MARKETING 2.0

  Silvio Stafuzza
ESTA É A HISTÓRIA   OBSERVADA


              AOS   OLHOS   DO   MARKETING E DA
                                  COMUNICA...
O MUNDO


INVERTEU-SE? …
NÃO!
Mas está muito
  mudado …
NA FORMA DE SE   EXPRESSAR
NO MODO DE   INTERAGIR
ABORDAGEM
 CONVENCIONAL
AO CONSUMO E AO
   MARKETING
DE   “CONSUMIR”
NÃO PERCAMOS TEMPO AGORA …




                AVANCEMOS RAPIDAMENTE …
ERA UMA VEZ …
CONSUMIDORES?
UM   “CONSUMIDOR”




                                      “PASSIVO”




QUE   “ENCAIXAVA”   A COMUNICAÇÃO …
UMA   “COMUNICAÇÃO”




                      “IMPERATIVA”




 QUE   “SEGUIA” O
        “PRODUTO” …
UM   “MERCADO”
                    COMO UMA   “MASSA”




DE   “MENSAGENS”…    “FUNCIONAIS”
NO DECURSO DO TEMPO …




                        ALGO MUDOU …
O   “CLIENTE”   TOMOU   CONSCIÊNCIA DO
                                SEU PAPEL




DA SUA   “ESCOLHA”…


               ...
DA SUA   “INDIVIDUALIDADE’”…
AS EMPRESAS TÊM   “MEDO”…


 É NECESSÁRIO   “DIALOGAR” (1-2-1)…
                            “CONHECER”…
“SEGMENTAR”


    ...
A   “RELAÇÃO”           TORNA-SE … UM   “MEIO”




    DE APROXIMAÇÃO AO   “O INDIVÍDUO”…



           NO SEU   “CICLO DE...
MAS NO ENTANTO ESTA “RELAÇÃO” …




                     É AINDA   “DESEQUILIBRADA” …
CONSUMIDORES 2.0
AS EMPRESAS SÃO   “INTRUSAS”…
       “COMERCIAIS”…
             NÃO PRECISA DE SER UM
        O CLIENTE

               “T...
IMPREVISÍVEL
NÃO
“SEGMENTÁVEL”
PORQUE   “VIVE”   DE CONTÍNUA   “PAIXÃO” E

         “INTERESSES”




E   NÃO MAIS   DE   “PERFIS”       SÓCIO-DEMOGRÁFICOS…
PORQUE NÃO DESEJAM SÓ   “FAZER”   MAS TAMBÉM

                                            “SER”…
“PARTILHAR”…
            ...
PORQUE NÃO DESEJAM SÓ   “ESCOLHER”      MAS

                        SOBRETUDO

                        “IDENTIFICAR-SE”…
...
COMUNICAR

… POR SI MESMO … E CONTAR A
PRÓPRIA EXPERIÊNCIA DE CONSUMO
OS MERCADOS TORNAM-SE   “CONVERSAS”(WEB 2.0)…



                                    “NETWORK DE
              A SOCIEDADE...
O INDIVÍDUO REDESCOBRE A SUA INDIVIDUALIDADE NO GRUPO … É

“LIVRE RACIONALMENTE”…
            MAS   “ENVOLVIDO EMOTIVAMENTE”…
QUAL É AGORA O NOVO PAPEL
    DA COMUNICAÇÃO?
FROM CUSTOMER TO TRIBE




              A FIDELIZAÇÃO TORNA-SE


           AFECTIVA
A RELAÇÃO NÃO PODE MAIS SER O MEIO MAS A
                         FINALIDADE!!!!


A EMOÇÃO PARTILHADA DEVE SER O
MEIO !!!!
BRAND
EXPERIENCE
A EMPRESA DEVE IDENTIFICAR QUEM
                        ESCUTA
A EMPRESA DEVE IDENTIFICAR O TOUCH
                              POINT
OS   MOMENTOS NÃO OS
              E

              ESTILOS
AS   IDEIAS NÃO PERSUASÃO
          E    A
CRIAR LAÇOS E NÃO
                  MENSAGENS




              COMUNICANDO


AQUILO QUE INTERESSA
AS PESSOAS   NÃO SE INTERESSAM POR
                               NÓS
SÓ LHES INTERESSAM TODAS ASEMOÇÕES QUE
                                EXPERIMENTAM


ECOM QUEM E PARA QUEM AS
EXPERIMENTAM
AQUILO QUE É “INESQUECÍVEL”
          CONTA REALMENTE
PORQUE SE DIFUNDE MAIS
    RAPIDAMENTE
AS TRIBOS SÃO OS VERDADEIROS
MEDIA
“A Estratégia a seguir não è tanto
  estabelecer um vínculo pessoal com os
 consumidores mas sim manter a ligação
entre as...
DEVEMOS ANALISAR MENOS




