GRIPE GUILHERME PERES DE LIMA C 14 PROF. CARINA S. RIBEIRO EMEF AFONSO GUERREIRO LIMA
Causas: <ul><li>Os vírus influenza são transmitidos de pessoa para pessoa através das gotículas expelidas com a tosse e os...
Sintomas:  <ul><li>A gripe inicia-se com febre alta, em geral acima de 38ºC, seguida de dor muscular, dor de garganta, dor...
Consequências: <ul><li>A infecção pelo vírus influenza está freqüentemente associada a complicações que podem determinar h...
Fatores de risco: <ul><li>Alguns indivíduos apresentam fatores de risco para complicações associadas à gripe, tais como: <...
Bibliografia : <ul><li>http://www.gripe.org.br/sintomas.html </li></ul><ul><li>http://www.roche.pt/portugal/index. cfm / s...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Gripe

544 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
544
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
93
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Gripe

  1. 1. GRIPE GUILHERME PERES DE LIMA C 14 PROF. CARINA S. RIBEIRO EMEF AFONSO GUERREIRO LIMA
  2. 2. Causas: <ul><li>Os vírus influenza são transmitidos de pessoa para pessoa através das gotículas expelidas com a tosse e os espirros. Depois de inalados para as vias respiratórias, os vírus penetram e replicam-se nas células saudáveis do organismo destruindo-as. A proliferação extremamente rápida do vírus tem como efeito que a pessoa afectada desenvolve os sintomas da gripe. </li></ul><ul><li>Idosos (com mais de 65 anos de idade); </li></ul><ul><li>Pessoas com sistema imunitário deprimido, como por exemplo com infecção pelo VIH; </li></ul><ul><li>Crianças de tenra idade; </li></ul><ul><li>Pessoas com doenças crónicas como por exemplo doença crónica respiratória, cardíaca ou renal. </li></ul>
  3. 3. Sintomas: <ul><li>A gripe inicia-se com febre alta, em geral acima de 38ºC, seguida de dor muscular, dor de garganta, dor de cabeça e tosse seca. A febre é o sintoma mais importante e dura em torno de três dias. </li></ul><ul><li>Os sintomas respiratórios como a tosse e outros, tornam-se mais evidentes com a progressão da doença e mantêm-se em geral por três a quatro dias após o desaparecimento da febre.DiagnósticoÉ uma doença muito comum em todo o mundo, sendo possível uma pessoa adquirir influenza várias vezes ao longo de sua vida. É também freqüentemente confundida com outras viroses respiratórias, por isso o seu diagnóstico de certeza só é feito mediante exame laboratorial específico. </li></ul><ul><li>Os principais sintomas da gripe são: </li></ul><ul><li>febre alta (acima de 39°C em 65% dos casos) </li></ul><ul><li>dores musculares </li></ul><ul><li>prostração (mal-estar, sensação de fraqueza) </li></ul><ul><li>Podendo vir acompanhados de: </li></ul><ul><li>tosse </li></ul><ul><li>dor de garganta </li></ul><ul><li>dor de cabeça </li></ul><ul><li>coriza </li></ul><ul><li>dentre outros. </li></ul>
  4. 4. Consequências: <ul><li>A infecção pelo vírus influenza está freqüentemente associada a complicações que podem determinar hospitalização e mesmo o óbito. Estas complicações podem ocorrer em função do próprio vírus influenza ou de infecções bacterianas secundárias. </li></ul><ul><li>Entre as principais complicações, a mais freqüente e de maior relevâcia é a pneumonia. Além dela, observam-se: otite média aguda, sinusite, laringite, complicações do sistema nervoso central e Síndrome de Reye*. </li></ul><ul><li>* Síndrome de Reye: é uma doença neurológica e hepática, que se desenvolve 4 a 7 dias após o início de uma virose (principalmente gripe e varicela), evolui com vômitos, alteração do nível de consciência e coma devido a uma inflamação do cérebro e fígado </li></ul>
  5. 5. Fatores de risco: <ul><li>Alguns indivíduos apresentam fatores de risco para complicações associadas à gripe, tais como: </li></ul><ul><li>idade (> 50 anos); </li></ul><ul><li>problemas pulmonares (asma, enfisema, fumantes), cardíacos e renais; </li></ul><ul><li>hipertensão e diabetes; </li></ul><ul><li>Crianças saudáveis de 6 a 23 meses; </li></ul><ul><li>Gestantes; </li></ul><ul><li>Pessoas com comprometimento do sistema imune como: pacientes com leucemia, portadores de HIV, pessoas com câncer ou que receberam transplantes de órgãos; </li></ul><ul><li>Pessoas que utilizem cronicamente ácido acetilsalicílico. </li></ul>
  6. 6. Bibliografia : <ul><li>http://www.gripe.org.br/sintomas.html </li></ul><ul><li>http://www.roche.pt/portugal/index. cfm / saude /gripe/ g-causas / </li></ul><ul><li>http://www.vacinagripe.com.br/eflu/front/index. jsp ? codeRubrique =15& lang = EN&siteCode =EFLU_BR </li></ul>

×