exposto, podemos concluir: se todas as profecias sobre os impérios passados e acerca da primeira vinda do Messias cumpriram-se fielmente, as profecias escatológicas igualmente se cumprirão. Os acontecimentos atuais por si só começam a confirmar essa realidade.

×