E ESCUTAR MAIS
NÃO DEVEMOS PERSUADIR




MAS ESTIMULAR AS LIGAÇÕES (WE-NESS)
NÃO DEVEMOS   OFERECER
 MAS   AGRADAR
OLD SCHOOL MARKETING               NEO MARKETING 2.0
é feito pelas pessoas do                        é feito por todos
mar...
CONCRETAMENTE
    COMO??
Concentrando acções promocionais
   dirigidas a grupos/tribos bem
   definidos, desenvolvendo-as a
    360 graus e coorden...
Promover, desenvolver e manter
  uma ligação entre os próprios
    utilizadores, ajudando-os a
     partilhar as suas paix...
Dispor de uma plataforma de e-crm
  evoluída (2.0), que permita gerir a
“lead” e o “prospect” pertencentes à
“community” d...
O NOSSO FUTURO DEPENDE DE
            NÓS

TEMOS 2 POSSIBILIDADES:

 FAZER AS MESMAS COISAS QUE FIZEMOS
 NO ANO PASSADO, S...
OU…

        SEMPLICITY
Polo Tecnológico do Lisboa
   info@semplicity.net

            ☺
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Evento SugarCRM 2008 - Marketing 2.0 – Novas tendências e o E-CRM

1.296 visualizações

Publicada em

Apresentação de Silvio Stafuzza da Semplicity no evento SugarCRM 2008 (www.eventocrm.com)

Publicada em: Negócios
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.296
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
17
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Evento SugarCRM 2008 - Marketing 2.0 – Novas tendências e o E-CRM

