Ergonomia ginástica laboral

29.080 visualizações

Publicada em

Tudo sobre Ergonomia e Ginástica Laboral

2 comentários
19 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
29.080
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
26
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1.084
Comentários
2
Gostaram
19
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ergonomia ginástica laboral

  1. 1. ERGONOMIA & GINÁSTICA LABORAL Claudio Nogueira Fisioterapeuta
  2. 2. ERGONOMIADefinição: Adaptação do trabalho ao homem Ergo = trabalho nomos = regras (grego)“Ergonomia é o estudo do relacionamento entre o homem e seu trabalho, equipamento e ambiente,e particularmente a aplicação dos conhecimentos de anatomia, fisiologia e psicologia na solução dos problemas surgidos desse relacionamento”(Ergonomics Research Society)
  3. 3. ERGONOMIAHistórico: 1857 – Polonês WojciechJastrzebowski “Ensaios de ergonomia ouciências do trabalho baseado nas leis objetivasda ciência sobre a natureza”1915 - aplicada apenas no setor industrial emilitar.1949 – Criação da Ergonomics ResearchSociety
  4. 4. ERGONOMIANR-17 – 1990 – parâmetros que"permitam a adaptação dascondições de trabalho àscaracterísticas psicofisiológicas dostrabalhadores, de modo aproporcionar um máximo deconforto, segurança e desempenhoeficiente"
  5. 5. ERGONOMIACondições de trabalho:Aspectos Ambientais – ruído, temperatura,luminosidade, vibração, qualidade do ar.Aspectos Técnicos – máquinas, mobiliário,layout.Aspectos Organizacionais – divisão dotrabalho, o número e duração das pausas,trabalhos em turnos, ritmo de trabalho.
  6. 6. D.O.R.T.Doença Ocupacional Relacionada ao TrabalhoLER – Índice de afastamento acima de 10%Degeneração de tecidos – tendões, músculos, ligamentos, mais comum em membros superioresMaior incidência em mulheres na fase profissional produtiva
  7. 7. D.O.R.T.Estágio 1 - Dor e cansaço nos membros superiores durante o turno de trabalho, com melhora nos fins de semana, sem alterações no exame físico e com desempenho normal.Estágio 2 - Dores recorrentes, sensação de cansaço persistente e distúrbio do sono, com incapacidade para o trabalho repetitivo.
  8. 8. D.O.R.T.Estágio 3 - Sensação de dor, fadiga e fraqueza persistentes, mesmo com repouso. Distúrbios do sono e presença de sinais objetivos ao exame físico.Estágio 4 – dor forte e contínua mesmo com o membro imobilizado. Incapacidade profissional e dificuldade nas atividades de vida diária. Invalidez.
  9. 9. D.O.R.T.Causas - Postura inadequada - Uso repetitivo de grupos musculares - Estresse - Mobiliário inadequado - Urgência em executar tarefas - Repouso insuficiente - Dupla jornada de trabalho - Sedentarismo O que podemos fazer?
  10. 10. D.O.R.T.Causas - Postura inadequada - Uso repetitivo de grupos musculares - Estresse - Mobiliário inadequado - Urgência em executar tarefas - Repouso insuficiente - Dupla jornada de trabalho - Sedentarismo O que podemos fazer?
  11. 11. Postura inadequada
  12. 12. Postura adequada
  13. 13. D.O.R.T.Causas - Postura inadequada - Uso repetitivo de grupos musculares - Estresse - Mobiliário inadequado - Urgência em executar tarefas - Repouso insuficiente - Dupla jornada de trabalho - Sedentarismo O que podemos fazer?
  14. 14. GINÁSTICA LABORALHistóricoOrigem – Japão (1928)Promovida pelos correios deste país com o intuito de descontrair e cultivar a saúde entre os carteiros.No Brasil - foi introduzida por executivos nipônicos em 1969, na empresa Ishikawajima do Brasil Estaleiros S.A. localizada no Rio de Janeiro.
  15. 15. GINÁSTICA LABORAL- Melhoria da condição de saúde geral de todos os funcionários- Melhor adaptação ao posto de trabalho- Melhoria na produção (qualitativamente e quantitativamente)- Melhora no clima organizacional- Diminuição de queixas relativas à dor;
  16. 16. GINÁSTICA LABORAL- Diminuição na procura ambulatorial- Diminuição nos acidentes de trabalho- Diminuição no afastamento por D.O.R.T. (LER)- Melhoria do atendimento ao cliente externo.
  17. 17. GINÁSTICA LABORALGinástica preparatóriaRealizada antes da jornada de trabalhoObjetivo: preparar o individuo para o inicio das atividades laboraisAquecer os grupos musculares que serão solicitados nas suas tarefas
  18. 18. GINÁSTICA LABORALGinástica compensatóriaPraticada durante o expedienteObjetivo: aliviar as tensões fortalecer os músculos interromper a repetitividade compensar os esforços evitando a fadiga excessiva e conseqüentes distúrbios.
  19. 19. GINÁSTICA LABORALGinástica de relaxamentoNo final ou após o expediente de trabalhoObjetivo: proporcionar o relaxamento muscular e mental dos trabalhadores.
  20. 20. GINÁSTICA LABORALRecursos: Música, Bola, Bastão, Dinâmicas...
  21. 21. ALONGAMENTOSObjetivosReduzir o risco de lesões de músculos e tendões (tendinites)Ativa a circulaçãoPreparar os músculos para o exercícioFacilitar o relaxamento muscular
  22. 22. ALONGAMENTOSComo realizar:Respirar suavementeMovimentos lentos e suavesRespeite seus limites (sensação de tensão)Manter na posição por 15 a 30 segundos
  23. 23. OBRIGADO claudionogueirafisio@hotmail.com

×