EXPOSIÇÃO A CAMPOS MAGNÉTICOS DE 60Hz E LEUCEMIA LINFOCÍTICA AGUDA EM CRIANÇAS NO ESTADO DE SÃO PAULO Victor Wünsch Filho ...
OBJETIVOS DO ESTUDO <ul><li>Conhecer o efeito da exposição a campos magnéticos de 60Hz na ocorrência de LLA em crianças no...
ASPECTOS METODOLÓGICOS <ul><li>Estudo caso-controle de base populacional </li></ul><ul><li>Origem dos casos: 8 hospitais e...
Ribeirão Preto   São Paulo CENTROS CLÍNICOS Barretos Jaú
ASPECTOS METODOLÓGICOS <ul><li>Estudo caso-controle de base populacional </li></ul><ul><li>Origem dos casos: 8 hospitais e...
ESTRUTURA DA PESQUISA FSP/USP Seleção controles das bases Nascidos Vivos da Fundação SEADE
MEDIÇÃO DE CAMPOS MAGNÉTICOS 60Hz <ul><li>Distância dos domicílios de casos e controles de linhas de transmissão de alta v...
 
PROBLEMAS DA PESQUISA DE CAMPO <ul><li>Alta porcentagem de migração intra-urbana </li></ul><ul><li>Escolha aleatória de co...
PROGRESSO DO ESTUDO EM 15/11/2008 440 Controles populacionais visitados, c/medições de campos magnéticos 144 Casos visitad...
RESULTADOS PRELIMINARES
*2 controles com medição externa perdida CONTROLES POR NÍVEIS DE EXPOSIÇÃO A CAMPOS MAGNÉTICOS (MÉDIA RESULTANTE X,Y,Z EM ...
*2 controles com medição externa perdida CONTROLES POR NÍVEIS DE EXPOSIÇÃO A CAMPOS MAGNÉTICOS (MÉDIA RESULTANTE X,Y,Z EM ...
*1 controle com medição externa perdida CONTROLES POR NÍVEIS DE EXPOSIÇÃO A CAMPOS MAGNÉTICOS (MÉDIA RESULTANTE X,Y,Z EM 2...
*1 controle com medição externa perdida CONTROLES POR NÍVEIS DE EXPOSIÇÃO A CAMPOS MAGNÉTICOS (MÉDIA RESULTANTE X,Y,Z EM 2...
*1 controle com medição externa perdida CONTROLES POR NÍVEIS DE EXPOSIÇÃO A CAMPOS MAGNÉTICOS (MÉDIA RESULTANTE X,Y,Z EM 2...
*1 controle com medição externa perdida CONTROLES POR NÍVEIS DE EXPOSIÇÃO A CAMPOS MAGNÉTICOS (MÉDIA RESULTANTE X,Y,Z EM 2...
GRUPO DE PESQUISAS EPIDEMIOLÓGICAS EM CÂNCER (GPEC) Daniele Maria Pelissari (aluna de mestrado) Anderson da Costa (analist...
Obrigado !
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

“Campos magneticos de 60Hz e leucemia linfocitica aguda em criancas no Estado de Sao Paulo”

931 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
931
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

“Campos magneticos de 60Hz e leucemia linfocitica aguda em criancas no Estado de Sao Paulo”