  1. 1. MARKETING 2.0 Silvio Stafuzza
  2. 2. ESTA É A HISTÓRIA OBSERVADA AOS OLHOS DO MARKETING E DA COMUNICAÇÃO …
  3. 3. O MUNDO INVERTEU-SE? …
  4. 4. NÃO!
  5. 5. Mas está muito mudado …
  6. 6. NA FORMA DE SE EXPRESSAR
  7. 7. NO MODO DE INTERAGIR
  8. 8. ABORDAGEM CONVENCIONAL AO CONSUMO E AO MARKETING
  9. 9. DE “CONSUMIR”
  10. 10. NÃO PERCAMOS TEMPO AGORA … AVANCEMOS RAPIDAMENTE …
  11. 11. ERA UMA VEZ …
  12. 12. CONSUMIDORES?
  13. 13. UM “CONSUMIDOR” “PASSIVO” QUE “ENCAIXAVA” A COMUNICAÇÃO …
  14. 14. UMA “COMUNICAÇÃO” “IMPERATIVA” QUE “SEGUIA” O “PRODUTO” …
  15. 15. UM “MERCADO” COMO UMA “MASSA” DE “MENSAGENS”… “FUNCIONAIS”
  16. 16. NO DECURSO DO TEMPO … ALGO MUDOU …
  17. 17. O “CLIENTE” TOMOU CONSCIÊNCIA DO SEU PAPEL DA SUA “ESCOLHA”… DO SEU “CONHECIMENTO”…
  18. 18. DA SUA “INDIVIDUALIDADE’”…
  19. 19. AS EMPRESAS TÊM “MEDO”… É NECESSÁRIO “DIALOGAR” (1-2-1)… “CONHECER”… “SEGMENTAR” FIDELIZAR
  20. 20. A “RELAÇÃO” TORNA-SE … UM “MEIO” DE APROXIMAÇÃO AO “O INDIVÍDUO”… NO SEU “CICLO DE VIDA RACIONAL” …
  21. 21. MAS NO ENTANTO ESTA “RELAÇÃO” … É AINDA “DESEQUILIBRADA” …
  22. 22. CONSUMIDORES 2.0
  23. 23. AS EMPRESAS SÃO “INTRUSAS”… “COMERCIAIS”… NÃO PRECISA DE SER UM O CLIENTE “TARGET”… MAS UMA PESSOA … AUTÊNTICA
  24. 24. IMPREVISÍVEL
  25. 25. NÃO “SEGMENTÁVEL”
  26. 26. PORQUE “VIVE” DE CONTÍNUA “PAIXÃO” E “INTERESSES” E NÃO MAIS DE “PERFIS” SÓCIO-DEMOGRÁFICOS…
  27. 27. PORQUE NÃO DESEJAM SÓ “FAZER” MAS TAMBÉM “SER”… “PARTILHAR”… “PERTENCER”… EMOCIONAR-SE
  28. 28. PORQUE NÃO DESEJAM SÓ “ESCOLHER” MAS SOBRETUDO “IDENTIFICAR-SE”… “CONFRONTAR-SE”… “APAIXONAR-SE”… EXPRESSAR-SE
  29. 29. COMUNICAR … POR SI MESMO … E CONTAR A PRÓPRIA EXPERIÊNCIA DE CONSUMO
  30. 30. OS MERCADOS TORNAM-SE “CONVERSAS”(WEB 2.0)… “NETWORK DE A SOCIEDADE TORNA-SE UMA COMUNIDADE’”…
  31. 31. O INDIVÍDUO REDESCOBRE A SUA INDIVIDUALIDADE NO GRUPO … É “LIVRE RACIONALMENTE”… MAS “ENVOLVIDO EMOTIVAMENTE”…
  32. 32. QUAL É AGORA O NOVO PAPEL DA COMUNICAÇÃO?
  33. 33. FROM CUSTOMER TO TRIBE A FIDELIZAÇÃO TORNA-SE AFECTIVA
  34. 34. A RELAÇÃO NÃO PODE MAIS SER O MEIO MAS A FINALIDADE!!!! A EMOÇÃO PARTILHADA DEVE SER O MEIO !!!!
  35. 35. BRAND EXPERIENCE
  36. 36. A EMPRESA DEVE IDENTIFICAR QUEM ESCUTA
  37. 37. A EMPRESA DEVE IDENTIFICAR O TOUCH POINT
  38. 38. OS MOMENTOS NÃO OS E ESTILOS
  39. 39. AS IDEIAS NÃO PERSUASÃO E A
  40. 40. CRIAR LAÇOS E NÃO MENSAGENS COMUNICANDO AQUILO QUE INTERESSA
  41. 41. AS PESSOAS NÃO SE INTERESSAM POR NÓS
  42. 42. SÓ LHES INTERESSAM TODAS ASEMOÇÕES QUE EXPERIMENTAM ECOM QUEM E PARA QUEM AS EXPERIMENTAM
  43. 43. AQUILO QUE É “INESQUECÍVEL” CONTA REALMENTE
  44. 44. PORQUE SE DIFUNDE MAIS RAPIDAMENTE
  45. 45. AS TRIBOS SÃO OS VERDADEIROS MEDIA
  46. 46. “A Estratégia a seguir não è tanto estabelecer um vínculo pessoal com os consumidores mas sim manter a ligação entre as pessoas, ajudando-as a partilhar as suas paixões, criar um valor de ligação com a marca ou o produto, dar resposta à sua necessidade de autenticidade, incidir a atenção aos gestos quotidianos e aos detalhes, celebrar rituais em torno do produto.” (Bernard Cova)
  47. 47. DEVEMOS ANALISAR MENOS E ESCUTAR MAIS
  48. 48. NÃO DEVEMOS PERSUADIR MAS ESTIMULAR AS LIGAÇÕES (WE-NESS)
  49. 49. NÃO DEVEMOS OFERECER MAS AGRADAR
  50. 50. OLD SCHOOL MARKETING NEO MARKETING 2.0 é feito pelas pessoas do é feito por todos marketing e da publicidade as pessoas do marketing têm o os utilizadores têm o poder poder publicitar evangelizar marca controlada pela marca interpretada por clientes companhia mensagem unívoca conversa bi-unívoca conteúdo criado pela empresa conteúdo criado por utilizadores Foco no grupo feedback dos utilizadores foco no branding foco sobre o utilizador dedicado faz com que o cliente acredite você acredita Kathy Sierra
  51. 51. CONCRETAMENTE COMO??
  52. 52. Concentrando acções promocionais dirigidas a grupos/tribos bem definidos, desenvolvendo-as a 360 graus e coordenando-as “ON” e “OFF-line”.
  53. 53. Promover, desenvolver e manter uma ligação entre os próprios utilizadores, ajudando-os a partilhar as suas paixões, interesses e “necessidades”, criando um valor de ligação em torno da marca e do produto.
  54. 54. Dispor de uma plataforma de e-crm evoluída (2.0), que permita gerir a “lead” e o “prospect” pertencentes à “community” de utilizadores “ligados” por interesses e paixões comuns, escutando-os e envolvendo-os. Medir, monitorizar e analisar passo a passo os resultados, para optimizar as acções.
  55. 55. O NOSSO FUTURO DEPENDE DE NÓS TEMOS 2 POSSIBILIDADES: FAZER AS MESMAS COISAS QUE FIZEMOS NO ANO PASSADO, SEM FAZER EXPERIÊNCIAS PENSANDO QUE O FUTURO NÃO CHEGARÁ…
  56. 56. OU… SEMPLICITY Polo Tecnológico do Lisboa info@semplicity.net ☺

×