Logística de armazenagem e distribuicao

1.434 visualizações

Publicada em

logistica

Publicada em: Negócios
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.434
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
262
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Logística de armazenagem e distribuicao

  1. 1.  Logística vem de organização, planejamento e realização de vários projetos.  Ela ressalta vários itens importantes como: armazenamento, distribuição e manutenção de vários tipos de materiais.
  2. 2.  É a movimentação de um determinado produto, desde o ponto onde foi consumido, até o ponto onde foi produzido.  Exemplo: Recolher lixo reciclável (como garrafas de plásticos).  Ela tem como objetivo reaproveitar resíduos sólidos, reduzindo a necessidade de usar a matéria prima, diminuindo o impacto ambiental.
  3. 3.  A estratégia da armazenagem é solucionar os problemas de estocagem de materiais, possibilitando a integração entre suprimento, produção, distribuição e os clientes.
  4. 4.  A tendência dele é aumentar o espaço e a movimentação, obtendo um mix de materiais de dois sistemas.  É indicado por materiais de alto giro, que em pouco tempo será consumido.
  5. 5.  Prateleiras são muito mais que aço e ferro. As prateleiras são para maior eficiência na movimentação de cargas.  Armazenamento de peças pequenas, que tem uma demanda mais rápida de consumo.
  6. 6.  Além de trazer economia de custos para os armazéns e centro de distribuição, as estruturas porta-paletes tem o papel de ser a espinha dorsal do centro de distribuição.  Onde guarda os paletes, materiais de grande acesso.
  7. 7.  As cargas dessas estruturas são armazenadas em seqüencia na profundidade da prateleira sobre duas fileiras.  Nas estruturas drive-in, o comando da prateleira é possível somente por um lado. Em uma estrutura drive- thur o estoque é feito por um lado e simultaneamente a retirada pode ser feita pelo lado oposto.
  8. 8.  Esse sistema é semelhante ao drive - in para cargas paletizadas. Os paletes são colocados em trilhos que possuem uma leve inclinação, e o primeiro palete colocado é empurrado para trás pelo palete sub- sequente e sucessivamente.  Os paletes são colocados e retirados do mesmo lado da estrutura.
  9. 9.  Nesse tipo de armazém podem atingir mais de 50 metros, as estruturas de estocagem costumam ser bem maiores e elevadas. Mas para ter estrutura desse tamanho, é preciso um sistema que facilite retirar e colocar paletes de formas organizada e eficiente.
  10. 10.  Oferta: é a quantidade de um produto ou serviço disponível para compra.  Demanda: é a quantidade de produtos ou serviços que os consumidores estão dispostos a comprar.
  11. 11.  Os custos logísticos dentro das empresas, são identificados nos estoques, inventário, embalagem, fluxo de informações, movimentação, aspectos legais, planejamento operacional, armazenagem e serviço ao cliente, até suprimentos, transportes e planejamento estratégico.
  12. 12.  A maioria dos custos de armazenagem como: aluguel, mão de obra, depreciação de instalações e equipamentos de movimentação - são fixos e indiretos.
  13. 13.  Tanto a distribuição física ou logística refere de um produto, quanto ao próprio canal de distribuição.  A distribuição está ligada à movimentação do produto, enquanto o canal de distribuição é a intermediação do produto. A distribuição compreende as operações de transporte e entrega com o objetivo de suprir os pontos de venda e outros canais, após o processo de produção.
  14. 14. Onde a empresa não usa intermediários pois ela mesmo vende os seus produtos aos consumidores finais.
  15. 15. A empresa utiliza um ou poucos intermediários exclusivos a fim de atender a segmentos específicos no mercado consumidor.
  16. 16.  Coloca o produto no maior numero possível de pontos de venda e é adequado para produtos de alto consumo, de compra freqüente e preços unitários relativamente baixos.
  17. 17.  Essa distribuição a empresa não usa intermediários, pois ela vende seus produtos diretamente aos consumidores. Ou seja, o produtor tem o controle total das atividades até o recebimento dos produtos pelos consumidores finais. É o sistema de venda porta-a-porta e a venda através de catálogo.
  18. 18. São produtos exclusivos para aqueles clientes, onde ele tem o controle e a lealdade daquela atividade. Exemplo: Concessionárias de veículos do tipo autorizada
