Apresentação tocantins araguaia v4

1.165 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.165
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
8
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
27
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação tocantins araguaia v4

  1. 1. DNIT – Diretoria de Infraestrutura Aquaviária Rio Tocantins - Corredor do Rio Tocantins
  2. 2. DNIT – Diretoria de Infraestrutura Aquaviária Tocantins Araguaia -→ A Região Hidrográfica do Tocantins é palco de um dinâmico processo dedesenvolvimento socioeconômico que deverá se intensificar nas próximasdécadas, em função das demandas nacional e internacional por commodities.→ O modelo de desenvolvimento praticado tem se baseado no desmatamento,uso inadequado do solo, crescimento das cidades sem investimentos emsaneamento, insustentável a longo prazo.→ As potencialidades naturais da região lhe conferem um caráter estratégicopara o desenvolvimento nacional.→ O desenvolvimento socioeconômico da região atual e futuro estãofortemente vinculados ao recurso hídrico e ao seu uso sustentável.
  3. 3. Belém Caracterização Geral - Á R E A 9 18 . 8 2 2 k m 2 ( 11% p a ís ) ImperatrizMarabá P O P U L A Ç Ã O 7 . 18 8 . 5 6 8 ( 4 % p a ís ) D E N S ID A D E D E M O G R Á F IC A 7 , 8 h a b /k m 2 ( B r a s i l 19 , 9 Palmas h a b /k m 2 ) T A X A D E U R B A N IZ A Ç Ã O 7 4 % ( B r a s il, 8 1% ) C ID A D E S B e l é m ( 1, 2 8 m ilh ã o ) Im p e r a t r iz ( 2 3 1 m il) M a r a b á ( 16 8 m i l ) P a lm a s ( 13 7 Dados demográficos, IBGE (2000) Fonte: m i l )
  4. 4. Geologia -Todo o trajeto do Rio é percorrido emterreno rochoso e arenoso
  5. 5. Agropecuária - REBANHO BOVINO 29 milhões de cabeças (14% do País) 2 importantes pólos de pecuária AGRICULTURA Lavoura permanente: 3,62 milhões há (6% das lavouras permanentes do País) Soja > Milho > Arroz Produção Agrícola milhões TFonte: IPEADATA
  6. 6. Recursos Minerais - Província de P a r a g o m in a s Paragominas B a u x i t a (4,5 mi t) e caulim (0,5 mi t) Província de Carajás C a r a j á s F e r r o (71 mi t), manganês (2,5 mi t), níquel, cobre e ouro (ex: Serra Pelada)Exploração de materiais de Província do C e n t r o -N o r t e d e G O Centro-Norte construção Níquel (0,53 mi t), amianto (0,35 de Goiás mi t) e ouro (8,6 mil kg) D ia m a n t íf e r a d o L e s te d e M T d i a m a n t e (produção em declínio) Exploração de materiais de construção Exploração de calcário dispersa na Província região hidrográfica Diamantífera do Leste do MT
  7. 7. Irrigação -Á r e a P o t e n c ia lm e n t eIr r ig á v e l:5,35 milhões de ha ou5,8% da área da região hidrográficaÁrea Irrigada de 124.229 ha, em 2006,representa 2 , 4 % do totalpotencialmente irrigável
  8. 8. Transportes -Eclusa de Tucuruí - R o d o v ia B e lé m - B r a s ília Eclusa de Marabá R o d o v ia B R - 15 8 Eclusa de Serra Quebrada F e r r o v ia CF a rra oávsi a N o r t e -S u l e rj Eclusa de Estreito 19 9 6 - 2 0 0 6 : m o v im e n t a ç ã o d e N a v e g a ç ã4o, 9 mi t c o m e r c ia l de pe nde Eclusa de Lajeado da c o ns truç ã o de e c lu s a s
  9. 9. Divisão por trecho - Distâncias Hidroviárias e profundidades (90 % tempo) Trecho Extensão (km) Profundidade (m) a 90% tempo Belém (PA) – Cametá (PA) 60 5,00 Cametá (PA) – Tucuruí (PA) 190 2,50 Tucuruí (PA) – Itupiranga (PA) 176 5,00 Itupiranga (PA) – Marabá (PA) 92 0,90 Marabá (PA) – Imperatriz (MA) 190 1,50 Imperatriz (MA) – Aguiarnópolis (TO) 120 0,90 Aguiarnópolis (TO) – Miracema do Tocantins (TO) 420 1,00 Miracema do Tocantins (TO) – Peixe (TO) 280 n.d* Total 1.528Fonte: Rede Hidroviária, 1979 (adaptado).n.d*- não disponível.
  10. 10. Geração de Energia - POTENCIAL INSTALADO 11. 8 16 M W (16% país) UHE TUCURUÍ 6 UHE (11.475 MW)+ 2 UHE + 16PCH UHE Tucuruí 8 . 3 6 5 M W UHE Estreito POTENCIAL DE GERAÇÃO Total: 2 3 . 8 2 5 M W UHE LAJEADO Distribuição: 84% Tocantins - 16% Araguaia Potencial do rio Araguaia: reinventário UHE PEIXE-ANGICALUHE SÃO SALVADOR PLANO DECENAL (2007 - 2016) UHE CANA BRAVA 11 empreendimentos (6.986 MW) aUHE SERRA DA MESA construir.
  11. 11. Intervenções - Intervenções - Sinalização Náutica (Foz-Marabá) Dragagem de Manutenção Projeto para DerrocamentoDerrocamento do Pedral do Lourenço (Trecho Marabá Imperatriz) Projeto Eclusa da UHE Serra Quebrada Projeto Eclusa da UHE Marabá Projeto Eclusa de Estreito Projeto Básico para sinalização Náutica (Trecho Marabá – Lajeado) Conclusão da Usina de Lajeado
  12. 12. Barramentos no Rio Tocantins - M = Profundidade em Metros Eclusa de Lajeado Eclusa de Tupiratins Eclusa de Estreito Eclusa de Serra Quebrada >3 M Eclusa de Marabá 1M Eclusas de Tucuruí >4 M >4 M 0,9 M >4 M >4 M 1,5 M >5 M o Imperatriz 5M 2,5 M o Marabáo Belém Requer Fazer derrocamento0 260 480 720 815 1160 1580 1840 Km

×