Modelo do dossiê 2013

999 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
999
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
43
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Modelo do dossiê 2013

  1. 1. 1 PREFEITURA MUNICIPAL DE MOSSORÓ Secretaria Municipal de Educação e Desporto Rua Pedro Alves Cabral, 01 – Aeroporto – 59607-140 Mossoró / RN Fone Fax (84) 3315-4942
  2. 2. 2 APRESENTAÇÃO 1 – IDENTIFICAÇÃO DA UNIDADE ESCOLAR A Escola Municipal Raimundo Fernandes, criada pelo decreto 287/83 de 07 de Janeiro de 1983, está localizada na Rua Seis de Janeiro, S/N Bairro Santo Antonio, CEP 59.611- 070 próximo ao SENAI. Código 2400312, telefone (84) 3315-5093, CNPJ: 01.907.208/0001-51, email:em-raimundofernandes@hotmail.com. É mantida pelo Poder Público Municipal e administrada pela Secretaria Municipal da Cidadania / Gerência Executiva da Educação. Foi inaugurada no dia 13 de Janeiro de 1983, funcionando a partir desta data em dois turnos: matutino e vespertino. Em até 30 de setembro de 2006, foi demolida, sendo iniciada a sua reconstrução, e foi reinaugurada no dia 18 de abril de 2008 pela prefeita Maria de Fátima Rosado Nogueira. Devido à localização da escola em área próxima do centro da cidade, nossos alunos formam uma comunidade diversificada, cujo destino das moradias abrange estudantes de bairros próximos e área central. Desse modo, temos uma clientela heterogênea. Atualmente a escola funciona em dois turnos: matutino e vespertino, com os seguintes horários de funcionamento: Manhã: 07h00min às 11h20mim Tarde: 13h00min às 17h20mim, com 396 alunos no Ensino Fundamental. Sua estrutura física é de excelente qualidade, composta pelo piso inferior e superior contendo oito salas de aula, biblioteca, sala de professores, direção, secretaria, arquivo, cozinha com dispensa, 08 banheiros para os alunos sendo 04 para deficientes físicos e 01 para funcionários, laboratório de informática, almoxarifado e uma quadra de esportes em construção. A escola conta com uma boa quantidade de recursos materiais e pedagógicos, entre eles: TV, aparelhos de som CD; aparelhos de DVD; Mapas Diversos; Globos Terrestres; Planetário; 12 microcomputadores para uso dos alunos no Laboratório de Informática, CD's Rom de diversas disciplinas; Fitas de vídeo diversas; Livros paradidáticos; Data- Show e Jogos pedagógicos. Tem como objetivo: “Proporcionar um aprendizado global que desenvolva os três pilares da educação: aprender a ser aprender a fazer, aprender a conviver. Construindo assim um ambiente educativo onde todos possam aprender e vivenciar valores como respeito, amizade, solidariedade, visando à qualidade do ensino e garantir a permanência
  3. 3. 3 do aluno na escola de forma prazerosa”. Tem a Missão: de “Oferecer Educação Básica de Excelência, contribuindo efetivamente para o exercício da cidadania”, Seus Valores são sustentados pela Ética, Excelência e Equidade, em Visão de Futuro pretende ser referência em qualidade na Educação Básica. Como uma instituição educacional, compreende que o ensino transcende os muros da escola, sendo influenciada por todos os espaços que os alunos convivem. Percebe-se que os valores éticos, morais, sociais e culturais, precisam ser considerados e integrados no processo ensino-aprendizagem, a partir de uma educação de qualidade. Como uma organização social é necessário proporcionar condições para que o indivíduo possa atuar como sujeito participativo na sociedade, consciente de seu papel, agindo de acordo com os princípios éticos, morais de forma democrática.Também garante o acesso ao conhecimento a todos os indivíduos como forma de superar a dominação decorrente da distribuição desigual do saber e do acesso à cultura. Oferecer um ensino de qualidade é, por conseguinte uma forma de superação das desigualdades através da participação nas tomadas de decisões. É igualdade de direitos, de deveres, de oportunidade, enfim, é exercer a cidadania. Nas linhas básicas do Projeto Político Pedagógico dessa escola podemos destacar: a) A construção de um ambiente educativo onde todos possam aprender e vivenciar valores como respeito, amizade e solidariedade; b) A prática pedagógica com ações planejadas a partir do diagnóstico e de registros diários na sala de aula, com o objetivo de possibilitar uma visão global das necessidades e problemas enfrentados pela escola. Para isso, a supervisora pedagógica organiza um calendário de visitas às salas de aula onde tem oportunidade de observar de perto o desenvolvimento da aprendizagem dos alunos suas dificuldades e potencialidades. c) O processo de avaliação e de autoavaliação envolve todos os membros da comunidade escolar e busca o acompanhamento dos alunos em seus rendimentos, respeitando o seu ritmo de aprendizagem, bem como melhorar a prática docente e o envolvimento da família na aprendizagem de seus filhos. d) A preocupação com a qualidade do ensino e a relação custo benefício busca a construção de uma gestão escolar democrática, que compartilhe informações e decisões. Trabalha com transparências os resultados pedagógicos e gastos dos recursos destinados a Escola, indicando onde e como são aplicados, fortalecendo
