PopFly

743 visualizações

Publicada em

Trabalho que evid~encia as potencialidades educativas da ferramenta PopFly

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
743
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

PopFly

  1. 1. POPFLY Potencial educativo da ferramenta Tecnologias educativas II Professora Elisabete Cruz
  2. 2. <ul><li>O PopFly é uma ferramenta de software social que permite a conjugação e utilização de forma simplificada de vários recursos. </li></ul><ul><li>No entanto, não consegui encontrar nenhum exemplo da utilização desta ferramenta em contexto social pelo que a explicitação do seu potencial educativo é aqui clarificado com base nos conhecimentos que possuo sobre a ferramenta. </li></ul>
  3. 3. SERVIÇOS DO POPFLY <ul><li>Mashups - misturas de várias tecnologias ou sítios numa nova página. De acordo com a tradição da Web 2.0, os Mashups possibilitam a opção de serem comentados, classificados, compartilhados, “remisturados” e reeditados pela comunidade do PopFly. </li></ul><ul><li>J ogos </li></ul><ul><li>Gadgets </li></ul><ul><li>Web Pages – Estas páginas Web têm a vantagem de não necessitar da utilização da linguagem HTML. </li></ul><ul><li>Aplicações </li></ul>
  4. 4. ESTRATÉGIA DISCURSIVA <ul><li>À semelhança do que acontece nas ferramentas de software social, o PopFly permite uma comunicação e interacção entre os membros da comunidade. É possível comentar, classificar, compartilhar, reeditar e conjugar todos os recursos que cada utilizador disponibiliza </li></ul><ul><li>Desta forma, um aluno pode disponibilizar uma evidencia de uma aprendizagem que adquiriu e, tanto os outros colegas como o professor podem dar o seu contributo para um feedback do trabalho realizado. Muito à semelhança do que se passa no Blogue. </li></ul><ul><li>Existe assim uma troca e partilha de conhecimentos onde mais uma vez cada utilizador pode expor ou procurar conteúdos que vão de encontro aos seus interesses e aprendizagens. </li></ul>
  5. 5. <ul><li>A ferramenta PopFly permite que todos os seus membros possam partilhar conhecimentos e, como tal, todos os membros da comunidade estão envolvidos num processo de ensino – aprendizagem que esta ferramenta potencialize. </li></ul><ul><li>De certa forma, esta ferramenta demonstra uma aprendizagem autónoma e de acordo com os interesses de cada um. </li></ul>
  6. 6. ESTRATÉGIA ADAPTATIVA <ul><li>O Popfly permite uma constante construção e agrupamento de conhecimentos. Por exemplo: na criação de uma página Web um aluno pode sempre melhorar os conteúdos que está a desenvolver quer por pesquisa ou por informação de outros utilizadores. </li></ul><ul><li>Os Mashups são um bom exemplo de como um professor pode reunir de várias formas dinâmicas a matéria sobre um determinado processo de ensino – aprendizagem para depois disponibilizá-las para a sua turma poder aceder a esses materiais. </li></ul><ul><li>Da mesma forma que o professor consegue disponibilizar mais facilmente uma variada informação, também os alunos o podem fazer, pelo que o processo de registo de evolução de aprendizagens é mais evidente. </li></ul>
  7. 7. ESTRATÉGIA INTERACTIVA <ul><li>O aluno vai sempre possuir um papel activo na construção do seu conhecimento, mostrando sempre ao seu ritmo as evidencias de aprendizagens que efectuou, pelo que autonomamente vai gerindo as suas aprendizagens. </li></ul><ul><li>De certa forma vai sendo fornecido um feedback ao aluno tanto pelo professor como por outros elementos da comunidade do PopFly. </li></ul><ul><li>As páginas Web são um meio muito eficaz para os alunos usarem diversas formas de expressão de conteúdos adquiridos: temos as imagens, texto, hiperligações, vídeos… sem ter de utilizar a linguagem HTML. Podem ainda ser utilizados Mahsups, J ogos, Gadgets e várias aplicações. Tudo isto torna mais interactivo o processo de ensino – aprendizagem dos alunos. </li></ul>
  8. 8. ESTRATÉGIA REFLEXIVA <ul><li>Com esta ferramenta, os alunos podem adquirir um sentido critico aquando da percepção e apreciação do trabalho realizado por outros membros. Uma forma de se poder verificar isso está patente num dispositivo que a ferramenta permite de nos considerar-mos fãs de um determinado projecto que esteja bem desenvolvido. </li></ul><ul><li>Aqui pode ficar implícito o desenvolvimento do sentido de auto-reflexão. </li></ul><ul><li>As ideias, percepções e convicções de um aluno ficam sempre aqui patentes e mais uma vez a página Web demonstra bem esta ideia: um aluno pode utilizá-la para demonstrar evidencias das suas aprendizagens e para expor assuntos e temas do seu interesse. </li></ul>
  9. 9. PONTOS FORTES DA FERRAMENTA <ul><li>Fácil acesso </li></ul><ul><li>Interface simples e intuitiva </li></ul><ul><li>Não necessita da utilização de linguagem HTML </li></ul><ul><li>Acesso gratuito </li></ul><ul><li>Possibilidade de numa só ferramenta utilizar diversos recursos </li></ul><ul><li>Todos os utilizadores podem aceder a esta ferramenta sem terem grandes conhecimentos na área das tecnologias. </li></ul>
  10. 10. PONTOS FRACOS DA FERRAMENTA <ul><li>A utilização desta ferramenta pressupõe sempre a instalação prévia do programa SilverLight e a ligação à Internet </li></ul><ul><li>Está em Inglês </li></ul><ul><li>Existem algumas limitações, por exemplo nas páginas Web onde só a linguagem HTML iria colmatar estes entraves. </li></ul>
  11. 11. <ul><li>Trabalho realizado por: </li></ul><ul><li>Diana Lemos </li></ul><ul><li>2º ano </li></ul><ul><li>1º semestre </li></ul>

×