Esequias Caetano A. Neto - Psicólogo – CRP 04/ 35023
 Estejam à vontade para interromper quando quiserem falar algo ou fazerperguntas; Quem desejar falar deve erguer a mão e...
Você já esteve diante de uma situação difícil, que fugia completamente a seucontrole?
“Todas as formas de atitudes agressivas, intencionais e repetidas, queocorrem sem motivação evidente, adotadas por um ou m...
DiretoOs ataques ocorrem de forma deliberada. O agressor ataca sua vítimadeforma verbal, com xingamentos, ameaças e intimi...
 As agressões do Bullying podem ocorrer de diversas formas. Você sabe quaissão elas? Bullying Verbal Bullying Psicológi...
Trecho do filme “Bullying – Provocações sem limites”
 O vídeo nos mostra que: Em algumas situações a vítima até tenta reagir, mas não é eficiente; O agressor não age sozinh...
Depoimento de uma vítima de Bullying
1. Agressor2. Vítima3. Testemunha
 Os agressores possuem características bastante peculiares. As principaissão: Limitação em habilidades de resolução de p...
 As vítimas geralmente apresentam uma série de características em comum.São elas: Geralmente são crianças ou adolescente...
 São testemunhas aquelas pessoas que assistem às agressões e não fazemnada para ajudar. Elas também possuem algumas carac...
O Bullying traz uma série de consequências para as vítimas e também para osagressores. A princípio, o que acreditam que po...
 A vítima de Bullying pode sofrer algumas consequências irreparáveis. Dentreelas, destacamos: Desinteresse pelos estudos...
 Ao contrário do que se imagina, o agressor de Bullying também sofreconsequências bastante indesejáveis. Eles são mais pr...
 Quem já viveu ou observou atos de Bullying neste colégio? Quem já cometeu Bullying? O que acham que pode ser feito par...
 Procurar ajuda dos pais ou da escola; Se ocorrer agressão física, denunciar ao Conselho Tutelar, polícia ouSecretaria d...
O ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente) prevê, em seu artigo 122, que acriança ou adolescente poderá ser privado de s...
 Você pode pesquisar o tema nos seguintes sites: Observatório da Infância: http://www.observatoriodainfancia.com.br/ Bu...
Esequias Caetano – Psicólogo CRP 04/ 35023Telefone - (34) 3061-7043/ 8406-8181/ 9999-98-54E-mail: neto@institutocrescer.co...
Bullying   de olho nas consequências
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Bullying de olho nas consequências

490 visualizações

Publicada em

Palestra sobre Bullying direcionada a estudantes.

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
490
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Bullying de olho nas consequências