  4. 4. 4 com isso, a participação dos pais em reuniões pedagógicas, festas e apresentações dos alunos. e) A conservação do ambiente físico da Escola mantendo-os arejados, limpos e organizados. Somos sabedores que a democracia e consequentemente, uma gestão democrática, não se originam no interior da escola. No entanto, a escola como campo privilegiado de intervenções política e ideológica traz na sua essência pedagógica a possibilidade de construção de novos paradigmas e práticas que priorizem a via democrática na escola e na sociedade. O processo de gestão democrática constrói-se na correlação das forças políticas colocando o bem comum em primeiro plano. A gestão democrática na escola caracteriza-se pela participação efetiva de todos os segmentos, onde se valoriza e compreende o papel e a responsabilidade de cada um na organização do trabalho. Ela envolve professores, alunos, funcionários e pais de alunos e nesse contexto, as pessoas atuam, intervêm e propõe soluções para os diversos problemas que surge sempre no intuito de atingir os objetivos da escola. Sentimos a presença da gestão participativa nessa escola, através do Conselho Escolar, da escolha do livro didático, do planejamento do ensino, na organização de eventos culturais, nas atividades cívicas, esportivas, recreativas entre outras. Nesse modelo de gestão, temos a oportunidade de controlar o próprio trabalho, nos sentindo autores e responsáveis pelos nossos resultados, construindo, portanto, a autonomia. Ao mesmo tempo, nos tornamos parte orgânica da realidade e não apenas um simples instrumento para realizar objetivos institucionais. Mediante a prática participativa, é possível superar o exercício do poder individual e de referência e promover a construção do poder da competência, centrado na unidade social escolar como um todo. Atualmente uma das questões mais discutidas no âmbito educacional é a qualidade da educação pública. Devemos encontra-la na gestão democrática da Escola, no Currículo, na prática pedagógica, na participação da família, na formação dos alunos e professores. Uma escola de qualidade deve apresentar um alto índice de aprovação dos seus alunos e esses índices devem equiparar-se ou superarem as provas externas (Provinha Brasil e Provinha Mossoró). Nossa escola atualmente se encaixa neste perfil, pois possui um quadro de professores e demais profissionais qualificados e comprometidos; uma biblioteca organizada com um bom acervo, seu espaço físico é limpo e agradável, possuindo assim um ambiente favorável a aprendizagem.
  5. 5. 5 O Projeto Político Pedagógico da Escola foi reformulado coletivamente e o planejamento é efetuado com bases nas linhas gerais do mesmo. O corpo administrativo-pedagógico como também o Conselho Escolar é atuante e presente. Havendo assim comprometimento e divisão de responsabilidades, facilitando a participação dos envolvidos; No entanto, é importante adotarmos posturas e atitudes de gestão para atingirmos bons resultados na escola, promovendo assim uma escola de qualidade. Ao longo do ano letivo, a escola desenvolveu ações voltadas para a melhoria do rendimento escolar dos alunos, por meio de uma atuação coletiva onde todos os segmentos da escola participam ativamente com o objetivo de melhorar a aprendizagem. Como exemplos destas ações têm os projetos: Pais em Ação, Sarau Poético, Festival de Arte e Cultura, Concurso de Leitura e Produção do Livro, onde é estimulada a leitura e a escrita, além de estabelecer que o aluno produza o seu próprio livro, despertando assim, sua criatividade artística. A evolução do rendimento escolar dos alunos da Escola Municipal Raimundo Fernandes foi muito positiva em 2011, 96,6%, de aprovação, 3,69% de reprovação. A taxa de abandono chegou a 0%, e o Índice de Desenvolvimento Educacional (IDEB) que era de 3,7 em 2007, alcançou em 2009 4,7. Analisando os gráficos abaixo, podemos constatar que o desempenho da Escola se concretiza a partir de um trabalho em equipe que vem buscando alcançar a excelência na educação.