  1. 1. EXPOSIÇÃO A CAMPOS MAGNÉTICOS DE 60Hz E LEUCEMIA LINFOCÍTICA AGUDA EM CRIANÇAS NO ESTADO DE SÃO PAULO Victor Wünsch Filho Universidade de São Paulo Faculdade de Saúde Pública Departamento de Epidemiologia Projeto EMF-SP, Workshop 27 novembro 2008
  2. 2. OBJETIVOS DO ESTUDO <ul><li>Conhecer o efeito da exposição a campos magnéticos de 60Hz na ocorrência de LLA em crianças no Estado de São Paulo </li></ul><ul><ul><ul><li>Verificar a associação de exposição a campos magnéticos de 60 Hz em níveis iguais ou maiores que 0,3µT e de LLA em crianças </li></ul></ul></ul><ul><ul><ul><li>Verificar a associação da incidência de LLA em crianças de acordo com a distância dos domicílios de linhas de transmissão de energia de alta-voltagem </li></ul></ul></ul>
  3. 3. ASPECTOS METODOLÓGICOS <ul><li>Estudo caso-controle de base populacional </li></ul><ul><li>Origem dos casos: 8 hospitais em 4 cidades do Estado de São Paulo </li></ul><ul><li>Rastreamento de controles </li></ul><ul><li>Crianças nascidas e sempre residido no Estado de São Paulo </li></ul><ul><li>Amostra estimada: 150 casos e 600 controles </li></ul><ul><li>Casos entrevistados no hospital e controles no domicílio </li></ul>
  4. 4. Ribeirão Preto São Paulo CENTROS CLÍNICOS Barretos Jaú
  5. 5. ASPECTOS METODOLÓGICOS <ul><li>Estudo caso-controle de base populacional </li></ul><ul><li>Origem dos casos: 8 hospitais em 4 cidades do Estado de São Paulo </li></ul><ul><li>Rastreamento de controles </li></ul><ul><li>Crianças nascidas e sempre residido no Estado de São Paulo </li></ul><ul><li>Amostra estimada: 150 casos e 600 controles </li></ul><ul><li>Casos entrevistados no hospital e controles no domicílio </li></ul>
  6. 6. ESTRUTURA DA PESQUISA FSP/USP Seleção controles das bases Nascidos Vivos da Fundação SEADE
  7. 7. MEDIÇÃO DE CAMPOS MAGNÉTICOS 60Hz <ul><li>Distância dos domicílios de casos e controles de linhas de transmissão de alta voltagem calculada por GPS </li></ul><ul><li>Medições por 24hs nos domicílios de casos e controles por meio de dosímetro </li></ul>
  8. 9. PROBLEMAS DA PESQUISA DE CAMPO <ul><li>Alta porcentagem de migração intra-urbana </li></ul><ul><li>Escolha aleatória de controles populacionais: alguns domicílios em locais de difícil e, às vezes, de restrito acesso </li></ul><ul><li>Altos níveis de violência urbana em São Paulo dificultam a receptividade dos entrevistadores, particularmente nas áreas da cidade com maiores níveis de renda </li></ul>
  9. 10. PROGRESSO DO ESTUDO EM 15/11/2008 440 Controles populacionais visitados, c/medições de campos magnéticos 144 Casos visitados, c/medições de campos magnéticos 159 Casos válidos incluídos no sistema on line pelos centros clínicos
  10. 11. RESULTADOS PRELIMINARES
