Competências Dinâmicas e Gerenciamento Estratégico

645 visualizações

Publicada em

Trabalho da disciplina de Planejamento Estratégico do 10º semestre de Engenharia de Produção da FEI, baseado no livro Dynamic Capabilities and Strategic Management de David J. Teece.

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
645
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
16
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Competências Dinâmicas e Gerenciamento Estratégico

  1. 1. Competências Dinâmicas e Gerenciamento Estratégico David J. Teece Alunas: Ingrid Neumann S. Avelar Maissam A. Moussa Nayara Naomi Número: 11.109.989-1 11.209.177-2 11.108.418-2
  2. 2. Agenda  Parte I  Competências Dinâmicas  Parte II  O Negócio da Empresa no Desenvolvimento Econômico  Parte III  Política de Concorrência
  3. 3. Introdução  O que significa o termo “DINÂMICO” ?  E “COMPETÊNCIA” ? E “COMPETÊNCIAS DINÂMICAS” ?
  4. 4. Competências Dinâmicas  Capacidade de Moldar Oportunidades e Ameaças  Apreender Oportunidades  Manter a Competitividade
  5. 5. A Ideia das Competências Dinâmicas  Performance a longo prazo da Empresa = medição de como o negócio recompensa seu patrimônio  Nível Empresarial Competitivo a longo tempo Orientações para os gerentes evitando Lucro ZERO
  6. 6. A Ideia das Competências Dinâmicas  Fatores de produção  Recursos  Rotinas/Competências Organizacionais  Competências Essenciais  Produtos
  7. 7. Processos, Posições e Caminhos Os processos organizacionais e gerenciais têm três papéis:  coordenação e integração (conceito estático)  aprendizagem (conceito dinâmico)  reconfiguração (conceito transformacional)
  8. 8. Processos, Posições e Caminhos Posições  Ativos tecnológicos  Ativos complementares  Ativos financeiros  Ativos reputacionais  Ativos estruturais  Ativos institucionais  Ativos de mercado estrutural  Fronteiras organizacionais
  9. 9. Processos, Posições e Caminhos Caminhos  Dependências dos caminhos  Oportunidades tecnológicas  Avaliação
  10. 10. Performance de Empresas Multinacionais  Ambiente aberto ao comércio internacional  Mudanças técnicas associadas as necessidades do consumidor  Bom desenvolvimento no mercado global  Ambiente de Negócios caracterizado pelo desenvolvimento dos mercados
  11. 11. Novos Desafios para os Executivos “ O nome do jogo é inovação. Nós trabalhamos duro para tentar transformar a inovação em estratégia e processo ... “ A.J. Lafley, CEO da Proctor & Gamble (P&G) “Inovação é muito mais do que novos produtos. É sobre reinventar novos processos de negócios e construir novos mercados ainda inexplorados pela demanda de consumidores “ Sam Palmisano, CEO da IBM
  12. 12. Oportunidades e Ameaças  Empresários podem ter um acesso diferenciado à informação  Novas informações e conhecimento podem criar oportunidades Para isto, as empresas tem que,constantemente:  Explorar  Pesquisar
  13. 13. Oportunidades e Ameaças  Reconhecer as habilidades Reconhecimento Habilidade Criatividade
  14. 14. Oportunidades e Ameaças Sentir  Consumidores são, às vezes, os primeiros perceberem o potencial de novas tecnologias  Membros visionários de organizações de consumidores são, freqüentemente, capazes de antecipar o potencial de novas tecnologias
  15. 15. Elementos do quadro ecossistêmico para “sentir” o mercado e as oportunidades tecnológicas Processos que direcionam Pesquisa e Desenvolvimento interno e selecionam novas tecnologias Processos para estimular o fornecedor e complementar a inovação Processos para estimular a ciência exógena e a tecnologia Processos para identificar o segmento do mercado alvo, mudanças nas necessidades do consumidor e inovação dos consumidores Sistemas analíticos (e capacidades individuais) para aprender e sentir, filtrar, moldar, e calibrar as oportunidades Figura: Elementos do Ecossistema do Quadro de “Sentir” o Mercado e Oportunidades Tecnológicas Fonte: Teece, David J.. Dynamic Capabilities and Strategic Management. São Paulo, Oxford, 2009.
  16. 16. Entendendo os Problemas Fundamentais Econômicos resolvidos pelo Gerenciamento Orquestrando ativos Selecionando modelos de governança/organizacional e sistemas associados ao incentivo Desenhando os modelos de negócios Nutrindo mudança e inovação nos processos/rotinas Fazendo escolhas nos investimentos Provendo liderança, visão e motivação aos empregados Desenhando e implementando controles e operações básicas
  17. 17. Orquestrando Ativos Chester Barnard Organização Formal + Negócio da Firma = Sistema Coordenado de Atividades de 2 ou mais pessoas  Controle  Supervisão  Administração
  18. 18. Gerenciamento Estratégico  Foco: Escolhas referentes à DIREÇÃO da evolução do negócio da empresa. Gerenciamento Estratégico = Insights Multidisciplinares
  19. 19. Escapando da condição de Lucro Zero  Teoria Econômica da Competição Perfeita  Equilíbrio da Firma Homogeneidade
  20. 20. Competitividade Dinâmica definida  Spice Girls Ganhou por 9 vezes Hit nº 1 ! SUCESSO = Dinâmica da Orquestra das Habilidades Individuais e do Conhecimento da Organização
  21. 21. Relação com a Teoria da Firma Ronald Harry Coase  Teoria da Firma • Importância da firma heterogênea • Noções de Adaptação
  22. 22. Penrose e a Teoria da Competitividade Dinâmica Edith Elura Tilton Penrose  Elementos externos do mercado  Know-how em converter ativos físicos em diferentes finalidades
  23. 23. Penrose e a Teoria da Competitividade Dinâmica  Análise de Penrose Abordagem Racional de Dentro para Fora (inside-out)
  24. 24. O Negócio da Empresa Prosperidade Econômica =  Boa Governança  Boa Organização  Negócios Gerenciados
  25. 25. Gerentes, Empresários, e Literatos no Desenvolvimento da Economia  Inovação  Onde alocar os recursos  Conquistar Oportunidades  Defender-se e Mover-se quando a competitividade se torna INVIÁVEL  Inovação
  26. 26. Teoria de Crescimento Econômico  Marshall  Economias Externas e os distritos industriais Teoria do Crescimento Econômico Performance Empresarial e Desenvolvimento Econômico Falha de Reorganizar a importância do gerenciamento e organização
  27. 27. Competência Estática e Competência Dinâmica  Inovação de novos produtos e processos juntamente com a redução de preços  Produtividade e Bem-Estar do Consumidor  Mudança das Circunstâncias Externas  Geração de Novos Produtos  Novos Processos  Novos Modelos de Negócio
  28. 28. Competência Estática  Competência Estática  Quadro Intelectual  Produtos a preços baixos  Equilíbrio Confortável
  29. 29. Competência Dinâmica  Competência Dinâmica  Inovação  Atividades Competitivas  Rápida resposta à mudança
  30. 30. Competência Estática e Competência Dinâmica  Dinâmica Competitiva  Novo Modelo de Competição  Novos Entrantes  Novos Produtos  Desenvolvimento de Processos Comodismo

×