  6. 6. 6 CARACTERIZAÇÃO DA ESCOLA 1. NÍVEIS E MODALIDADES DE ENSINO OFERTADO: Educação Infantil ( ) Creche ( ) Pré-escola Ensino Fundamental ( X ) Anos Iniciais ( ) Anos Finais ( ) Educação de Jovens e Adultos 2. PERÍODO DE FUNCIONAMENTO: ( X ) Manhã ( X ) Tarde ( ) Noite Horário Integral ( ) Creche ( X ) Mais Educação 3. NÚMERO DE ALUNOS POR TURMA: TURMAS Total Manhã 1º A 2º A 3º A 3º B 3º C 4º A 4º B 5º A 08 25 25 25 25 26 30 30 26 212 Tarde 1º B 1º B 2º B 2º C 3º D 4º C 5º B 5º C 08 25 26 24 26 25 29 25 24 204 Noite - - - - - - - - - TOTAL 416 4. NÚMERO TOTAL DE ALUNOS/MÉDIA: Total de turmas Total de alunos Média de alunos por turma 16 416 26
  7. 7. 7 5. INDICADORES DESEMPENHO DA ESCOLA: A- EDUCAÇÃO INFANTIL: INDICADOR ANO MATRICULA FINAL Nº DE CRIANÇAS NO PROCESSO DE ALFABETIZAÇÃO 2011 2012 B- ANOS INICIAIS: IND ICADOR ANO MATRICULA FINAL TAXA DE APROVAÇÃO (%) TAXA DE REPROVAÇÃO (%) TAXA DE ABANDONO (%) TAXA DE DISTORÇÃO IDADE/SÉRIE (%) TAXA DE ALFABETIZAÇÃO 2011 402 92% 8% 0,4% 15% 82% 2012 394 96,3% 3,6% 0,0% 5,3% 89% Fonte: Resultado Final do Censo C - ANOS FINAIS: IND ICADOR ANO MATRICULA FINAL TAXA DE APROVAÇÃO (%) TAXA DE REPROVAÇÃO (%) TAXA DE ABANDONO (%) TAXA DE DISTORÇÃO IDADE/SÉRIE (%) 2011 2012 Fonte: Quadro de rendimento anual D - EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS: IND ICADOR ANO MATRICULA FINAL TAXA DE APROVAÇÃO (%) TAXA DE REPROVAÇÃO (%) TAXA DE ABANDONO (%) TAXA DE DISTORÇÃO IDADE/SÉRIE (%) TAXA DE ALFABETIZAÇÃO 2011 2012 E - DADOS DA PROVINHA BRASIL/IDEB: ANO PROVINHA BRASIL 1ª FASE PROVINHA BRASIL 2ª FASE IDEB 2011 1º ao 5º ano 6º ao 9º ano 201 1 3 4 4,7 - 201 3 4
  8. 8. 8 2 6. DADOS ALUNOS DESTAQUE: Nome: Wellington Mateus Silva 5º Ano Turma: A ANO ESCOLAR 5º ANO NOME COMPLETO ANO ESCOLAR MÉDIA FINAL % DE FREQUENCIA LÍNGUA PORTUGUESA 9,4 99% MATEMÁTICA 9,5 CIÊNCIAS 10,0 HISTÓRIA 10,0 GEOGRAFIA 9,8 ENSINO DA ARTE ENSINO RELIGIOSO EDUCAÇÃO FÍSICA MÉDIA E FREQÜÊNCIA GLOBAL 9,7 Fonte: Boletins do Censo, diário de classe, atas de resultados finais. Anexo 47 ANO ESCOLAR 9º ANO NOME COMPLETO ANO ESCOLAR MÉDIA FINAL % DE FREQUENCIA LÍNGUA PORTUGUESA MATEMÁTICA CIÊNCIAS HISTÓRIA GEOGRAFIA INGLÊS ENSINO DA ARTE ENSINO RELIGIOSO EDUCAÇÃO FÍSICA MÉDIA E FREQÜÊNCIA GLOBAL Mossoró, 30 de dezembro de 2011. Comissão de Autoavaliação: Ana Maria Pereira de Souza _____________________________________________ Antonia Aunicimar Almeida ______________________________________________ Edimaura Vieira de Santana _____________________________________________
  9. 9. 9 Maria Leonice de Paiva _________________________________________________ Rosália Dantas Carvalho Melo ___________________________________________ Tânia Turene Gomes da Silva ____________________________________________ CONSOLIDADO DA AUTOAVALIAÇÃO – PRÊMIO “ESCOLA DE QUALIDADE” – EDIÇÃO 2009/2013. DIMENSÃO PARÂMETROS INDICADOR 1 2 3 4 5 A. Gestão pedagógica: Abrange processos e práticas de gestão pedagógica orientados para A.1. Garante o acesso e a permanência dos alunos, inclusive com necessidades educacionais especiais nas classes comuns do ensino regular. A.2. Realiza práticas de organização do tempo/espaço, de modo que assegure ações que aprimoram a qualidade do ensino e o atendimento às necessidades de aprendizagens dos alunos.
