Grécia3 período clássico

2.505 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação, Turismo, Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.505
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
39
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Grécia3 período clássico

  1. 1. PERÍODO CLÁSSICO NO INÍCIO DO SÉC. V A.C., OS IDEAIS DE AUTONOMIA TIVERAM DE SER ROMPIDOS POR CAUSA DA AMEAÇA PERSA. SOB O COMANDO DE ATENAS, ALGUMAS CIDADES SE UNIRAM PARA COMBATER OS EXÉRCITOS PERSAS QUE PRETENDIAM ANEXAR A GRÉCIA AO SEU IMPÉRIO. O PERÍODO DE LUTAS ENTRE GREGOS E PERSAS, CONHECIDO COMO GUERRAS MÉDICAS , FORAM DURANTE OS ANOS DE 492 A 479 a.C. ATENAS SE DESTACOU NA LUTA PELA EXPULSÃO DOS PERSAS E TORNOU-SE A PRINCIPAL POTÊNCIA DAS CIDADES-ESTADO, COMEÇANDO ASSIM A FORMAÇÃO DE DOIS GRUPOS RIVAIS.
  2. 2. GUERRAS MÉDICAS <ul><li>GREGOS X PERSAS (MEDOS) </li></ul><ul><li>MOTIVO : O AVANÇO DO IMPERIALISMO PERSA </li></ul><ul><li>1ª GUERRA MÉDICA : OS GREGOS DERROTAM OS PERSAS NA BATALHA DE MARATONA. </li></ul><ul><li>2ª GUERRA MÉDICA : OS ESPARTANOS SÃO DERROTADOS NA BATALHA DAS TERMÓPILAS, MAS OS GREGOS DERROTAM OS PERSAS NAS BATALHAS DE SALAMINA E PLATÉIA </li></ul><ul><li>3ª GUERRA MÉDICA : CONFEDERAÇÃO DE DELOS, AS PÓLIS CONTRIBUÍRAM COM NAVIOS E DINHEIRO  ESPARTA NÃO PARTICIPOU. </li></ul><ul><li>OS GREGOS DERROTAM DEFINITIVAMENTE OS PERSAS NA BATALHA DE EURIMEDON.TRATADO DE SUSA (PAZ DE CALIAS OU PAZ DE CÍMON): FIM DO CONFLITO. </li></ul><ul><li>CONSEQÜÊNCIA : O IMPERIALISMO ATENIENSE SOBRE AS CIDADES PARTICIPANTES DA CONFEDERAÇÃO DE DELOS (QUE NÃO FOI DISSOLVIDA): BENEFICIOU-SE DAS RIQUEZAS. </li></ul>
  3. 3. GUERRA DO PELOPONESO SOB A LIDERANÇA DE ATENAS, AS ILHAS DO MAR EGEU E AS CIDADES JÔNICAS SE UNIRAM PARA DEFENDER A DEMOCRACIA DOS EUPÁTRIDAS E PROTEGER A GRÉCIA DOS ATAQUES PERSAS. DANDO ORIGEM A LIGA MILITAR QUE SE CARACTERIZAVA COMO UM IMPÉRIO MARÍTIMO. <ul><li>CONFEDERAÇÃO DE DELOS </li></ul><ul><li>LIGA DO PELOPONESO </li></ul>FORMADA PELAS CIDADES DE CORINTO, TEBAS E MÉGARA, SOB A LIDERANÇA DE ESPARTA. DEFENDIA O ESTADO CONTROLADO PELA ARISTOCRACIA MILITAR E QUERIA FORMAR UM IMPÉRIO CONTINENTAL.
  4. 4. GUERRA DO PELOPONESO <ul><li>MOTIVOS: O IMPERIALISMO ATENIENSE E AS DIFERENÇAS POLÍTICAS E CULTURAIS ENTRE ATENAS E ESPARTA </li></ul><ul><li>ATENAS X ESPARTA </li></ul><ul><li>PAZ DE NÍCIAS: TRÉGUA </li></ul><ul><li>BATALHA ÉGOS POTAMOS: VITÓRIA DE ESPARTA </li></ul><ul><li>BATALHA DE LEUTRAS : ESPARTA FOI DERROTADA POR TEBAS </li></ul><ul><li>CONSEQÜÊNCIAS: AS CONSTANTES GUERRAS ENTRE AS PÓLIS E A FALTA DE UNIDADE LEVAM AO DECLÍNIO DA CIVILIZAÇÃO GREGA </li></ul>
  5. 5. DECLÍNIO DA GRÉCIA ATENAS E TEBAS COMEÇARAM A LUTAR ENTRE SI, ACABANDO POR ELIMINAR AS POUCAS FORÇAS QUE HAVIAM SOBRADO DAS ANTIGAS CIDADES-ESTADO, PODEROSAS E INDEPENDENTES. EM 335 a.C. QDO OS EXÉRCITOS DA MACEDÔNIA INVADIRAM TEBAS, AS CIDADES GREGAS NÃO CONSEGUEM RESISTIR PELA SÉRIA DEBILIDADE DAS LUTAS INTERNAS. ALGUNS HISTORIADORES ENTENDEM QUE A GUERRA DO PELOPONESO, FOI UM “SUICÍDIO” DAS CIDADES-ESTADO, JÁ QUE A AMBIÇÃO DE FORMAR UM IMPÉRIO DESTRUIU O FATOR QUE HAVIA FEITO A GRANDEZA DA PÓLIS, QUE ERA O PRINCÍPIO DE AUTONOMIA, O QUAL PERMITIU A CADA POVO SE ORGANIZAR DE ACORDO COM SEUS VALORES.
  6. 6. DECLÍNIO DA GRÉCIA

×