  19. 19.  É um processo operacional e de controle que permite transferir os produtos desde o ponto de fabricação, até o ponto em que a mercadoria é entregue ao consumidor.
  20. 20.  Atividades de recebimento: O recebimento inclui todas as atividades e aceitam materiais para serem adotados.  Esse processo consiste no recebimento físico do produto ou material passando pela inspeção de qualidade para finalmente ser armazenado em local apropriado. PEPS: primeiro que entra e o primeiro que sai  UEPS: ultimo que entra e o ultimo que sai.
  21. 21.  É a atividade logística mais importante, uma vez que absorve, em média de um a dois terços dos custos logísticos.  Transportes têm vários métodos: rodoviário, ferroviário, aeroviário, hidroviário, etc.  Custo de transporte: varia das características da carga a ser percorrida, velocidade, densidade (peso e volume), fragilidade, valor e outros. 
  22. 22.  Carga completa: é quando você precisa que o caminhão seja exclusivo para sua mercadoria.  Exemplo: Que leve areia de Florianópolis para São Paulo  Carga Fracionada: é quando você precisa levar algo que ocupe apenas uma parte do espaço do caminhão.  Exemplo: Preciso levar um fogão e pode ser com mercadoria de outros clientes
  23. 23.  O manuseio de materiais pode aumentar o risco ou perda do produto. Por se tratarem de atividades extremamente repetitivas, o acumulo de pequenas ineficiências pode gerar grandes deseconomias.  Equipamentos de manuseio: empilhadeiras, tratores e comboios de carretas, transportadores e esteiras, guinchos e pontes rolantes, estantes para acondicionamento e embalagens e estruturas de suporte.
  24. 24.  A embalagem é parte de um sistema logístico total, com a responsabilidade de diminuir o custo de entrega bem como aumentar as vendas.  A proteção é uma função de embalagem valiosa, porque o dano em trânsito pode destruir todo o valor que foi agregado ao produto.  Uma meta importante da embalagem é fornecer a proteção necessária usando materiais de custo efetivo.
  25. 25.  Preparação do pedido: O preenchimento de formulários, a determinação da disponibilidade de estoque.  Recebimento dos pedidos:verificar as informações contidas, tais como: a descrição, a quantidade e o preço dos itens.
  26. 26.  Atendimento dos pedidos: Produção e compra, embalar os itens para embarque, programar as entregas e preparar a documentação para o embarque.  Relatório da situação do pedido: acompanhamento e localização dos pedidos a longo de todo o processo, e a comunicação ao cliente da localização do pedido e a previsão da data da sua entrega.
  27. 27.  Onde você leva a mercadoria para apenas um destino.  A alguns fatores de custo, custo de transporte, custo de armazenagem, custo de movimentação e transferência, custo de manter inventário, custo de administração, custos de serviços de entrega, disponibilidade dos produtos e tempo de entrega.
  28. 28.  São eles: divisão as região a ser atendida em zonas de entrega, sendo cada zona alocada normalmente a um veículo.  Eles vão até o centro da fábrica , pegam a mercadoria estipulada para a distribuir e saem para entrega, em lugares distintos. Como: Sai de Castilho, e passa por Andradina, Ilha Solteira, Dracena, Araçatuba, Birigui e etc...
  29. 29.  Frete é o preço que se paga pelo uso ou pela locação ou meio de transporte, rodoviário, marítimo, ferroviário ou aéreo. Esse preço depende da carga, ou de como é o transporte: caminhão, navio, tem e avião, também do peso e do volume da carga. 
  30. 30.  CIF significa, custo, seguros e frete. No frete, o fornecedor é responsável por todos os custos e riscos com a entrega da mercadoria, incluindo o seguro marítimo e frete. Essa responsabilidade acaba quando a mercadoria chega ao ponto de destino destinado pelo comprador.
  31. 31.  Nesse tipo de frete, o comprador assume todos os riscos e custos com o transporte da mercadoria, assim que ela é colocada a bordo do navio. Por conta e risco do fornecedor fica a obrigação de colocar a mercadoria a bordo, no ponto de embarque designado pelo importador.
  32. 32.  No dimensionamento de frota, vão determinar o numero de veículos para o transporte solicitado. Dimensionar uma frota a partir do percurso que será realizado o peso da carga e as condições da estrada evita conseqüências indesejadas, como maiores custos em função da ociosidade dos veículos ou da subcontratação de terceiros.
  33. 33. OBRIGADO PELA ATENÇAO !

×