  10. 10. 10 assegurar a aprendizagem dos alunos, em consonância com o Projeto Pedagógico da escola. A.3. Garante a atualização e validação do Projeto Político Pedagógico anualmente, com a participação de todos os segmentos da comunidade escolar. PESO: 4,0 Subtotal B. Gestão de pessoas: Abrange processos e práticas de gestão dos profissionais da educação. B.1. Promove o desenvolvimento profissional em relação aos conhecimentos, habilidades e atitudes, através de ações de formação continuada com base nas necessidades identificadas. B.2 Adota práticas avaliativas do desempenho de professores e dos demais profissionais, ao longo do ano letivo. B.3. Promove práticas de valorização e reconhecimento do trabalho e esforço dos professores e demais profissionais da escola no sentido de reforçar ações voltadas para melhoria da qualidade do ensino. PESO: 1,0 Subtotal C. Planejamento e gestão: Abrange processos e práticas de gestão dos serviços de apoio, recursos físicos e financeiros. C.1. Realiza de forma sistemática, coletiva e cooperativa o planejamento dos serviços e das atividades escolares oferecidas. C.2. Zela pela transparência da gestão, utilizando os canais de comunicação da escola para divulgar informações de prestação de contas dos recursos, dos resultados obtidos pela escola e das estratégias utilizadas na resolução de problemas. C.3. Desenvolve projetos nas áreas de saúde, esporte, assistência social e/ou cultura, ampliando as atividades internas e externas da escola, firmando parcerias externas a comunidade escolar. C.4. Aplica os recursos conforme plano de aplicação construído coletivamente, dando prioridade as necessidades. PESO: 2,0 Subtotal D. Avaliação e resultados: Abrange processos e práticas de gestão voltadas para assegurar a melhoria dos resultados de desempenho da escola – rendimento, frequência e proficiência dos alunos. D.1. Desenvolve um sistema de monitoramento das metas e ações estabelecidas no Projeto Político Pedagógico, garantindo condições de efetivação e sucesso. D.2. Acompanha cada aluno da escola individualmente, mediante registro de sua frequência e do seu desempenho nas avaliações. D.3. Alfabetiza as crianças até, no máximo, os oito anos de idade, aferindo os resultados por exame periódico específico. D.4. Adota ações de combate à evasão e repetência, com sistemática de monitoramento a fim de garantir o a efetividade e sucesso dos alunos. PESO: 3,0 Subtotal TOTAL GERAL (campo reservado a comissão) LEGENDA: 1. MUITO AQUÉM DO ESPERADO 2. AQUÉM DO ESPERADO 3. NÍVEL ACEITAVÉL 4. ALÉM DO ESPERADO 5. MUITO ALÉM DO ESPERADO DETALHAMENTO DA AUTOAVALIAÇÃO - PRÊMIO “ESCOLA DE QUALIDADE” – EDIÇÃO 2009/2013. A) Gestão pedagógica: Abrange processos e práticas de gestão pedagógica orientados para assegurar a aprendizagem dos alunos, em consonância com o Projeto Pedagógico da escola: Estabelece como foco a melhoria da qualidade do processo de ensino e de aprendizagem. PARÂMETRO CRITÉRIO MARQUE APENAS UMA ALTERNATIVA
  11. 11. 11 A.1. Garante o acesso e a permanência dos alunos, inclusive com necessidades educacionais especiais nas classes comuns do ensino regular. 1. Não houve matrícula nova e a evasão foi superior a 10%. 2. Não houve matrícula nova e houve evasão até 5%. 3. Houve matrícula nova e menos de 5% de evasão. 4. Houve expansão de matrícula e não houve evasão. 5. Houve expansão acima de 20% e não houve evasão. A.2. Realiza práticas de organização do tempo/espaço, de modo que assegure ações que aprimoram a qualidade do ensino e o atendimento às necessidades de aprendizagens dos alunos. 1. Não foi apresentada nenhuma prática inovadora por nenhum dos professores. 2. Foram apresentadas praticas inovadoras por menos de 10% dos professores. 3. Foram apresentadas praticas inovadoras por mais de 10% dos professores 4. Foram apresentadas praticas inovadoras por 20% dos professores. 5. Foram apresentadas praticas inovadoras por mais de 20% dos professores A.3. Garante a atualização e validação do Projeto Político Pedagógico anualmente, com a participação de todos os segmentos da comunidade escolar. 