O Bairro Arco-Íris     e sua evolução:possibilitando experiências           Classe de Aceleração                    2012  ...
A Classe de Aceleração da EMEF Presidente Costa e Silva      organizou um Projeto Interdisciplinar, envolvendo asdisciplin...
Partindo da iniciativa do MAHP e daSMEC, foi realizada uma pesquisa sobre        um prédio antigo do Bairro. Uma das const...
Com a finalidade de conhecer melhor o prédio daFábrica Móveis Barta, foi organizada uma visita ao    local e percebeu-se a...
Prédio da Fábrica Móveis Barta, Viana e Cia Ltda em épocas distintasDécada de 60        Ano 2012
Entrevista com as proprietárias               Senhoras Helga e Erondina       O Sr. Vicente Barta, nascido na antiga Tchec...
Os móveis eram feitos por encomendas e entregues para a região dafronteira, em cidades como Uruguaiana, Santana do Livrame...
O Sr. Vicente Barta desenhava os móveis           que seriam fabricados em sua empresa.      Além de desenhar os móveis, o...
O Sr. Vicente era um homem organizado e preocupado com seus funcionários. Tinha ideias democráticas, utilizando um tratame...
Imagens internas -  Década de 60
Participou de Feiras e, nestas, recebeu visitas de pessoas               importantes da sociedade:                     Mis...
Assim como recebia pessoas distintas da sociedade nas   feiras nas quais participava, em sua fábrica, o mesmo se          ...
A Fábrica de Móveis Barta Viana & Cia Ltda chegou a ter      84 funcionários. Alguns já são falecidos ou             não r...
Os alunos da Classe de Aceleração tiveram a oportunidade de conversar com um dos antigos funcionários, o Sr. DécioDill, qu...
Durante décadas, o prédio abriga três gerações de trabalhoem madeira, que foram se transformando, juntamente com o     sis...
Geração 2 – Os móveis seguem um acabamento requintado, com    bastante detalhes em linhas curvas, mas aos poucos foram se ...
Atualmente, também são produzidas              caixas.
Embora ainda haja mais o que pesquisar sobre o assunto, salienta-se  que este é um dos prédios mais antigos do bairro. Des...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Emef presidente costa e silva

657 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
657
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
36
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Emef presidente costa e silva

