4oferta

368 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
368
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
47
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

4oferta

  1. 1. A OFERTAO Conceito de Oferta Individual Define-se por oferta de um determinado bem a quantidade desse bem que o produtordeseja vender no mercado, por unidade de tempo. Da mesma forma que a demanda, a oferta étambém um fluxo.A quantidade de um determinado bem que o produtor irá ofertar no mercado depende de vários fatores,dentre os quais destacamos:• O Preço do Bem;• O Preço dos Fatores de Produção;• A Tecnologia;• O Preço dos Outros Bens; e. O Clima. Façamos, então, uma breve análise a respeito desses elementos.a) A Oferta e o Preço do Bem (Curto Prazo) Normalmente é de se esperar que quanto mais elevado for o preço de um bem, maiorserá o estímulo ao produtor para aumentar sua produção. Como decorrência, maior deverá sera quantidade oferecida desse bem no mercado. Alternativamente, quanto menor for o preço deum bem, menor deverá ser o estímulo a sua produção e, por decorrência, menor deverá ser aquantidade colocada desse produto no mercado.b) A Oferta e o Preço dos Fatores de Produção A quantidade de um determinado bem que os produtores estão dispostos a oferecer nomercado depende, acima de tudo, de seus custos de produção. Estes, por stia vez, dependemdo preço pago pela utilização dos fatores de produção. Reduções nos preços desses fatores,como por exemplo, reduções nos níveis salariais, nos preços de matérias-primas e nasdespesas de capital reduzem os custos, tornando a produção mais lucrativa. O aumento nalucratividade tem duas conseqüências• estimula as empresas existentes a expandir a produção; e• estimula a entrada de novas empresas no mercado. É de se esperar, portanto, que a oferta da mercadoria que teve seus custos reduzidosaumente.
  2. 2. Alternativamente, elevações nos preços dos fatores de produção acarretam aumentos decustos e diminuições na lucratividade, desestimulando a produção e diminuindo a oferta dobem que teve seus custos aumentados.c) A Oferta e a Tecnologia O estado atual da tecnologia — isto é, o estado de conhecimento a respeito dos diversosmétodos de produção — também relaciona-se diretamente com os custos de produçãoafetando, por decorrência, o nível de oferta. Assim, avanços tecnológicos que permitam obterum volume maior de produção a custos menores aumentarão a lucratividade das empresasprodutoras do bem em cujo processo houve uma evolução tecnológica, estimulando aprodução e aumentando a oferta. Exemplificando, a introdução de uma nova máquina que permita obter um maiorrendimento na produção de calçados permitirá que as empresas aumentem a quantidadedesse produto a ser colocada no mercado. Da mesma forma, a descoberta de um novofertilizante pode aumentar a produtividade na agricultura, aumentando a oferta dos produtosbeneficiados pela inovação tecnológica.d) A Oferta e o Preço dos Outros Bens A oferta de um produto poderá ser afetada pela variação nos preços de produtos quesejam “substitutos” ou “complementares” na produção. No caso de “bens substitutos na produção” podemos considerar aqueles bens quepoderiam ser produzidos com aproximadamente os mesmos recursos. Consideremos, porexemplo, o milho e a soja. Se ocorrer um aumento no preço da soja, tornando essa culturamais lucrativa e atraente que a cultura do milho, agricultores que antes cultivavam milhopoderão se interessar em plantar soja,provocando, então, um deslocamento do plantio de milho para o plantio de soja. Haverá, então,um aumento na área cultivada de soja e uma diminuição da área cultivada de milho. Comodecorrência, deverá haver uma redução na oferta de milho. Reparem que a redução da ofertade milho se dá em função do aumento no preço da soja. Os “bens complementares na produção”, por sua vez, são aqueles que apresentamalteração na produção em função de variações de preço de outro bem. Esse é o caso da carnee do couro. Exemplificando, um aumento no preço da carne poderá provocar um aumento noabate e, por decorrência, um aumento da oferta de couro. Alternativamente, uma diminuição nopreço da carne deverá provocar uma diminuição na oferta de couro.e) A Oferta e o Clima As condições climáticas exercem uma grande influência na oferta de alguns produtos, emparticular dos produtos agrícolas. Exemplificando, urna geada pode fazer com que a oferta decafé sofra uma redução.“Coeteris Paribus” Observando os elementos que determinam a oferta, verificamos que todos variam
  3. 3. simultaneamente, tornando difícil uma análise da influência de cada um deles sobre a oferta. Para contornar esse problema, vamos nos valer novamente da condição “CoeterisParibus”. Permitiremos, então, que o preço de um produto se modifique, fazendo a suposiçãode que o preço dos fatores de produção, a tecnologia, o preço dos outros bens e o clima(quando for o caso) permaneçam inalterados. Assim procedendo, conseguiremos identificar oefeito que mudanças de preço provocam nas quantidades oferecidas de uma determinadamercadoria. Dizemos, então, que a oferta dessa mercadoria depende do seu preço, “CoeterisParibus”. Esse procedimento pode ser estendido a todos os elementos que influenciam aoferta.A Relacão Entre a Quantidade Ofertada e o Preço Enfocaremos, nesta seção, a relação entre a quantidade ofertada e o preço, supondo queos outros fatores que influenciam a oferta — o preço de outros bens, o preço dos fatores deprodução, a tecnologia e o clima — permaneçam constantes (Coeteris Paribus). Em outrapalavras, analisaremos a maneira pela qual alterações de preços afetam a disposição e acapacidade do produtor de ofertar bens.A Escala de Oferta Individual A Escala de Oferta de um produtor individual mostra a quantidade de um determinadobem ou serviço que esse produtor estará disposto a oferecer a diferentes preços possíveis,coeteris paribus (ou seja, com os demais fatores que influenciam a oferta permanecendoconstantes). O Quadro mostra uma escala de oferta hipotética, para um fabricante de camisas. Escala de Oferta de Camisas Preço Quantidade por unidade (camisas que seriam Ponto (R$) ofertadas/mês) 100,00 400 A 80,00 300 B 60,00 200 C 40,00 100 DA escala de oferta deve ser lida da seguinte forma: se o preço for R$40,00/camisa, o produtor estarádisposto a oferecer 100 camisas por mês; se o preço for R$ 60,00/camisa a quantidade que o produtorestará disposto a oferecer será de 200 camisas mensais e assim por diante. Observamos, a partir dessa escala, que a quantidade ofertada aumenta à medida que opreço se eleva. Isso parece adequado se imaginarmos que o produtor, ao conseguir obter umpreço mais alto por sua mercadoria, sentir-se-á estimulado a aumentar a produção desse bem.Além disso, aumentos de produção implicam em despesas adicionais com matérias-primas,energia elétrica, horas extras etc. Tudo isso acaba por elevar o custo de produção fazendo comque o produtor somente aumente a quantidade ofertada se a ele for oferecido um preço maisalto pela mercadoria.

×