1. O PPP não foi atualizado e nem validado. 2. O PPP foi atualizado, mas NÃO foi validado com a participação dos segmentos da comunidade escolar. 3. O PPP foi atualizado e validado com a participação de representantes dos segmentos da comunidade escolar. 4. O PPP foi atualizado e validado com a participação de representantes dos segmentos da comunidade escolar, com resultados positivos. 5. O PPP foi atualizado e validado com a participação de representantes dos segmentos da comunidade escolar, com resultados positivos e inovadores. Total de pontos (campo reservado a comissão) * Quando a expansão da matrícula foi limitada pelo espaço físico considerar o nível 5. RELATÓRIO POR PARÂMETRO (EXEMPLO) A.1. Garante o acesso e a permanência dos alunos, inclusive com necessidades educacionais especiais nas classes comuns do ensino regular. 4- Houve expansão de matrícula e não houve evasão. Conforme anexo 01 e 02 - A escola recebeu mais 02 alunos com Necessidades Educacionais Especiais. Conforme anexo 03 e 04 - Viabilizou atendimento na sala de AEE em outras Instituições Educacionais para mais 66% dos alunos deficientes. Conforme anexo 02 A.2. Realiza práticas de organização do tempo/espaço, de modo que assegure ações que aprimoram a qualidade do ensino e o atendimento às necessidades de aprendizagens dos alunos. 5- Foram apresentadas praticas inovadoras por mais de 20% dos professores.
  12. 12. 12 - Foram desenvolvidos os seguintes projetos: Poesia na Escola, Junino, Folclore, Produção do Livro “Contadores de Histórias Encantadas”, Festival de Arte e Cultura “ Um Pacto pela Vida no Planeta”, propiciando a construção de um ambiente onde a aprendizagem acontece de forma prazerosa e eficaz, mostrando um grande comprometimento com a educação. Conforme anexos: 05, 06, 07, 08 e 09. - O Laboratório de Informática a Biblioteca e Sala de Vídeo são utilizados de forma organizada e prazerosa onde há o empenho de todos em aliar criatividades e tecnologia estimulando a pesquisa e a aprendizagem. Conforme anexos: 10, 11, 12, 13, 14. 15, 16, 17, 18, 19, 20 e 21. RESULTADO DOS PROJETOS: - Projeto é o compromisso para obter um resultado específico, os projetos desenvolvidos na escola comprovam que tivemos resultados bastante positivos, pois conseguimos envolver toda comunidade escolar como: pais, alunos, professores e funcionários em prol da aprendizagem. IMPACTOS: - A utilização dos recursos tecnológicos na construção do conhecimento rico em estratégias; - Desempenho dos alunos em realizar as atividades propostas; - Maior motivação no ensino aprendizagem - Maior aprendizagem. A.3. Garante a atualização e validação do Projeto Político Pedagógico anualmente, com a participação de todos os segmentos da comunidade escolar. 4- O PPP foi atualizado e validado com a participação de representantes dos segmentos da comunidade escolar, com resultados positivos. Conforme anexos: 22 e 23 - “O Projeto Político Pedagógico é um espaço onde pressupõe que contêm informações para orientar o direcionamento da unidade escolar. Neste espaço o docente, o coordenador, a direção, enfim, toda comunidade escolar tem direito de opinar sobre seu conteúdo.” No processo de reformulação do PPP da escola procuramos envolver todo coletivo escolar. Com a finalidade de sugerir à comunidade escolar os caminhos de atualização e reformulação do. Projeto Político Pedagógico da escola. DETALHAMENTO DA AUTOAVALIAÇÃO - PRÊMIO “ESCOLA DE QUALIDADE” – EDIÇÃO 2009/2013. B) Gestão de pessoas: Abrange processos e práticas de gestão dos profissionais da educação: Estabelece como foco o envolvimento e o compromisso das pessoas (professores e demais profissionais, pais e alunos) com o projeto pedagógico da escola e as inovações na gestão. PARÂMETRO CRITÉRIO MARQUE APENAS UMA ALTERNATIVA B.1. Promove o desenvolvimento 1. Não houve ações de formação continuada. 2. Houve apenas uma ação de formação continuada com base nas necessidades e envolveu menos de 50% dos profissionais da escola.