  1. 1. Esequias Caetano A. Neto - Psicólogo – CRP 04/ 35023
  2. 2.  Estejam à vontade para interromper quando quiserem falar algo ou fazerperguntas; Quem desejar falar deve erguer a mão e aguardar a vez; Enquanto uma pessoa estiver falando, os demais devem ouvir.
  3. 3. Você já esteve diante de uma situação difícil, que fugia completamente a seucontrole?
  4. 4. “Todas as formas de atitudes agressivas, intencionais e repetidas, queocorrem sem motivação evidente, adotadas por um ou mais estudantescontra outro(s), causando dor e angústia, e executadas dentro de umarelação desigual de poder". (ABRAPIA)
  5. 5. DiretoOs ataques ocorrem de forma deliberada. O agressor ataca sua vítimadeforma verbal, com xingamentos, ameaças e intimidações, oufisicamente, com chutes, socos e empurrões.IndiretoOs ataques ocorrem de forma velada. O agressor difamaisola e/ou exclui a vítima.
  6. 6.  As agressões do Bullying podem ocorrer de diversas formas. Você sabe quaissão elas? Bullying Verbal Bullying Psicológico/ Moral Bullying Sexual Bullying Físico Cyberbullying
  7. 7. Trecho do filme “Bullying – Provocações sem limites”
  8. 8.  O vídeo nos mostra que: Em algumas situações a vítima até tenta reagir, mas não é eficiente; O agressor não age sozinho; As agressões geralmente ocorrem longe de figuras de autoridade; A vítima tenta esconder as agressões; Muitas pessoas culpam a vítima pelas agressões; O que mais puderam observar?
  9. 9. Depoimento de uma vítima de Bullying
  10. 10. 1. Agressor2. Vítima3. Testemunha
  11. 11.  Os agressores possuem características bastante peculiares. As principaissão: Limitação em habilidades de resolução de problemas e expressão deemoções por vias não agressivas; Incapacidade de controlar as próprias emoções e impulsos; Buscam obter status através da humilhação e subjugação; Em geral, são fisicamente mais fortes; Geralmente são mais falantes e extrovertidos; Possuem perfil de liderança; Geralmente não agem sozinhos; Acreditam que não serão punidos
  12. 12.  As vítimas geralmente apresentam uma série de características em comum.São elas: Geralmente são crianças ou adolescentes tímidos e introspectivos; São fisicamente mais fracos e/ou menores que os agressores; Possuem poucos amigos e parecem solitários; Apresentam quedas no rendimento escolar; Em geral, não apresentam bom desempenho em esportes
  13. 13.  São testemunhas aquelas pessoas que assistem às agressões e não fazemnada para ajudar. Elas também possuem algumas características definidoras.São elas: Ansiedade, preocupação e angústia Evitam eventos escolares, como festas e reuniões; Medo de ir à escola; Temor em se tornar a próxima vítima
  14. 14. O Bullying traz uma série de consequências para as vítimas e também para osagressores. A princípio, o que acreditam que pode ocorrer?
  15. 15.  A vítima de Bullying pode sofrer algumas consequências irreparáveis. Dentreelas, destacamos: Desinteresse pelos estudos e prejuízos acadêmicos; Reprovação escolar, mudanças de escola e abandono dos estudos; Estresse; Insegurança; Medo; Isolamento Social; Insônia; Depressão Ansiedade; Suicídio; Homicídio
  16. 16.  Ao contrário do que se imagina, o agressor de Bullying também sofreconsequências bastante indesejáveis. Eles são mais propensos a: Uso abusivo de álcool e outras drogas; Maior envolvimento em brigas corporais e outros tipos de violência; Envolvimento com crimes de diversas proporções; Uso de armas; Problemas com a justiça; Atos delinquentes; Furtos; Vandalismo e destruição de patrimônio público; Se tornarem vítimas ou autores de homicídio; Repetição do comportamento agressivo no trabalho; Dificuldades para se manter em relacionamentos.
  17. 17.  Quem já viveu ou observou atos de Bullying neste colégio? Quem já cometeu Bullying? O que acham que pode ser feito para controlar o problema?
  18. 18.  Procurar ajuda dos pais ou da escola; Se ocorrer agressão física, denunciar ao Conselho Tutelar, polícia ouSecretaria de Direitos Humanos, através do Disque 100; Contar com a ajuda de seus colegas e amigos para denunciar ou pedirajuda; Buscar ajuda Psicológica;
  19. 19. O ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente) prevê, em seu artigo 122, que acriança ou adolescente poderá ser privado de sua liberdade mediante graveameaça ou violência à pessoa.
  20. 20.  Você pode pesquisar o tema nos seguintes sites: Observatório da Infância: http://www.observatoriodainfancia.com.br/ Bullying: http://www.bullying.pro.br/ Safernet: http://www.safernet.org.br/site/ Portal Bullying: http://www.portalbullying.com.pt/ Chega de Bullying: http://www.chegadebullying.com.br/
  21. 21. Esequias Caetano – Psicólogo CRP 04/ 35023Telefone - (34) 3061-7043/ 8406-8181/ 9999-98-54E-mail: neto@institutocrescer.comwww.facebook.com/institutocrescer / www.institutocrescer.com

×