  11. 12. *2 controles com medição externa perdida CONTROLES POR NÍVEIS DE EXPOSIÇÃO A CAMPOS MAGNÉTICOS (MÉDIA RESULTANTE X,Y,Z EM 24 HORAS E EXTERNA EM 3 MINUTOS) MEDIÇÕES REALIZADAS ATÉ 15/11/2008. ESTADO DE SÃO PAULO % n % n 100,0 438* 100,0 440 TOTAL 12,3 54 5,2 23 3 ou + 6,9 30 5,2 23 2,00 – 2,99 23,7 104 17,7 78 1,00 – 1,99 250 Controles incluídos Medição externa 3’ 57,1 71,8 316 < 1 Controles incluídos Medição 24hs Campos magnéticos (mG)
  12. 13. *2 controles com medição externa perdida CONTROLES POR NÍVEIS DE EXPOSIÇÃO A CAMPOS MAGNÉTICOS (MÉDIA RESULTANTE X,Y,Z EM 24 HORAS E EXTERNA EM 3 MINUTOS) MEDIÇÕES REALIZADAS ATÉ 15/11/2008. ESTADO DE SÃO PAULO % n % n 100,0 438* 100,0 440 TOTAL 12,3 54 5,2 23 3 ou + 6,9 30 5,2 23 2,00 – 2,99 23,7 104 17,7 78 1,00 – 1,99 250 Controles incluídos Medição externa 3’ 57,1 71,8 316 < 1 Controles incluídos Medição 24hs Campos magnéticos (mG)
  13. 14. *1 controle com medição externa perdida CONTROLES POR NÍVEIS DE EXPOSIÇÃO A CAMPOS MAGNÉTICOS (MÉDIA RESULTANTE X,Y,Z EM 24 HORAS E EXTERNA EM 3 MINUTOS) MEDIÇÕES REALIZADAS ATÉ 15/11/2008. RMSP % n % n 100,0 313* 100,0 314 TOTAL 15,0 47 7,0 22 3 ou + 7,4 23 6,4 20 2,00 – 2,99 24,3 76 18,1 57 1,00 – 1,99 167 Controles incluídos Medição externa 3’ 53,2 68,5 215 < 1 Controles incluídos Medição 24hs Campos magnéticos (mG)
  14. 15. *1 controle com medição externa perdida CONTROLES POR NÍVEIS DE EXPOSIÇÃO A CAMPOS MAGNÉTICOS (MÉDIA RESULTANTE X,Y,Z EM 24 HORAS E EXTERNA EM 3 MINUTOS) MEDIÇÕES REALIZADAS ATÉ 15/11/2008. RMSP % n % n 100,0 313* 100,0 314 TOTAL 15,0 47 7,0 22 3 ou + 7,4 23 6,4 20 2,00 – 2,99 24,3 76 18,1 57 1,00 – 1,99 167 Controles incluídos Medição externa 3’ 53,2 68,5 215 < 1 Controles incluídos Medição 24hs Campos magnéticos (mG)
  15. 16. *1 controle com medição externa perdida CONTROLES POR NÍVEIS DE EXPOSIÇÃO A CAMPOS MAGNÉTICOS (MÉDIA RESULTANTE X,Y,Z EM 24 HORAS E EXTERNA EM 3 MINUTOS) MEDIÇÕES REALIZADAS ATÉ 15/11/2008 OUTRAS REGIÕES DO ESTADO DE SÃO PAULO % n % n 100,0 125* 100,0 126 TOTAL 5,6 7 0,8 1 3 ou + 5,6 7 2,4 3 2,00 – 2,99 22,4 28 16,7 21 1,00 – 1,99 83 Controles incluídos Medição externa 3’ 66,4 80,1 101 < 1 Controles incluídos Medição 24hs Campos magnéticos (mG)
  16. 17. *1 controle com medição externa perdida CONTROLES POR NÍVEIS DE EXPOSIÇÃO A CAMPOS MAGNÉTICOS (MÉDIA RESULTANTE X,Y,Z EM 24 HORAS E EXTERNA EM 3 MINUTOS) MEDIÇÕES REALIZADAS ATÉ 15/11/2008 TODAS DEMAIS REGIÕES DO ESTADO DE SÃO PAULO % n % n 100,0 125* 100,0 126 TOTAL 5,6 7 0,8 1 3 ou + 5,6 7 2,4 3 2,00 – 2,99 22,4 28 16,7 21 1,00 – 1,99 83 Controles incluídos Medição externa 3’ 66,4 80,1 101 < 1 Controles incluídos Medição 24hs Campos magnéticos (mG)
  17. 18. GRUPO DE PESQUISAS EPIDEMIOLÓGICAS EM CÂNCER (GPEC) Daniele Maria Pelissari (aluna de mestrado) Anderson da Costa (analista de sistemas) Mônica Magalhães Leite (coordenadora de campo) Natália Aparecida Rodrigues (coordenadora de campo) Christiane Yumi Suzuki (pesquisadora de campo) Claúdia Emi Regis (pesquisadora de campo) Renata Rolim Quaresma (pesquisadora de campo) Michel de Castro (motorista) Ricardo Caldeira de Oliveira (motorista)
  18. 19. Obrigado !

×