  13. 13. 13 profissional em relação aos conhecimentos, habilidades e atitudes, através de ações de formação continuada com base nas necessidades identificadas. 3. Houve apenas cinco ações de formação continuada com base nas necessidades, envolvendo 50% dos profissionais da escola. 4. Houve mais de cinco e menos de dez ações de formação continuada com base nas necessidades, envolvendo mais 50% dos profissionais da escola. 5. Houve mais de dez ações de formação continuada com base nas necessidades, envolvendo 100% dos profissionais da escola. B.2. Adota práticas avaliativas do desempenho de professores e dos demais profissionais, ao longo do ano letivo. 1. Não foi realizada nenhuma prática avaliativa do desempenho dos profissionais. 2. Foram realizadas práticas avaliativas apenas dos professores. 3. Foram realizadas práticas avaliativas do desempenho dos profissionais da educação pela equipe gestora. 4. Foram realizadas práticas avaliativas do desempenho dos profissionais da educação pelo Conselho Escolar 1 vez por ano. 5. Foram realizadas práticas avaliativas do desempenho dos profissionais da educação pelo Conselho Escolar 1 vez por semestre. B.3. Promove práticas de valorização e reconhecimento do trabalho e esforço dos professores e demais profissionais da escola no sentido de reforçar ações voltadas para melhoria da qualidade do ensino. 1. Não promove ações. 2. Promove ações pontuais sem planejamento. 3. Promove ações com base em diagnóstico e planejamento. 4. Promove ações, monitora e avalia os resultados. 5. Promove ações proativas e tem resultados positivos. Total de pontos (campo reservado a comissão) RELATÓRIO POR PARÂMETRO B.1. Promove o desenvolvimento profissional em relação aos conhecimentos, habilidades e atitudes, através de ações de formação continuada com base nas necessidades identificadas. . 4- Houve mais de cinco e menos de dez ações de formação continuada com base nas necessidades, envolvendo mais 50% dos profissionais da escola. Conforme anexos: 24 e 25 A participação dos profissionais nos cursos de formação foi de grande importância para sua prática pedagógica, pois capacitar professores ajuda a melhorar o desempenho dos alunos Desta maneira, o processo de ensino e de aprendizagem tem se mostrado mais participativo, significativo e criativo. B.2. Adota práticas avaliativas do desempenho de professores e dos demais profissionais, ao longo do ano letivo. 4 - Foram realizadas práticas avaliativas do desempenho dos profissionais da educação pelo Conselho Escolar uma vez por ano. Conforme anexos: 26, 27, 28, 29 e 30
  14. 14. 14 A avaliação docente é pautada pela busca da qualidade do trabalho educativo. Na realização desta atividade os profissionais tiveram oportunidade de fazer uma autoavaliação no desempenho de suas atividades e sugerir ações para melhoria da prática em sala de aula. B.3. Promove práticas de valorização e reconhecimento do trabalho e esforço dos professores e demais profissionais da escola no sentido de reforçar ações voltadas para melhoria da qualidade do ensino. 4- Promove ações, monitora e avalia os resultados. Conforme anexos: 26, 27, 28, 29, 30, 31, 32 e 33. O monitoramento é essencial para que possamos conhecer a evolução das ações de forma a ser possível avaliar para aprimorar os avanços na construção do conhecimento. Promovemos as ações interventivas como: motivação em foco, relatório diagnóstico e bimestral, destaque do mês, encontro de pais, planos de intervenção. DETALHAMENTO DA AUTOAVALIAÇÃO - PRÊMIO “ESCOLA DE QUALIDADE” – EDIÇÃO 2009/2013. C) Planejamento e gestão: Abrangem processos e práticas de gestão dos serviços de apoio, recursos físicos e financeiros. Estabelecer como foco os processos e práticas eficientes e eficazes de gestão dos serviços de apoio, recursos físicos e financeiros. PARÂMETRO CRITÉRIO MARQUE APENAS UMA ALTERNATIVA C.1. Realiza de forma sistemática, coletiva e cooperativa o planejamento dos serviços e das 1. Não planeja. 2. Planeja sem participação da comunidade escolar. 3. Planeja com os professores, supervisores e demais profissionais da escola.
