Aula 04 arte clássica roma

833 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
833
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
51
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 04 arte clássica roma

  1. 1. Arte e EstéticaAula 4 – Arte Clássica - Roma Prof. Ms. Elizeu N. Silva
  2. 2. Arte Clássica - RomaComunidade agrícola epastoril que se desenvolveVIII a.C., na região doLácio, exposta às influênciasculturais de gregos eetruscos.Fundação da cidadeatribuída, pela mitologiaromana, aos gêmeos Rômuloe Remo. Loba capitolina. Gêmeos Rômulo e Remo foram acrescentados no séc XV.
  3. 3. Arte Clássica - RomaExpansão militar pôs Roma emcontato com as cidades gregas,que cairiam ante o poderio militarromano por volta do séc. II a.C.Até meados do séc. II a.C., Romaconcedia certa autonomia às Lucio Junio Brutus venceu osregiões conquistadas. Desta forma, etruscos e instaurou a República em Roma (séc. IV a.C.)sofreu grande influência da culturae das artes gregas.
  4. 4. Arte Clássica - RomaA Roma dos Césares produziu umtipo de arte imperial, queincorporava as tendências mais Marcus Conceio Venus de Milo.expressivas da época. Prevalecia a Nerva. 96 d.C. 150 – 50 a.C.estatuária.Embora admirassem osgregos, romanos tinhampersonalidade diametralmenteoposta. Eram realistas epráticos, ao contrário dos Marco Aurélio Antonino. 188–217 d.C.gregos, idealistas e analíticos.
  5. 5. Arte Clássica - RomaA arte grega tinha mais admiradores entre os membros daaristocracia romana e estudiosos da cultura.A classe média romana tinha interesse apenasmediano, enquanto a massa mostrava total desinteresse pelaestética grega. Preferiam a arte maisrealista, que se referia aosacontecimentoscontemporâneos e àsconquistas militares deseus exércitos – dos quaistinham grande orgulho.
  6. 6. Arte Clássica - Roma Detalhe Coluna de Trajano. 106 d.C.
  7. 7. Arte Clássica - RomaEstilo naturalista, sóbrio, típico da classemédia, desenvolve-se e conquista condiçãode igualdade com o estilo tipicamentegrego, idealizado, preferido pelaaristocracia.No século III d.C., a cópia de obras de artegregas havia cessado. A pintura passa aocupar cada vez mais espaço, até superara estatuária. Augusto de Prima Porta. 14 – 37 d.C.
  8. 8. Arte Clássica - RomaFinalmente a pintura romana toma o espaço da escultura. Torna-seúltima expressão artística do período Clássico antigo, e primeiraexpressão da arte cristã.Adotada principalmente como decoração de interiores nasresidências.Pintavam imitações de janelas e varandas com cenasexternas, dando ao ambiente amplitude maior que a real.
  9. 9. Arte Clássica - Roma
  10. 10. Arte Clássica - Roma“Em Roma, a pintura é, a um só tempo, noticiário, editorial,anúncio, cartaz, crônica, caricatura política, documentário eteatro filmado”. HAUSER, Arnold.Aplicações:Conquistas militares, litígios nostribunais, oferendas aos deuses,memória de antepassados.Coluna de Trajano: feitosmilitares contados em espiralascendente. Efeito de filme.
  11. 11. Arte Clássica - RomaCultura visual atendia plenamente às populaçõesiletradas, inabilitadas para a abstração, e que tinham narealidade a única fonte de prazer e de conhecimento.Enquanto a arte do Oriente Antigo e da Grécia constitui-se deobras de caráter cerimonial e interpretações da realidade, aarte romana e ocidental consiste principalmente em pinturashistóricas, em representações de cenas transitórias ecotidianas.
  12. 12. BibliografiaBOURBON, Fabio; LIBERATI, Anna Maria. A Roma antiga. Col. GrandesCivilizações do Passado. Barcelona, Ed. Folio, 2005FISCHER, Ernst. A necessidade da arte. Rio de Janeiro, 9ªed., Guanabara Koogan, 2002HAUSER, Arnold. História social da arte e da literatura. SãoPaulo, Martins Fontes, 2000ROSENFIELD, Kathrin H. Estética. Rio de Janeiro, Ed. Jorge Zahar, 2006VENTURI, Lionello. História da crítica de arte. Lisboa, Ed. 70, 2007

×