  1. 1. O Bairro Arco-Íris e sua evolução:possibilitando experiências Classe de Aceleração 2012 Professoras: Maria Salete Santos Martins Onice Soares de Oliveira EMEF Presidente Costa e Silva
  2. 2. A Classe de Aceleração da EMEF Presidente Costa e Silva organizou um Projeto Interdisciplinar, envolvendo asdisciplinas de Matemática e Arte.
  3. 3. Partindo da iniciativa do MAHP e daSMEC, foi realizada uma pesquisa sobre um prédio antigo do Bairro. Uma das construções mais antigas é a Fábrica Móveis Barta, Viana e Cia Ltda, construída na década de 1960 pelo Sr. Edmundo Tati. Conhecida pela população como “Móveis Barta”, estásituada na Rua João Luiz Malheiros, 115, Bairro Arco Íris, Panambi-RS.
  4. 4. Com a finalidade de conhecer melhor o prédio daFábrica Móveis Barta, foi organizada uma visita ao local e percebeu-se a evolução do Bairro. Saída da Escola
  5. 5. Prédio da Fábrica Móveis Barta, Viana e Cia Ltda em épocas distintasDécada de 60 Ano 2012
  6. 6. Entrevista com as proprietárias Senhoras Helga e Erondina O Sr. Vicente Barta, nascido na antiga Tchecoslováquia, veio ao Brasil após a 2ª Guerra Mundial. A Fábrica Móveis Barta, Viana & Cia Ltda iniciou suasatividades em Panambi, no ano de 1950, sob responsabilidade do proprietário, na Rua Bento Gonçalves, tendo apenas 3 funcionários. Mais tarde, empregava 84 funcionários e funcionava em cinco prédios alugados. Nesta época, o comércio da produção de móveis era bastante visado. Na década de 60, devido aos barulhos e poluição emitidospelas máquinas, a fábrica foi construída afastada do comércio e moradias. Ao construir o prédio, a fábrica tornou-se uma novidade. O Sr. Vicente utilizou tecnologias atualizadas eavançadas para a época, inovando nos setores de marcenaria, pintura e acabamento. Desta forma, uma peça ficava pronta em um dia.
  7. 7. Os móveis eram feitos por encomendas e entregues para a região dafronteira, em cidades como Uruguaiana, Santana do Livramento e Santa Maria, onde havia um escritório para encaminhar as encomendas e a entrega dos móveis.A matéria-prima utilizada na produção dos móveis era “madeira de lei”.Considerada nobre, tinha custo elevado, o que encarecia o produto final e, por isso, esses móveis eram destinados à classe alta da sociedade da época.
  8. 8. O Sr. Vicente Barta desenhava os móveis que seriam fabricados em sua empresa. Além de desenhar os móveis, o Senhor Vicente era um mestre. Ensinava os funcionários como trabalhar com amadeira e passou este ofício para seu filho, Sr. Wenceslau Cezar Barta, que mais tarde assumiu a empresa.Hoje, a terceira geração continua trabalhando com madeira, sob a administração do Sr. Diego Linassi Barta. Década de 60 Ano de 2012
  9. 9. O Sr. Vicente era um homem organizado e preocupado com seus funcionários. Tinha ideias democráticas, utilizando um tratamento instrucional, de âmbito profissional, religioso e educacional.Nos espaços da empresa havia refeitório, salas de aula e catequese, área de lazer e jogos com times de futebol.
  10. 10. Imagens internas - Década de 60
  11. 11. Participou de Feiras e, nestas, recebeu visitas de pessoas importantes da sociedade: Miss Rio Grande do Sul-1964e, ao lado, visita oficial do Exmo. Sr. Presidente da República Gen. Emílio Garrastazu Médici, em 18/08/1971.
  12. 12. Assim como recebia pessoas distintas da sociedade nas feiras nas quais participava, em sua fábrica, o mesmo se repetia.Recepcionista de um stander de sabonetes, Visita Oficial do Exmo. Sr. Gen. Gonçalves em visita ao stander Terra, Comandante do III Exército, de Barta, Viana & Cia Ltda. Guarnição Cruz Alta. Cruz Alta, 18 de Agosto de 1965. Panambi, Maio de 1965.
  13. 13. A Fábrica de Móveis Barta Viana & Cia Ltda chegou a ter 84 funcionários. Alguns já são falecidos ou não residem mais em Panambi.
  14. 14. Os alunos da Classe de Aceleração tiveram a oportunidade de conversar com um dos antigos funcionários, o Sr. DécioDill, que veio até a escola contar sua experiência profissional e mostrar um pouco de seus trabalhos com madeira. Sr. Décio Dill conversando com os alunos.
  15. 15. Durante décadas, o prédio abriga três gerações de trabalhoem madeira, que foram se transformando, juntamente com o sistema econômico, social, cultural e ambiental.Geração 1 –Móveis Estilo Rainha Ana
  16. 16. Geração 2 – Os móveis seguem um acabamento requintado, com bastante detalhes em linhas curvas, mas aos poucos foram se transformando, tendo um acabamento mais liso e com linhas retas.Nesta época, inicia-se, também, a produção de esquadrias em madeira.
  17. 17. Atualmente, também são produzidas caixas.
  18. 18. Embora ainda haja mais o que pesquisar sobre o assunto, salienta-se que este é um dos prédios mais antigos do bairro. Desde que foi construído não foi ampliado, apenas sofreu modificações.Destacamos sua função enquanto local e abrigo das gerações citadas, que direta ou indiretamente tiveram influência no crescimento e desenvolvimento do Bairro Arco-Íris. Abaixo, um dos prêmios recebidos pelo Sr. Wenceslau Cezar Barta e, na sequência, os trabalhos da 3ª geração, coordenado pelo Sr. Diego Linassi Barta.

×