  15. 15. 15 atividades escolares oferecidas. 4. Planeja coletivamente, monitora e avalia. 5. Planeja efetivamente, monitora e avalia com toda equipe escolar C.2. Zela pela transparência da gestão, utilizando os canais de comunicação da escola para divulgar informações de prestação de contas dos recursos, dos resultados obtidos pela escola e das estratégias utilizadas na resolução de problemas. 1. Não zela pela transparência da gestão. 2.. Divulga os resultados e publica prestação de constas 1 vez no ano. 3. Divulga os resultados e publica prestação de constas semestralmente nos murais da escola 4. Divulga os resultados e publica prestação de constas da escola, mensalmente, em vários canais. 5. Divulga os resultados e publica prestação de constas da escola, mensalmente, avaliando os impactos. C.3. Desenvolve projetos nas áreas de saúde, esporte, assistência social e/ou cultura, ampliando as atividades internas e externas da escola, firmando parcerias externas a comunidade escolar. 1. Não desenvolve projetos. 2. Desenvolve projetos apenas na área da saúde. 3. Desenvolve projetos em mais de duas áreas, sem parcerias. 4. Desenvolve projetos internos nas diversas áreas, com parcerias. 5. Desenvolve projetos internos e externos nas diversas áreas, com várias parcerias. C.4. Aplica os recursos conforme plano de aplicação construído coletivamente, dando prioridade as necessidades. 1. Não constrói Plano de Aplicação. 2. Constrói Plano de Aplicação sem a consultar o Conselho e sem respeitar as prioridades. 3. Constrói Plano de Aplicação com consulta ao Conselho e sem respeitar as prioridades. 4. Constrói Plano com consulta ao Conselho, e aplica recursos respeitando as prioridades. 5. Constrói Plano com consulta ao Conselho, aplica os recursos respeitando as prioridades e amplia com parcerias. Total de pontos (campo reservado a comissão) RELATÓRIO POR PARÂMETRO C.1. Realiza de forma sistemática, coletiva e cooperativa o planejamento dos serviços e das atividades escolares oferecidas. 4- Planeja coletivamente, monitora e avalia. Conforme anexos: 26, 27, 28, 29, 30 e 32. Planejar e desenvolver suas atividades de acordo com a proposta construída coletivamente, participando da realização das ações da escola através de instrumentos específicos de monitoramento e avaliação.
  16. 16. 16 C.2. Zela pela transparência da gestão, utilizando os canais de comunicação da escola para divulgar informações de prestação de contas dos recursos, dos resultados obtidos pela escola e das estratégias utilizadas na resolução de problemas. 4- Divulga os resultados e publica prestação de contas da escola, mensalmente, em vários canais. Conforme anexos: 34, 35, 36 e 37. Uma gestão transparente significa fortalecer as relações com a comunidade escolar. A prestação de contas faz parte do compromisso desta gestão, portanto estão expostas nos murais da escola as cópias das prestações de contas, como também são divulgadas nas reuniões de extrarregência, do Conselho escolar e de Pais. C.3. Desenvolve projetos nas áreas de saúde, esporte, assistência social e/ou cultura, ampliando as atividades internas e externas da escola, firmando parcerias externas a comunidade escolar. 5- Desenvolve projetos internos e externos nas diversas áreas, com várias parcerias. Conforme anexos: 38, 39, 40, 41, 42, 43, 44, 45 e 46 Foram desenvolvidas as seguintes atividades: Visita a Indústria do Conhecimento, Ação Global SESI, APAE e CAPS do Santo Antonio com a peça Fuzuê no Galinheiro, visita ao Museu do Petróleo, apresentação da peça “O Planeta em apuros” na UNP, apresentação da peça Bullying no Teatro Municipal, Violência Intrafamiliar em parceira com o Posto de Saúde Santo Antonio, Projeto Trânsito em parceria com a Honda (Clubinho Honda), Projeto Dengue em parceria com os agentes de Saúde, Projeto Pais em Ação em parceria com o setor Psicopedagógico. Com a formação de parcerias externas podemos afirmar que houve maior interação e envolvimento por parte dos alunos, como também dos pais. Mostrando assim que parcerias com diferentes setores da sociedade podem ajudar a escola na sua missão de ensinar melhor. C.4. Aplica os recursos conforme plano de aplicação construído coletivamente, dando prioridade as necessidades. 4- Constrói Plano com consulta ao Conselho, e aplica recursos respeitando as prioridades. Conforme anexos: 34, 35, 36 e 37. A Escola como prestadora de serviços a população constrói seu Plano de Aplicação dos recursos do PROMEM e PDDE, de forma coletiva e participativa onde são respeitadas as prioridades da mesma. DETALHAMENTO DA AUTOAVALIAÇÃO – PRÊMIO “ESCOLA DE QUALIDADE” – EDIÇÃO 2009/2013. D) Avaliação e resultados: Abrange processos e práticas de gestão voltadas para assegurar a melhoria dos resultados de desempenho da escola – rendimento, 16frequência e proficiência dos alunos. Estabelece como foco a aprendizagem, apontando resultados concretos a atingir. PARÂMETRO CRITÉRIO MARQUE APENAS UMA ALTERNATIVA D.1. Desenvolve um sistema de monitoramento das metas e ações estabelecidas no Projeto Político Pedagógico, garantindo condições 1. Não desenvolve sistema de monitoramento do PPP. 2. Tem o sistema e não desenvolve o monitoramento. 3. Tem o sistema de monitoramento o PPP. 4. Tem sistema de efetivo monitoramento das
  17. 17. 17 de efetivação e sucesso. metas e ações do PPP. 5. Tem sistema de efetivo monitoramento das metas e ações do PPP, redimensionando o planejamento da escola. ,h D.2. Acompanha cada aluno da escola individualmente, mediante registro de sua frequência e do seu desempenho nas avaliações. 1. Não faz acompanhamento dos alunos. 2. Faz o acompanhamento e não registra as informações. 3. Faz o acompanhamento e registra as informações. 4. Faz o acompanhamento, registra e analisa as informações. 5. Faz o acompanhamento, registra, analisa e faz uso dessas informações no planejamento. D.3. Alfabetiza as crianças até, no máximo, os oito anos de idade, aferindo os resultados por exame periódico específico. 1. Alfabetizou MENOS de 50% das crianças. 2. Alfabetizou entre 51% a 69% das crianças com oito anos. 3. Alfabetizou entre 70% a 79% das crianças com até oito anos. 4. Alfabetizou entre 80% a 99% das crianças com até oito anos. 5. Alfabetizou 100% das crianças com até oito anos. D.4. Adota ações de combate à evasão e repetência, com sistemática de monitoramento a fim de garantir o a efetividade e sucesso dos alunos. 1. Não adota ações de combate a evasão. 2. Adota ações de combate a evasão, sem monitoramento. 3. Adota ações de combate à evasão, com monitoramento, e mesmo assim apresentou índice de evasão abaixo de 10%. 4. Adota ações de combate à evasão, com monitoramento, zerando o índice de evasão. 5. Adota ações de combate à evasão, com monitoramento, zerando o índice de evasão e garantindo o sucesso dos alunos. Total de pontos (campo reservado a comissão) RELATÓRIO POR PARÂMETRO D.1. Desenvolve um sistema de monitoramento das metas e ações estabelecidas no Projeto Político Pedagógico, garantindo condições de efetivação e sucesso. 4-Tem sistema de efetivo monitoramento das metas e ações do PPP. Conforme anexos: 22 e 23. O Projeto Político Pedagógico, para ser verdadeiramente participativo e democrático precisa ter um sistema de monitoramento das ações realizadas na escola. D.2. Acompanha cada aluno da escola individualmente, mediante registro de sua frequência e do seu desempenho nas avaliações. 4- Faz o acompanhamento, registra e analisa as informações.
  18. 18. 18 Conforme anexos: 26, 27, 30, 32, 42, 43 e 48. . Cada professor faz o acompanhamento através de relatórios diagnósticos e bimestrais além da ficha de leitura e escrita, observando o desenvolvimento individual da criança, objetivando redimensionar a prática pedagógica. D.3. Alfabetiza as crianças até, no máximo, os oito anos de idade, aferindo os resultados por exame periódico específico. 4- Alfabetizou entre 80% a 99% das crianças com até oito anos. Conforme anexos: 04, 08 e 21 - A alfabetização é um processo indispensável de apropriação do sistema de escrita, que possibilita ao aluno ler e escrever com autonomia, promovendo assim o uso da língua nas práticas sociais. Para construção coletiva do processo de alfabetização exige, de cada um dos integrantes, reflexão atenta sobre o desenvolvimento de cada aluno e sua relação com a aprendizagem. Foram utilizadas várias ações para melhorar o nível de alfabetização como: reforço escolar, atividades diferenciadas, Programa Mais Educação, Concurso de Leitura e Produção do livro. D.4. Adota ações de combate à evasão e repetência, com sistemática de monitoramento a fim de garantir o a efetividade e sucesso dos alunos. 4- Adota ações de combate à evasão, com monitoramento, zerando o índice de evasão. Conforme anexos: 03 e 04 O índice de evasão ainda é bastante elevado nas escolas publicas. Utilizando algumas ações de monitoramento como: acompanhar a frequência diária dos alunos, entrar em contato com a família por telefone ou ainda fazer uma visita para esclarecer a razão das faltas, desta forma conseguimos em 2011 zerar a evasão na escola.

×